Adriano Machado/CrusoéO presidente e o novo ministro na apresentação oficial: "alinhamento completo"

Ele não pode falhar

O oncologista Nelson Teich assume o Ministério da Saúde num momento crucial da epidemia no Brasil. Em breve, ele defenderá a flexibilização do isolamento social
17.04.20

O Hospital de Amor, até há pouco conhecido como Hospital do Câncer de Barretos, atende quase 200 mil pacientes por ano, com qualidade e tecnologia de centros oncológicos privados de ponta. Na tarde de 31 de janeiro deste ano, o médico carioca Nelson Teich chegou à cidade, conhecida internacionalmente por seus rodeios, para tentar entender os segredos da excelência do hospital, onde a maior parte dos pacientes vem do Sistema Único de Saúde. Quase três meses antes de virar ministro, o oncologista havia começado um périplo por unidades de referência do SUS em busca de soluções comuns que pudessem ser replicadas para todo o sistema público. Naquela sexta-feira, o coronavírus ainda não havia chegado ao Brasil nem pairavam ameaças de demissão sobre o então chefe do Ministério da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. Teich, que pouco antes de Jair Bolsonaro tomar posse havia sido cotado para a cadeira, já não tinha a perspectiva de assumi-la. Mas, segundo amigos, o médico e empresário já amadurecia um sonho antigo de trabalhar com gestão pública de saúde.

Naquela tarde, ele conversou longamente com o diretor do hospital, Henrique Prata. Interessado em conhecer as minúcias da gestão, o oncologista tentava desvendar como é possível oferecer saúde de qualidade com restrições orçamentárias. Saiu satisfeito com o que viu e convencido de que é possível reproduzir boas práticas em prol de um serviço público de qualidade. Agora, à frente da pasta na pior crise sanitária do século, ele terá que enfrentar desafios de curtíssimo prazo para salvar vidas e evitar o caos hospitalar antes de dedicar-se a planos mais audaciosos para a administração pública. Um desses desafios é de caráter político, e não técnico: depois da colisão entre o presidente Jair Bolsonaro e seu antecessor, o médico terá que conciliar interesses e medir atos e palavras, sem desviar-se, contudo, dos consensos mundiais em torno da Covid-19. Bolsonaro, por sua vez, também já se adapta. Para conseguir contratar um nome com respaldo da comunidade médica, o presidente também fez ajustes no discurso. Nesta quinta-feira, 16, durante a apresentação do novo auxiliar, Bolsonaro falou em retomada “gradativa” das atividades e adotou termos bem diferentes dos entoados até então contra o chamado isolamento social horizontal.

Aos 62 anos, formado em medicina pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, a UERJ, e especialista em oncologia pelo Instituto Nacional do Câncer, o Inca, Nelson Luiz Sperle Teich sempre se dedicou profissionalmente à busca da inovação e do conhecimento de ponta. Fez especializações em gestão na Universidade Harvard, nos Estados Unidos, e doutorado na Universidade de York, na Inglaterra. Em 1990, fundou o Grupo Clínicas Oncológicas Integradas, um grande conglomerado médico-empresarial com 18 unidades no Rio de Janeiro, em São Paulo e em Pernambuco. Há dois anos, vendeu a empresa para a United Health Group, controladora da Amil, e abriu uma empresa de consultoria em saúde. A vida atribulada de gestor de um meganegócio ficou para trás e Teich decidiu que precisava de um novo propósito. “Com a venda da clínica, ele resolveu a vida financeira e ficou em busca de uma causa. Queria muito se dedicar ao serviço público e aplicar a experiência de gestão em saúde em prol da sociedade”, conta a médica Angélica Nogueira, amiga de Teich desde os tempos do Inca, e diretora da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica. Angélica acompanhou o novo ministro na visita ao hospital de Barretos, em janeiro. “Chamou atenção como ele estava interessado em entender as soluções e buscar as melhores práticas. Já estava em um processo voluntário de estudar as melhores práticas do SUS”, relembra.

“Ele é uma referência nacional, um profissional excepcional. É um gestor que soube atravessar crises e aprimorar a administração. Fez doutorado na Inglaterra, é muito focado em ciência e, sobretudo, um bom negociador”, descreve a amiga. Para ela, ainda que sob pressão política, Nelson Teich não vai se desviar de sua formação técnica, embora tenha dito, ao ser apresentado como novo ministro no Palácio do Planalto, que está totalmente alinhado com o presidente. “Ele não renunciará aos seus princípios, nem tomará decisões que possam colocar a população em risco”, garante Angélica. Apesar de ter se posicionado contra a demissão de Mandetta, a comunidade médica recebeu com entusiasmo a escolha de Teich. O presidente da Associação Médica Brasileira, Lincoln Lopes Ferreira, participou da reunião dele com Bolsonaro e avalizou a escolha. “É um nome que conta com nosso total apoio, e pelo qual temos muita simpatia. Respeitado na classe médica, eminentemente técnico, gestor e altamente preparado para conduzir o Ministério da Saúde”, afirmou Lincoln.

Teich chegou ao Planalto para o encontro com o presidente recebendo as honras de ministro. A escolha já estava praticamente selada, depois de sucessivas conversas telefônicas e teleconferências na véspera. Só faltava uma conversa final para alinhar o discurso e as ideias. Durante pouco mais de uma hora e meia, na companhia de seus ministros mais próximos, entre eles os do núcleo militar, o presidente quis passar em revista as opiniões do médico sobre a crise do coronavírus. Também quis ouvi-lo sobre os problemas gerais do sistema de saúde brasileiro.

ReproduçãoTeich no gabinete presidencial: “Tá com tesão?”, perguntou Bolsonaro
Bolsonaro desfiou ainda seu discurso sobre a necessidade de evitar que o combate ao vírus destroce a economia. Disse que é buscar “soluções macro” para proteger o país – algo bem na linha do que ele vem falando há semanas. “O vírus não pode acabar com o país”, afirmou o presidente, conforme antecipou Crusoé ao noticiar em primeira mão a escolha. O presidente também falou sobre a cloroquina como solução para a pandemia, mas, segundo participantes do encontro, não chegou a exigir do novo ministro qualquer compromisso em relação à adoção do medicamento em larga escala. “O ministério é seu. Eu vou exigir é resultado”, afirmou. Depois da reunião, o médico almoçou com Bolsonaro já na condição de virtual substituto de Luiz Henrique Mandetta e, em seguida, foi levado por auxiliares do presidente para um tour pelo palácio. Ficou bem impressionado com as salas de situação usadas pela força-tarefa que monitora o avanço da epidemia no país. Vestia um blazer e uma camisa social esporte fino. Foi orientado a trocar o conjunto por outro mais social porque, em questão de horas, apareceria ao lado do presidente no anúncio oficial.

Àquela altura, Mandetta ainda era oficialmente ministro e havia sido convocado para estar no Planalto pontualmente às 15h45. Era evidente que o chamado era para sacramentar a demissão. E foi. A reunião com o presidente, foi rápida. Durou cerca de meia hora. Na sequência, o Planalto confirmou oficialmente o nome de Teich como novo ministro. Em um pronunciamento inaugural curto, o oncologista evitou polêmicas. “O que a gente está fazendo aqui hoje é trabalhar para que a sociedade retome de forma cada vez mais rápida uma vida normal. A gente trabalha pelo país e pela sociedade”, disse ele, ao lado de Bolsonaro. Ao abordar um tema caro ao presidente, a dicotomia entre a saúde e a economia no combate ao coronavírus, o oncologista afirmou que não pode haver oposição entre uma coisa e outra. “São coisas complementares.” Em artigo publicado na internet no começo do mês, Teich fez uma defesa veemente do isolamento social. Disse que a condução da crise havia sido “perfeita” até o momento e defendeu a adoção de um isolamento “estratégico”, com o uso de testes em massa e do monitoramento da população por telefone celular – algo, aliás, questionado nos últimos dias por Bolsonaro e seus filhos.

“Felizmente, apesar de todos os problemas, a condução até o momento foi perfeita. Pacientes e sociedade foram priorizados e medidas voltadas para o controle da doença foram tomadas. Essa escolha levou a riscos econômicos e sociais, que foram tratados com medidas desenhadas para resolver possíveis desdobramentos negativos das ações na saúde”, afirmou o médico no artigo. No texto, ele citou onze pontos que considera essenciais para vencer a pandemia. Não houve nenhuma menção à cloroquina, remédio visto por Bolsonaro como a tábua de salvação contra o vírus. Para pessoas próximas a Teich, ele deve seguir as diretrizes gerais do antecessor, que via com ressalvas o uso indiscriminado do medicamento.

Em outro artigo publicado em março, o oncologista criticou o primeiro-ministro britânico Boris Johnson e o presidente americano Donald Trump, por subestimarem os impactos da pandemia. “Mesmo que tivessem opiniões diferentes em relação à melhor forma de abordar o problema, ficou impossível para Johnson e Trump correr o risco de cometer uma falha na avaliação e enfrentar as consequências de um erro dessa magnitude”, escreveu.

O apoio da comunidade médica é uma sinalização de que não se deve esperar por mudanças bruscas na política de enfrentamento ao coronavírus. Mudanças bruscas, ressalte-se. Porque mudanças certamente virão. E virão à medida que o novo ministro tiver, segundo ele mesmo disse nos últimos dias, um diagnóstico mais preciso do quadro. Entre seus planos está, por exemplo, a flexibilização do isolamento. Se parece contraditório com o que ele escreveu no artigo recente, a medida está em linha com as conversas mantidas com Bolsonaro e os outros integrantes do governo – antes de desembarcar em Brasília, houve várias conversas de “alinhamento” como ministros palacianos, como os generais Walter Braga Netto, da Casa Civil, e Luiz Eduardo Ramos, da Secretaria de Governo. O compromisso com a flexibilização do isolamento horizontal foi determinante para a escolha. Na reunião desta quinta no Planalto, os olhos de Bolsonaro brilharam quando Teich disse que incluiu o “desenvolvimento econômico” entre os cinco fatores essenciais para a saúde pública.

Dida Sampaio/Estadão ConteúdoDida Sampaio/Estadão ConteúdoMandetta, agora ex: após a demissão, ele voltou ao ministério para se despedir
Quem conhece o novo ministro e conversou com ele nas últimas horas garante, porém, que ele não tomará decisões relevantes sem ter em mãos um diagnóstico preciso do quadro. Até por sua experiência na iniciativa privada, Teich tem forte perfil gerencial e não esconde seu gosto por planejamento, pesquisa e por decisões baseadas em dados – até por isso ele já chegou defendendo a ampliação da testagem da população ao máximo possível. Nas conversas com o presidente, ele defendeu que não se pode trabalhar sem prazos e que a manutenção da quarentena para a população em geral por tempo indeterminado não é uma boa medida. Ainda que se faça ajustes no caminho, ele defende, é preciso estabelecer datas. Em uma teleconferência um dia antes de ser anunciado, o novo ministro afirmou que, neste momento, é preciso admitir a ignorância quanto à doença, entender que ninguém sabe tudo sobre ela e compreender que erros serão cometidos. Isso não significa, porém, que não se deva tentar meios de vencê-la. Se derem errado, nas palavras dele, é o caso de reconhecer o erro, “tocar o barco”, corrigir rumos e procurar errar menos nas decisões seguintes.

“Tenho algumas ideias na cabeça”, afirmou, deixando claro, porém, que é “técnico e científico” e procurará dar seus passos de acordo com critérios objetivos. Ao falar da necessidade de se fazer mais testes, por exemplo, ele observou que é preciso antes chegar a uma definição sobre o melhor tipo de teste. Depois, é preciso uniformizar, estabelecer um padrão, até para ter uma base sólida de comparação e dados consistentes. “Ele não tem paixão por uma ideia. Ele tem paixão por resolver”, diz um interlocutor ao explicar que Teich não chega para a maior missão de sua vida com dogmas ou receitas pré-concebidas que impeçam a possibilidade de mudar de rumo, se assim entender. “Se a partir dos dados ele chegar à conclusão de que o melhor mesmo era o isolamento horizontal, ele vai brigar por isso.”

Pai de seis filhos e casado com a administradora de empresas Daniela Teich, sua sócia na consultoria em saúde, o novo ministro é tido como uma pessoa introvertida e serena. Também tem fama de bom ouvinte. O trabalho no ministério deve ser facilitado pelo fato de ele já ter se relacionado antes com a pasta que vai comandar: no ano passado, atuou como consultor do secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos de Mandetta, Denizar Vianna, que foi seu sócio e contemporâneo na Uerj. Na campanha vitoriosa de Jair Bolsonaro à Presidência, Teich colaborou com ideias para a área de saúde – foi levado por Paulo Guedes.

Um dos orgulhos do médico, segundo amigos, é a filha Vanessa Teich, que seguiu seus passos na carreira. Engenheira de produção pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, ela fez mestrado em tecnologias de saúde na Universidade de York, na Inglaterra, a mesma frequentada pelo pai. Depois de trabalhar mais de uma década como consultora de saúde, Vanessa assumiu no fim de 2019 o cargo de superintendente de Economia da Saúde no Hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Como todos que desembarcam em Brasília para comandar uma área sensível do governo, Nelson Teich terá que deixar a rotina na planície e se adaptar à vida no Planalto, com todos os seus percalços e armadilhas. Quando conseguir superar a crise do coronavírus, terá uma sequência de outros obstáculos para vencer, como a falta de organização e de financiamento para o SUS. Ele conhece de perto uma das adversidades que terá pela frente: o Inca, onde trabalhou, estima para este ano 620 mil novos casos de câncer no Brasil. A cifra fica ainda mais assustadora diante do fato de que menos de 25% das mulheres têm acesso a mamografias. Melhorar a estrutura labiríntica do sistema e a vida dos 70% de brasileiros sem plano de saúde é outra missão complicada que o ministro terá, para além da crise do coronavírus.

Um médico que conhece Teich de perto – e que não tem motivos para incensá-lo – definiu assim o escolhido para o lugar de Mandetta: “Entende de sistemas de saúde, bom caráter, boa pessoa, técnico, nada ideológico, muito economista, com atuação na área de custo/efetividade, não precisa de dinheiro, nem é extremamente vaidoso”. No almoço desta quinta, no Planalto, o novo ministro foi surpreendido por uma pergunta um tanto informal de Jair Bolsonaro. “Tá com tesão?”, indagou o presidente. “Tô”, respondeu Teich, ao que Bolsonaro emendou, referindo-se à crise: “Essa p. é grande. Olha o tamanho. Eu acho que você é um louco de aceitar, mas é de um louco mesmo que eu preciso agora”.

Com reportagem de Igor Gadelha e Rodrigo Rangel.
Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Bozo quer o cargo de Diretor Geral da PF para colocar um “amigão” do Centrão, para abafar a zorra toda. Triste fim de Bozo. Vai tomar uma entubada de Moro. Moro 2022!

  2. O bozo está emparedado. Moro emparedou ele. Celso de Mello emparedou dele. Maia emparedou ele. E o próximo a emparedá-lo será Guedes, que não ficará nesse pau de bosta para manchar a trajetória de uma vida. Mais um impeachment à vista. E mais desgraça para o Brasil.

  3. CRUSOÉ e Antagonista! Antes de dar o veredito final sobre o caminho que acho que vocês estão tomando, vou analisar seus comportamentos nas matérias. Essa credibilidade de pessoas que falam português e vendem para brasileiros mas moram fora do país, podem fazer um certo sentido. Hoje foi foda hein rapazeada do jornalismo, putalamerda!

  4. Atitude pobre da Crusoé dos comentários diários. Tá difícil até na questão de leitura alguma coisa que presta no Brasil!

  5. É tenho que ri - ridícula esta atitude da Crusoe dos comentários diários. Assume e BATE NO PEITO EU ERREI QUEM Ñ ERRA? TÁ difícil no Brasil ter uma leitura seria e que assume erros e acertos tb!

  6. Já que vocês ERRARAM e publicaram que o Moro tinha saído, e agora não aceitam comentários nas matérias diárias, eu estou falando aqui: vocês deveriam se desculpar por propagar FAKENEWS! Se não se desculparem por esse erro eu, e grande parte dos leitores, vamos cancelar a assinatura!

  7. Passei por aqui, já que não consigo comentar nas matérias diárias, que também acho que o Diretor da PF deveria ser escolha do Ministério da Justiça. Mas as matérias sobre a possível saída do Moro do Ministério está com um erro grosso, de quem não conhece o que está falando e transmitindo. Diferente da matéria, que afirma que o Presidente, seja quem for, está interferindo na escolha do Diretor. Ele não pode estar interferindo, pois a escolha do Diretor é do Presidente e não do Ministro.

    1. O Executivo não tem liberdade ilimitada para fazer demissões imotivadas. Só pra você ficar sabendo. E isso aqui também, não é pra ser uma reles ditadura de um tresloucado que age por interesse próprio e para encobrir sérias, ""digamos"" , ""falcatruas""!!! É estou sendo sóbria ao mencionar o que é encoberto nesse caso.

  8. Que cansaço! Jair Bolsonaro promove mais uma vez o caos. Quer trocar o comando da PF, embora tenha afirmado que Sergio Moro teria carta branca como ministro de seu governo, à época da indicação de Moro para assumir o cargo de ministro da Justiça. Jair Bolsonaro se alimenta do caos e fomenta o caos. Tolos os que acreditam que o atual presidente tem capacidade para comandar o Brasil. O PR provou com ações e palavras que não está à altura do cargo de presidente do Brasil.

  9. Estou torcendo para que esse Ministro tome as decisões acertadas, meio termo entre as do Bolsonaro e as do anterior da pasta. Que ele tenha a serenidade necessária para comandar essa crise. Boa sorte para nós, brasileiros!

    1. Odete — Fiquei fora do ar um tempo. Porque fecharam os comentários das notícias diárias? Deram alguma explicação? Foi por causa do Miguel e sua campanha contra a revista?

  10. Estou começando a sentir o cheiro de má fé na notícia da Crusoé sobre a demissão do Moro. Se eu ver que é isso mesmo, vou cancelar minha assinatura e excomungar o que resta do jornalismo Brasileiro.

    1. JB tentou acordo com Centrão para se contrapor ao Maia e seu futuro pedido de impeachment, a regra era distribuir cargos conforme sempre foi o gosto do Centrão. Mas havia algo q o Centrão sempre insistiu para poder trabalhar a favor de JB, o cargo principal na PF, pois a maioria do Centrão está enrolada em processos com investigação em andamento. A pressão é grande e JB sabe q para adiar o impedimento terá de aceitar a barganha nefasta do Centrão. Se Valeixo sair, Moro deve entregar mo cargo.

    2. Não é má fé Cleodario (mais um nome criativo do gabinete do ódio), todos os outros meios de comunicação estão tratando do assunto também. Ocorre que JB desde 2019 vem tentando cercear a atividade investigativa da PF e para isso precisa tirar o Valeixo de lá, mas o Moro não aceita isso. Se for confirmada a saída do Valeixo, tenho certeza que o Moro entrega o cargo sim.

  11. Já estamos no fundo do poço mesmo com esse broncossauro, com essa, fomos para o subsolo!!! Óóóótimo, assim o DR. SÉRGIO FERNANDO MORO SERÁ NOSSO PRÓXIMO e VERDADEIRO PRESIDENTE DA REPÚBLICA com.o DR. MAURÍCIO VALEIXO DE VICE!!!!!!

    1. MUITA PROTEÇÃO E TODA FORÇA, DR. SÉRGIO FERNANDO MORO E DR. MAURÍCIO VALEIXO!!!!!! O BRASIL DECENTE E DO BEM ESTÁ COM OS SENHORES!!!!!

    2. A perseguição ao DR. SÉRGIO FERNANDO MORO é o pânico da monstruosa barra pesadíssima da monarquia mafiosa, que emerge e já está na lâmina da superfície!!!! Tomara que coincida com a que emerge também da marginalha petralha sobre o Celso Daniel, assim o BRASIL será saneado e todos esses dejetos tenebrosos irão para o fundo da Papuda, deixando o país e a nação seguirem sua trajetória em paz!!!!

    3. CRUSOÉ, por um grande favor aos BRASILEIROS, abram as páginas diárias para os comentários e removam os perfís falsos!

  12. Esperamos todos que em um futuro próximo não tenhamos saudades do ex-ministro Mandetta. Os hospitais de Manaus estão no limite da capacidade e o atual presidente da república não pronunciou uma única palavra sobre a situação de calamidade pública de Manaus. Para fazer conchavos com políticos condenados por crimes de corrupção (Mensalão e Petrolão) o presidente da república tem tempo, mas não tem tempo para dar uma palavra de solidariedade aos milhares de Brasileiros que perderam entes queridos.

    1. Silvana xará, ainda tenho esperanças que o novo ministro não detone o trabalho do anterior. Não sendo político não corre o risco de fazer sombra ao patrão. Espero que mantenha a autonomia e continue alinhado às entidades médicas nacionais e internacionais.

    2. ALUGUEL DE HOSPITAIS - A Justiça do Amazonas determinou no dia (15.04.2020) a suspensão de um contrato de R$ 2,6 milhões do governo do estado para alugar um hospital desativado como ferramenta contra a pandemia do novo coronavírus. Documento da decisão judicial ressalta a inutilidade das instalações, uma vez que a crise de saúde requer uma resposta imediata. Será que o Governador está preocupado com a população carente do seu Estado? Acho que não.

    3. Silvana - Veja a reportagem da revista Exame de outubro de 2010. "Estádio amazonense vai custar meio bilhão de reais." Após demolição do combalido Vivaldo Lima, o estado do Amazonas prepara-se para construir uma arena milionária em Manaus. Mas e depois? E o depois? Construir hospitais para quê, se houver necessidade a gente aluga a valores acima de mercado, como tentaram fazer recentemente. E a população? Que se lasque, depois atribuímos a responsabilidade ao Presidente.

    4. O PREÇO SENDO PAGO COM VIDAS. Entre os 12 estádios construídos ou reformados para o Mundial, a situação da Arena da Amazônia é uma das mais graves, junto com a da Arena das Dunas, em Natal, e a Pantanal, em Cuiabá. Para que a Arena da Amazônia fosse construída, decidiu-se pela demolição do estádio Vivaldo Lima, o Vivaldão. Segundo a justificativa oficial, o velho estádio de Manaus estava assentado num endereço privilegiado, ideal para o projeto da Copa.

    5. Silvana - Tenho certeza que você não sentirá a falta do Ministro Mandetta, referente a condução do Ministério da Saúde. A situação de Manaus já foi explicado nas postagens anteriores, além das epidemias, temos outros casos ainda piores, que é a corrupção e a má gestão dos recursos.

  13. O governo Federal deveria começar a trabalhar e intensificar muito a rotina de testes para o coronavírus. Estamos todos caminhando na escuridão. Sem testar, testar, testar é impossível saber onde estão os focos de coronavírus, combater eficientemente a transmissão do vírus e planejar os próximos passos para conter a pandemia do coronavírus e o pós-pandemia. O governo Federal deveria enfrentar a pandemia de coronavírus com seriedade, transparência, eficiência e respeito à População Brasileira.

    1. Silvana - O governo federal vai discutir com o governo do Amazonas a possibilidade de uma intervenção na saúde do Estado,. O requerimento de intervenção federal foi aprovado pela Assembleia Legislativa em sessão virtual na segunda-feira (20). Nesta quarta (22), o líder do MDB no Senado, Eduardo Braga (AM), entregou o pedido ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). "Para que ocorra a intervenção é necessário a concordância Governador.

    2. Silvana - Deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM) aprovaram, nesta segunda-feira (20), um documento que solicita ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a intervenção federal na saúde do Amazonas - prestes a entrar em colapso com taxa de ocupação de leitos com quase 90%. O pedido de intervenção federal, assinado pelo presidente da ALE-AM, Josué Neto, foi aprovada pela maioria dos votos, em uma sessão ordinária virtual da Assembleia.

  14. “A diferença de hospitalizações nas últimas semanas é gritante, comparada ao mesmo intervalo do ano anterior. Na "semana epidemiológica 13", que se encerra no fim de março, foram 11.797 internações em 2020 contra 1.123 em 2019. Cerca de 9 mil casos desta semana ainda estavam investigação até segunda-feira.” Em 23 de Abril, 2020 (Fonte: O Estadão).

  15. No ano de 2019 (em 12 meses) foram registrados 796 óbitos por influenza A (H1N1) no Brasil (fonte: O Globo). O Brasil tem 46.182 casos confirmados de pessoas infectadas com o coronavírus e 2.924 mortes por COVID-19 até o 22 de Abril de 2020 (em dois meses) (fonte: Johns Hopkins University (JHU)).

  16. No Ano de 2019 (em 12 meses) foram registrados 796 óbitos por influenza A (H1N1) no Brasil (fonte: O Globo). O Brasil tem 46.182 casos confirmados de pessoas infectadas com o coronavírus e 2,924 mortes por COVID-19 até o 22 de Abril de 2020 (em dois meses) (fonte: Johns Hopkins University (JHU)).

  17. E como está a situação das Subnotificações no Brasil? A COVID-19 pode se manifestar de várias maneiras. Há pessoas que foram hospitalizadas nos EUA com sintomas de ataque cardíaco. Os médicos verificaram que o vírus também causa danos no coração e os sintomas se parecem com aqueles de um ataque cardíaco porém os pacientes estavam na verdade infectados com o coronavírus. Aumentar a capacidade de testar a população para o coronavírus é fundamental.

  18. O que é que o Ministro Teich está esperando para acessar o site do Portal da Transparência? Ali ele poderá verificar que no período de 01/01 a 22/04, morreu mais gente em 2019 do que em 2020. Isso comprova o quanto temos sido enganados por essa corja de vagabundos políticos e também pela extrema imprensa. Coragem, Presidente! Pátria Amada Brasil. https://transparencia.registrocivil.org.br/especial-covid?fbclid=IwAR2573O7l-fe4kcTcISU09MnCu7KvUjAtBDlCbLP8nx_aQr3cJNoo1NoOrk

    1. Palhaço Bozo, hahaha. O próprio apelido já diz o que você é. Não tenho culpa se você tem QI de ostra e não sabe ler o que está escrito no Portal da Transparência. Você sabe o que é Registro Civil, bestosauro? Registra todos os nascimentos e MORTES em todo o país, dia a dia. Nasceu, tem que registrar. Morreu, também! Mas argumentar com a esquerdalha obtusa dá nisso. É perda de tempo. Aposto que você nem abriu a página e leu. Teu cérebro é do tamanho de uma ervilha.

    2. Alberto/Miguel, ta passando vergonha cara. Procura se informar melhor sobre matemática e estatística, pois você está confundindo tudo. Lembrando que o problema maior de levar os estados a fazerem o uso do isolamento foi a alta demanda de pessoas necessitadas de leitos de Enfermagem e UTI. Sua retórica de mortes de 2019 é completamente descabida de lógica e bom senso na medida q são fatores diferentes, com tratamentos diferentes e necessidades diferentes em hospitais.

    1. MANAUS - Entre as hipóteses levantadas, estão o desrespeito ao distanciamento social, a oferta insuficiente de leitos de UTI, a baixa testagem da população e os efeitos da temporada de chuva, típica do inverno amazônico, marcado por muita umidade.— O clima quente e os hábitos culturais inerentes a isso dificultam o distanciamento social em Manaus. Temperatura alta, ao contrário das baixas, é ruim para o vírus, mas, em contrapartida, é mais difícil manter as pessoas em isolamento.

    2. Jose - Quanto ao Estado do Amazonas e em particular a cidade de Manaus, apesar dos altos índices de outras doenças, trata-se de um caso de má gestão. O próprio prefeito admitiu que a cidade não tido sido preparada para enfrentar a crise, atribuindo responsabilidade ao Governador, que por sua vez admitiu a precariedade do sistema. Só para ilustrar, O Governador comprou 28 respiradores por 3 vezes o valor, e além disso não serve para pacientes graves do covid-19.

    3. Jose - O que o Ministro Teich disse é que a saúde é muita cara e em nenhum lugar do mundo se trabalha de forma ociosa. Para isso, foi desenvolvido um sistema que se alimentará de dados, população, características regionais, idade, quantidade de hospitais, leitos, profissionais da saúde, fornecendo analises precisas para tomadas de decisões. Caberá então ao Governador ou o prefeito decidir como proceder quanto ao distanciamento social, abertura gradual do comércio, bares, etc.

    4. Teich já fracassou ao largar a ciência e se abraçar com estratégias desprovidas de qualquer evidência empírica. Ele precisa visitar Manaus e agora Belém para entender o Impacto que as ações e os exemplos nefastos do chefe dele causaram ao país.

  19. Segundo dados oficiais do Governo do Estado de São Paulo, a cidade de São Paulo é responsável por quase 70 % dos óbitos de todo o Estado. Se consideramos a Região Metropolitana, esse índice vai para mais de 80 %. E é justamente em São Paulo que o pessoal que vai trabalhar nas indústrias essenciais utiliza ônibus, metrô e trens lotados, e sem máscaras. Onde está o Estado? Enquanto isso, todo o Interior, em situação completamente diferente, enfrenta a mesma quarentena burra.

  20. Crusoé, a equipe ñ conseguiu filtrar os farsantes e nos permitir comentar nas páginas diárias mas, eu gostaria muiiito de perguntar, aqui mesmo, quem são e como são os BRASILEIROS, os nossos COMPATRIOTAS, que já estamos perdendo aos milhares.... é horrível a sensação de que todos esses seres humanos são apenas números, de não sabermos absolutamente nada sobre nenhum deles.... nem ao menos genericamente.... Poderiam nos contar mais a respeito?.... Que realidade mais chocantemente triste essa.....

    1. A acefalia associada ao analfabetismo funcional é que é um espanto, alberto. Não se trata de saber sobre números apenas, trata-se de saber sobre gente, contextualizadamente, captou???!!! Não, né, pra você isso deve ser um esforço incomensuravelmente impossível!!!

    2. Sim, morreram Brasileiros (~60 mil pessoas?) assassinados. No ano de 2019 (em 12 meses) foram registrados 796 óbitos por influenza A (H1N1) no Brasil (fonte: O Globo). O Brasil tem 46.182 casos confirmados de pessoas infectadas com o coronavírus e 2.924 mortes por COVID-19 até o 22 de Abril de 2020 (em dois meses) (fonte: Johns Hopkins University (JHU)).

    3. Realmente a burrice é um espanto! Entrem no site do Portal da Transparência. Só quem é muito BURRO não entenderá que entre 01/01 até 22/04, MORREU MUITO MAIS gente em 2019 do que em 2020. Os dados podem ser vistos para o país todo e por estados Ah, já sei, vão dizer que o Presidente mandou manipular os dados. https://transparencia.registrocivil.org.br/especial-covid?fbclid=IwAR2573O7l-fe4kcTcISU09MnCu7KvUjAtBDlCbLP8nx_aQr3cJNoo1NoOrk Contra os fatos não há argumentos!

    4. É, Jose..... é muiiiito angustiante.... pra quem se importa com a vida alheia, é claro....

    5. Concordo inteiramente Odete. Está na hora do Crusoé mostrar para todo mundo o impacto real da política genocida do bozismo sobre a vida das inúmeras famílias que perderam seus entes queridos.

  21. Em que planeta vive o ministro das Relações Exteriores, Sr. Ernesto Araújo? Atacar a Organização Mundial da Saúde não irá encobrir a incompetência do governo Federal no combate à pandemia do coronavírus. Nossa humilde sugestão é: Trabalham com afinco em prol do bem-estar da População Brasileira. Cultivem a bondade e a compaixão com relação a Todas as pessoas, independente de suas escolhas religiosas e políticas. Implementem uma gestão com base na Transparência, Honestidade e Respeito.

    1. Com exceção das 2 últimas décadas , compatriota Jose, às quais ele dá a sequência destrutiva....

    2. Silvana - Como sabemos, o Arnesto é apenas um fascista incompetente travestido de diplomata. Em menos de um ano, ele conseguiu destruir o trabalho de várias décadas do Itamarati em construir uma imagem positiva do Brasil perante o mundo. O prejuízo financeiro que ele causou para a nação é incalculável!

  22. Em Fortaleza uma senhora teve 2 gêmeos e resolveu homenagear o Governador do seu Estado. Um filho foi batizado de Camilo Santana e o outro de Ceará. O Governador foi visitar a mãe no hospital e quando lá chegou, a mãe estava amamentando o Camilo, o Governador então perguntou, cadê o Ceará? é melhor deixar dormindo, pois se o Ceará acordar, o Camilo deixa de mamar.

  23. Pelo silêncio retumbante do atual "Ministro da Saúde", o título correto da reportagem deveria ser "Ele não pode FALAR"! Usar a palavra Falhar foi uma "falha" da Crusoé.

  24. Hoje á noite às 20:30 horas teremos live com transmissão exclusiva pela Globo, nova dupla sensação do momento, formada pelo Maia e Alcolumbre, "CHANTAGEM E SABOTAGEM".

  25. Bolsonaro estava certo!! Não sabemos se era intuição, visão ou desespero, mas Bolsonaro estava certo! A covid aqui no Brasil teve números de uma doença mortal mas não longe das nossos fardos: Dengue, H1N1, desnutrição, tuberculose e malária! Feliz em propor a hidroxicloroquina e propor uma alternativa do distanciamento em contrapartida a parar totalmente! Parabéns também ao Mandetta no início de suas ações, pena que o brilho de governadores e politicagem o tiraram do foco e da razão!!

    1. Ô, Mário.... sugiro que puxe uma cadeira, sente-se direitinho e, calmamente pense detidamente em cada palavra que disse aqui.... verifique honestamente se elas correspondem de fato à realidade....

    2. Como bozista é ignorante mesmo. Se os números estão baixos (que não estão) é porque todo mundo foi contra o genocídio promovido pelo presidente e seus seguidores. Por eles, já estaríamos com mais de um milhão de mortes.

    3. Mário, vá bostejar asneiras em outro lugar! A curva de contaminação e consequente morte está atenuada exatamente por terem feito, no Brasil, o isolamento desde o inicio (contrariando a vontade do teu mito de merda).

  26. Absurdo dos absurdos é as pessoas andarem de ônibus, metrô e trens, lotados, sem máscaras, para irem trabalhar nas indústrias essenciais. A mesma coisa acontece nas filas de bancos e mercados. Quando se vê isso, na cidade que concentra 40 % dos casos, pergunto qual é a lógica proibir as atividades em cidades do interior sem casos confirmados da doença ?

  27. Há vídeos excepcionais do NELSON TEICH no Youtube. O cara é realmente muito bom, deverá fazer um grande trabalho na Saúde. É certo que o MANDETTA foi a mais surpreendente escolha de BOLSONARO, pois que ZERO pessoas ouviram o seu nome antes da covid19. O cara foi muito bem, e só saiu por que o MAIA iria dar o GOLPE desmascarado por ROBERTO JEFFERSON. Segunda-feira, todo mundo trabalhando no Brasil, tudo normal. Acabou a pandemia.

    1. Não é tão simples assim, podem falar o quanto quiser mas os números falarão por si só. Estamos só no começo da pandemia e muitos políticos desonestos verão seu discurso indo pro brejo quando a coisa piorar.

  28. Formulação de uma hipótese, coleta de dados, interpretação de dados, decisão sobre a melhor intervenção e avaliação dos resultados são princípios elementares do método científico. Mandetta nunca conduziu nada parecido com isto. Então, apesar do mantra: ciência, ciência, ciência, o que ele não sabia fazer era usar a ciência em uma situação real. Com formação e preparo precários para lidar com problema populacional, Mandetta fracassou fragorosamente. Vai tarde, demorou demais.

    1. Tudo que você falou é contra a escola bozolavista de pensamento. A única coisa que fracassou foi o plano genocida do presidente em promover milhões de mortes ao combater o isolamento horizontal.

    1. Realmente muito covarde este ataque. Prevent Sênior fazendo um trabalho profissional. Deve ter despertado os ciúmes e inveja dos incompetentes.

  29. Saímos das garras do Luladrão que com a gang petralha “e o Centrão” quase quebrou o país... E elegemos um idiota megalomaníaco que de tão despreparado e errático, flerta com o mesmo Centrão e mesmo tendo sido infectado e curado, se juntou a esta Pandemia letal para assassinar o máximo de pessoas, desta já tão assaltada e agora tão vulnerável nação. Vamos torcer pelos mais pobres e vulneráveis e até rezar, pelo sucesso do nosso precário Sistema de Saúde Publica e seus heróis anônimos. 🙏

  30. QUEM É QUE ATENTA CONTRA A DEMOCRACIA? O BOLSONARO, QUANDO LUTA CONTRA O STABLISHMENT CORRUPTO, OU O STF QUE CENSURA UMA REVISTA POR MEIO DE UM INQUÉRITO INCONSTITUCIONAL?

    1. uma das premissas é falsa. Bolsonaro só bufa oposição ao stablishmente corrupto (faz ceninha para o gadinho ficar feliz), pois até agora tem jogado no mesmo time. Flavuxo que o diga!!!!

  31. O Governo do Amazonas fez um negócio da China, comprou respiradores em lojas de vinhos com sobrepreço de 316% e para piorar a situação, o material é considerado inadequado para pacientes com coronavírus em estados graves.

  32. Será que se eu falar bem desse ministro a Crusoé vai inserir meu comentário? Porque se falar o que tem de ser dito a revista censura. Mas faço lembrar que não tenho nada contra ele, mas contra a censura que a revista está me impondo.

    1. O ministro não disse uma vírgula que confrontasse as medidas já anunciadas desde o começo da pandemia. Continuamos em isolamento social e o retorno gradual à normalidade será baseado em evidências epidemiologias e não em achismos. O ministro é um homem da ciência, fato amplamente divulgado pela Crusoe.

  33. O Teich não é político e nem ladrão (ops... desculpem o pleonasmo, rs). É muito rico, um exitoso cientista com renome internacional e não entrou nesta por vaidade, nem por glória, pois é um homem simples, muito sério, humanista e patriota. Sua história de vida prova que é um IDEALISTA: Vendeu um brilhante projeto na área médica, para se dedicar à Ciência. Não fosse um abnegado estaria multimilionário e não apenas muito rico (e tem colunista pondo defeito dizendo até que o cara é... feio, pô!!!).

  34. Falando desse jeito nosso presidente parece coerente e sensato, só que não, deveria estar buscando ou já implementando medidas para superarmos essa crise. Precisamos de liderança em todas as esferas e ainda não surgiu no cenário, só os três poderes batendo cabeça pra cada um se destacar ou sobrepor. Essa nunca precisou tanto de um Estadista e não de ditadores.

  35. Faço fé nesse novo ministro ele está entrando para ACERTAR e NÃO para errar mas pode acontecer. Vamos ACREDITAR em Deus e continuar o enfrentamento dessa doença. E no final vai dar TUDO CERTO.

  36. Reportagem muito extensa para exaltar qualidades técnicas dum sujeito que se meteu numa enorme encrenca política em que ingenuamente aceitou ser colocado na velha e conhecida posição de "fusível". Só está lá para ser queimado no instante politicamente mais apropriado. Ou ficar lá "de poste" pelo tempo que conseguir engolir os sapos. Perda de tempo discutir isso....

    1. Estava me referindo às aglomerações de rua durante as manifestações, com a presença do bolsonaro.

    2. Penso que não, Silvana... o que o Mario descreveu, desmoraliza quem repetir com o atual ministro o que cometeu com o anterior.

    3. Coitado do ministro. Já começou a ser desmoralizado.

  37. Saímos das garras do Luladrão que com sua gang petralha e o Centrão, quase quebrou o país... E elegemos um idiota megalomaníaco que de tão despreparado, se juntou a um vírus letal para assassinar o máximo de pessoas, desta nossa tão assaltada e vulnerável nação.

    1. Que tal você ajudar, apresentando um caminho correto e melhor a seguir, contra as gangues instsladas no STF, STJ, LEGISLATIVO, UNIVERSIDADES TODAS TOMADAS POR COMUNISTAS, etc, etc?!

  38. Que MERDA essa revista nas noticias diárias. Inclusive retirando a possibilidade do assinante expor suas opiniões. Com certeza pegou o virus da globo lixo.

    1. Concordo plenamente com seu comentário. Vou pedir licença e acrescentar mais um vírus: panTóffoli !

  39. A matéria não resistiu a oportunidade de tentar atribuir ao Dr. Teich um viés ideológico pelo fato de ele ter colaborado na campanha do Presidente. Falhou redondamente. O novo ministro, ao contrário do ortopedistazinho político envolvido em falcatruas no MS (GISA), é uma pessoa essencialmente técnica e para felicidade da nação, não filiado a qualquer partido político. Certamente o MandRetta (o R é proposital), não deixará saudades.

  40. Boa sorte ao novo Ministro, que a ciência e a técnica sobreponha a politica e a economia, pois a questão agora e de vida ou morte!

  41. Caros leitores, alguém pode me informar porque foi suspenso os comentários nas notícias Crusoé Diário. Estive ausente por uns dias e verifiquei agora essa impossibilidade dos comentários/debates de opiniões acerca das informações passadas pela revista.

    1. Talvez realmente para poupar os assinantes da enxurrada de comentários do tipo: “vou cancelar ainda hoje” , seguido por ofensas aos jornalistas e desacato a qualquer um não alinhado aos fanáticos.

    2. Obrigado, amigos. Vamos aguardar até quando vai essa postura.

    3. Tenho a impressão que suspenderam os comentários no diário em função das muitas críticas aos colunistas e artigos. Censura no final das contas!

    4. Ninguém sabe, Clodoaldo. Mas parece ter sido para viabilizar o saneamento das páginas da revista, contra a invasão dos perfís fakes dos crápulas do "gabinete do ódio e acefalia ilimitada S.A.".

  42. Amo o meu presidente! Homem corajoso e que quer fazer o melhor para o seu povo. Patriota! Hoje em dia, quando canto o Hino, meus olhos lacrimejam e o peito se enche de orgulho de ser brasileira. Vamos resolver essa pendenga, iniciar o Coronão e botar esse país nos trilhos de novo. Para os que não acreditam, sugiro que se mudem daqui.

    1. Caso ele continue, Mônica, é provável que a população inteira se mude mesmo do país e fique você aqui sozinha com o seu coelhinho. Ah, e com a figura aí abaixo.

    2. Vc está certa Mônica, palhaço é este que fala Bozo , deve ser um destes vermelhos desmamados e ressentidos com este governo que não faz farra com dinheiro público.

    3. Quanta baboseira. O cara ta caga do pro povo e ainda tem imbecil q aplaude.

  43. Desejo toda a sorte e competência, Ministro Nelson Teich. Desejar a você, estamos fazendo para todos nós brasileiros. O Brasil vai vencer!

    1. É falhar na luta contra a pandemia, sobre a qual ainda há muito desconhecimento de todos nós no planeta inteiro, Dylan.

  44. As fraquezas humanas estão por toda parte. Entre elas, uma que é a mais destacada, a de não poder viver eternamente. O homem é uma sombra que logo passa. Após isso só lhe resta prestar contas de suas obras boas ou ruins. Nada escapara. Não há mau por mais vergonhoso que seja que permanecerá oculto eternamente. Revelados são ignominiosos.

  45. Como cidadão apartidário, torço veementemente pelo sucesso do Dr. Teich à frente do Ministério da Saúde, porque o Povo brasileiro não pode ficar à mercê dos humores do Presidente Bolsonaro e nem tampouco do seu Ministro da Saúde!! Boa sorte, portanto!!

  46. A jornalista Barbara Gancia, critica via tuiter a aparência física do novo Ministro da Saúde, deve estar se sentindo a representante da Afrodite ou da Vênus aqui na terra. Ela acha que Ministros devem ser escolhidos pela beleza e não pela competência.

  47. Quando vc perceber que p/produzir,precisa da autorização de quem não produz nada;comprovar que o dinheiro flui para quem negocia não com bens,mas com favores;perceber que muitos ficam ricos p/suborno e p/influência,mais que p/trabalho,que as leis não nos protegem deles,mas, p/contrário,são eles que estão protegidos de vc;perceber que a corrupção é recompensada,e a honestidade se converte em auto-sacrifício;então poderá afirmar,sem temor de errar que sua sociedade tá condenada - Ain Rand - 1920

  48. Acredito que o país está mais bem servido de ministro da saúde agora pela competência e não ser politiqueiro. O outro estava promovendo a si e o seu partido fisiológico.

    1. Chega de politicagem em um ministério de tanta importância. Currículo excepcional de Teich, fé.

    2. José acho que o motivo principal da briga, foi o Mandetta entrar em colisão com o Pr tanto em relação ao isolamento como pelo uso da cloroquina, os dois são políticos profissionais, e devem saber onde aperta o calo, todos na região sabem que Mandetta e o clã dos primos não são flor que se cheire, agora o Pr não é confiável, porque só agora está batendo na tecla da corrupção, antes não era? E a Tereza Cristina já esta começando a reclamar dos ataques, daqui uns dias pode também não prestar mais.

  49. Depois da parceria de Gadelha com Rangel está bem melhor ler seus artigos , não está mais limitado as fofocas. Quanto ao novo Ministro , diante do seu currículo só podemos ter muita esperança na administração dessa crise como na condução do sistema de saúde do país.

    1. Excelente Gigi! Notei a mesma coisa. Rangel deve estar supervisionado Gadelha de perto.

  50. Não tenho nenhuma dúvida de que esta revista foi comprada ou cooptada pelo Dória. Nas poucas menções feitas às manifestações públicas contra o Dória, aproveita para reproduzir o discurso político do pilantra, assim como eu tenho que aproveitar este espaço para registrar minha indignação contra esta publicação.

  51. Crusoé, revista de m....., chantagista. cancele a minha assinatura e o débito em meu cartão de crédito. Maldita hora que fui assinante dessa desgraça. vejam e analisem os comentários de seus assinantes vou ter o prazer de ver essa imprensa comunista ir para o saco

  52. Teremos dias de cão pela frente. Sai um ministro incompetente e falastrão, entra um novato q desconhece a máquina e burocracia de Brasília. Até alguma ação concreta ser feita, muitos já terão morrido.

    1. Marcelo - Enumere as ações concretas que o Governo poderia ter adotado, quem sabe o JB te ouve. Esses dias de cão a qual você se refere, todos os países do mundo estão enfrentando ou enfrentarão até o desenvolvimento da vacina, e até lá cuide-se, faça o seu papel de cidadão.

  53. Já passaram 48 horas desde a posse - aliás, em cerimônia pomposa e desnecessária - e o que o novo Ministro fez ou disse!?

    1. Tocqueville - O novo ministro Nelson Teich participa hoje de uma reunião com os ministros de Saúde dos Países integrantes do G20 - Fonte - Revista Crusoé - Tava achando que o ministro estava em casa, brincando de médico e paciente.

    2. Deu a entender que vai fazer tudo igual, liberando, quando possível, o retorno à normalidade.

  54. O novo Ministro parece um garoto. Jamais daria a ele a idade que tem. Gostei da fala dele. Jeitão de honesto e inteligente. Espero e desejo que faça um bom trabalho afinado com nosso Presidente. Boa sorte pra todos nós.🍀🍀

    1. E você tem consciência, Magofer? Não é capaz nem de distinguir o posicionamento das pessoas, quanto mais de se dar conta conscientemente da situação!

    2. Amigo Mago, os comentarios estao disponiveis só no espaço das colunas semanais. As diarias foram bloqueadas para todos acredito. A alfafa esta prejudicando seu bom senso.

    3. Odete6, se está havendo bloqueio deve ser seletivo, porque você, Jose, Palhaço Bozo, Eduardo, Catilinário, Belle Zebu e outros "mercenários pateteiros" da esquerda continuam comentando. Antes que vocês me acusem de ser um/a contratado/a do gabinete do ódio, já vou avisando que comento sozinho/a, sigo a minha consciência.

    4. Não penso ser bloqueio, pessoal...parece ter sido para possibilitar o saneamento da revista, impedindo a invasão e tomada do espaço pelos "mercenários pateteiros contratados do "gabinete do ódio e acefalia ilimitada S.A."", com suas cretinices rotineiras.

  55. Que Deus ilume a sua gestão, mais um técnico de qualidade, mais um ministério de qualidade no governo Bolsonaro, espero que o presidente se acalme nos discursos polêmicos e articule melhor no congresso, para conseguir emplacar as outras reformas necessárias para nosso país, ainda mais no pós-crise coronavírus!!

    1. A Saúde não é nem nunca será o maior Orçamento deste país, Márcia, não elege ninguém, não dá votos. Acorde!

  56. O Presidente, agora flertando com o podre Centrão, afirmou hoje, dia 18, que “70%” DOS BRASILEIROS serão contaminados pela Covid-19! Seria o Vírus infectando 160 MILHÕES de pessoas!!! E saiu novamente para abraçar aqueles que foram vê-lo, dizendo que não podemos ficar em casa e que o isolamento social é que estaria espalhando o pânico (!?). Pobre Brasil: Se livra do Luladrão e de sua gang e elege outro populista megalomaníaco. E justamente agora, tão perigosamente inculto e tão despreparado.

    1. Exatamente!!!! Essa é a nossa tragédia em acréscimo: o "pensamento mágico" do descompensado!!!!

  57. Eu creio que a troca foi importante porque o Brasil tem dois grandes problemas a resolver: o primeiro é cuidar da vida, salvar vidas atacadas pelo vírus e o segundo, caso o primeiro não seja bem sucedido é salvar vidas da fome que virá e com todas as demais consequências que aflorarão. Não sou fã da postura de Bolsonaro, mas, ele tem coragem para dizer o que pensa ao contrário de outros políticos, mas. ele tem razão não é só salvar vidas é também preservar a economia!

    1. O Mandetta é um político conhecido da minha região, acredito que tenha feito um bom trabalho, mas também usou o cargo para se promover. Deve ser candidato ao governo do Estado do MS. O Novo ministro tem um excelente currículo, torço para que tenha sucesso na condução dessa crise.

  58. Mais simples, pareceu -me. O Outro é meio vaidoso, meio"aparecido". Acho que deram muita corda e ele perdeu a simplicidade. Falou muito e não disse; "cresceu"mais que o necessário.

    1. Pois é, não vejo outra explicação senão nos poupar das baixarias dos ultra radicais, completamente incapazes de conviver com diferentes ideias.. Atualmente, a título de argumentação, limitavam-se a chamar de “comunistas” qualquer um que pensasse diferente.

    2. Sim, parece ter sido para ser possível sanear a revista da invasão dos mercenários bandidos fakes do "gabinete do ódio e acefalia ilimitada S.A."

    3. Creio que foi porque os sempre repetitivos militantes do Carluxo estavam avacalhando muito.

    4. De fato, qual teria sido...ou será o motivo pelo qual suprimiram interessante canal ou instrumento de interação ?

  59. Sucesso ao novo ministro bem mais capacitado na área de saúde do que foi substituído. Além de cometer diversas irregularidades com o orçamento do MS, mandetta se juntou a turma que quer derrubar o Presidente, porque não recebem propina, desde janeiro de 2019.

  60. O Bolsonaro é um paranóico, mas não como demérito. Sua paranóia o ajuda no Covil, mas o traquejo com a malandragem ele não consegue adquirir. Pelo menos sabe se cercar de técnicos. Boa sorte ao novo Ministro da Saúde.

  61. Dantas, Diogo, Sabino, onde vocês estavam escondendo a Helena...reportagem perfeita, li duas vezes para deliciar-me com jornalismo...parabéns!!!!!

  62. Vamos confiar no presidente e no novo ministro. Ao que tudo indica tem mais experiência no “chão de fábrica” que o seu antecessor. Espero que a Crusoé pondere as reportagens daqui pra frente. Estavam defendendo o Mandetta com unhas e dentes como se dominassem a área de saúde e os problemas do Brasil como ninguém. Os leitores da revista merecem respeito e exigem um trabalho responsável por parte dos meios de comunicação. Estamos de olho na Crusoe também!

    1. Veronica, a Crusoé investiga e ouve pessoas das diversas áreas para elaborar suas reportagens.... é ingenuidade e injustiça pensar que seus jornalistas pretendam deter e exercer conhecimento em todas as áreas. Relatam, isso é muito diferente. E, sinceramente, nunca os vi "exatamente" "defender pessoas "com unhas e dentes"".... princípios sim. Vejo-os apenas argumentarem. Não se comportam, de modo algum, como fanáticos.

    2. Acredito que a CRUSOE seguirá na narrativa dos fatos. Não deve e nem precisa se adequar ao gosto do freguês.

  63. A fisionomia do ministro sugere que ele está pouco à vontade. Está com cara de um personagem de filme Dracula de Bram Stocker, do Coppola.

    1. Sim, ele parece desconfortável pelo malabarismo que desde já tenta fazer para exercer a Ciência, num ambiente em que o conhecimento e a mente científica ofendem a mentalidade tacanha.

  64. Acho que agora teremos no Ministério da Saúde um ministro técnico e renomado, com a missão política de enfrentar o coronavírus. Isto se faz necessário porque deixamos de ter um político com a missão técnica que passou a confundir os interesses públicos com o pântano do "toma lá e me dê cá", prática que acoberta os interesses espúrios dos políticos brasileiros. Sucesso ao novo ministro! Com esta troca, perdem os políticos, ganham o SUS e os brasileiros que têm suas esperança revigoradas.

  65. Boa reportagem. O novo ministro vai ter uma oportunidade de recuperar o tempo perdido em politica pelo antecessor, que ao contrario de Sergio Moro, Paulo Guedes, Tarcisio e Abraham Weintraub que planejaram e estão executando com sucesso - em nenhum momento foi capaz de articular um plano para a saude publica para o Brasil. O país vai se beneficiar em muito com essa substituição.

    1. só tem baba ovo do edir aqui os otários de plantão para defender o edir e o bozolulaedir são pagos para defender

    2. Tolinho, nunca foi em hospital público: e’ assim todo dia! Vai arrumar o que fazer antes de falar besteiras.

    3. Não se trata de escolha do ministro, isso é o que se ensina nas faculdades de Medicina, pra você que não sabe, mané!!!

  66. Nação Brasileira: "Glória a Deuxxxx". O Mourão general se aproxima cada vez mais da cadeira do gabinete presidencial da República Federativa do Brasil. O senhor Jair Messias Bolsonaro não pode mais governar porque perdeu o comando da nossa Nação. Muita calma e muita fé, o Nosso Senhor Jesus Cristo nos ajudar.

    1. Os petistas aportavam ver “golpistas” pra tudo que é lado.

    2. Mourão vai ser presidente do clube militar. Golpista.

    1. Vai precisar de muita proteção de Deus porque está entrando no covil de brasilia, da imprensa, do antagonista e da Crusoé!!!!! Deus o abençoe sr.Ministro!!!!

  67. O fato de vir da iniciativa privada pode dar choque de gestão muito bem-vindo no SUS. Mas, vai ter que subir no bonde andando.

    1. Minha visão: sai um ministro político (ou um político ministro) cujo partido quer voltar ao poder de qualquer maneira e entra um técnico, aparentemente sem compromissos políticos, para gerir o calamitoso SUS em período de calamidade. Que Deus o ajude!!!

    2. É verdade, é uma boa possibilidade.... difícil dada a extensão do sistema, dos seus problemas e das circunstâncias mas, pode acontecer um novo e bom direcionamento....

  68. Gente que possui qualidade administrativa e não formação científica não consegue trabalhar em um governo cujas características principais são o charlatanismo, a postura anti-científica e o desdém pela vida das pessoas. Possivelmente o Dr. Teich terá vida curta no governo. Não resistirá ao primeiro ataque dos bozolavistas. Aguardem!

    1. Com tantas estrelas deixarão um capitinho destruir o BRASIL? Ação! Constitucional, é claro.

    2. Podemos apostar no que ambos pontuaram, Jose e Marcos/MC77. É só o Ministro Dr.Nelson Teich começar a brilhar em sua atuação perante a população, que o broncossauro e os broncossóides cairão com maldades sobre ele. Aí também, 'turma da 'abordagem objetiva'', ação não é mesmo?! Os senhores amam e defendem, ou não, o nosso país?!

    3. Concordo, Jose. Prazo máximo de uns 30 dias para o Teich.

    4. Jose - A besteira de 2018 foi tão grande que houve a participação de mais de 57 milhões de votos.

    5. Silvana - infelizmente os apoiadores do governo vivem no passado. Qual a razão? É a única forma deles justificarem para eles mesmos a grande besteira que fizeram em 2018. Qual a verdade? Os investidores fugiram em massa, com isso foram embora empregos a possibilidade da economia crescer. A melhor prova disso foi o pibinho de 2019 e a depressão que vamos entrar a partir de 2020. Sem dinheiro, a população não consome, não empresta dinheiro e, principalmente, não tem como sobreviver às crises.

    6. Silvana - Para que se possa fazer uma comparação é necessário ter um ponto de partida. No caso em questão, compara-se os números atuais x números anteriores. A inflação caiu, a taxa de juros foi reduzida, a bolsa de valores atingiu a sua pontuação mais alta, enxugamento de ministérios, extinção de mais de 30 mil cargos comissionados, conclusão de estradas que estavam há muito tempo paradas, Estatais passando a dar lucros, redução de casos de corrupção no governo, tudo isso no prazo de um ano.

    7. Patriota, acorda, estamos em 2020. O pt já era! Argumente com fatos. Se o novo ministro honrar o seu passado íntegro -o que é provável - não mudará a condução do anterior. Apenas, não sendo político, não faz sombra ao chefe.

    8. Jose - Como você ainda continua ligado ao governo anterior, em que tudo era na base da propaganda enganosa, números fabricados, a corrupção imperava, propinas no doze, Estatais sucateadas, etc, acha que ainda tudo continua no mesmo compasso. Está enganado redondamente. Leia o cartaz que está estampado na porta. 'ESTAMOS SOB NOVA DIREÇÃO', trabalhando para "destruir a destruição" que vocês deixaram. Sigam o conselho do Gustavo Lima, se não puder ajudar, favor não atrapalhar.

    9. Cleidi - E precisa ser vidente para saber o que acontecerá? Basta usar o bom senso e um pouco de inteligência, duas características que você e sua genitora não possuem.

  69. https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2020/04/17/interna_politica,1139757/ministro-tera-de-manter-isolamento-ou-arcar-com-mortes-diz-abc.shtml?utm_source=onesignal&utm_medium=push

    1. Por nada, é um prazer compartilhar informações, amiga Juju. Que bom que você gostou do conteúdo! Também achei muito consistente, com opinião e referência muitíssimo respeitáveis!

    2. Obrigada amiga Odete6, consegui acessar o link e concordo totalmente.

    3. Caro DR. LUIZ HENRIQUE MANDETTA, *JAMAIS* nos esqueceremos do seu lúcido, diligente, competente e importantíssimo trabalho pelo POVO BRASILEIRO!!!.... Esperamos que esteja bem e que em outra atividade, continue com todos nós!!!

  70. ministro coloquem uma comissão para fiscalizar o dinheiro da pandemia. Quem roubar o dinheiro que sejam presos ,amaldiçoados com doenças para o resto de suas vidas.

  71. Qualquer medico que chegasse no lugar, seria melhor que a estrela desvairada que já foi tarde. Uma pergunta que Vcs (extrema imprensa) nao deixam publicar: quantas pessoas morreram antes de que a estrela decidisse recomendar o uso de hidroxicloroquina? Neste caso: de quem foi a culpa?

    1. Odete 6 - Não é da minha índole espalhar fake news. A noticia está veiculada em vários órgãos da imprensa. Vou só citar 2 exemplos. Veja o que diz a reportagem do Portal CM7 de 16.0.2020 e a Gazeta do Brasil.

    2. Ah, é Magofer? Com certeza você será interpelado para explicar a denúncia desse crime ou será considerado cúmplice ou ainda acusado de disseminar fake news.

    3. Observador - Referente ao seu primeiro comentário, você deveria saber que um médico "petista" que participou da pesquisa fez sabotagem, aplicando "INTENCIONALMENTE", 3 vezes a dose recomendada da cloroquina levando a óbito 11 pacientes. A que ponto estamos chegando, médicos matando intencionalmente pacientes com fins políticos. Quem está com palhaçada são eleitores mal intencionados iguais a você, divulgando noticiais distorcidas. Pra vocês não importam os meios, desde que cheguem a um fim.

    4. Cuidado com as sentenças do seu ídolo, como a cloroquina. Não basta sair da boca dele que é verdade. É apenas a sua VONTADE.

    5. JOSE, reitero que quem decide uso de remédio e a CIÊNCIA, através da testagem adequada. Não é opinião ou palpite, é quantos casos de doenca grave são evitados em pacientes tratados com o medicamento, comparados com os tratados com placebo. Ou seja, números reais. Não política ou ideologia. Não tem ideologia que faça funcionar um remédio inadequado ou que melhore sua eficácia do que realmente é. A natureza não se curva às “certezas” dos extremistas ideológicos.

    6. Temos agora um exército de farmacologistas amadores no Brasil. Sr JOSE, ficou sabendo do estudo de 80 pacientes com COVID19, o de 11 foram a óbito por efeito colateral de indução de arrritmia Cardiaca? Essa palhaçada de leigo mandar tomar remédio não testado tem que acabar logo. Com ciência não se brinca amigo. Vá dar palpite no que você entende. Mas mostre sua qualificação para isso.

  72. O perfil do novo ministro inspira confiança e faz aumentar a esperança de que normalidade social voltará logo. Que Deus o ilumine!

  73. Se conselho fosse bom a gente vendia, mas acho bom o Dr. Teich não ficar comprando nada, que uma caixa de fósforo na mão do 02 já rende um dossier, se não aceitar a cloroquina o ivomec e aglomeração de pessoas, vai receber uma paulada no vão das orelhas, que vai ser difícil recuperar.

    1. A escolha dos 6 ótimos Ministros civís e dos ministros militares, foi o único acerto dele. O problema é que, quando começam a brilhar em razão da excelência de suas atuações, ele e seus broncossóides os maltratam e os demitem por pura inveja.

    2. Volf Ms - O que estamos percebendo que há uma pre-disposição em julgar antecipadamente e não reconhecer os acertos do Presidente. Querem separar a atuação dos Ministros como se eles não fizessem parte de um Governo. Ah, o Moro é bom, mas o Presidente é isso, O Mandetta fez um bom trabalho na Saúde, mas o JB é tosco. Se temos bons Ministros o mérito é também do Comandante. Veja quantos Ministros começaram com o Governo e ainda continuam lá. Saber escolher os seus comandados é uma virtude.

    3. Magofer, o quero falar, que o sujeito é bom enquanto esta junto, até que tenha alguma opinião contrária ou ao Presidente ou a ala ideológia, De alguma forma vão tentar desqualificar, no mínimo como traidor ou comunista. Já aconteceu com todos que foram demitidos, inclusive o Gal. Santos Cruz e o Mourão que só não foi demitido porque não tem jeito, e que o Onix é honesto? Bolsonaro é político profissional e vai usar sempre uma forma que, quem tem princípios acha repulsiva.

    4. Volf Ms - Tenho certeza que o Dr. Teich não vai trocar o medicamento hidroxicloroquina por sulfato queropropina.

  74. Este ministro vai ter que lidar fundamentalmente com o DUNNING-KRUEGER EFEITO do nosso presidente RECRUTA ZERO PAI DOS OUTROS TRES ZEROS

    1. Mário, o comentário da Bella Zebu, não passa de uma dor de cotovelo, coisa de gente frustada.

    2. Pior que o Belzebu indigitado e Dona Mandioca impossível.

  75. Pelo jeito, o profissional certo no lugar certo. A julgar pela matéria acima, uma pessoa que merece admiração e respeito pela trajetória pessoal e profissional, com um currículo currículo de causar inveja. Opa! Cuidado! Segurem os olavetes e os filhões.

  76. Caros amigos, quem estiver com o saco cheio da cusoé... tenho uma dica: Revista Oeste...ESPETACULAR e a Ana Paula está lá....claro!

  77. Boa reportagem. Só q nem Trump, nem Bolsonaro propuseram flexibilizar a quarentena imediatamente! O imediatamente eh por conta dos parasitas e opprtunistas q estão lucrando muito com a crise do pânico gerada pelo vírus chinês. E pros parasitas e oportunistas, mais os covardes, quanto mais tempo de indefinição e em casa, melhor. Até vencer minha assinatura, vou ler e comentar todas as reportagens. Não vou renovar. Editorial tá muito diferente...

    1. Conronaro não propôs nada. Ele, simplesmente, descumpriu reiteradmente as recomendações. Nem seu ídolo Trump conseguiu chegar perto de tamanha irresponsabilidade e falta de respeito com os mortos e suas famílias, a quem trata quase como culpados de seu destino, supostamente, por ser idosos e ter comorbidades, e nunca dedicou meia palavra sequer de amparo e pertencimento. Dificilmente, Dr. Teisch terá tempo pra reverter os danos causados pela inépcia total de Coronaro.

    2. Bolsonaro seguiu na onda do Trump que, inicialmente foi contrário a quarentena. Agora, com a pandemia pegando fogo no mundo e os EUA se tornando o centro do caos, Trump está mudando a discurso e aceitando a realidade. Bolsonaro tende a seguir nessa mudança de discurso, logicamente que a quarentena deverá ser em algum momento flexibilizada. O atual ministro da saúde disse que precisará de 15 dias para conhecer a extensão do problema, após esse período saberemos qual será o rumo.

  78. Apesar do descrédito do mantra, os amantes do poder gostam de se dizer "técnicos" e "não políticos". Por pura vaidade ou por acabada má fé, pois toda ação humana é política. Agora, ao "compromissar-se" com uma pessoa impulsiva, vaidosa, despreparada e autoritária, o suicídio político, é apenas uma questão de tempo. A grotesca cerimônia de posse, com abraços, cochichos, tapas nas costa e apertos de mãos é apenas o capítulo inicial do folhetim. Gostaria de estar errado. E como !

  79. Gostaria de saber o que o ministro Mandetta fez de bom. Temos kits de análise do corona no país, temos respiradores suficientes, temos leitos de UTI suficientes, temos feito amostragem suficientes da presença do vírus na população, temos acordo com as redes privadas para utilização da capacidade de leitos de UTI nas mesmas?

    1. José, gastou 25 milhões em gel lubrificante anal para Sus e presidiários.

  80. Aos 67 anos, não sou tão velho assim. Pensava que nada que já houvesse acontecido pudesse me espantar, até chegar o COVID-19. Não o vírus, tão letal quanto tantos que passaram por aqui, mas a histeria promovida pela classe política E médica... mundiais! Isso também passará mas algo me diz que todos nós fomos postos a trabalhar como cobaias. Por quê? Quem serão os imediatamente beneficiados? E a médio e longo prazos? Algo fede, e fede muito mal nessa histeria toda.

  81. Espero que Dr Nelson seja coerente em suas decisões, pois delas pedem sair muita dor ou muitas alegrias. Parabéns Dr. Mandetta pelo trabalho realizado.

    1. E isso, seu Magofer, vamos torcer para que os tais petistas não repliquem o comportamento da ala radical bozo-olavista em relação ao ministro anterior. Como se sabe, os radicais sempre se assemelham. São almas gêmeas.

    2. Perfeito, Mário. Correto, Neusa, também espero que petralhas e bolsonalhas deixem o Ministro trabalhar.

    3. Mário, concordo com você, vamos dar uma voto de confiança e torcer para que os petralhas deixem o homem trabalhar em paz, não é mesmo Dona Neusa.

    4. Também espero, embora me preocupe o histórico dele em negócios com empresas de plano de saúde, esse pessoal não é flor que se cheire, vamos acompanhar.

    5. Concordo plenamente. E que o gabinete do ódio fique bem longe do novo Ministro. Saúde acima da politicagem !

  82. Bom saber que alguém da Cruzoé ainda consegue enxergar os fatos, sem paixões. O Mandetta começou bem, mas depois, sem adotar qualquer medida eficiente e inteligente para superar a crise, aproveitou-se dos holofotes para fins políticos. Só não vê quem não quer. Mas, considerando que ainda há que acredite que o Lula é a alma mais honesta do Brasil, a cegueira não causa qualquer surpresa.

  83. vamos continuar a viagem e ver como o novo comandante vai pilotar a nave. Que nos leve a portos seguros. Boa sorte para nós!

  84. Queriam técnica e ciência hard? Aí terão. Mandetta não cativou a população por "se pautar pela ciência", mas pelo seu lado humanístico paulinho da viola, de sua comunicação política carismática. Talvez essa cara sisuda das ciências duras satisfaça os que ficaram acusando o Presidente de obscurantista, anti-ciência. Agora fico curioso: quem comanda a comunicação do combate à crise que Mandetta fazia tão bem, já que esse sombrio tecnocrata não sabe falar com o povo?

    1. Vinícius, ciência para a mídia e a plebe ignara são artigos de copiar colar. No Brasil ,embora sejamos atropelados por "doutorados", a maioria destes, e são muitos!, fartamente financiados pelo dinheiro público, produzem nada de bom, a não ser enriquecimento próprio.

    2. Ninguém está minimamente interessado na “ cara do ministro”. Claro, continuamos sim, esperando que mantenha a lucidez e trabalhe alinhado à ciência.

    3. Se a função é eminentemente técnica, pode ficar mudo. Basta que adote as medidas e procedimentos adequados e eficazes. De discursos mal intencionadas, o inferno tá cheio.

    1. Realmente seu ótimo currículo tem tudo para dar certo. Vamos aguardar quanto tempo levará para ele ficar ileso dos ataques obsessivos dos moleques presidenciais.

  85. É engraçado essa cobrança a alguém que sequer assumiu direito. Não vi em hora alguma cobranças dessa proporção por parte da revista ao mula da OMS que fez uma lambança sem tamanho..e vcs ainda se julgam uma mídia isenta. Sei, sei..

    1. Quando foi q defendi os governos anteriores e suas peripécias nefastas? O fato de eu não fazer igual vc que ajoelha e diz amém para tudo que o presidente faz não me coloca como defensor dos governos anteriores. Tem que ser muito gadinho manso para aceitar essa ideologia distórcida q vcs chamam de direita conservadora, mas q nao tem nada nem de direita e muito menos conservadora. É só uma um cocô embrulhado em papel de bala. Vá comer capim com cloroquina! Gadinho imbecil!

    2. Palhaço Bozo, é possível que você não tenha roubado, mas apoiar que pratica ou praticou a corrupção te faz co-responsável.

    3. Magofer eu não roubei e não quebrei nada. Quem fez isso foi o "alter ego" do Bolsonaro (Lula). Você é um tapado mesmo, merece com todas a honras a alcunha de gadinho bolsolavista raivoso.

    4. Palhaço Bozo, vocês quebraram o País, desmontaram a saúde desviando rios de dinheiro, agora vem com essa cantilena de que estão atentos.

    5. Que cobrança? cara, precisa aprender a interpretar texto. A reportagem até deu uma grande UP na figura do atual ministro da saúde. É fato que, em tempos de crise pandêmica na saúde, fiquemos mais atentos ao direcionamento que se dará no trabalho da pasta da saúde. Tem tudo para dar certo, se o JB não atrapalhar com sua irracionalidade habitual...

  86. O Mandetta vinha brilhando apesar dos pesares e pesadelos do ciúme que ‘viralizou’ também. Mas uma coisa ficou bem clara para mim: Este Teich é um bom Homem e não tem nadinha de político. NADA! E isto, na área da Saúde Publica, não é só bom: É algo Ótimo! Um cara rico, modesto e cientista dedicado e apaixonado pela Medicina. Torço por seu sucesso e habilidade para administrar os delírios de ‘doutor’, do nosso errático megalomaníaco Capitão da “pílula do Câncer”, pô!(Ah, sim...o Lula é ladrão).

  87. Como pode um Ministro c/ um currículo invejável e mentalidade científica ""conciliar idéias" com um "broncossauro""? Mas há esperanças: na apresentação do atual ministro, ele chamou a "gripinha" de pandemia! O broncossauro acaba de dar um grande salto evolutivo!!! Entretanto se o novo ministro, brilhar também c/ a população, já viu, né.... será ""consensualmente demitido"" por um pecado capital do broncossauro: a inveja!!! Proteção e sorte, ministro Nelson Teich. Precisaremos de muito de ambas!!

    1. Ai, ai..... em meio a tanta coisa séria, a gente chora muito.... mas também acaba se divertindo na interação com os compatriotas.... só com os autênticos, claro!! Dos farsantes palermóides a gente apenas ri deles e da basbaquice ilimitada.

    2. https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2020/04/17/interna_politica,1139757/ministro-tera-de-manter-isolamento-ou-arcar-com-mortes-diz-abc.shtml?utm_source=onesignal&utm_medium=push

    3. boa tarde amigos, a inveja do Broncossauro é imbatível. Por isto que nós precisamos de uma chapa presidencial Amoedo+Dória. Seria a perfeição que nós sonhamos.

    4. Gadinho ta cheio de graça hoje. Mas eu prometi não pegar tão pesado com vcs.... Palhaço existe para fazer palhaçada, nosso presidente é o exemplo clássico disso. Pena que ele não é bom de fazer as pessoas rirem...

    5. olá Odete6, achei legal o nome broncossauro, muito engraçado, já dei muita risada.

    6. Palhaço Bozo, se um palhaço já escreve asneiras, imagine dois ao mesmo tempo.

    7. Magofer, será que foi você que usou meu nome? do contrario não faz sentido se sentir ofendido com meu comentário. Dos 2 comentários abaixo eu só escrevi o segundo, o primeiro foi um bolsonarista retardado igual vc q escreveu em meu nome.

    8. 🙏 ....sabemos, Marcos/MC77.... não há chefe.... apenas estorvos.....

    9. Vejo nos comentários abaixo uma turma de urubus, Odete meia dúzia, Palhaço, Eduardo, e o petista mor, Jose, já agourando o novo Ministro.

    10. Comentário preconceituoso, que tolda a visão da realidade

    11. Ótimo comentário, Odete6. Esperemos que o chefe não atrapalhe muito para que ele consiga dar conta do recado.

    12. Idiotas, o vocabulário e a redação de revistinhas do gênero "caras" os denuncia.....rsrsrsrs........

    13. Idiotas, o vocabulário de revistinhas do gênero "caras" os denúncia.....rsrsrsrs

    14. É Palhaço Bozo, são aberrantemente ridículos e imaginei que a CRUSOÉ tivesse feito o devido saneamento geral. O jeito é ironizá-los! Eles são néscios e acreditam!

    15. É por esses bolsonaristas fanáticos usarem o nome dos outros que os comentários das reportagens diárias foram retirados. Agora eles fazem o mesmo aqui. Tenho penas de vocês gadinhos bolsonaristas, que se rebaixaram ao nível dos mortadelas petistas.

    16. Odete6, belas palavras, pena que o pessoal que defende cegamente o MITO não tem capacidade para compreender a situação. Também concordo com os amigos abaixo.

    17. Gostei muito da sua análise Odete6, sempre nos detalhes e com muita inteligência nas palavras.

    18. Parabéns pela excelência da reportagem, Helena Mader!

  88. Tomara: o que foi incensado neste post dê certo. Opino, como médico público, que, embora o drama, ele não está assumindo o Ministério do Covid 2 ( anterior foi comandado pelo Mandetta ). Chamo a atenção que títulos, neste país, muita gente remediada (e por conta do dinheiro público) tem e não os honra. Sua especialidade é marcantemente dinheirista e sugadora do SUS. Vamos esperar que seja um bom Ministro do SUS, mas minha expectativa não é boa. Piora com o tipo de patrão ganho por ele.

    1. Meus amigos, embora respeite o xará (como respeito todos debatedores, mesmo os fanáticos), o Eduardo é outro... Refirmo não sou Ptista, Cirista, FHenriquista, Bolsonarista, “idilista”. Sou pela divisão do pão. Sou ateu, Ah, esse Ministro é a voz do dono.

    2. Pera lá: Quem abriu estes comentários é um outro Eduardo, muito embora respeite o meu xará (como os demais debatedores, mesmo os fanáticos). Esclareço: não sou Ptista, nem Cirista, nem bolsonarista, jamais "idilista", nem, nem... Sou da ideologia do dividir o pão. Sempre. Sou ateu.

    3. Eduardo, O Ciro e o Lula são veganos, só consomem o extrato da cana.

    4. Magofer, o Ciro tem seus defeitos. Mas era o melhor candidato em 2018. Está longe de um Bernie Sanders, porém os dois defendem educação e saúde iguais para todos, defendem o socialismo democrático que tanto é necessário para acabar com o capitalismo opressor. Como já coloquei, o defeito do Ciro é quando bebe muita cachaça e fala coisas descontroladas. Mas até aí, o Lula também enche a cara e melhorou muito o Brasil. Tanto o Lula quanto o Ciro comem carne, então já perdem um ponto comigo.

    5. Eduardo, um cara que defende um Ciro Gomes, moedor de cana, não tem moral nenhuma pra comentar sobre o novo Ministro.

    1. Quando a Crusoe , o Mainardi irão criticar a GLOBOLIXO .

  89. Desejo muito que supere essa pedreira. Está dentro de uma enorme vidraça. A imprensa a maioria, os inimigos políticos do presidente Bolsonaro, dentro do congresso e fora dele, todos conspirarão para um desentendimento entre o ministro Teich e o presidente. Receberá apoio desse exército só se contradizer o presidente. Pelos comentários, o presidente foi feliz na escolha. O povo que deseja o bem do país agradece com a graças de Deus.

    1. Alberto, correto o seu comentário. Estamos vendo nitidamente a diferença de quem está trabalhando corretamente, e quem está se aproveitando da crise.

    2. Parabéns pelo seu comentário Alberto, digno de uma pessoa lúcida e pacificadora!

    3. "Toda a imprensa é inimiga do Bolsonaro" é para rir. O Bozo é a sua própria autodestruição, não precisa de imprensa, nem adversários e nem de nada. O Bozo é igual ao Trump, que vai perder eleição para o Biden. Principalmente depois que o Bernie Sanders social democrata revelou que irá apoiá-lo. Os golpistas da imprensa puxaram o tapete do Sanders, mas a sua união com Biden vai ajudar a colocar um regime socialista democrático. No Brasil até 2022 vamos ter um novo Ciro Gomes, um social democrata.

  90. o atual ministro tem boa formação, experiência em gestão e credibilidade. Espero que tenha a liberdade de tomar decisões e que disponha das ferramentas necessárias para fazê-lo. Sem esses elementos, não há milagre! Desejo a todos nós muito boa sorte.

  91. Excelente nomeação. Superou expectativas do antecessor o que é notável. O ministro tem perfil e história para ser filiado do novo. Sucesso pessoal associado a vontade pública. É disso que precisamos

  92. Todos podem errar porque são seres humanos falíveis. A depender do erro devem ser substituídos, como foi o caso de Mandetta. Só mandar ficar em casa, sem plano de saída não é gestão. Travar protocolos que já estão se comprovando eficazes foi um erro grande e a insubordinação do domingo foi a gota d'água. Eu também demitiria.

    1. Duprat, me desculpa, mas esse desgoverno não chega em 2022. Bolsonaro não conseguirá terminar o mandato dele por culpa e incompetência própria. Mas torço para que o atual ministro da saúde consiga fazer um bom trabalho na pasta, isso se o JB não continuar no trabalho nefasto de atacar seus próprios ministros.

    2. Nós precisamos nos olhar no espelho e enxergar o que verdadeiramente somos. As críticas á Maria demonstram exatamente o que vocês estão julgando e o que vocês representam na realidade. Vamos pensar no Brasil e torcer por ele: até 2022, o presidente é Bolsonaro. Depois disso, se houver a continuidade do Bolsonaro - e por enquanto é o que tudo indica - a tradução da realidade será o sucesso da administração dele. Precisamos aprender com as mudanças. O Brasil mudou e vocês precisam aceitar isso.

    3. Mirella, belas palavras, pena que o pessoal que defende cegamente o MITO não tem capacidade para compreender a situação. Acham que a nossa política brasileira é igual torcida organizada de futebol. Confundem Herói com político, partido político com time de futebol e por ai vai... o resultado é a alternância de cocô, bosta e merda que vemos acontecer nos resultados dos últimos pleitos eleitorais.

    4. Acho que vc não tem a capacitação certa para opinar sobre tratamentos comprovados. E NÃO , eles não existem. E o plano de saída não é da competência do MS,é da equioe econômica e do presidente que diante de sua TOTAL incompetência politica e sua COMPLETA limitação intelectual quer usar um remédio não comprovado, como salvação da pátria para liberar distanciamento; não prejudicar a economia e não comprometer sua reeleição. Além de evitar concorrentes. Um NANICO na presidência

  93. Só quem fingia de cego para não enxergar o palanque montado pelo ex ministro, usando o como meio o vírus para alcançar o fim, um mandato de executivo. Governador de MS.

  94. Sai um entra outro , os 2 tecnicamentes preparados, isto é novo no Brasil. Sem fanatismo político é só esperar pra ver o trabalho do novo ministro, que pegou a pasta na hora do trabalho pesado d vdd. Vou sempre torcer pro quanto melhor *melhor * para todos os brasileiros.

    1. Não se preocupe, Eduardo. A gente, pelo menos grande parte de nós, vê claramente quando o "dudú" fake tenta se passar por você! Ele é um mentecapto exponencial!!

    2. Magofer, onde eu reclamei de Mandetta ter sido demitido? Eu queria ter visto Bolsonaro demitir o Mandetta e “fazer valer a sua visão”. Mas acabou aceitando, ao que parece, tudo que Mandetta pregava. Colocou um cara que concordava com Mandetta em tudo, ao menos até aqui. Como eu disse, arregou.

    3. Atenção leitores, esse “Eduardo” vegetariano, defensor do Lula, é um coitado de nome Miguel que está apaixonado por mim. Já disse que não sou chegado, que não quero nada com ele, mas ele está obcecado. Não caiam na imitação barata.

    4. Eduardo, você esbravejou, cobrou, gritou e disse que o JB não tinha coragem pra demitir o Mandetta, agora reclama que o homem foi "mandado para casa".

    5. Aguardem apoiadores do Bolsofrouxo, que comem carne, que apoiam a pecuária e que apoiam o capitalismo opressor. Logo teremos um presidente social democrata no Brasil para dar educação e saúde igual para todos. O Lula chegou muito perto disto.

    6. Cabra macho o Mandetta, não afrouxou, não se submeteu a um maluco junto com os malucos dos seus filhos, votei no Bolsonaro para tirar o PT do governo, só foi o que valeu, o resto sobre ele é um Maluco.

    7. Érico, omitindo a “parte ruim” da estória, fica fácil. Se não fosse a Covid-19 e a insanidade do BolsoNero, o “malvado” Mandetta nunca teria saído. Vai plantar batata.

    8. Vejam a diferença: O PT tinha o Padilha: corrupto e incompetente. O atual governo atual traz um gestor competente, reconhecido por seus pares! Érico

    1. Sério? Acredito que a revista poderia pensar numa plataforma de revista em quadrinhos digital, assim a Silvia conseguirá acompanhar. =)

  95. .... precisamos recuperar a Esperança! se agora está complicado, o recomeço será pior pois trombaremos com a realidade. Mas esta realidade trará também a oportunidade que todos os recomeços trazem. Deveríamos saber o que nos trouxe até aqui, então.... sabemos o que evitar e o que focar. Vamos acreditar e ter esperança!

  96. Grande valor, com competência e experiência. O difícil é encontrar máscara que bloqueie o ar virulento de Brasília. É preciso admitir fatalidades, tais como acontece com o H1N1, dengue, etc. Mas para reduzir fatalidades é preciso evitar o colapso dos hospitais, reduzir a propagação da contaminação, etc. Somente parar o país para sempre não dá. Ele corretamente pretende aumentar ao máximo os testes para identificar as áreas críticas de isolamento, etc., aumentando a eficiência.

  97. O hospital do amor em Barretos é exemplo de saúde de primeiro mundo foi beber na fonte certa.desejo muito sucesso ao ministro

  98. Já estou com dó do ministro. Se for competente no ministério da saúde, vai enfrentar já,já a infernal ciumeira do presidente e de seus três tãn tãns. Tomara que seja forte e não verge diante das dificuldafes e das difamações que virão quando o Dr. Teich se negar a relaxar totalmente o isolamento social.

    1. Simples!!! É só transformar um dos três em porta-voz, certo?

  99. Há umas cinco edições dessa revista, que eu sequer as abro. Um tipo de aversão, associada ao jornalismo que faz O Antagonista. No entanto, resolvi ler esse texto. Leal, tranquilizador. Obrigada, Érica Mader.

  100. Mais um texto lido com grata surpresa e somente ao fim percebi sua redatora - Helena Mader. Informações com algum alento e sem o viés panfletário que me fez, ontem, cancelar a renovação da assinatura. Afinal para ler bobagens há fontes infindáveis no mundo das comunicações. Brindo a qualidade da matéria.

  101. Vamos torcer para que ele faça um excelente trabalho! Pela reportagem, deu pra ver que tem muito conhecimento e competência para assumir esse barco, vamos aguardar para vermos os resultados!

  102. Algumas pessoas sensatas devem ter aplicada uma "cloroquina de efeito psiquiátrico" e colocado para ibernar, por instantes, o Corono-Loucura de Bolsonaro. Ele criou uma situação em que não podia mais "conviver" com Mandetta, mas se colocasse no MS alguém contaminado com seu Corono-Loucura seria o desastre completo, com a perda do controle do Governo. Mandetta foi competente, fez a coisa certa, e seu sucessor, apesar de "flexabilista", é capacitado, científico e cauteloso. Ganha o Brasil...

    1. Eduardo achei a mesma coisa, estava muito letárgico, mas prefiro assim, mais tranquilo, e pode também ter exagerado na dose de Rivotril.

    2. O “mito” estava muito estranho na coletiva. Parecia doente. Será que pegou a Covid-19?

  103. O Mandetta estava fazendo um excelente trabalho e trocá-lo no meio da batalha não é bom. Pelo menos o Bolsonaro escolheu alguém com perfil técnico, que nunca foi político. Duvido que o dr. Teich vai colocar sua reputação em jogo só para agradar o presidente. A comunidade médica está de olho e tem o poder para destruir toda a reputação que ele conquistou até hoje. Vamos torcer para dar certo.

    1. Boas observações, FABIO. Também acho que é por aí.

  104. Pelo jeito é bem intencionado, o que preocupa é o seu primeiro cargo em saúde pública, que muitos acham que é a mesma coisa da saúde privada, como não é político leva vantagem em relação ao Presidente que é muito egocêntrico, que tem a máxima que quando está junto por pior que seja é ótimo.

    1. Volf. Vamos esperar quanto tempo Bolsonaro demora para "exigir" alinhamento de conduta do novo ministro à suas atitudes erráticas e temperamentais. Teich já provou, por sua vida profissional, que é capacitado, técnico e ponderado em suas atitudes. Esperemos que o convívio com Bolsonaro não comprometa seu trabalho: a Cloroquina-Louca-Bozonarina é contagiante e nefasta. Ainda mais com os aloprados familiares, bozistas exaltados e demais oportunistas rondando para tirar vantagens.

  105. Excelente currículo e nos resta torcer e acreditar que poderá conduzir esta crise e melhorar o SUS quando sairmos dela. Estou otimista.

  106. Esta zona é o resultado de um país que não tem educação e saúde igual para todos, tipo a Dinamarca. Me contaram que nos países nórdicos existe o Socialismo Democrático, até mais que na Alemanha e na França. Este capitalismo opressor é muito nocivo, as pessoas consomem muita carne e a pecuária faz a festa. Tem que acabar com a pecuária para fortalecer a alimentação dos vegetais que são mais saudáveis. Que venha um próximo presidente de centro esquerda, um social democrata na linha do Ciro Gomes.

    1. Este cara que usa o nome Eduardo, e vários outros, é muito chato e muito esquerdista doente. Não para de ficar ciscando em todos os comentários, querendo impor a sua opinião fraca e atacando quem não concorda com ele. Fica agindo igual um robô. O doente escreve e defende as mesmas coisas, não para de ficar defendendo de modo fanático aquele comunista Sanders. Alguém falou para ele que o comunista é legal e acabou acreditando. Até o compara com Ciro, o robô despirocou.

    2. Eduardo, já provei pra você e outros que burro/a eu não sou. Você acha que eu tenho bola de cristal para adivinhar se tal comentário foi feito pelo Eduardo original, ou pelo Eduardo Fake. Caso esteja se sentindo prejudicado procure a redação da Crusoé.

    3. Não seja burro, Magofer, quem fez esse comentário foi o Miguel. Você não percebe?

    4. Eduardo, o seu ídolo Ciro Gomes, acaba de ser beneficiado pelo Governador do Ceará em R$ 80 milhões de reais, via contratação de uma consultoria. Deve ter a finalidade de apurar como é extraído o álcool da cana, produto que ele consome em larga escala.

    5. Jose, muita calma e ponderação. Existem infiltrados bolsonaristas usando nomes alheios para comentar. Mas concordo que, assim como você e os outros, me coloco contrario a essa direita irracional capitaneada pela família bolsonaro e o guru de araque.

    6. Tudo que o Palhaço Bozo escreveu está de acordo com o que eu penso. O Eduardo também sempre escreve ótimas análises. Os boiminions ficam enfurecidos, mas eu, o Palhaço Bozo, o Eduardo, a Odete6, a Juju e a Scarlet estamos sempre unidos contra o radicalismo e contra os gados mocócas do Miguelino. Nós unidos contra o radicalismo da direita.

    7. Alvaro, o Lula chegou perto de uma social democracia. Sugiro que você estude e se informe melhor sobre este assunto. No governo Lula não se ouviu mais falar sobre favela, não teve nenhum noticiário citando favelas. Todos sabemos que o Lula conseguiu transformá-las em comunidades. Claro que o Lula roubou e errou. Mas quem não erra??? Ele roubou menos que o Maluf e outros direitistas. O Brasil precisa de renovação e de um novo social democrata, ao estilo Bernie Sanders.

    8. Eduardo, também aconteceu comigo uns meses atrás. O comentário abaixo não foi eu que escrevi, mas não discordo muito do que escreveram. Gadinho ta tão sequelado que está agora confundindo alhos com bugalhos e numa mesma postagem fala uma coisa e se contradiz. deve ser a cloroquina que estão usando sem nem ter pego o covid ainda, pois o MITO deu a entender ser um remédio milagroso e só faltou aconselhar a prescrição universal do mesmo para todos o males..rs..

    9. O Miguel (Alberto, Renato 64 e tantos outros perfis fakes) continua tentando se passar por mim. Kkkkkkkkk. Isso já beira a obsessão, ou o fetiche. Saiu pra lá. Parece que também não é o verdadeiro Palhaço Bozo. Não parece ele falando. Eu, hein? Cara esquisito, esse Miguel.

    10. Outra coisa absurda é afirmar que Lula extinguiu as favelas "pois agora são comunidades". Só floreou o nome pois a miséria, dor e o desespero continuam sendo a tônica do lugar. O problema do Brasil é para solução de longo prazo e com foco total na educação, quem vem numa decrescente desde a redemocratização e o atual ministro é uma consequência nefasta disso.

    11. Desculpe discordar de você Eduardo. Não na questão ideológica, pois já cheguei a conclusão que o problema não é ideologia e sim caráter, moral e ética. Ciro Gomes é mais do mesmo, cria do coronelismo nordestino, tão populista barato quanto o foi Lula e agora Bolsonaro.

    12. Ciro Gomes não tem e nunca teve perfil da social democracia, foi egresso da Arena e PDS, dos governos militares, e "pobre" viajar de avião é outra ignorância. Qdo mto, a classe média, usou + o transporte aéreo e não tem nada a ver com Lula, e sim com a chegada das aéreas de "low coast". E qto ao ensino superior "esculhambado" pelos petistas, foi um desastre, pois colocou o BR em último lugar DO MUNDO nas avaliações internacionais. Informe-se melhor,"cumpanhêro". AlvaroCosta

    13. meu chapa. Vc está absurdamente mal informado, ou é um lulo-petista de carteirinha. Vamos lá: lula não inventou o bolsa família. O programa já existia com outra denominação. Diminuiu a pobreza, foi uma balela, pois os índices de pobreza no BR, só pioraram ao fim do desastre petista. O número de favelas no país aumentou exponencialmente, com o sofisma de "comunidade". O BR encarou 60.000 homicídios nos últimos 12 meses, fruto da esculhambação do "socialismo" farsante da quadrilha petista. Acosta/

    14. PABLO, se o Ciro não se exaltasse como faz muitas vezes, com palavras de baixo calão, principalmente quando enche a cara, ele seria quase um Bernie Sanders. E o Ciro consome carne, não é bom isto. Mas do resto, ele foi o melhor candidato em 2018. Fiquei arrasado quando ele perdeu. O Brasil precisa de um socialista democrático perfeito, sem estes defeitos que o Ciro tem. Tenho ainda muito respeito pelo Ciro Gomes, mas precisamos de um cara mais perfeito.

    15. Eduardo, estás brincando com as palavras que o melhor seria do tipo do Coronel e que o Lularápio acabou com a pobreza.. onde mora vc?

    16. CIRO É PREPARADO! CONHECE OS PROBLEMAS DO BRASIL! SABE NEGOCIAR! É BOQUIRROTO, MAS NÃO TEM MERDA NA CABEÇA COMO O CAPIRROTO

    17. Eu tenho me esforçado para comer o dobro de carne que eu consumia anteriormente para compensar ao menos um vegano. Fica a sugestão.

    18. Edvaldo, você não entendeu o que coloquei. Eu não escrevi que tem que ser o Ciro, apenas algum outro com o mesmo perfil dele, um social democrata. O Bernie Sanders vai servir de exemplo, inspiração, para o próximo candidato social democrata que se candidatar. O socialismo democrático é que o Brasil precisa, quase chegou perto disto nos mandatos do Lula com a extinção da pobreza, com o fim das favelas que viraram comunidades, com o bolsa família, com o pobre na faculdade e viajando de avião.

    19. Quem defende um "coroné", cearense para presidente deste país, ou é incauto, ou não raciocina direito. por que não tiririca? Agora deu mesmo, será que a cobra vai fumar novamente?

  107. Que Deus abençoe esse homem!!! Mas que ele não seja louco de acreditar que Bolsonaro não vai interferir. Só o tempo dirá.

  108. Muito boa a reportagem. Traçou, em linhas gerais porém bem definidas, as características gerais do agora Ministro da Saúde. Esperanças de melhorias na área. Parabéns pela escolha! Seja bem vindo Ministro!

  109. Nós tivemos sorte nessa escolha: não será alguém a dizer amém como seria o Osmar Terra. Temos que reconhecer o mérito do Bolsonaro nessa escolha, lembrando apenas que ele perdeu a chance de faze-la já quando montou o ministério, ao preferir o Mandetta para agradar o Caiado

    1. Avelar, concordo com você, o Presidente tem os seus méritos, tem acertado na maioria das escolhas dos seus Ministros.

    2. Avelar. Concordo com você que foi uma bia escolha. Mas acho que o mérito da escolha não é de Bolsonaro. Se ele escolhesse alguém de seu agrado, como o Osmar Terra, o desastre seria completo.

    3. Foi quando o vírus político destruidor entrou no governo federal.

    4. Sei. Já começou dando entrevista à emissora amiguinha do patrão. Duvido que ele vá dar até bom dia a um repórter da Globo. Ordens do chefe. Mas vamos lá ver o quão "técnico" ele será e quanto tempo "seus princípios" resistirão às investidas pra salvar a economia.

    1. Gostaria que a Crusoe liberasse essa matéria integralmente para o público não assinante. A matéria está ótima, esclarecedora e o Brasil precisa nesse momento de informação que traga conhecimento e confiança. Precisamos nos unir diante de informação confiável, imparcial e que traga esperança.

  110. A melhor parte: um técnico sem ideologia ou politicagem. A política de baixo nível está matando o país. Deixa o cara trabalhar e assim como os outros ministros vai dar resultado

  111. Parabéns pela matéria! Trouxe informações relevantes sobre o curriculum do novo ministro. Torço para que ele saia dessa forte e consiga implementar novos processos para a melhoria da saúde em nosso país!

    1. Isabel . A O presidente colocou na cabeça que se a solução só era a cloroquina .agora os italianos estão tratando não com o entubamento do paciente,agora eles pensam que o caso do Covid 19 e mais cardíacos e com tratamento com heparina e cortisona e outros antibióticos . Não sou médica .sou arquiteta

    2. Bem vindo Dr. Teich que Deus o ilumine. Obrigado Dr. Mandetta que Deus o abençoe.

    3. Sinceramente, não "guento" a estupidez desses comentários. "Medicina popular" é top. Suprasumo da ignorância. Apscosta

    4. Dizer que o Mandetta foi covarde é muito feio. Vai lá passar uns dias com o Bozo para ver como é. Ninguém presta para o presidente. Se for cientista então. O novo ministro não tem experiência em medicina popular. ele cuidava da elite.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO