A PF prioriza São Paulo

01.02.19

O delegado Igor Romário de Paula, novo chefão da área de combate ao crime organizado da Polícia Federal, recebeu orientação de seus superiores para reforçar as ações da corporação em São Paulo, especialmente na capital. A leitura que se faz internamente é que, nos últimos anos, não foram feitos os devidos esforços para combater crimes financeiros na cidade, o maior polo econômico do país. A autocrítica vem acompanhada de queixas quanto à atuação do Ministério Público Federal e da Justiça Federal locais. A avaliação é de que ainda falta muito para que essas instituições alcancem o chamado “padrão Curitiba”, que catapultou a Lava Jato.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéO delegado Igor: atenção especial a São Paulo

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A Corte administra os cofres públicos - eufemismo para designar os cofres da própria Corte. Se alguém rouba os cofres públicos, a Corte chama a polícia da Corte e o bicho pega. Tem coisas que só a Corte pode fazer sem dar satisfação a ninguém.

  2. Sem mencionar o Rio de Janeiro que se for levado a fundo os Municípios que compõem o Estado, vão encontrar falcatruas de todos tipos e de todos tamanhos tando em vista o que foi o antigo TC RJ !!!!!!!

  3. São Paulo existe uma aristocracia que ocupa o judiciário e que bloqueia toda e qualquer investigação ...então que tal uma lava toga em São Paulo...acho que vai ter muita coisa a ser descoberta.

  4. Discordo..o "padrão Curitiba" nada tem a ver com verbas e sim com especializações feitas no exterior. O Dr. Moro trabalhou com governos que tentavam sabotar seu trabalho, retirando verbas (inclusive ) conforme se chegava perto dos medalhões. Nem por isso ..ou por pressão deixou de fazer um trabalho notável!!

  5. Realmente o MP paulista não chega aos pés do Rio e Curitiba! porquê será? Não esquecendo que os advogados queriam que o processo do sítio de Atibaia fosse transferido para SP....aí tem viu!

  6. Por incrível que pareça, o estado mais próspero da nação se assemelha aos de oligarquia enraizada, principalmente do Norte e Nordeste, no quesito justiça indigna.

    1. Amigo. Discordo totalmente de você. Os ilustres promotores de justiça de São Paulo sempre estiveram coniventes com o PT e o Lula. Veja se o processo do Instituto Lula foi para frente. Tive o interesse na época e assistir ao depoimento de Lula colhido no aeroporto de Congonhas, para onde foi levado à força. Ele confessou que havia recebido PROPINA de diversas empresas oriundas de palestras não realizadas. Porque não foi levado adiante a investigação? A PF deve atuar sim em SP e aposentar esses

Mais notícias
Assine
TOPO