Adriano Machado/Crusoé

Pacheco marca para esta sexta sessão que vai mudar emendas de relator

25.11.21 18:14

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (foto), pautou para esta sexta-feira, 26, um projeto escrito pelas mesas diretoras da casa e da Câmara que, segundo o parlamentar, amplia a transparência do processo de apresentação, aprovação e execução das emendas de Relator-Geral para as próximas Leis Orçamentárias Anuais.

O senador se encontra na noite desta quinta-feira, 25, com a ministra Rosa Weber, que expediu decisão liminar, referendada pelo Supremo Tribunal Federal, para suspender a execução das emendas de relator, intituladas RP-9, que integram o “orçamento secreto“.

Além disso, Pacheco prometeu publicar nesta sexta um ato para implementar mecanismos para dar “publicidade” à execução das emendas. No entanto, a normativa, como mostrou O Antagonista, deve omitir os nomes de deputados e senadores que fizeram as indicações das verbas

O ato, assim, desrespeita a decisão liminar, que estabeleceu o prazo de 30 dias para que os nomes dos parlamentares beneficiados com as emendas de relator fossem divulgados. 

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Deveriam ir todos em cana !!! Como assim,o Congresso não vai "dizer" para "quem foi ,quando , quanto e para quê o meu ,o seu dinheiro ! Isso é ROUBO Institucionalizado..Esse Pacheco tbm não engana ninguem....

  2. enfim uma atitude independente como preconiza a constituição MAS vai fazer o que junto à Ministra? se ela feriu a lei nada tem a explicar descumpre e fim de conversa . se o STF insistir simples basta pedir o Art 142 da CF do qual não escaparemos antes da eleição e quem sobreviver verá.

  3. Vão aprimorar a forma do roubo. Gatunos. Cadê a lista dos beneficiários dessas emendas secretas, BOZO? Você batia tanto na tecla da caixa-preta do BNDES que os petistas usavam para os amigos. Queria tanto a lista dos beneficiados. Agora, bandido, libera a sua lista também! MORO2022🇧🇷🇧🇷🇧🇷

  4. com esses parlamentares esse país não tem como dar certo....tem que haver mudança, um novo congresso com pessoas bem intencionadas. Hoje infelizmente a maioria é tudo picareta.

  5. O grande assalto do legislativo aos cofres públicos e "Pachequin" conivente com essa roubalheira. Quem foi o mentor desse "orçamento secreto"? Claro que, o Pachequin sabe, mas não vai entregar o ouro. Já, já, a oposição sedenta de cascalho, vai querer colocar na conta do PR. para tentar desviar a atenção do assalto.

    1. É bom... ele já mostra o que pretende... proteger seus iguais...

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO