Ele quer trégua

07.05.21

Representantes de sindicatos da Polícia Federal foram surpreendidos recentemente por um convite pouco usual para que comparecessem a uma reunião com o novo ministro da Justiça, o delegado Anderson Torres. Chegando lá, ouviram do próprio ministro apelos para que dessem um tempo nas críticas e nas cobranças ao ministério ao menos nestes primeiros meses de gestão. Alguns toparam a trégua. O delegado, que chegou ao cargo com a missão de atender ao desejo de Jair Bolsonaro de tornar a PF mais alinhada aos interesses do governo (e aos dele próprio), sabe que o ambiente interno não é dos melhores e quer conter o risco de rebeliões.

ReproduçãoReproduçãoTorres quer uma espécie de “período de carência” para críticas e cobranças

Já é assinante?
Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Assine a Crusoé

*válido até 30/06/2021

Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Uma vergonha esses mordomeiros pelo cargo se submetem a tudo, general já tomou vacina escondido, imagine o que não faz um delegado

  2. Assim como fez o PT, o aparelhamento da máquina pública pelo genocida é nojento. Estão em cargos importantes as piores figuras, capachos que se aderem ao chão e ao cargo. Mais baixo não podem chegar.

    1. Esse tipo de controle das instituições republicanas não é saudável em países democráticos.

  3. 3 meses é demais! 3 dias já são muito! Jair Bolsonaro, governe o Brasil por favor. Você só fica no tititi e no nhenhenhem. Trabalhe para gerar mais empregos, proteger nossas florestas, criar novos negócios e salvar muitos mais brasileiros do Covid 19. Por que é tão difícil fazer isso? É ignorância? É falta de competência? Falta de estudo? É preguiça/indolência? Por que vc quer ser reeleito? Para se proteger e aos seus filhos por acusações de corrupção? Cai fora!

  4. Surpreendente que policiais tarimbados, não vejam a evidente traquinagem que está sendo montada, decepcionou aceitarem a trégua.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO