Reprodução/redes sociais

Um governo doente

A doença de Bolsonaro amplia a exposição dos tropeços do Brasil no combate à pandemia. Mas o problema vai além: em diferentes áreas, o governo está débil e encontra dificuldades para reagir
10.07.20

Desde o início da pandemia, Jair Bolsonaro tentava mostrar-se inexpugnável a um vírus de natureza devastadora, responsável hoje pela contaminação de 1,7 milhão de brasileiros e pela morte, até agora, de mais de 70 mil. Movido por um incorrigível espírito negacionista, como quem declarasse guerra à ciência, o presidente adotou como política o menosprezo aos efeitos da Covid-19, fazendo ouvidos moucos a regras triviais de prevenção e pouco caso do distanciamento social. Ao colocar a política acima das questões sanitárias, estimulou aglomerações desnecessárias e chegou a colocar em risco a saúde da população. No dia a dia do governo, não apenas desestimulava o uso de máscaras como fazia piadas homofóbicas com quem as utilizava como forma de prevenção de contágio, observando tão somente a orientação das autoridades sanitárias.

Na terça-feira, 7, a confirmação do diagnóstico positivo de Bolsonaro para o coronavírus fez com que o mundo voltasse ainda mais os olhos para o desastre em que se transformou o combate à epidemia no Brasil. Um integrante do primeiro escalão do governo experimentou, em pleno Palácio do Planalto, a falta de estrutura e o despreparo para lidar com um problema que assola o planeta há seis meses. Ao receber a notícia de que o chefe estava infectado, o ministro, que havia tido contato direto com ele, quis se submeter a um teste, mas ouviu de auxiliares que, se quisesse um diagnóstico rápido, deveria fazer o exame “no particular” porque o serviço médico palaciano é demorado e burocrático. O ministro resolveu fazer o teste por conta própria, tirando dinheiro do próprio bolso.

O conselho para fazer o exame “no particular” poderia soar prosaico em condições normais de temperatura e pressão, mas ante a eclosão de uma pandemia sem precedentes na história recente do Brasil e do mundo é sintomático da falta de direção – se nem no núcleo do governo central é possível confiar no encaminhamento rápido e eficaz de um simples diagnóstico, não é difícil imaginar a situação das dezenas de milhões de brasileiros dependentes dos serviços públicos de saúde.

Não bastasse a tentativa de transformar o anúncio de que está com Covid-19 num espetáculo político, com ode a um remédio sem eficácia comprovada, embalado por uma entrevista presencial em que de novo menosprezou cuidados consigo mesmo e com terceiros, o presidente nem sequer tem cumprido a receita básica como gestor de um país abalado por múltiplas crises.

No comando da Saúde, uma área crucial do governo em qualquer circunstância, ainda mais na atual, Bolsonaro mantém um interino, o general de brigada Eduardo Pazuello, há mais de dois meses. Dois ministros técnicos saíram por se recusarem a admitir tentativas de intervenção ideológica e anticientífica. Mesmo assim, o presidente ainda se regozija publicamente do feito. Hoje, no lugar de especialistas, há quase três dezenas de militares no Ministério da Saúde prestando continência a uma política negacionista só adotada no Brasil – até o presidente americano, Donald Trump, que Bolsonaro gosta de emular, já abandonou ideias carentes de sustentação científica praticadas por aqui, como o uso da cloroquina.

Falta bússola também ao Ministério da Educação, às voltas com uma briga de foice entre as alas militar, a olavista e a fisiológica, encarnada pelo notório Centrão; a pasta do Meio Ambiente segue sem rumo ao adotar políticas controversas, tendo à frente um ministro que pode ser afastado por ordem judicial; e o Itamaraty permanece imerso numa guerra ideológica, que só contribui para compor o quadro do fosso em que está o país.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéPresidente muda rotina pessoal, mas não a do governo: áreas seguem à deriva
A interlocutores, Bolsonaro tem dito que na Saúde até aceita tirar Pazuello, um especialista em logística, mas ainda não encontrou um substituto. “Fora o protocolo da cloroquina, não me lembro de nenhuma política pública relevante para enfrentar a Covid desde maio”, desabafa uma fonte do corpo técnico do ministério, próxima ao gabinete do ministro. A avaliação interna é que a pasta demora a responder aos eventos da pandemia e não tem embasamento para tomar decisões.

Nos bastidores do Ministério da Saúde, disputas internas travam um dos principais projetos do governo, o “Médicos pelo Brasil”, que, se estivesse funcionando, poderia reforçar a atenção básica para o enfrentamento da pandemia. O projeto tem mais de 700 milhões de reais à disposição no orçamento, mas não saiu do papel.

No final de junho, Pazuello indicou seu braço direito, Élcio Franco, aquele que costuma aparecer em entrevistas coletivas ostentando um broche de caveira, e a secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Mayra Pinheiro, como presidente e vice-presidente, respectivamente, do conselho da Agência para o Desenvolvimento da Atenção Primária à Saúde, criada especificamente para gerir a nova versão do “Mais Médicos” de Bolsonaro. Só que a dupla, tão logo foi nomeada, iniciou uma cruzada para destituir três servidores de carreira da diretoria executiva do órgão.

Em meio à querela interna, importantes decisões da área técnica do programa ficaram pendentes. Por exemplo, o impasse fez com que a agência estourasse o prazo legal para ter seu estatuto aprovado. Também não foi assinado até agora o contrato de gestão com o ministério, necessário para que o Médicos Pelo Brasil seja colocado para funcionar.

Técnicos temem que a disputa política acabe aparelhando o programa, que nasceu baseado em metas e experiências de sucesso adotadas no Canadá e no Reino Unido. Fontes ouvidas por Crusoé relatam que o mérito da proposta é a criação de uma carreira médica sem extrapolar o orçamento que já era destinado ao Mais Médicos.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéPazuello pode ser substituído na Saúde: disputas travam projetos relevantes
A pasta ainda convive com problemas de execução orçamentária. Enquanto o país acumula mais de 70 mil mortos pela Covid-19, o ministro da Saúde interino está sentado em cima de 723,1 milhões de reais, segundo dados do Ministério da Economia. Até agora, a Saúde já recebeu 39,3 bilhões em razão da pandemia, mas menos de 30% desses recursos foram efetivamente desembolsados até o momento.

Quando a política fala mais alto, quem paga a conta é a gestão. Na administração Pazuello, Mayra Pinheiro assumiu o protagonismo no Ministério ao abraçar sem qualquer pudor as demandas do bolsonarismo. Presença constante em coletivas de imprensa, ela chegou a dizer que o órgão atendeu a um “clamor” popular quando editou um protocolo de tratamento para a Covid-19 baseado na hidroxicloroquina. Nos corredores da pasta, ela é chamada à boca pequena de “Mayra Cloroquina”.

A doença do governo, conhecida como “paralisia decisória” na ciência política, não contagiou apenas o Planalto e a Saúde. O MEC, sem ministro desde que Abraham Weintraub se demitiu e fugiu do país, há mais de 20 dias, continua patinando. Governos estaduais reclamam da falta de políticas públicas destinadas principalmente ao ensino básico durante a pandemia. Até o parecer do Conselho Nacional de Educação que autorizou a equivalência entre aulas online e aulas presenciais para cumprimento da carga horária letiva demorou um mês para ser homologado por Weintraub.

O Comitê de Emergência do MEC, criado por Weintraub em março, é visto como pouco útil por gestores da educação básica. A secretária de Educação Básica, Ilona Becskehazy, recentemente bateu boca pelo WhatsApp com secretários estaduais, que se ressentem da falta de diálogo com Brasília. Ilona chegou a ser cotada para assumir o comando da Educação, mas a balbúrdia em que se transformaram os casos de Carlos Alberto Decotelli e do empresário Renato Feder fez o governo colocar um pé no freio.

A exemplo da Saúde, a Educação está acéfala. Indicação da ala militar, Decotelli ostentava experiência, títulos e interlocução com o setor. O perfil parecia perfeito, mas se revelou uma estrepitosa fraude. Sucessor natural, o empresário Renato Feder, duas vezes favorito, antes e depois de Decotelli, achou mais conveniente pular fora. Antes mesmo de ser anunciado, ele já havia virado alvo dos olavistas, a quem Bolsonaro ainda costuma dar ouvidos – eles querem ver no posto um dos seus.

Jorge Oliveira pode emplacar um pastor no Ministério da Educação
Durante a semana, fora da agenda oficial, Bolsonaro sondou para a cadeira deixada para trás por Weintraub o professor Anderson Ribeiro Correia, reitor do Instituto Tecnológico de Aeronáutica, o ITA. Nos últimos dias, porém, o nome favorito para chefiar a pasta passou a ser o de Milton Ribeiro, ex-vice-reitor da Universidade Mackenzie em São Paulo. Ele é pastor da Igreja Presbiteriana de Santos, no litoral paulista, e foi indicado por Jorge Oliveira, ministro da Secretaria-Geral da Presidência e um dos mais prestigiados conselheiros de Bolsonaro. Enquanto permanece sem comando, o MEC até tem assinado cheques para engrossar o orçamento das escolas durante a pandemia, mas apenas 23,6% dos 822,9 milhões de reais destinados à pasta para financiar suas ações em tempos de pandemia foram de fato gastos até agora. Em média, os ministérios despenderam cerca de 35% dos recursos emergenciais que receberam – é pouco, e o número mostra a dificuldade do governo para fazer a máquina andar. (Atualização: na tarde desta sexta-feira, 10, o presidente anunciou Milton Ribeiro como o escolhido para o cargo.)

Em outra frente importante, o Itamaraty segue submerso em suas questiúnculas nada pragmáticas. Pressionado no cargo, o chanceler Ernesto Araújo respirou aliviado depois dos tapinhas nas costas que recebeu publicamente de Jair Bolsonaro, no almoço de 4 de julho, a data da independência americana, na residência do embaixador dos Estados Unidos. Araújo é alvo de um processo de fritura dentro do governo por alas incomodadas com o “bunker ideológico” montado no seio do Itamaraty. Aliados do ministro ouvidos por Crusoé, porém, ponderam que o presidente nutre afeição pelo chanceler e sinalizam que ele é capaz de se ajustar, se for o caso, ao discurso mais ameno do mandatário em sua nova versão “paz e amor”. Nos corredores do Itamaraty, os rumores em torno de uma possível demissão não cessaram, mas esfriaram nos últimos dias.

Também sob fogo cerrado, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, tenta exibir força após uma série de questionamentos do setor privado à política ambiental do governo brasileiro. A sua desastrosa declaração sobre “passar a boiada” na legislação ambiental teve impacto na imagem do Brasil no exterior. Salles, no entanto, tem recebido apoio ostensivo do ministro da Secretaria-Geral, general Luiz Eduardo Ramos, articulador político do governo, um dos representantes da ala militar no Palácio do Planalto.

Para conter os danos, o vice-presidente Hamilton Mourão vem assumindo aos poucos o comando da pauta ambiental e tenta convencer o público externo, especialmente o empresariado estrangeiro, da seriedade das medidas de combate ao desmatamento ilegal na Amazônia. Em paralelo, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, trabalha para desvincular o agronegócio de exportação da grilagem de terras. Em carta, um grupo de 40 grandes empresas de diversos setores, incluindo o agronegócio e a mineração, instou o vice-presidente a endurecer as ações contra o desmatamento e cobrou políticas para o desenvolvimento sustentável.

No curto prazo, no entanto, interlocutores de governos europeus acham pouco provável que o “banho de loja” da pauta ambiental consiga desbloquear recursos do Fundo Amazônia, por exemplo. Isso vai depender dos resultados da intervenção de Mourão, escalado como paramédico de um governo que, nas mais diversas frentes, só faz agravar o quadro do país, um paciente que há décadas lida com comorbidades graves e que, quando mais precisava recuperar seus sinais vitais, foi atingido pelo vírus da confusão.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Nos,seus financiadores esperávamos mais responsabilidade , honestidade,e, imparcialidade nas divulgações dessa mídia,que lá atrás se mostrou diferente das medíocres e destorsidas matérias das demais,não se nivelem por baixo,precisamos de informações de alto nível.

  2. Vergonha! Vergonha! Vergonha! Enquanto o mandrião se presta ao papelão de ser garoto propaganda da cloroquina, os Brasileiros seguem a enterrar seus mortos. Mais 75 MIL MORTOS pela COVID-19 graças ao exemplo nefasto de BolsoLula ao desrespeitar e descumprir todos os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde: uso de máscara facial, distanciamento social, evitar aglomerações. O mandrião é o pior presidente da república de todos os tempos. Fora Bolsonaro. Fora TRAIDOR do Povo Brasileiro

  3. Qual o valor do cachê do garoto propaganda charlatão BolsoLula? Deve ter sido uma bolada 💰💰💰💰💰💰💸💸💸💸💸💸 Que vergonha! Um presidente da república que se presta a este serviço de garoto propaganda. Vai trabalhar, mandrião! Quando teremos um Ministro da Saúde digno, com conhecimento e experiência profissional em Saúde Pública, Medicina, Infectologia, Sistema Único de Saúde (SUS), pandemias? Quando teremos um Ministro da Educação com conhecimento e experiência profissional na área de Educação?

  4. BRASIL - Coronavírus 1.966.748 Casos confirmados 75.366 Mortes website da Johns Hopkins University & Medicine Fora Bolsonaro - o PIOR presidente da república de toda a história da república brasileira. #ImpeachmentJá

    1. Vc gostava mesmo era do molusco ladrão o mais honesto do mundo.

    1. Com base na Constituição Brasileira, o vice-presidente Mourão assumirá o governo caso o irresponsável e incompetente atual presidente da república for removido do cargo pelo processo de impeachment. Que viagem! Lula? Em que planeta você mora? Planeta Terra, Brasil, chamando. Os adoradores de BolsoLula e seguidores da seita Bolsonarista estão perdidos no tempo, no espaço, a seguir ideias absurdas e irreais.

  5. Fora TRAIDOR da Pátria. Fora TRAIDOR do Povo Brasileiro. 75 MIL Brasileiros morreram pela COVID-19 e o que Bolsonaro fez e faz? Nada. Ignora os Brasileiros que morreram, ignora as famílias que perderam seus entes queridos. Temos um presidente da república sem alma e sem coração. Bolsonaro só pensa em proteger e livrar da Justiça os filhos e comparsas enrascados com supostos crimes. O “rachid” ou “rachadinha” É CRIME, é roubo de dinheiro público. Alguma semelhança com Lula e seus comparsas?

  6. Fora Militares do governo do incompetente e irresponsável BolsoNero. Exigimos um Ministro da Saúde que tenha profundo conhecimento em Saúde Pública, Medicina, Sistema Único de Saúde (SUS), epidemias, pandemias, Infectologia. É um DEVER cívico e moral Salvar Vidas Humanas. 75 Mil Brasileiros morreram pela COVID-19. Até quando assistiremos a este desgoverno sem exigir o que é nosso direito.

  7. O presidente da Câmara Federal deveria apreciar um dos vários pedidos de impeachment do atual presidente da república. Chega!!! O Brasil e os Brasileiros mentalmente saudáveis não aguentam mais o irresponsável, mandrião, incompetente, desocupado presidente da república. Fora Bolsonaro. Volte para o Rio de Janeiro e leve todos seus filhos. #ImpeachmentJá

    1. Maioria quer Bolsonaro? O pior e mais incompetente presidente da república desde a proclamação da república. Fora Bolsonaro. Fora Traidor da Pátria. Fora Militares do governo. Voltem para os quartéis de onde JAMAIS deveriam ter saído. #ImpeachmentJá

    2. Não colocam em pauta porque não tem votos suficiente, e a maioria do povo quer Bolsonaro e não PT ladrão, acorda e vejam o que o PR já fez pelo Brasil, pare de assistir JN.

  8. Pegou o ""carona vírus" pela vigésima vez..... tomara que o encham e, às suas crias também, de muiiiiita cloroquina!!!!!!!!......🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭🤭

  9. Esse Spigariol só consegue enxergar o ponto preto no meio da cartolina branca. Impressionante a parcialidade que virou essa revista.

  10. Confusão é leve demais para qualificar o governo Bolsonaro. Aquilo é uma caterva como repete, diariamente, o Prof Marco A. Villa.

    1. 👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏 É uma mistura de perversidade, preguiça, mediocridade, ignorância e total incompetência.

  11. Que porcaria virou esta revista digital, que imparcialidade descarada, pior que renovaram minha assinatura contra a minha vontade no cartão de crédito

  12. Não vão falar nada sobre a folha de São Paulo ter desejado a morte de Bolsonaro. E também sobre as revelações sobre o Ministro Tofoli ?

  13. O Congresso Nacional, o STF e os governos estaduais estão a mil maravilhas, com muita saūde. Tá tudo certinho, funcionando muito bem.

  14. Para o jair capitão cueca , teriamos saúde com a pilula do cancer,e a cloroquina, teriamos riqueza com nióbio e grafeno, teriamos embaixadores fritadores de hamburger. capitao adriano iria cuidar da nossa segurança. iriamos rir muito do trocadilho cloroquina/tubaina. SQN para azar desse TRAIDOR

  15. Não entendi nada até agora!! os dois primeiros testes em nome de "fantasmas" deram negativo, agora por motivos óbvio em nome do jair messias bolsonaro deu positivo, estou achando que este vírus sabe negociar rsrsrs

  16. Estamos a mais de 500 anos sendo saqueados. Tudo o que vi nos últimos 30 anos foi só safadeza, com o STF (o principal responsavel) dando cobertura. Sair desse lamaçal formado pelo congresso, senado, STJ, STF e mídia vai ser difícil. O governo Bolsonaro não presta. Bom estão estes governos estaduais contrários ao governo federal e atolados em roubos e ineficiência com suas medidas contra o Covid.

  17. O Brasil precisa ser governado com estrututa de empresa privada. Não é neçessario 5535 prefeitos, 5535 vice prefeitos, 20 Secretarias em cada um dos 5535 municípios, com secretários e subsecretários em cada um dos 5535 municipios, tribunais, vereadores, etc. A máquina publica é muito pesada. Contratam funcionários por valor bem superior à iniciativa privada, para que 650 deputados suplentes e mais 80 senadores e suplentes, secretários etc . LEIAM O LIVRO CARREGANDO O ELEFANTE

  18. O Presidente nunca negou a praga virológica da covid-19. O cloroquina está mais do que provado se administrado no inicio do sintoma resolveria o problema. O que o Presidente queria evitar era o HOLOCALTO imposto pelo STF e seus aliados GOVERNADORES E PREFEITOS. A justiça de DEUS virá e destruirá todos os inimigos e criminosos deste PAIS!

    1. que Deus te ouça Alvany! Só assim nos livraremos de 95 por cento dos atuais políticos!

  19. O SUS tem sua estrutura composta pelos entes federados( federal, estados, municípios ), dessa forma essa analise deveria ser mais abrangente. Com relação ao meio ambiente , vivemos uma guerra comercial em virtude da alta competitividade do agricultura brasileira.

  20. Crusoé e Antas.......quanto estão recebendo do procrito PT. Única coisa que aquele partido ainda tem. Grana. Muita grana desviada dos cofres públicos...

  21. Impressonante. Crusoé e Antagonista, se juntaram ao certo destino do Estadão e Folha...falência. Anotem.....o tempo vai mostrar a vocês farrapos marrons

  22. André sem sombra de dúvidas você é petista, falou uma série de dificuldades que qualquer governo passa numa época tão difícil, só não falou de desonestidade no governo, acho que você está revoltado, isto é, está falando grana kkkkkk

  23. Essa retórica esquerdista veio pra ficar na Crusoé? Grande parte dos epidemiologistas já sabe que o isolamento social não deteve a pandemia e as consequências desastrosas da estratégia disseminada pela OMS vai matar milhões de pessoas pelo mundo afora de fome.

    1. Você deveria ir pra cadeia juntinho com seus "mintos do ódio"!!!!

    2. Não adianta José, qualquer criança alfabetizada já sabe da importância do isolamento social. E em relação aos epidemiologistas, vamos lembra que o pr não conseguiu convencer nenhum a assumir a pasta do ministério da saúde.

    3. Mentiras José, estude e leia antes de falar. No meu país e em vários outros europeus a cartilha do lockdown e do distanciamento social conseguiu isolar o vírus e quase zerar contágios e obitos. Vc. é um Fake!

  24. Bolsonaro, quanto você recebe de cachê para ser o garoto propaganda da cloroquina? Deve ser muito dinheiro para compensar o risco de morrer em consequência dos efeitos colaterais danosos da cloroquina. Pobre Povo Brasileiro que é enganado e traído pelo presidente da república. Fora Bolsonaro. Impeachment já.

    1. Para quem não sabe a cloroquina é quase de graça, ninguém gastaria com propaganda, leia mais antes de falar.

    2. Engraçado o estado PARÁ saiu do colapso com ações de combate precosse a doença, com ivermectina Anita e hidroxicloroquina, se esclareça. Tem Santa Catarina, e muita informações e lives no YouTube por exemplo.

  25. Bolsonaro — o garoto propaganda da cloroquina que ameaça a vida dos Brasileiros com mentiras, sem credibilidade e sem fundamentos científicos. Um charlatão, envolvido na contratação de funcionários fantasmas enquanto deputado federal por 28 anos e amigo de milicianos.

  26. Doente está a Crusoé. Qual seria a causa dessa inversão repentina? Bom, não vou procurar saber. Só não vou renovar minha assinatura.

  27. Dizem que não há comprovação científica do uso da hidroxicloroquina no tratamento da Covid19. Basta comparar o nr da doença no Pará e no Rj para ver que o tratamento precoce com essa droga no Pará fez com que o estado saísse do iminente colapso para uma situação das mais tranquilas com metade do número de mortes do que o RJ.

    1. O pior dos defensores do capitao cloroquina é que náo sabem fazer contas,,,,5800 mortes no Para para uma populacao de 8,5 milhoes,,,,,,11.500 mortes no RJ para uma populacao de 16 milhoes,,,preciso desenhar?????

  28. Desqualificar pessoas que defendem o uso da cloroquina e da ivermectina é desonestidade intelectual. A grande imprensa, especialmente o JN, só dá voz a "especialistas/cientistas" contrários ao uso dessas drogas e que adoram holofotes e os momentos de fama. O único argumento é que não fazem efeito nos pacientes graves e desconhecem, ou pior, omitem o sucesso que os médicos da frente de batalha obtêm com seu uso precoce. Notícia que vende É PÂNICO! MORTE! Cura rápida sem internar? Não interessa.

    1. Perfeito Luiza, faço minhas as suas palavras, a cloroquina e a ivermectina já estão consagradas como tratamento inicial e profilático do covid19, como o uso de antecoagulante, para evitar trombo sanguíneo, nas fases 2 e 3, da enfermidade. Inoportuna a referência do repórter "nos bastidores ela é conhecida como Mayara Cloroquina" veneno desnecessário, gracinha sem graça, desmereceu a qualidade da matéria.

  29. Embora eu tenha imensas discordâncias com alguns ministros do supremo, NÃO é verdade que tenham decidido IMPEDIR o presidente de coordenar as ações de prevenção e controle da pandemia. Apenas reconheceram a legitimidade de governadores e prefeitos de gerenciarem tais medidas, no âmbito de suas instâncias. Isso foi feito com muita competência pela equipe do ministério da Saúde no início da pandemia mas o presidente preferiu demitir técnicos competentes e substitui-los por militares incompetente

    1. Na mosca, e além de fugir das suas responsabilidades com claro objetivo de se preservar de atitudes (necessárias) impopulares, praticou de forma sistemática boicote as ações, insuflando seus seguidores fanáticos na desobediência das orientações,,,,,,essa conta será paga, no minimo que viero a obito por falta de infra-estrtura estará nessa responsabilidade

  30. Interessante notar que ninguém até o momento (11/07- 18 horas) testou positivo à COVID 19, dentre uma centena de pessoas que tiveram contato com Bolsonaro, nem mesmo sua esposa e filha... será que pegiou COVID mesmo?

    1. Vá entender esse povo, criticaram porque ele disse que não tinha o vírus, agora criticam porque deu positivo o povinho problemático.

  31. Pq empresarios, principalmente europeus, tem tanto interesse na Amazonia?? Eles não pisam lá! Nem estão interessados em desenvolver o local! Querem apenas usar como imagem pras suas agendas ideológicas, voltada pros alienados “verdes”.

    1. Desenvolva a sua cabecinha de pombo e vai entender. Se não for robô, claro.

  32. A gente vai perdendo o respeito à coisa pública devido a exorbitância deste governo que não governa e não tem capacidade para tal.Os ministros idem!

  33. A falta de rumo da OMS, que a cada semana contradiz uma informação não é criticada por está revista... Se depender de boa parte da imprensa, inclusive agora a cruzoe, quanto pior melhor... lamentável

  34. A tendência masoquista do eleitor do capitão é impressionante , se não gostam das reportagens e matérias isentas da revista porque leem ???? Quer ouvir somente elogios fiquem restritos ao facebook ou twiter de apoiadores ou do próprio capitão, coisa chata isso

  35. Qual o problema de o Bolsonaro contrair q doença? Ele nunca falou que não seria contaminado. Falou q a maioria da população pegaria a doença. Como ele não é do grupo de risco e tá seguindo os protocolos médicos se tratamento precoce com cloroquina azitromicina e etc.. vai na vdd provar q a doença não vai passar de uma gripe sem maiores consequências Sinceramente tá cada vez mais difícil ler essa revista

  36. Uma pergunta e talvez uma proposta para uma próxima reportagem: Os pacientes que foram e sempre fizeram uso da Hidroxicloroquina para malária e Lupus tiveram efeito colaterais , morreram? Por que endemonizar tanto dizendo os "cientistas" que causam tantos danos ao coração como arritmia?

  37. COVID bonzinho esse que não pega ninguém com quem o Bolsonaro teve contato... rsrsrsrs... Só que não. A verdade é que ele pegou a “gripeziinha” em março...

  38. Caminhando a passos largos para o caos, sem liderança, com desavenças , e sem a chamada "transparência republicana".......e muita gente que foi enganada ainda tentando encontrar uma desculpa para não dar o braço a torcer,,,,,foi escolhida a pior opção para tirar os petralhas,,uma hora isso acaba ( mais um pastor!!!)

  39. Por tudo que se vê e lê fica a certeza que vivemos num país sem rumo, sem comando, imerso em diversas crises - sanitária, econômica, moral etc.

  40. Um presidente sem ministro da saúde, sem NENHUM plano para uma pandemia planetária desse porte e o maluco desafiando TODOS os médicos, cientistas e OMS - anda sem máscara, abraça pessoas, fala perto de todo mundo e agora, se dizendo positivado faz propaganda de cloroquina NO CASO DA COVID... O Brasil vai acabar de afundar c esse louco.

  41. Obrigada André Spigariol, pela reportagem muito bem elaborada sobre a situação de um governo combalido e sem estrutura para liderar um país tão grande e Belo como o nosso BRASIL, principalmente na situação em que estamos vivendo com essa pandemia COVID-19. É um verdadeiro desastre, o povo Brasileiro está em lágrimas com a perda de tantos compatriotas e entes queridos(as).

  42. Nos governos anteriores, era a Saúde que vivia sempre na UTI. Hoje, o quadro se expandiu, quase todos os setores apresentam mostras de deficiências. O PR fez muito pouco para mudar isso.

  43. Desconfio de todos que se apresentam como especialistas em tudo... Spigariol deve contar com ampla rede multidisciplinar de "fontes murmurantes"

  44. Suspeito que, num determinado momento, a população do planeta inteiro, estava distraída, quando abriram a porta dos manicômios e os 'malucos de jogar pedra' aproveitaram para ocupar todos os cargos mais relevantes em mais de uma centena de países!.... EUA, Rússia, Brasil, Itália, Inglaterra, Israel, Argentina, Venezuela, Corea do Norte, Síria, Emirados Árabes, etc, etc, etc... O 'nosso' 'maluco de jogar pedra', abusa, inverte e nos joga pedras. Aqui haverá retribuição.

    1. 🙏🙏🙏🙏🙏🙏 Chega logo, ILUMINISMO BRASILEIRO 2022!!!!

  45. STF não mandou a gestão para os estados e seus governadores que estão desviando , a rodo , o dinheiro que o governo federal libera Falam do governo federal mas não comentam sobre SP ( o gestor preocupado com vidas que bate recorde diário de mortos por covid ) de witzel que em um contrato de 770 mi desviou 660 mi . Está na hora deste jornalismo idiota olhar o nariz dos outros tss as minem

    1. totalmente a deriva sem rumo sem saber que direção tomar. E o mais incrível deste Governo é saber que mais de 70 mil vidas já se foram e ele nos fez entender que o problema não era com ele não visitando sequer um hospital para saber se tinha todo os instrumentos necessários para tratar dos doentes, este fato cortou o coração de todos que perderam seus entes queridos, tendo ele com isso perdido grande parte dos seus eleitores, um dia ele vai precisar de eleitores e não terá o suficiente

  46. Até agora, deste governinho, só vi ação mesmo contra a lava-jato. Estão juntos o STF, Centrão, e o Chefão Bolsonaro fazendo de tudo para deixar soltos os bandidos do colarinho branco, sangue-sugas do erário! Pobre contribuinte brasileiro, triste país!

    1. A alternativa era o fantoche do presidiário. Estamos fritos

    2. Eleição ganha pelo apoio dos tolos, que votamos enganados, supondo que JB era um baluarte contra a corrupção...

  47. DOENTE MESMO ESTÃO CRUSOÉ E ANTAGONISTA. DECEPÇÃO DO "CARAÍ"!!! TOTALMENTE ALIENANTE... VOCÊS NÃO INFORMAM MAIS. ISSO É UMA AFRONTA À INTELIGÊNCIA DOS SEUS LEITORES. NÃO POSSO CANCELAR, MAS, NÃO FAÇO RENOVAÇÃO. VENDIDOS???? NÃO SEI SE DEFINE BEM O QUE REALMENTE QUERO DIZER DE VOCÊS...

  48. Quem me parece muito doente é essa revista Crusoe. Um parasita sempre adoece Quando o hospedeiro nega o alimento. Que jornalismo idiota. Quem vocês pensam que estão iludindo ? Vocês envergonham o ser humano ...

    1. Os artigos da Crusoé são absurdamente fidedignos a realidade que aterrorizados contemplamos. Óbvio, quem tem olhos de ver

    1. Logo esses robôs e gado falsificado estarão desaparecendo aqui. Aposto. E fico feliz.O Carlixo já entendeu que é melhor pra ele desligar seus computadores antes de ser preso. Bixa incubada e sem vergonha!

    1. Claro que não. Botafogo nada fará enquanto as ruas estiverem vazias

    2. Não! Não tem respirador pra todo mundo. Mesmo se considerarmos somente os quem têm olhos de ver

    1. Verdade Maria! Não se preocupe com os comentários dos dois bolsonaristas abaixo!

  49. As investigações não deveriam somente ser feitas contra estados e municípios e sim no Governo Federal. E com relação à doença do presidente, essa é psiquiátrica, digna de uma preocupação maior com relação ao caráter e aos sintomas de algum problema psiquiátrico seríssimo.

    1. BOLSONARO NUNCA MAIS. Fora mandrião. Fora TRAIDOR do Povo Brasileiro.

    2. Suzete, se precisar tenho receita de tarja preta para você até 2022👻🤧

  50. Por mais distinta que possa ser a personalidade de um fanático por futebol, de um esquerdista ou de extrema direita, por exemplo, há algo que os une: em todos os casos, existe uma adesão incondicional à "causa" pela qual advogam. Essa adesão não tem matizes, nem limites; a pessoa perde a perspectiva e está disposta a fazer o que for preciso para defender suas ideias.Mundo dos Psicólogos

    1. vcs gostam mesmo é do molusco cachaceiro, o homem mais honesto do mundo.

    2. Jeito grosseiro para lidar com a população, que fez ganhar uma eleição sem fazer campanha mas as promessas ainda que poucas, ainda não tem uma sequer cumprida. Aqui se faz........ O tempo mostrará, vamos aguardar, o tempo é o senhor da razão.

  51. Tem muito a ser investigado no pt e psdb, muito antes do Bolsonaro! Quanto tempo a crusoé perdeu! Enquanto essa revistinha medrosa bate no presidente por medo do stf, estou cancelando a assinatura. Para ver esquerdopata batendo no presidente, não é preciso assinar revista vermelha. Fui!

    1. Aqui vcs não verão nada sobre os apadrinhados. A revista coloca Moro como colunista , vão esperar o que ?

  52. Esse governo genocida, na minha opinião, devia ser julgado por tribunais de fora do Brasil, não sei se isso é possível, mas como "povo" clamo uma intervenção internacional

    1. Essa revista digital está com uma turma de idiotizados Militontos.

    2. Porque não vai morar fora, e leva esses LARAPIOS juntos.

    1. Psicopata no comando da Nação! Não sou da esquerda! Eu raciocino...apenas isso!

    1. Você tem alguma dúvida que alguém em sã consciência utilizaria um remédio indicado por um apedeuta ??? Eu não tenho !!!

  53. Doença grande mesmo é esse jornalismo imparcial praticado por essa revista ridícula que se transformou a Crusoe. Triste ...

  54. Com tantas notícias só tenho que dar os parabéns ao jornalista com tantas matérias matérias bem explicadas parabéns a todos vocês

  55. O mais triste desta história toda sobre o COVID, que na minha opinião seria mais eficiente ter usado o SUS para repassar mais dinheiro para os hospitais e lubrificar o sistema. Exemplo podiam ter pegado a tabela do SUS e nivelado os preços dos tratamentos usados no COVID com a tabela dos planos de saúde, para assim distribuir o dinheiro direto na ponta e abrir mais vagas de UTI no Brasil todo, pois não haveria diferença atender uma plano de saúde e alguém do SUS.

    1. Socorro... Qta gente delirando aqui .. Cloroquina nesse povo ! Kkkk

    2. Giovani este é o melhor é mais preciso comentário sobre o.assunto em pauta, parece que os governantes gostam de dar o dinheiro que não é deles para os comunistas gastar como quiserem,todos sabiam que no Rio e São Paulo tem 2 ladrões comunistas e também devido a pandemia poderiam gastar como quisessem, mas não pensaram que o SUS nunca esteve preparado para atendimento dos mais carentes. agora o governo que se vire para repor o dinheiro que foi roubado. Se ele não fizer pedimos sua renúncia

    3. Misericórdia. Socorro ! Os malucos aqui na Crusoé tão contaminando mais que o corona .

    4. Eu também duvido que esteja. Pra mim ele teve mesmo foi lá em março. Agora descobriu que pode ganhar muito com isso ao dizer que foi curado pela cloroquina e que não é preciso esse distanciamento todo pq ninguém com quem ele andou nesses últimos 14 dias vai testar positivo. Político não dá ponto sem nó. Tudo para ganho pessoal.

  56. E ainda temos mais dois anos dessa tortura pela frente. Não haverá mudanças significativas porque neste governo de generais é proibidido pensar e, principalmente, agir.

    1. Mulher , se acorde ! Quem não te deixa pensar não são os generais e sim suas sinapses ...

  57. bolsonaro/lula sao siameses> iguais em : Arrogancia,ignorancia ,desprezo pelo povo brasileiros,mentirosos contumazes,filhos enrolados. a esquerda esta bem representada neste governo TRAIDOR DO BRASIL.

    1. Podem ser iguais em muita coisa mas duvido que o molusco se transformaria em obstáculo no combate a pandemia, ele definitivamente não é louco. A conta vai chegar para ele, sem duvida, espero não sobrar para nós ainda mais,,,,,,,,se uma politica publica não negacionista tivesse sido tomada provavelmente estaríamos saindo dessa situação , e com menor impacto nas finanças e de mortes, náo tenho duvidas,,,,,SOCORRO!!!!!!

  58. Excelente matéria. Por ser longo e detalhado mtos se negam a lê lo e já disparam impropérios como torcedores fanáticos. Nesse momento de vergonha nacional , urge uma leitura sem paixões exacerbadas. Lamentável estarmos sem Ministro da Educação e Ministro da Saúde . Gestao pública federal incompetente nesse momento grave da pandemia !

  59. 70000 são 0,033333333333333% da população brasileira. Realmente são mortes, e todas são ruins, MAS VÃO MORRER. Isso é um fato. Se tivéssemos uma população de 10 pessoas e morresse 1 iria ser estatisticamente muito pior pois teria morrido 10% da população, mas foi uma só morte. O Brasil tem a população equivalente a soma de uns 8 países da Europa e NÃO TEM AS PERDAS EQUIVALENTES A 8 PAÍSES DE LÁ.

    1. Até morrer alguém que você ame, daí o papo muda, né, imbecil?

    2. Os fatos são esses, graças ao Mandetta que iniciou a estratégia de combate à pandemia focado num lógica elementares: não dá para todos se contaminarem ao mesmo tempo!

  60. Absurdo essas "charges" editoriais. Falemos de progresso, de obras. Falemos de planejamento. Cacete está revista ficou com a folha e globolixo. Até a Dilma já é notícia por AQUI. Uma ilha de vergonha.

    1. Certíssimo José. Nunca vi tanto ataque da imprensa contra um presidente. Talvez contra J.B Figueiredo. Porque da mesma forma mandava jornalistas para a pqp. Preferem bater palmas a Getúlio, Jango, Sarney, Fernando, Lula e Dilma. Afinal, quem cobra deles responsabilidades pelo que escrevem e patrocinam? Foi esquecido que vários receberam $$$ do partido vermelho para vir a público defender isto e aquilo nos quinze anos que ficaram marcados na história do Brasil? isso é jornalismo isento?

    2. Isso mesmo, caro José! É muito ti-ti-ti, nhe-nhe-nhem, a troco de nada!

  61. Triste constatar, que nós brasileiros estamos imersos em tantas crises: sanitária, econômica, política e moral.... Este desgoverno é tudo de ruim #FORABOLSONARO.

  62. BolsoLula — o garoto propaganda da cloroquina. O cache do charlatão que não entende nada de Saude Pública deve ser alto. Fora Bolsonaro. Fora Traidor da População Brasileira. Fora Traidor da Pátria. Impeachment Já.

    1. Se fosse um PRESIDENTE das orcrims q governaram o BRASIL nos últimos 35 anos, a certeza seria grande de q é mesmo garoto propaganda da hidroxiclroquina, é a grana correndo solta. Tipo esses furtos q vêm de palestras? feitas por analfabetos esquerdopatas, ao custo de milhão, por jornalistas e políticos já pegos. Ou é fake?

    2. Fale por vc tão somente garota! A população, principalmente do Nordeste em especial do Ceará, só tem aplausos a este GOVERNO que fala e faz, mesmo com tantos impatrioticos torcendo contra como o Hélio Schwartz e toda a família Frias.

  63. Fora Bolsonaro! Fora Traidor do Brasil! Fora Traidor do Povo Brasileiro! Bolsonaro é o maior responsável pela morte de 69.184 Brasileiros pela COVID-19. O Brasil tem hoje, 10 de Julho, 1.755.779 casos confirmados da COVID-19. O Brasil é o ÚNICO PAÍS do MUNDO sem Ministro da Saúde graças à irresponsabilidade e à perversidade de Jair Bolsonaro. #ImpeachmentJá

    1. Senhora: melhor verificar sua temperatura, com tanto delírio..

    2. Nenhum país se viu preparado para uma pandemia. Nem a maior nação do mundo. O Brasil já está se recuperando. A crise de 2015/16 foi muito pior. As obras estão sendo concluídas (Transposição, Ferrovia Norte-Sul etc..). Não há uma corrupção enraizada no Executivo. Muito provavelmente repetirei o meu voto à presidência.

    3. Bolsonarario responsavel por 1,7 milhões de contaminação de Brasileiros!! Conta outra porque está nao cola. Tenha a Sta. paciência.

    4. O nome dessa garota deveria ser Doidivana e não Silvana. Por oportuno, Silvana deriva de Silva, isso mesmo lembra o molusco Lularápio.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO