Verba de gabinete na campanha

29.03.19

Investigado pela suspeita de destinar dinheiro a laranjas nas eleições de 2018, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, gastou 46 mil reais dos cofres da Câmara durante o período eleitoral. Muitos desses gastos, é verdade, já vinham ocorrendo nos meses anteriores. Álvaro Antônio era deputado e concorria à reeleição. Entre as despesas, uma, em especial, chama atenção. Em 14 de setembro, ele usou 2.211 reais da verba de gabinete para pagar uma viagem de avião de Brasília para Belo Horizonte e, depois, para Montes Claros. Na cidade, a 400 quilômetros da capital mineira, o agora ministro participou de uma carreata de campanha. A verba da Câmara, vale dizer, é destinada a atividades que tenham relação com o mandato e não pode ser usada para fins eleitorais.

Agência BrasilAgência BrasilO ministro Marcelo Álvaro Antônio foi para uma carreata de campanha à custa da Câmara

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Tem q verificar os 4 anos de viagens do Bolsonaro pelo país inteiro, creio eu com verba de gabinete ou seja, desvio de verba pública

    1. Vc é bem desinformado. Bolsonaro NUnca usou verba de gabinete na suas viagens . Ou vc acha que o PT já não tinha detonado ele . Vai ler mais

    2. Vc é bem desinformado ! Todos sabem que Bolsonaro NUNCa usou a verba de gabinete nas suas viagens .

    3. Lamentável! Não sabe sequer escrever! Atreve-se a fazer comentários... Kkkkkkkkk! Vai ler, estudar!

    4. O Eduardo fala com linguagem emocional. Eu ou QQ outro, com o salário do Bolsonaro (ou QQ parlamentar) daria diversas voltas pelo país e ainda sobraria dinheiro. Uma pena! Os comunistas (que não sabem sequer o que isto significa) vivem procurando pelos em casca de ovo, em vez de estudar. Apontem-me QUALQUER PAÍS COMUNISTA NO MUNDO, que tenha dado certo, respeite o cidadão, o direito à vida, à liberdade, a propriedade, etc. SE ENCONTRAREM ME INDIQUEM! Irei viver lá. Que tal, Cuba? Coréria kkkkk!

  2. Esse aí só envergonha o governo. Turismo é algo que renderia muito ao nosso lindo Brasil, mas precisa de gente séria e competente à frente da pasta.

    1. Se ele topar tirar esse Ministro , podia aproveitar a onda e arranjar um ministro da Educação decente.

  3. Tá demorando muito para defenestrar esse pulha. Aulinha do Prof. Joshua para os skinheads virtuais: Defenestrar significa expulsar. Pulha significa canalha...kkkkkkkk................

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO