A saída de Gilmar

01.02.19

O ministro Gilmar Mendes deixou a sociedade do IDP em São Paulo. Ele seguirá, porém, como colaborador acadêmico da faculdade, que em breve mudará de nome na capital paulista: passará a ser Escola de Direito do Brasil. Na matriz, em Brasília, Gilmar ainda figura como sócio, ao lado do filho, Francisco. E o nome IDP, ao menos por ora, será mantido.

Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilFabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilGilmar em evento do IDP: ele deixou a sociedade em São Paulo

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Com o dinheiro da venda, ele vai fazer uma lipo-aspiração nos beiços. Aos amigos mais chegados, confessou que o touro lá da sua fazenda já confundiu ele com uma vaca no cio. E não foi bom.

  2. Creio que ele deverá tentar se desassociar de todos os seus negócios pessoais, pelo menos oficialmente. O nome "Gilmar Mendes" hoje é a maior propaganda negativa que qualquer negócio pode ter...

  3. Vamos impitimar Gilmar e demais ministros do STF (concurso para os substitutos). Outra opção: fim da PEC da Bengala, obrigando quem tem 70 anos a se aposentar...muitos sairão!!!!!!! Agora, com a eleição de (arg!!!) Rodrigo Maia para presidente da Câmara e de outro membro do DEM, aliado de Onix Lorenzoni, à presidência do senado, TALVEZ o fim da PEC da bengala seja possível.

  4. Pena..podia ter sido do STF ou será que essa saída tem haver com a operação contra escritórios de filhos, mulheres, ex mulheres , sobrinhos, tios, tataravós de ministros dos tribunais superiores...a casta e o estamento judiciário

  5. Fies e Prouni utilizam dinheiro público para sustentar entidades privadas???Quem fica com a inadimplência? Não seria melhor fortalecer o ensino público com mais vagas , com estruturas mais robustas?? Talvez o Instituto de Gilmar Mendes possa esclarecer como funciona. Não tenho mais filho em idade escolar estou por fora.

  6. muitos contratos deixarão de existir com a saida dos Petralhas do poder, é o caso do IDP, a fonte secou Sr. gilmar mendes, quanto de dinheiro Publico sua empresa levou, quantas vidas foram ceifadas em virtude destes contratos obscuros.......IMPEACHMENT JÁ PARA O GILMAR......

  7. Está vendo que as coisas estão mudando, que o Brasil acordou para as falcatruas nos três poderes, está dando um jeitinho. Quem tem cú tem medo.

  8. Agora com o novo Senado e novo Presidente não está na hora de desengavetar os pedidos de impeachments contra os canalhas de toga?

    1. Bem lembrado. Políticos foram enquadrados. Esses ainda se consideram sem-limites, intocáveis, hora de igualar a todos.

    1. Concordo plenamente. Será meu sonho realizado quando isso acontecer.

  9. Espero em breve, bem breve, a Lava Toga nesse país. Vai ser muita lama no ventilador. A sociedade pede urgência para moralizar esse setor, que já passou dos limites.

  10. Esse é o maior representante da canalhice que assola a estrutura de poder no Brasil. Como pode um Juiz de Supremo Tribunal ser um empresário capitalista do ramo do direito? Como pode TODOS os juízes do STF a todo instante viajarem para o exterior, para seminários, congressos etc.? Canalhice maior não há. E toda a sociedade é refém dessa gente...

  11. Não gostei do título que induz ao engano. Está parecendo com uma chamada jornalística de muitas décadas atrás que dizia - primeira página - "VIOLADA NO PALCO". Era somente um briga entre tocadores de viola. Mas vendeu muito jornal. Vergonha, não?

    1. Manchete falsa, pensávamos que fosse saída do argentino, que pena Isso é velho jornalismo.

    2. novo Antagonista ainda não conseguiu alcancar a qualidade anterior... infelizmente...

    3. ela tem razão. Pensei que Gilmar estava deixando o STF

    1. Só um disfarce para evitar críticas. Sonho com o dia que apareça homens de coragem e honestos que promovam a limpeza do STF. Esses bandidos perpetuam a corrupção no Brasil.

  12. Ora, ora. Pelo título, pensei que o beiçudo estava saindo do STF. Mas só acreditaria depois da publicação no D.O. Certamente que este rato está se protegendo de uma futura operação lava-toga. Logo, logo o mesadinha Tófolli vai estar dispensando a ajuda financeira da sócia-esposa. Os ratos sentem o cheiro do perigo...

    1. Eu também não.Ja tentei de todo modo: desinstalei e instalei o aplicativo, tentei atualizar e nada

    1. Fiquei feliz com a chamada...murchei. Tem que sair do STF.

  13. Ah! Pensei que ele ia sair do STF, cumprindo a promessa que fez na hipótese de vitória do Bolsonaro. Só que não. As promessas do Gilmar fazem o mesmo caminho que as do Ciro (que afirmou que deixaria a política em caso de vitória do Bolsonaro): a lata do lixo. Prometem e nunca cumprem, para tristeza dos brasileiros.

    1. É verdade, manchete sensacionalista. Não era isso que eu esperava desse jornal. Eu pensando que era verdade que o ministro Gilmar Mendes estava saindo do Supremo Tribunal Federal... Decepcionada

    1. O problema é da nossa Constituição. Nunca devia permitir que Presidentes podessem nomear ministros da Suprema Corte que não fossem pelo menos Juízes concursados de carreira. Juntou-se tudo ruim. Presidentes semi alfabetizados e ministros meros advogados sem experiência Juridica Humana, para praticamente terem poderes de Vida e Mirte sobre uma Nação. Aí está o drama de um Povo criado por políticos imcompetentes do passado. Os atuais obviamente nada querem mudar, porque é excelente para eles.

    2. Os problemas começaram a acontecer quando Presidentes sem o devido estofo moral começaram a nomear ministros para a Suprema Corte por interesse político partidário, sem atentar para o real conhecimento jurídico do nomeado e seu patrimonio moral. Podem dizer mil benesses da nossa Constituição, mas dada sua implantação em época bem moderna, nunca devia permitir esssas horrendas e exdruxulas virtudes de poder dar poderes a incompetentes e semi alfabetizados.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO