MarioSabino

O vírus mais perigoso que o da Covid-19

17.04.20

A política brasileira é vírus mais perigoso que o da Covid-19.

No último dia 13, escrevi o seguinte em O Antagonista:

Vamos arriscar a hipótese de que, como todo político esperto, Luiz Henrique Mandetta age com cálculo — e o cálculo seria tirar todo o proveito possível da fritura da qual é alvo e continuará sendo, enquanto ele estiver ministro da Saúde, como Jair Bolsonaro faz questão de mostrar dia sim, outro também.

A melhor maneira de fazê-lo seria forçar ainda mais a sua própria demissão, não só falando as coisas certas em coletivas e portarias, como tornando cada vez mais pública a sua contraposição a um presidente perdido no extraordinário mundo da cloroquina como panaceia. Desse modo, mesmo com demissão voluntária, Mandetta não seria visto como o médico que abandona o paciente. A decisão de dar entrevista ao Fantástico, por exemplo: não haveria motivo para falar ao “inimigo” de Jair Bolsonaro, se Mandetta quisesse tanto conservar o cargo, como afirma.

Aproveitar ao máximo a exposição de que usufrui neste momento no qual a curva de casos de Covid-19 ainda não empenou, e sair antes que ela venha a empenar, com a conta das vítimas recaindo sobre as suas costas, eis uma jogada que poderia lhe render ótimos frutos nas próximas eleições. Mandetta já teria tudo a ganhar, inclusive porque poderia liderar as vozes que se opõem a Bolsonaro durante esta crise. Restaria saber se tudo foi combinado com os seus parceiros de DEM.

É só uma hipótese, claro.

Usei a palavra “hipótese” ironicamente. Já havia ficado explícita em horário nobre a intenção de Mandetta de aproveitar-se politicamente da sua fritura, como ficou ainda mais claro na coletiva deste dia 15, quando disse estar “do lado do SUS, da vida e da ciência”; na entrevista que deu à Veja logo depois, ao dizer que “isso cansa!”; e em todas as notinhas que foram plantadas a seu favor na imprensa. Ao longo da semana, Mandetta jogou o óleo quente da sua fritura na frigideira do seu fritador, Jair Bolsonaro, enquanto o presidente procurava um substituto para o pior emprego do Brasil neste momento.

A pandemia proporcionou a Mandetta ganhar notoriedade, enquanto o seu ministério tropeçava nas subnotificações, nas falsas promessas e na carência de estrutura que não pode ser colocada inteiramente na conta de qualquer titular da pasta recente. Compreende-se: ao fim e ao cabo, palavras sensatas são o artigo raro que supre psicologicamente a ausência de máscaras, leitos, respiradores e indumentárias protetoras para médicos e enfermeiros. A saída do sensato, como eu já disse, também evitará que as mortes futuras causadas pela peste recaiam sobre as suas costas. Bolsonaro pode ter arrumado um oponente e tanto em 2022, se Mandetta conseguir manter-se na superfície do noticiário. Ao invés de enfraquecê-lo, Bolsonaro o vitaminou. Ou seja, deu com a frigideira na própria cabeça. Quem sabe o novo ministro, o oncologista Nelson Teich, consiga fazer um curativo.

Para completar o quadro, Mandetta roubou de João Doria o papel de antípoda a Jair Bolsonaro — papel meticulosamente construído pelo governador paulista, com o inestimável auxílio do presidente. Por isso, talvez não seja boa ideia convidá-lo para ocupar um cargo em São Paulo, durante a pandemia. Seria dar-lhe excessiva visibilidade. De qualquer forma, não se deve subestimar a capacidade do Doria de realizar fagocitoses políticas. Ele engoliu quase que totalmente o PSDB (tucanos mineiros ainda resistem), e uma dobradinha com Mandetta como vice não seria desprezível em 2022. Só precisaria combinar com o DEM, aquele partido que o condenado Lula quis extirpar, mas não conseguiu — e que se viu fortalecido no governo Bolsonaro, pelas mãos de Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, os dois colossos que comandam o Legislativo. O DEM já parece focadíssimo em trabalhar eleitoralmente o correligionário enxotado do Ministério da Saúde. Para concretizar os seu planos ambiciosos, Mandetta não quer comprar briga pessoal e eterna com os eleitores de Bolsonaro, o que só realça a sua ambição. Bancará o oponente construtivo, ao menos por enquanto. Foi o que reafirmou na sua coletiva de despedida. Eu não me surpreenderia se Mandetta continuasse a usar o colete que passou a compor a sua imagem de ministro, para dar entrevistas fora do cargo. É um político sem fronteiras. Vai virar o Senhor SUS.

Não tenho a pretensão de achar que a minha leitura da situação esteja inteiramente certa ou que alguma previsão nela embutida se confirme. Faço parte daquela turma de escrevinhadores dos primeiros esboços grosseiros da história — os jornalistas. Mas tenho uma certeza: nenhum político nativo tem a prioridade absoluta de salvar vidas, inclusive porque o nosso limite para óbitos é largo o suficiente para abrigar um monte de corpos. Bolsonaro acha que a economia precisa movimentar-se o quanto antes, mesmo que ao preço de milhares de mortes a mais, para não liquidar a chance da sua reeleição; João Doria hesita em decretar o confinamento em São Paulo, cuja metade da população permanece nas ruas, porque teme perder a popularidade recém-conquistada com as suas coletivas asseadas e não quer obstáculos no bom trânsito entre os empresários que são contra medidas mais duras de isolamento social; Mandetta conseguirá fixar-se melhor na memória dos eleitores se o novo ministro for inepto no trato com a pandemia, embora diga que não, muito pelo contrário, estou aqui para colaborar e coisa e tal.

Se os políticos nativos tivessem a prioridade absoluta de salvar vidas, estariam todos articulados desde o início para dar conta da emergência médica, criar um horizonte de saída deste pesadelo de quarentena e planejar a retomada da economia. Se há um mês o tivessem feito, não teríamos perdido o mês que passou e teríamos ganhado o mês que virá. Milhares de cidadãos seriam poupados de perder o seu bem mais precioso, a própria existência, e a economia sofreria menos danos, alinhando-se também com a volta à normalidade que se desenha nos países desenvolvidos dos quais dependemos comercialmente. Mas, repetindo, o vírus da política brasileira é mais perigoso que o da Covid-19. Depois da politização do crime, assiste-se à politização da patogenia.

Desejo boa sorte ao ministro Nelson Teich e espero sinceramente que a doença tenha um comportamento diferente no Brasil do que na Europa e nos Estados Unidos.

Vou esquentar o meu macarrão de três dias atrás.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Gostei de sua coluna dessa edição, Sabino. Você tem razão quando fala que o vírus da política brasileira é mais perigoso do que o Covid-19. Não entendo como Rodrigo Maia pode dar as cartas com tanta tranquilidade, sem grandes críticas da imprensa. Como temos memória curta!

  2. Mário, sabe qual vírus é ainda mais perigoso que o da política e o próprio SARS-Covid19 ? A resposta é fácil. É o VÍRUS DA BURRICE. Peço a você que entre no site do Portal da Transparência e veja com seus próprios olhos. Só quem é muito BURRO não vai ver que no período entre 01/01 até 22/04 , MORREU MUITO MAIS GENTE em 2019 do que em 2020. https://transparencia.registrocivil.org.br/especial-covid?fbclid=IwAR2573O7l-fe4kcTcISU09MnCu7KvUjAtBDlCbLP8nx_aQr3cJNoo1NoOrk

  3. Tudo jogo de cena para muita farra com dinheiro público e gastos sem licitação. Já tem leitos sobrando em SP- querem internar 'para observacao' sintomas leves só para ocupa-los. Vejam o q diz o epidemologista Anthony Wong - credencial impecável - e que conhece o mínimo de estatística.Crusoé deveria ouvi-lo ou ao menos cita-lo.

  4. Dória acabou em SP, além de traíra, fama conquistada na eleição, agora detonou parte do empresariado que lhe apoiou. A sinalização ao PT/Lula, foi o inicio do fim... .

  5. Há certas epidemias que são mau conhecidas. O COVID-19, principalmente no Brasil, é uma delas. Pior que o VID-19 É A POLITICA BRASILEIRA. Nesta linha de pensamento incluo o noticiário falado ou escrito. Dependendo do interlocutor, nunca se sabe se tudo é verdades o mentiras. Todo mundo quer plateia.

  6. Depois de inaugurar o "espaço democrático" permitindo comentários dos assinantes, CRUSOÉ aderiu à ditadura norte-coreana, e fomos condenados ao silêncio. Por enquanto, comentários só aqui. Podemos saber por que foram vedados os comentários nas notícias diárias? Alguém sabe explicar ou têm uma opinião a respeito?

    1. Catilinário, tenho visto seus comentários, discordo da maioria deles, mas você difere de tipos como Jose (sem acento), Palhaço Bozo, Belle Zebu, etc. Sou contra pseudônimos Acho que todos tem que se identificar com o nome legal. Mudando de assunto, peço que dê uma olhada no site do Portal da Transparência. Verá que de 01/01 e 23/04, morreu mais gente em 2019 que em 2020. https://transparencia.registrocivil.org.br/especial-covid?fbclid=IwAR1-6cxuya0qEWPZy2ow6h2JGfYl31XMxNe3QdPUAQAy3_wYRN0xF6dBAhU

    2. Alberto. Pelo visto a CRUSOÉ aderiu ao sistema de explicações e desmentidos da imprensa mainstream. E, como falou nosso colega abaixo, se o pessoal de TI é tão incompetente para resolver este problema, deveria ser sumariamente demitido... e colocado em quarentena. Tenho feito poucos comentários ultimamente, por motivos vários, mas sobretudo pela mesmice do noticiário, que obriga a mesmice nos comentários. Mas sempre acompanho os comentários e, vez por outra, faço algum.

    3. Protestei quanto a isso e a Crusoé me enviou um email dizendo que o probela é técnico e que estão tentando resolver. Como já faz alguns dias e até agora nada, sugiro que a Crusoé coloque no olho da rua todo o pessoal de TI que lhe dá suporte e contrate gente que realmente entenda do riscado.

    4. Não querem dar direito de nós expressarmos contra alguma baboseira que escrevem.

  7. Bem objetivo e claro esse texto. A política é bem pior do que o vírus. Fato. Já havia deduzido isso. Achei interessante ver assim tão bem colocado.

  8. Meu DEUS! Para o articulista, aqui na Terra tem 02 colossos! A saber, os presidentes da Assembleia e do Senado... olha que detalhe interessante.

    1. C.A.R., parece que lhe falta perspicácia para entender a ironia.

  9. Seu sócio de isento nada tem. Superficial e oportunista: deu início ao fim do negócio de vocês! Credibilidade absurdamente abalada nesse veículo de informação!

  10. Tudo muito claro, por isso saiu cantando, sem preocupação nenhuma com prevenção. Eu só acho que esses políticos subestimam demais o povo brasileiro, claro que este povo já deu milhões de motivos para tal, mas tudo um dia muda. Quem sabe não estamos chegando neste dia, só quem sabe...

    1. O que tem ver uma coisa com outra? Na Itália no auge da pandemia os confinados estavam cantando em suas varandas.Ele estava cantando com os funcionários , retribuindo o apoio funcionários, será que você esqueceu que JB queria (ou fez) festinha de aniversário assim que foi recomendado isolamento social? Não percebeu que o presidente só muito tardiamente externou solidariedade aos familiares das vítimas da pandemia? Claro que isso você não percebeu, né?

  11. E tem idiota que sai de casa pra eleger um bandido. Nesse pais só temos 2 classes de políticos. Os bandidos e os herdeiros de bandidos que se tornaram maiores que os pais bandidos. Há esqueci, tem os juízes do STF, STJ, STE, também eleitos pelos bandidos. Só com um AI5 - prende - tortura e mata. Mais por favor em. Dessa vez mata mesmo.

    1. Você se esqueceu de outra classe de idiota, aquele psicopata que entra no site de uma revista para escrever asneiras do tipo das que você escreve.

  12. Em que dia e mês começou oficialmente o Isolamento Social em São Paulo e no Brasil? Pensava ser dia 18 de Março, mas as escolas públicas da cidade foram fechadas em 24 de Março. Para mim, Março era muito cedo para se fechar o país inteiro.

  13. Bolsonaro raciocina como militar que tem que enviar soldados à guerra e faz cálculos de qual seria o número de baixas aceitável. Simples assim.

  14. Muito bem colocado. O cadáver mais podre que estamos vendo nesta pandemia é o dos políticos. Pena que a sociedade brasileira parece que está quase que 100% infectada e parece padecer de um dos sintomas do corona vírus que é a dificuldade de sentir o cheiro da podridão e continua a acreditar nesses falsos brasileiros. Abs

  15. Era tudo marketing. Dória, 'o novo, na política', revelou-se um completo engodo, quer pelas frases demagógicas, típicas da velha política, quer pela decisão de afoitamente parar o principal motor de riqueza do país. O 'sagaz empresário' já assegurou lugar na história como o mais incompetente político a ocupar o Palácio dos Bandeirantes.

  16. Conta a história, que o ministro Lee Yew fez de Cingapura um dos países mais prósperos da Ásia. Como? Acabando com a corrupção e com o tráfico de drogas. Mandou muita gente pra cadeia e para o fuzilamento. Com isso salvou direta e indiretamente milhares de vidas. Não resta dúvida que uma solução nos moldes de Cingapura, sem fuzilamentos, teria que ser adotada no Brasil. Como? Com o fechamento de um congresso espúrio e de um stf cuja principal tarefa é a de proteger as ratazanas. Intervenção, JÁ!

  17. Mais um comentário feito por aqui, já que não é possível fazer pelas Ültimas do Diário. A incompetência do pessoal do departamento de TI da Crusoé, é um espanto! Marco Aurélio Mello, outro integrante da pocilga. Um verme da mesma estirpe do Gilmar. Retrocesso é o Brasil ter um calhorda como você ocupando o cargo que não merece.

  18. Excelente artigo! Lucidez faltante ao nosso presidente e ao parlamento que deveriam estar unidos nessa luta. Todos sairiam ganhando. Torcendo para que novo Ministro faça o que Mandetta não conseguiu fazer, criar estratégias de sobrevivência a esta crise neste país tão peculiar.

  19. Alguns, (se não fosse o analfabetismo funcional) teríamos mais brasileiros a perceber que a covid 20 política é mais perniciosa que a covid 19.

  20. Sua voz chega mais longe que a minha não é ilusoria mas tem que virar realidade com sintomas gripal deve ser iniciado a hidrocloroquina+azitromicina+ zinco no segundo dia sintomatico a todos principalmente aos grupos de risco Esta medicação tem que estar acessivel na atenção primária. Se governadores e prefeitos continuarem a boicotar, então médicos têm autorização da anvisa de prescreverem e as forças armadas distribuirem a medicacao. Tb que o grupo de risco não imunizado receba o oseltamivir

  21. Vc me desculpe, mas competência passou longe desse ex ministro. O vírus surgiu na China em Setembro do ano passado, o cara não se programou, não preparou equipes, subestimou a letalidade, a falta de leitos e equipamentos, e vc ainda vem dizer que esse incompetente sai forte do ministério. Me poupe.

  22. Excelente análise. Se Bolsonaro tivesse a envergadura para ser Presidente e fosse um lider minimamente apto usaria o momento para aprovar importantes reformas engavetadas para o Brasil , como a tributária por exemplo . Bolsonaro tornou transparente seu principal propósito: o de se perpetuar no poder, como político fisiologista que é . A nova era que se iniciará pos vírus não permitirá isto , nem para Bolsonaro é muito menos para políticos que não entenderam que ocupam seus cargos temporarios

  23. Mandretta não saiu pra nenhum cargo eletivo em 2018 por que? tinha uma capivara dormindo na porta. Até 2022 a capivara terá engordado muito

  24. Prezado Jornalista, Já havia opinado, no início da crise covid nacional- já com os impropérios anti-evolução humana e os atos indecorosos do “mito” (impropérios e falta de decoro é marca dos mitos e seguidores), que o Mandetta é Craque(!). “Raposa peluda”, aprendida de parentes que navegam desde a revolução getulista (e ai está o problema do país: faltam líderes, atualmente, porque ou são de árvores genealógicas da era Getúlio Vargas, ou são fisiologistas natos ou componentes da mídia cibernéti

    1. Luciano HULK ainda não chegou. O Huck parece que tem programa na Globo.

    2. ...-porque corretamente (é minha opinião) e charmosamente conquistada, via Rede Globo)- chamou o rompimento do namoro impossível. Agora , dizem, pode até ser Presidente da República! O Luciano Hulk não está pintando? Bem feito para nós que almejamos pouco e temos essa mídia Getulista.

    3. ...-porque corretamente (é minha opinião) e charmosamente conquistada, via Rede Globo)- chamou o rompimento do namoro impossível. Agora , dizem, pode até ser Presidente da República! O Luciano Hulk não está pintando? Bem feito para nós que almejamos pouco e temos essa mídia Getulista.

    4. ca televisiva, radiodifusiva, de jornais, filhotes também criados pelo dinheiro público. Estes últimos, desde a implantação da Imprensa nacional e engordados, também, a partir da pela era Vargas. O ex-Ministro, na crise bolsonariana do covid, tentou equilibrar-se com as raivosidades e ciúmes do Presidente (fazendo cara de paisagem e tentando a política de nem tanto céu, nem tanto infermo). Raposa do DEM, verificou que é melhor ficar no céu e provocou, com a opinião pública francamente a seu lado

  25. Mandetta, pau mandado da Globo. onde estava quando o carnaval corria solto no país e a desgraça chinesa já matava pessoas na China e na Itália. Por que não alertou o povo sobre o risco? A Globo tinha grande interesses financeiros com a manutenção do Carnaval. e os governadores traidores do Rio e São Paulo ? que fizeram? Não sabiam que haviam mortes em razão dessa desgraça?

  26. Mandetta for President????????? Comer macarrão o dia depois - saltati al burro - são excelentes ! Depois de tres dias ¨il burro ¨faz estragos nos neuronios ! Por isso que as vezes um escreve barbaridades como a que postou!

    1. Bolognese, Giuseppe, tem alguma proteína para o cérebro.

  27. Menos Sabino. Mandetta sai deixando como última imagem aquela dele sem máscara abraçando e beijando todo mundo e cantando com a moçada toda desprotegida e pertinho um do outro. Faça o que eu digo e não o que faço. Não é a melhor imagem para um político tão seennnsssatto.

  28. Ele só se esqueceu que martelou diariamente que o resultado de hoje é consequência das ações tomadas um mês antes. Além disso depois de insistir durante quase dois meses que deveria haver isolamento total, termina a última coletiva abraçando, sem máscara, várias pessoas e ao chegar nos escritórios do MS protagonizou aquela cena ridícula de beijos, abraços e cantoria. ARgh.

  29. Hoje, 18042020, houve a maior carreata da história de São Paulo. Pedindo #ForaDoria #ForaMaia #FechamentoCongresso #FechamentoSTF. Agora vcs vêm com Baboseira? #ForaGazeta #ForaFoice #ForaBoBo.". #SomosBolsonaro

  30. Boa análise, tirando o "extraordinário mundo da Cloroquina" que já se confirmou como grande aliada no combate do vírus e a a crítica pouco feliz da abertura da economia por cima de milhares de mortos.

  31. Se isso tudo nao for hipotese, ele foi um grande enganador. Aproveitando da boa fe e da vida de muitos brasieliros. Esse nao tem o meu voto. Votar no Dem é dificil

  32. fazia muito tempo q não via uma análise imparcial por parte da turma do antagonista. Eles entraram com tudo naquela "baixaria" (eufemismo) política.

  33. Penso que você tem razão, em relação aos objetivos subjacentes à saúde do Mandetta. Concordo, também, sobre a dúbia eficiência dele e da equipe do MS, diante dos procedimentos que deveriam ser adotados para amenizar os efeitos da pandemia. Entretanto, não penso que ele esteja com a "bola toda". O perfil do eleitor brasileiro atual, não me parece simpático com políticos do tipo bonachão, borra botas, fujão e comprometido com integrantes do obscurantismo político do é dando que se recebe.

    1. É por aí! Te digo mais, esse sujeito da velha política se ele no máximo pra deputado federal no MS, isso se as investigações de Corrupção não o abater de vez!

  34. Excelente! Mas, ainda bem que Mandetta surgiu e peitou Bolsonaro. É inadmissível manter o país nesta polarização Petistas vermelhos × Petistas de Verde e amarelo. Ao menos vi agora os anti petistas, decepcionados com o bolsoolavistas, criarem vida e esperança

  35. Concordo com esse jornalista, quando ele afirma que se os políticos nativos tivessem a prioridade absoluta de salvar vidas, estariam todos unidps e bem articulados.

  36. O Mandetta se aproveitou politicamente do momento assim como o demagogo oportunista doria tem se aproveitado asquerosamente desde o primeiro instante. Não sei onde o Mandetta quer chegar mas o demagogo de São Paulo deu um tiro no pé, na semana que entra pelo dia 20 veremos em São Paulo muitos prefeitos usando a sensatez que o Mario se refere " vão autorizar a retomada das atividades "de diversos setores e a população não acredita no doriana.

  37. Bom comentário, só que essa frase : os políticos são os verdadeiros covid-19/20/21/22... é minha desde janeiro/20. só pra frisar.

  38. Bolsonaro, sofre o DUNNING-KRUEGER EFFECT ///Ele acreditava na PILULA DO CANCER///ele acreditava no NIOBIO///ele acreditava no GRAFENO///ele acredita no ARAS//ele acredita no TOFFOLI///ele acredita no andre MENDONÇA//ele acredita na CLOROQUINA///ele acredita nos filhos ZEROS///ELE É UM RECRUTA ZERO.

  39. Os comunas além de burros, são cegos. Onde vocês estavam nos últimos 15 anos,onde assaltaram o bolso do povo e quase faliram o país. Que moral vocês tem pra criticar um governo patriótico. Tentem a Venezuela,acho que vão gostar. Sempre Brasil........

    1. Quem é que chamou o Mário de comuna? Tá escrito onde? Ele não escreveu que o Mário é comuna. Mas acertou em cheio ao dizer que comunas são burros e cegos. Eu acrescentaria que são o cancer da humanidade e precisam ser extirpados.

    2. Comuna, o Mário? Meu Deus, esse pessoal está chegando ao limite da burrice coletiva.

    3. Das duas uma (ou as duas), ou esse tal de Roberto não entendeu nada do que leu, ou só tomou consciência da realidade a partir de 01 de janeiro de 2019. Mas papel (e comentário em aplicativo) aceita qualquer bobagem...

  40. Enquanto em outros países o coronavírus serviu para unir pessoas em prol da cura e da erradicação da doença, aqui no Brasil a pandemia serviu para nos dividir ainda mais, em todas as esferas, não só do governo como também da sociedade como um todo. Divididos, não conseguiremos superar a crise, veremos o número de desempregados disparar, destruiremos nosso parque industrial, enterraremos muito mais indivíduos. Se é o caos que buscamos, estamos muito perto dele!

    1. Mas é exatamente isso que os políticos Covid 19 desejam : nos dividir para instalar o caos ... está muito nítido isso .

    2. Isso mesmo Lucia! Muito triste ver essa situação. O pior é ver a própria sociedade dividir-se. O Brasil vive uma crise moral e ética que o COVID-19 só ajudou a evidenciar. Enquanto não nos unirmos em um projeto de Nação estaremos sempre vivendo uma crise, seja ela qual for.

  41. Fácil criticar o Presidente, agora o Mandetta que estava mais perdido que cego em tiroteio, ao ponto do novo ministro Nelson, precisar agora fazer toda uma pesquisa, mapear o vírus e ver como está a real situação porque o PERNETTA não sabia nem quantos recuperados tínhamos. Um cara que sai e fica cantando mostrando que não estava nem aí com o população, enquanto o presidente sangra com ataques de todos os lados porque não se deixa manipular. Aínda bem que a população está do lado dele,

    1. Besteirol Valmir. O Mandetta fez o que tinha que fazer com o que o governo tinha a oferecer. Até o novo ministro reconheceu isso nos seus artigos antes de aceitar o cargo. As coisas não estão melhores porque temos um presidente que usa a dicotomia (Bozismo vs petismo, saúde vs economia, globalitário vs nacionalista) como estratégia para se manter vivo diante da sua récua de alucinados. Se o país não vai bem, o único culpado é o presidente despreparado que a população elegeu e já se arrependeu.

  42. Estratégia proposta pelo presidente no início da pandemia: nenhuma mudança de comportamento. Resultado previsto: 1.1 milhão de mortos. Estratégia proposta pela OMS, governadores e Cientistas: isolamento cedo e horizontal. Resultado previsto: 40 mil mortes ou menos. A diferença entre estes dois números significa o número de pessoas salvas da incompetência presidencial. O que há ainda para discutir? O que há ainda para esperar? Este governo já acabou.

    1. Jose, vai procurar seu acento. Provavelmente de estar onde vc despeja o seu cérebro.

  43. É obvio que sua analise está influenciada pelas diretrizes deste pasquim. Mandeta nao fez nada. Inclusive nao teve a coragem (senao já tarde) de indicar o uso da cloroquina, que inclusive salvou o Dr. Uip (assessor da Doriana) e o Dr Kalil (medico do Lula). Agora porque vcs nao respondem: as mortes ocorridas antes do mandetinha indicar o uso, devem ser responsabilidade de quem? Mandetinha operou para o partidinho (DEM), onde operam Botafogo Maia e Ronaldo Caiado.

  44. O Dr.Mamatteta ardilosamente montou seu melodrama político de boi-de-piranha.Vcs acham que se ele quisesse se manter no MS ele teria se convidado a dar uma entrevista no sonho de consumir do seu comandante em chefe?

    1. Concordo com o amigo, parabéns Sabino por sua lucidez esclarecedora . Infelizmente os políticos não trabalham em prol da sociedade .

  45. Sabino, o vírus mais perigoso hoje no Brasil é o bolsoronavírus. Ela causa confusão mental, emburrece, faz babar, cega e a pessoa não para de falar bobagem.

  46. Mario, você descreveu a situação política degradante que estamos vivendo de uma forma tão bem humorada que me fez rir varias vezes. A "frigideira que Bolsonaro deu na própria cabeça," chorei. Li o texto agora pela terceira vez e não paro de rir. Certamente melhorou minha imunidade. Obrigada.

  47. Ao que parece Mandetta e o DEM , ganharam um round, entretanto já aparecem denuncias de comportamento não muito republicano no uso do dinheiro canetado pelo ministro, vamos esperar, em tempo parabéns pelo texto.

  48. Mandetta, o mais puro representante da "Velha e podre política brasileira". Sempre fazendo as coisas com interrese próprio (2022). Em 2016 vetou a verba de milhões para o SUS. E o povo que se ferre cada vez mais...

  49. Mario, incrível seu texto... tenho dito que alguns posts dos Antas estão beeeeeeem rasos e decepcionantes. Comentarios banais e inúteis. Essa semana vc foi um oásis...

  50. Essa suspeita de corrupção que a Crusoé relatou no Ministério da Saúde e prováveis outras que podem surgir nas aquisições dos insumos da Pandemia certamente serão atribuídas ao Mandeta. Bolsonaro certamente utilizará isso para neutralizar a projeção que ele alcançou.

  51. Com toda a certeza o maior e mais perigoso dinosauro do nosso país são os políticos. Deles derivam o restante da parte podre da nação. Para derrotar estes caras o Bolsonaro vai precisar de um apoio maciço de todos os brasileiros. Caso contrário...

    1. Salvação...somente com UCRANIZACAO!!Corruptos e ladrões no latão de LIXO.

  52. Vc é ótimo Mário, mas esse seu macarrão me fez ficar com peninha de você... kkk aposto que estava acostumado a boa comida francesa caseira...

    1. Nem me diga, Maria, e o macarrão não acaba... Só não passo roupa, Luiz. Nem precisa, não é mesmo? Abraços, caros.

    2. He he he... imagino o Mario com uma pia de louças pra lavar, umas roupinhas pra passar e elocubrando a coluna da Crusoé que tem que ser publicada amanhã...

  53. Tanto o político ladrão mata, até de fome, ao roubar recursos do povo, quanto o político despreparado também mata, ao ser cúmplice, por ignorância, de um vírus mortal que assassina o povo. São todos letais.

  54. Claudio, magistral seu texto. Uma análise absolutamente coerente e fidedigna do que é a política e dos estragos que estes homens podem fazer ao povo em sua sede de poder.

  55. Sabino esta semana eu confesso que pensei em cancelar minha assinatura, neste momento você espantou todos estes pensamentos. Muito bom, meus parabéns.

  56. Excelente texto. Hipóteses bem construídas e desenvolvidas com primor. Meu caro Sabino _ depois dessa " novela" acho que nós, eleitores, estamos vacinados contra " santos" e " mitos". Amém...amém ... as antenas do bom senso!!

  57. Excelente abordagem. Estava entedeado com o textos veiculados pela Crusué/Antagonista, especialme os informes diários veiculados pelos dois. Sempre vi com estranheza essa unanimidade com o antigo Min. da Saúde o discurso que ele era eminentemente técnico e não político. O artigo sobre a OMS tb prestigia o debate e não a unanimidade. Parabéns.

  58. Políticos, quase todos. Quase todos eles, não valem nada... São poucos, raríssimos os que prestam. Se há diferença entre os ladrões e os despreparados, esta fica restrita ao charme de alguns e a burrice de outros. Lesivos, criminosos e letais quase todos. E o povo mais pobre, os nossos miseráveis, ou morrem de fome ou morrem por um vírus tão assassino como este. Como eles.

  59. Parece que o Mandetta nomeou alguns assessores " espertos " e não teria autoridade sobre eles. Houve incompetência na compra de materiais para combate ao covid 19 em Manaus ? Mandetta estava muito interessado em sair.

  60. Excelente artigo! O que me espanta é a falta de escrupulos do Dep.Mandetta em manipular o povo brasileiro e brincar com as vidas de pessoas a fim de obter vantagem política nas eleições!!! Esse tipo de político representa o que há de pior nos seres humanos: ambição, ganância, ego e cede de poder que não tem vergonha de matar pessoas em prol de um projeto pessoal de poder....

  61. Sabino, não vem querer diluir, distribuir a culpa do presidente nessa tragédia. Ninguém colaborou mais para a morte de brasileiros que Bolsonazi e apoiadores. Se muita gente não está respeitando o isolamento, é por culpa das palavras, do mau exemplo e da morosidade do executivo federal em prestar auxílio aos mais pobres. Tivéssemos um líder de verdade, haveria menos espaço para cada governador fazer o que quer. Todos seriam impelidos pelo poder moral do presidente a zelar pela vida do cidadão.

    1. Politicos como Maia , Alcolumbre é Mandeta não tem limites, vidas são menores que votos. Concordo com o articulista.

  62. Mario você é cirúrgico! Seus artigos estão a cada semana superando o anterior, parabéns! A classe política no Brasil é um câncer. Precisa de uma intervenção cirúrgica e muita radiação. Assim, quem sabe a população consiga viver com dignidade.

  63. Oh! Mario porque não essa reflexão a semana passada. Uma tremenda jogada política todo o dia falava da chegada de EPI’s, respiradores no dia seguinte justificava que a China tinha cancelado a compra. Se fosse tão atentado teria decretado quarentena primeiro na cidade de São Paulo e aí sucessivamente para outros focos da pandemia. Não teve coragem por se tratar da maior capital do Brasil. Também poderia ter agido antes do carnaval, pois já sabiam dos riscos com as festas.

    1. Planejar, elaborar planos, trabalhar preventivamente e pró atividade é o mínimo que espera de um ministro.

    2. E o "mandatário e dono da caneta" por que não tomou nenhuma atitude antes do carnaval?Onde ele estava ? Só se incomodou quando o Mandetta começou a aparecer nas entrevistas e a se destacar! Fora a atitude de moleque rebelde de afrontar as recomendações do Ministério da Saúde e da OMS .

  64. finalmente um jornalista nesta revista. Parabéns, Sabino, sentirei falta destes textos, mas as notas diárias não são noticias, é uma torcida parcial de que os fatos torne-se a "verdade" do "jornalista" que escreve. Mais uma vez, parabéns, Sabino. Seus textos mostra a preocupação real do pais, frente seu principal inimigo, a classe política (incluindo o presidente e os parasitas, principalmente maia). Estamos vendo um vírus se alinhando com os políticos para derrotar o povo.

  65. Bolsonaro poderia surfar no bom desempenho de seus Ministros Técnicos, mas prefere submergir agarrado a eles. Já está saindo do forno de Wajngarten convocação para reunião em frente aos quartéis, para pedir intervenção militar. O vocabulário é todo Olavista- chulo-. e burro: O Gal. Mourão prestaria continência ao Capitão?

    1. Este Brasil tem coisa, que só acontece aqui, capitão manda em general e generais lambem botas do capitão.

  66. Parabéns, mais uma vez Jornalista Mario Sabino...O Artigo está excelente...Se tivesse os vícios dos Ingleses, que apostam em tudo....Tambem jogaria os meus trocados na fichas no Dr. José Henrique Mandetta....Ele vai polarizar as Eleições em 2022..O DEM. Nao vai deixar passar esse trem sem embarcar nele.....

  67. Mandetta errou e errou feio. Deveria ter sido sincero e na primeira desavença com o presidente sobre conduta ao combate do COVID-19, pedir demissão. Qdo todos os brasileiros que lhe apoiavam ou que por enquanto são seus seguidores, souberem que havia um enorme interesse político por trás disso, ficarão indignados. Será mais um político fisiológico igual aos outros, como diz Sabino. Mandetta que fique quieto, longe de arranjos políticos com Alcolumbre, Maia se quizer ser respeitado.

    1. O maior problema do Mandetta é que ele ficou "indo e vindo". A postura correta seria ter falado publicamente "Olha, sob o meu comando, a postura do ministério da saúde será essa. Quer, quer, não quer, mande embora." Só que ele ficou cozinhando, hora afagava o chefe, ora jogava pra quem concorda com o isolamento e no fim ficou feio porque escancarou o lado político da coisa. Não é papel de ministro fazer política.

  68. São raros os políticos que fazem política. Quase todos praticam a politicalha (que rima com canalha, segundo Castro Alves).

  69. Descrever a atividade política como uma coisa nefasta foi o discurso que elegeu Bolsonaro. Mandetta, na crise da pandemia, revelou qualidades, tais como liderança, capacidade de formar e comandar uma boa equipe, habilidade em confrontar oponentes, que o qualificam como um legítimo postulante a representar os cidadãos nos foros mais qualificados de decisão. Quem rejeita a política flerta com a ditadura.

  70. Penso que esse é o caminho. Se quisessem fazer algo, trabalhariam juntos. A imaturidade os leva a competir e leva os eleitores a entrar na briga... é deprimente e cansativo... e repetitivo...

  71. A bem da verdade, seu texto está mais para uma analise da mãe Dinah do que uma matéria jornalística. Primeiro pq parte de algumas situações para chegar à conclusões que não se "ligam", sem nexo causal. Segundo por "achar" situações que não existem, pois saíram de sua cabeça para chegar a uma conclusão que dependeriam da veracidade destes achismos. Nota zero em redação Xará.

  72. Mandeta agiu e faliu como político o tempo todo.Falava frases de efeito que caiam como luva nos ouvidos do povo. Foi desleal com o presidente, seu superior hierárquico, o tempo todo, culminando com a entrevista na Globolixo de comum acordo com Rodrigo Maia e Caiado. Provocou sua demissão de propósito.

    1. Se a Vera estivesse no julgamento de Nuremberg, absolveria todo mundo.

    2. E o presidente agiu corretamente com ele? Entre trair um superior e trair os meus próprios princípios morais eu ficaria com o segundo sem pestanejar, aliás se na década de 40 os oficiais e médicos nazistas , não tivessem sido fiéis ao seu superior, o holocausto teria sido evitado.

  73. Dá pra ver que você não nutre simpatia por Mandetta, para mim só por ter invertido o óleo da frigideira de JB , Mandetta já mereceria minhas considerações .Que o lado politico dele fala forte não resta dúvida, mas não seria tão respeitado e aplaudido por seus subalternos, gente ligada à saúde , com anos de estrada, se não tivesse outras qualidades.Enfim, pode ser que tenhamos aí mais um nome forte e mais um opção para 2022, fora dos extremos bolsonaristas e petistas.

    1. Aposto também que a Vera nunca tinha ouvido falar no Bolsonaro até começarem a vender a versão farsesca que ele era um aguerrido "anti-corrupção".

    2. Chegou desconhecido e saiu aplaudido, não só por subalternos mas por muita gente da classe médica fora do governo ,inclusive o próprio Dr.Wanderson e o Dr.Gabbardo declararam que não o conheciam, e no entanto fizeram questão de sair juntos, então penso que a maneira como uma pessoa sai fala muito mais dela do que a maneira como ela entra.

    3. Sou médica, tenho 70 anos, traba lhei na saúde pública a vida inteira e nunca tinha ouvido falar de Mandeta até ser ministro. Foi recebido com um pé atrás pela categoria médica quando foi indicado

  74. Muito bom comentário. Muito melhor do que o comentário do Diogo. Diogo na Itália não conseguiu ver os jogos de futebol que provocaram muitas mortes a posteriore

  75. Excelente análise Sabino!! Vc ainda é a principal razão de não cancelar a Crusoé. vamos torcer para que o novo ministro dê conta.

  76. Sabino sempre nos ensinando a ler a realidade. Ninguém está preocupado com o coletivo. Apenas o poder determina os movimentos políticos.

  77. Sabino está trabalhando com estimativas que não foram confirmadas, ou seja, dando barricadas como toda a imprensa brasileira fez até agora. Os poderes judiciário é legislativo estão em guerra contra o executivo pata destruir o governo. O inconformismo com a quebra do tomaladacá é patente, inclusive com a imprensa, viciada em dinheiro público. Não sei se será possível quebrar os velhos e maus paradigmas desse país...

    1. Nossa, hein, esse era o cara que falou que não desrespeitava ninguém. Ficou nervoso porque a propagandinha barata do seu bandido de estimação foi escancarada?

    2. A Dilma também ganhou. Você se conformou, ou pediu o impeachment dela? Se era válido não se conformar com o desgoverno em 2015, porque não é válido em 2020? Só porque você é um tolinho que acha que todo mundo que está aqui também é, que "descobriu" a política em 2015 e chega a acreditar em farsas como a de que o Bolsonaro não foi um cara que se esbaldou por 30 anos nessa política que agora ele finge ser contra? Não insulte a inteligência das pessoas aqui com ctrlc ctrlv do twitter do Bolsonaro.

    3. Outra coisa Fernando, o Bolsonaro ganhou p.! Conforme-se...

    4. Fernando, se vc acha nas barrigadas do Sabino, respeito. Eu não desrespeito a opinião de nenhum comentário daqui, embora discorde. Tenha o mínimo de educação já que nem me conhece, ok. Abraço!

    5. O Eduardo se comporta como um cara que vai numa faculdade de astronomia e sai gritando que o Sol gira em torno da Terra.

  78. Qdo se tem o olhar de cidadão e a inteligência de um “antigo” jornalista, dá-se o nome a esse profissional de Isentista, pessoa digna q além de mostrar aos seus leitores como “olhar” a coisa, tbm nos fornece campo para pensarmos antes e conhecer um pouco dos bastidores da ganância humana. Talvez, nos os eleitores. possamos cada vez mais deixar o “cidadão” votar e não o irresponsável q deseja só q seu candidato se eleja.

  79. O vírus da política tupiniquim não tem cloroquina ou outro qualquer tipo de remédio que dê jeito, ou melhor, temos pelo menos um paliativo: As urnas.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO