Roque de Sá/Agência Senado

Pacheco cancela sessão para análise de vetos e adia derrotas para Bolsonaro

07.12.21 15:35

O presidente do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco, cancelou a sessão conjunta marcada para esta terça-feira, 7, para a discussão de projetos de lei e vetos do presidente Jair Bolsonaro. Pacheco tem sido pressionado por parlamentares de oposição a pautar o debate sobre os 26 vetos na pauta do Congresso e, nas últimas semanas, adiou a deliberação para priorizar outros temas, como a proposta que mantém o sigilo das emendas de relator.

Senadores e deputados costuraram um acordo para derrubar o veto de Jair Bolsonaro à lei que criou o Programa de Proteção e Promoção da Saúde Menstrual. A iniciativa prevê a distribuição de absorventes para mulheres de baixa renda e o veto à legislação causou muito desgaste para o governo. O presidente argumentou que o texto não trouxe a fonte de recursos para o programa.

Não houve, entretanto, acordo entre as lideranças com relação a outros vetos. A votação deve ocorrer na próxima sexta-feira, 10. Os deputados e senadores vão analisar ainda um veto de Jair Bolsonaro à Lei de Segurança Nacional.

O presidente eliminou do texto, sancionado em setembro, um trecho que previa a tipificação da divulgação de notícias falsas durante disputas eleitorais. Bolsonaro vetou o artigo que previa até cinco anos de reclusão para quem cometesse o crime de “comunicação enganosa em massa”

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Sugestão para a Crusoé em algumas “chamadas”, como essa, o certo seria dizer “ os Bolsonaros “ pois este país não tem um presidente, tem uma família no poder.

  2. Vetou, claro, porque os primeiros a irem direto pra cadeia, seriam ele mesmo, esse protozoário, suas crias e seu bando de micróbios.

  3. Hoje, melhor revista do Brasil. Leio notícias diárias e aguardo com curiosidade a edição semanal. Só tenho a dizer que lia muito Sabino, mas ficou uma leitura chata, cheia de Paris e subjetividades. Não leio o primeiro parágrafo. Pode mudar. E grande e competente.

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO