Divulgação

PF prende dois deputados estaduais do Acre por esquema de ‘rachid’

29.10.20 11:08

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Os três deputados estaduais do RJ, medalhas de OURO, PRATA e BRONZE $$$, em movimentações, segundo o COAF, e encabeçados por ANDRE CECILIANO (PT), ultrapassaram R$ 100.000.000,00 em um ano, e mais 24 deputados envolvidos em rachid, SOMENTE na Assembléia Legislativa do RJ. Só conhecemos o nome de FLÁVIO BOLSONARO, por que será que a imprensa nos nega acesso ao nome de 26, fora os que não são deputados ? CRUSOÉ, alguma vez citou o nome de todos ? Claro que não. Exemplo clássico de SELETIVIDADE !

  2. Ouvi dizer que agora tratarão com calma e caprichadamente da subespécie ""rachid-miliciana"".....ih! Crápula patetóide 01.... fechou o tempo!!!!......

  3. Interessante que essas instituições RACHADINHA, SERVIDOR FANTASMA E MENSALÃO têm o mesmo MODUS OPERANDI. E as desculpas e notas oficiais são as mesmas: “Apoiamos as investigações e estamos colaborando com a JUSTIÇA para esclarecimento dos fatos. Gente! Isso está igual a duplas sertanejas, todas cantando no mesmo tom. E eu respeito muito à música, mas similitude em roubalheira é falta de talento para roubar. Leiam A ARTE DE FURTAR, de Padre Antonio Vieira!

  4. Que bom que a rachadinha no Rio é legalizada, ou o filho do presidente poderia ter problemas. Se ele fosse deputado no Acre, poderia até ser preso.

  5. Que bom que a rachadinha no Rio é legalizada, ou o filho do presidente poderia ter problemas. Se ele fosse deputado no Acre, poderia até ser preso.

  6. Se a PF cutucar do Oiapoque ao Chuí não vai sobrar vereador, deputado estadual, deputado federal, senador, ministro e juízes. Não ficará pedra sobre pedra. 15.000 novas vagas no sistema carcerário. Haja coração!

    1. Não cara : pelo que entendi, no caso do Flávio ele ficava com parte dos salários ( atitude deplorável, sem dúvida). No caso em pauta é uma Organização criminosa que " cria" funcionários para ficar com todo o dinheiro. Posso estar enganado, mas parece casos bem distinto. Abraço

  7. Se lograram prender os "Homi", é possível que tb peguem os "Lobisomi". Não só há político em excesso no País-Potência sem complexo de vira-lata, como a gatunice por eles promovida onera o contribuinte, que a todos remunera, além de quitar as faturas do (des)governo. Querem reforma? Reduzam o total de políticos.Comecem pela esfera federal. A soma de dois senadores por estado basta e sobra. Deputados demais! Dividam o total por dois e mais alguma coisa. O Judiciário carece de dieta. Que inchaço!

    1. Uma das raras Instituições brasileiras é o Nepotismo. Em qualquer sociedade que valoriza o mérito, e o progresso científico e tecnológico, o Nepotismo é considerado um dos Critérios de Mérida para recrutamento e seleção de membros das Zelites. Continuem pesquisando. Os "Pudê" exibem número desconcertante de filhotes de Papai-Papaizão, que se distinguem exclusivamente pela falta de distinção. Se você acredita no mérito como via de promoção social, trate de emigrar -- depois de tomar as vacinas.

    2. Dieta para todos os "Pudê" da Res Putrida, karos Kumpanhêru! Passo essencial para drenar a pocilga e enxugar o Estado morbidamente obeso, onde viceja a corrupção política de natureza sistêmica, encorajada pela geleia real da impunidade, típica de repúblicas bananeiras com superabundância de chicaneiros e devotos do Voleibol Sinistro: Libero (cônjuge, filhote, parente, sócio) levanta a bola para a execução da bomba, geralmente dirigida à fenda glútea do contribuinte, sem unguento ou anestesia.

Mais notícias
Assine
TOPO