RuyGoiaba

Chega de intermediários: Didi Mocó no GSI

03.07.20

Comédia só é engraçada se você não vive dentro de uma — ela requer uma certa distância sanitária para que a gente consiga rir. Já escrevi isso por aqui, já citei aquela grande frase do Mel Brooks (“tragédia é quando eu corto meu dedo, comédia é quando você cai num bueiro aberto e morre”) e, ainda assim, volto ao assunto porque estamos no Bananão, o país do eterno retorno da chanchada, sem ministro da Saúde há um mês e meio e, até o minuto em que escrevo — no balanço das horas, tudo pode mudar –, sem titular da Educação.

No caso do MEC, o governo Bolsonaro até que tentou. E a tentativa deu com os burros n’água lindamente, mesmo para quem achava que seria difícil baixar ainda mais a altura do sarrafo depois de Abraham Weintraub (dica: sempre pode piorar). Como TODAS as piadas sobre o currículo de Carlos Alberto Decotelli já foram feitas, vou me concentrar nos goleiros desse 7 a 1: os autoproclamados “órgãos de inteligência”, que em tese deviam checar os antecedentes do ministro e deixaram passar essa capivara. O método da inteligência brasileira para avaliar novos integrantes do governo é “dar um Google”, e nem isso eles fazem direito.

Mas o que esperar de um chefe de Gabinete de Segurança Institucional, como Augusto Heleno, que publica o exame de Covid-19 nas redes junto com os próprios CPF e RG, para todo mundo ver? É muita segurança, amigos da Rede Globo — e muita institucionalidade também. Dá a impressão de que o trabalho é feito pelos Trapalhões fantasiados de agentes da Swat ou pelo que um amigo chama de Mossadis, o serviço secreto do Mussum. Nem o Sargento Pincel, militar bem menos graduado que o General Heleno, faria uma dessas.

O chefe do GSI, aliás, sentiu o golpe. Em 30 de junho, Heleno escreveu o seguinte no Twitter para os “desinformados”: “GSI/Abin examinam, sobre quem vai ocupar cargos no governo, antecedentes criminais, contas irregulares e pendentes, histórico de processos e vedações do controle interno. No caso de ministros, cada um é responsável pelo seu currículo”. Concluo que, se o Marcola do PCC mandar seu currículo para algum ministério e der uma disfarçadinha (se identificando como “Carmola do CPC”, por exemplo”), passa.

Já que Renato Aragão, o eterno Didi Mocó Sonrisal Colesterol Novalgino Mufumbo, acabou de encerrar seu contrato com a Globo, sugiro que ele assuma o GSI no lugar de Heleno. Didi Mocó tem larga experiência em CAFLITOS e, em caso de crise no governo, resolverá tudo da melhor maneira possível: com jatos da espuma de seu extintor de incêndio sobre Bolsonaro e os seus ministros. Se é para fazer palhaçadinha, melhor deixar a coisa na mão dos profissionais.

***

A GOIABICE DA SEMANA

O que você, distinto leitor, cara leitora, faria se encontrasse em seu quintal um cachorrinho aparentemente bem cuidado e de coleira? Se o seu nome for Michelle Bolsonaro, vai se apropriar dele, rebatizar como Augusto e postar um monte de fotos do bicho no Instagram. E, se for Jair, vai promover uma espécie de cerimônia de devolução do cachorro no Planalto — parte da “agenda positiva” do governo, igual à extensão do coronavoucher ou àqueles 20 km de asfalto entre Poropopó-Açu e Deus Me Livre que o ministro Tarcísio adora anunciar.

Se esse governo não consegue checar o currículo nem dos ministros, é natural que também não verifique o dos cachorros. Mas, se o casal presidencial quiser substituir o Augusto (na verdade, Zeus), será facílimo escolher seu novo pet entre os blogueiros governistas. Eles são ótimos em latir e abanar o rabinho.

Reprodução/redes sociaisReprodução/redes sociaisO cão Zeus, que os Bolsonaros rebaixaram de deus grego a imperador romano

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Vc é o único que temo e respeito nessa revista. Bem à Maquiavel com uma dose de Marx (Groucho, é claro...): "Eu não posso dizer que não discordo com você."

  2. Fez-me lembrar de um velho amigo já um pouco caduco, saiu com essa...Água mole em pedra dura, tanto fura até que bate!!!!

    1. Deve ser em homenagem ao Heleno ou ao Aras... Outros dois cachorrinhos que só latem ou dão a pata quando o mandatário do Planalto assovia ou estala os dedos a eles!

  3. A cerimônia de entrega do cão Augusto ou Zeus foi hilária. O mandrião precisa mesmo fazer estas coisitas para ter agenda positiva

  4. Não deixo de ler sua coluna! É a única coisa que me faz sorrir em época de pandemia e desgoverno! Perdi a esperança de ver um país melhor! Vou esperar a próxima para sorrir! Beijos

  5. Tenho 70 anos, e desde que me conheço por gente, só temos desgosto pelos nossos governantes. Para começar, quando criança, o governador do RGS era o Brizola... pode?! De lá para cá só os militares foram honestos. De resto, não tivemos a satisfação de ter um Chefe de Estado honrado neste país... minha vida passou e, pelo andar da carruagem, as novas gerações também não sentirão orgulho pelos seus governantes... É uma pena!!!!

    1. Em compensação o rombo na previdência foi estratosférico, e muito patriotas conseguiram ficar de fora da reforma. O que querem mesmo é continuar fazendo o que sempre fizeram, ou seja nada, e mamando na farta teta de nossos impostos.

    2. Não me queira mal, Alexandre mas, até eu sei que não foram honestos e mataram muita gente inocente. Esses mesmos militares honestos cultivaram a ignorância e o medo dos mais fracos. O resultado estamos colhendo agora e ,lamentavelmente ainda há muitos cidadãos sérios como vc , que acreditam na integridade dos militares políticos.É somente um debate Alexandre, não é crítica aos seus valores.

  6. Voces precisam melhorar o nível. Um comentário ridículo desse, ocupar espaço na CRUSUÉ chega ser hilário. Por favor vamos selecionar melhor essas pessoas.

    1. Se não for trapalhão, esse governo é uma Zorra Total!

  7. Imagina se fizerem uma auditoria nos currículos de Brasília e de grande parte do funcionalismo público, iremos achar coisas absurdas. Vai aí a dica . Acorda república das bananas

  8. Pelos comentários depreciativos e de crítica à Crusoé fica evidente que o núcleo bolsonariano cada vez mais vai ficando restrito ao pessoal que não consegue andar e mascar chiclete ao mesmo tempo.

  9. Crusoé : avalie. Precisamos de informação: fatos e dados ; interpretações e opiniões jocosas devem ser feitas aos do seu círculo de amizade Por isso não renovarei a assinatura

    1. Exatamente, se c se deu ao trabalho de fazer um comentário , Luiz, é porque achou-o , no mínimo, interessante. Eu adoro essa parte da revista. Leveza e atualidade.

    2. É interessante saber que um bolsominion chegou a ler até o fim a revista. Normalmente, eles soltam suas pérolas comentadas somente nos primeiros três artigos. Sua falta de humor não fará falta. Chispa rápido daqui, que essa revista não lhe representa.

  10. Muito bom, adorei o CAFLITO! Gostei da piada dos 20 km de estrada, mas o ministro Tarcisio é um dos poucos que trabalha nesse governo, pelo menos até agora.

    1. E o circo vai de galho em galho, as reportagens estão dando aos assinantes o direito de não se interessarem pelas reais necessidades do País e nossos ; só há interesse em discórdias por cidadãos q se julgam conhecer e saber o q se passa nos bastidores da porca política. Há muito estamos carentes em assuntos de reais melhorias para o “ pagador de impostos”

  11. Péssimo o seu comentário sobre o ministro Tarcísio. Asfalto é importante em qualquer lugar do Brasil; sua máscara preconceituosa finalmente caiu. Lamentável.

  12. Como sempre seu texto provoca boas risadas e mta fúria com tantas bizarrices ! Parece que entramos num túnel dos horrores sem fim. A cada curva um susto! Que uma luzinha se aproxime meu Jesus amado!

  13. Tá meio amargo hoje hein goiaba? Ah! O Didi não tem Sonrisal no sobrenome, seus agentes não conferiram o registro de nascimento, está lá; "Sarizépe" !?

    1. Gil, você deve ter razão, foi a primeira vez que eu vi escrita essa palavra Sonrizep. kkkk

  14. Ah mas nem tudo está perdido. Pelo que sei, ainda existe outro cachorrinho Augusto por lá. Esse até é bem amestrado e sabe morder bem quando instigado pelo dono.

  15. O Decotelli fazia parte de um plano para a reeleição: liberar a "cola" e o "plágio" em todas as escolas públicas para "ganhar" o eleitorado jovem ?!?!!!

  16. Boa, Goiaba. Qualquer criança de cinco anos concluiria que um cachorro bem cuidado como aquele e usando coleira, teria dono. Mas não a primeira dama, coitada. Deve ter achado que o lindo canino teria fugido de um abrigo de cães. É mole? É. E não endurece!

  17. Senhor Ruy Goiaba. Como é bom viver em um País, onde qualquer jornalista ou blogueiro ou qualquer pessoa pode até falar e fazer gracinha com a família do Presidente. O ruim é quando nesse mesmo País das maravilhas p/vocês jornalistas dessa imprensa que não aguenta batida, ocorre prisão de jornalistas/blogueiros que criticaram a sua Suprema das Supremas Cortes e essa mesma imprensa que se diz a melhor, não levanta nem o dedo ou outra coisa para defender a classe. Isto aí é que é feio, acredito.

    1. Ivaldo, será que entendi direito? Vc está defendendo blogueiros custeados com dinheiro público pra fomentar golpe militar em prol de uma ditadura miliciana, é isso?

    2. Pelo que se sabe , em qualquer país democrático, pode o cidadão falar do presidente ou do seu cachorro. Sendo assim qualquer pessoa pode comentar , muitas vezes falando besteira e ser respeitada. Como no caso em questão.

    3. Aí, Goiaba, com esse comentário do Ivaldo, passaste vergonha no débito e no crédito!! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  18. Poropopó-Açu é sensacional! O Moro tinha me deixado em dúvida entre Nogales/EUA e Nogales/México, mas já decidi: Poropopó-Açu é o meu destino.

  19. Para quem deixou passar 40 kgs de cocaína no avião presidencial, apreendidos na Espanha, checar currículo demonstra que esse Augusto Heleno nem Lattes.

  20. Já abriguei cachorros de raça perdidos e a 1a coisa que fiz foi procurar por seus donos. Duas cadelas lindas da raça labrador, mãe e filha, um lhasa apso lindo, e outros, todos devolvidos aos seus donos. Só dos vira-latas não apareceram os donos.

  21. Ainda na dúvida se me alegro com a cultura, o humor e o senso de oportunidade do Ruy, ou se choro rios de amargura ao constatar que 35 anos desde a redemocratização, tivemos de passar por Sarney e seus filhos pendurados em negócios e negociatas, Collor e PC Farias, Itamar e a Sapucaí, FHC e suas jornalistas de cama e mesa, Lula-Dilmanta, Temer e seu amigo Joesley, e agora a famiglia Bozo e seus cachorrinhos vadios da blogosfera.... como sempre, a coluna dispensa comentários, bastam os aplausos 👏

    1. Parabéns!!!! Com tanta tristeza sobre a “COVIDIS “, foi maravilhoso o texto 👏

    2. É uma homenagem aos dois cãezinhos de guarda do governo, Heleno e Aras.

    3. Minha única dúvida: considerando a envergadura intelectual da primeira-famiglia, tenho dúvidas se o nome “Augusto” dado ao cão realmente se referia ao célebre antecedente romano... Para mim, esse nome foi escolhido por um nem tão inconsciente assim ato falho, o de dar ao dócil animal de companhia o mesmo prenome de um certo chefete da PGR que se esmera no esforço de montar guarda diante de todos quantos possam ameaçar a tranquilidade do lar palaciano...

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO