Júlio Nascimento/PR

Solução meio-termo: Pacheco une pedidos e determina instalação da CPI da Covid

13.04.21 18:48

Depois de passar os últimos dias debaixo de intensa pressão, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (foto), adotou uma solução intermediária para a CPI da Covid.

Ao ler no final da tarde desta terça-feira, 13, os dois requerimentos para a instalação da comissão parlamentar de inquérito, Pacheco determinou a união de duas propostas: uma do senador Randolfe Rodrigues, para apurar ações e possíveis omissões do governo Bolsonaro na condução da pandemia, e outra do senador Eduardo Girão, que mira estados e municípios que receberam verbas federais — sem, no entanto, investigar atos de responsabilidade de governadores e prefeitos, como havia antecipado Crusoé.

Corroborando essa tese, com base também em Parecer da Advocacia-Geral do Senado, esclareço que ‘são investigáveis todos os fatos que possam ser objeto de legislação, de deliberação, de controle ou de fiscalização por parte do Senado Federal, da Câmara dos Deputados e do Congresso Nacional’, o que, a contrário senso, implica que ‘estão excluídos do âmbito de investigação das comissões parlamentares de inquérito do Poder Legislativo federal as competências legislativas e administrativas asseguradas aos demais entes Federados’“, esclareceu Pacheco.

O presidente do Senado determinou ainda que lideranças dos partidos e blocos sejam formalmente acionadas para que indiquem os nomes dos senadores às 11 vagas da CPI, respeitando a proporcionalidade partidária. Apenas depois disso é que o colegiado será instalado oficialmente.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. RECEITA DO PERVERSOSSAURO: 》》》》》》》》》》 https://www.em.com.br/app/noticia/nacional/2021/04/14/interna_nacional,1256836/em-manaus-cinco-pacientes-morrem-depois-de-nebulizacao-de-cloroquina.shtml?utm_source=onesignal&utm_medium=push

  2. A imensa maioria da população está cgnd para essa CPI. O Brasil precisa de vacinação em massa urgente. Mas isso é problema demais para esses incompetentes.

  3. CPI meio-termo significa CPI meia-boca. Vão tagarelar muito e fazer pouco. A solução para o Brasil recuperar-se como país é muito simples: prender o Bozo e os bozistas por crime contra a humanidade. Qualquer outro paliativo não tem efeito algum. É, portanto, igual ao tal tratamento precoce recomendado pelo Dr Bozo.

    1. Tem q ter Impeachment para acabar a Pandemia, mortes e contágios. Também acabarão os incêndios na Floresta Amazônica e as praias ficarão livres de óleo vazado. Para pagarmos menos impostos, termos mais Auxilio Emergencial e de um Salário Minimo, não essa merreca. Tem q ter esse Impeachment logo para o Brasil voltar a ter amigos como Biden, União Européia, e demais países. Tem q ter impeachment para podermos ter logo o 5G melhor chinês. Por que essa demora com o Impeachment?

    2. Ha uma prioridade aqui. A prioridade agora é prender o Bozo. As razões são óbvias. O resto vem depois, como um efeito cascata de consertar o país quebrado pelo bozolulismo.

    3. Prender o Bozo???? Que tal definir pela prisão em 2a instância, mandar o ladrao de Garanhuns para cadeia junto com seus asseclas, destituir os vagabundos do supremo....

  4. Essa CPIB , comissão parlamentar inquérito do Barroso é só mais um desperdício do tempo dos senadores os poucos bom e todos os ruins ,e claro um montão do nosso dinheiro jogado no esgoto , historicamente nunca dá em nada é só politicalha para um emparedar o outro o único que toma no zóio é o passivo povo brasileiro.

  5. Isso tudo foi feito para que não se investigue nada, conforme a vontade do presidente e de outros investigados. Tenta-se investigar todos, para que não se investigue nada, e tudo acabe na pizzaria do congresso.

    1. Pode não terminar em pizza se o povo cobrar e se unir. Temos todos que fazer muito barulho.

    2. Verdade Marcos, verdade. Enquanto isso o povo continua morrendo como mosca! Quem se importa? Ninguém!

    3. Concordo plenamente. A CPI não vai dar em nada, como sempre, aliás!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO