Reprodução

Brasil tem 80 milhões de seringas e agulhas para iniciar vacinação, diz governo

13.01.21 20:23

O Ministério da Saúde afirmou nesta quarta-feira, 13, que estados e municípios têm um estoque de 80 milhões de agulhas e seringas para iniciar a campanha de vacinação contra a Covid-19. Os dados, apresentados em coletiva de imprensa, foram repassados ainda ao Supremo Tribunal Federal, o STF.

Em dezembro, um pregão aberto pela pasta para a compra desses itens fracassou. O ministério buscava a aquisição de 331 milhões de agulhas e seringas, mas conseguiu somente 7,9 milhões de unidades dos produtos.

A abertura de um novo edital está prevista para a próxima sexta-feira, 15. Neste processo, a pasta chefiada por Eduardo Pazuello tentará garantir mais 290 milhões de unidades de agulhas e seringas.

Além disso, o ministério disse esperar 190 milhões de itens da Organização Pan-Americana de Saúde, Opas. O país também fez a requisição administrativa total de 60 milhões de seringas excedentes à Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos e Odontológicos, Abimo. 

Em coletiva, o secretário-executivo do ministério, Élcio Franco, assegurou que a vacinação contra a Covid-19 no Brasil não corre riscos por falta de insumos. “Para tranquilizar a população brasileira: nós somos um dos maiores produtores de seringas do mundo. Temos uma produção anual em torno de 1,5 bilhão de seringas e agulhas. Atendemos ao mercado interno e externo“, disse.

Questionado sobre a data de início da imunização, Franco não apresentou uma data concreta, embora tenha repetido que a campanha deve começar neste mês. O número dois do ministério ressaltou que aguarda a liberação do uso emergencial e temporário da Coronavac e da vacina de Oxford pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Anvisa. A autarquia vai deliberar sobre as solicitações no domingo, 17.

O secretário-executivo voltou a dizer que a vacinação começará de forma concomitante nas capitais do país. O governo, entretanto, não vai esperar os imunizantes chegaram também a municípios do interior para iniciar o plano nacional.

Vai começar pelas capitais. Eu não posso esperar a vacina chegar em 5.570 municípios e 38 mil salas de vacinação, para, então, ‘startar’ a imunização”, observou.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. se essa pandemia tivesse acontecido na era lulista com certeza o kit ampola seringa seriam comprados por 10 vezes mais o preço. Tem petista chorando a perda da oportunidade.

    1. Manoel bozista. Com certeza, mas certamente, dado o populismo Petralhismo, todo mundo já estaria vacinado. Manoel bozista, quanto vale uma vida? Não precisa responder. Para bozista, uma vida brasileira vale nada!

    2. Manoel bozopetista, mas atualmente não é muito diferente. O governo federal deixou de comprar os insumos para atender a demanda de vacinação nacional com a desculpa de que os valores estavam acima da média (sem levar em consideração a lei de oferta e demanda), mas por outro lado está literalmente enchendo o rabo gordo dos congressistas do centrão de dinheiro com verbas e demandas milionárias. Para o povo a morte, para os corruptos mesa farta com dinheiro do contribuinte. Esse é o governo do Bozo

  2. Olha aí gente a esquerdalha pessimista se manifestando....kkkkkkk......eles torcem para que não dê nada certo pra ferrar o Presidente, mas são tão jumentos que se esquecem que agindo estão torcendo contra o Brasil. Outra coisa, o Brasil tem uma larga experiência em vacinação em massa há muitos anos. Fazem uns comentários xulos e cheios de ressentimento e ofensivos e sem coerência com a realidade. Querem a autorização e validação da vacina sem a comprovação da Ciência.

    1. Kkkkkkk. Não acredito. Um bozista defendendo a ciência, kkkkkkkk. Tião deve estar delirando. Se continuar assim será expulso da quadrilha de delinquentes terraplanistas que defende o presidente genocida. Te cuida Tião. Segundo consta, quem trai a gang é suicidado!

    2. Sim Manoel, pois é o q eu sempre digo, Bozonaro e Lula são a mesma merda.

    3. com certeza deve ter aprendido a mentir com os 16 anos de governo do larápio de 9 dedos e a ensacadora de vento.

    4. E desde quando a esquerda bozopetista é a favor da vacinação? Pq o bozomerda ta se vangloriando do potencial de vacinação do Brasil se não acredita nem na ciência e nem na vacina? Bozetes tem como único propósito de vida mentir, deturpar e desvirtuar. Mentem e inventam tanta teoria conspiratória q acabam por acreditar em suas próprias falacias.

  3. Alegaram encarecimento de seringas e agulhas para retardar as compras. Não tinham ouvido falar da lei de oferta e procura... Já para torrar fortunas do consumidor em toneladas de CLOROQUINA, não houve economia, nem dificuldades...

    1. Tião, diz aí onde está a mentira no comentário acima?

  4. Vão importar seringas porquê???Se somos um dos maiores produtores de seringas do mundo já deveriam ter tranquilizado a população!!!

  5. Certamente vai começar por Brasilia com alguma desculpa esfarrapada e o MONSTRO DO LAGO PARANOÁ já proibiu a publicação de sua carteira de vacinação, pois será um dos primeiros o cagão,covarde,hipocrita,miliciano, serial killer.

    1. Exato, quero vigilância pra ver sei PR realmente não será vacinado. :) :)

    1. Você está querendo planejamento demais pra quem "recomenda" não tomar a vacina. :) :) :)

Mais notícias
Assine
TOPO