Ricardo Stuckert/Fotos PúblicasImunizado pela Coronavac e pelo STF, Lula quer rodar o país

De condenado a mártir

Lula se aproveita das últimas decisões do Supremo para posar de injustiçado e passar uma borracha sobre o esquema bilionário do petrolão. Ele já vê condições para o PT retomar o projeto de ficar mais 20 anos no poder
26.03.21

Esparramado no sofá de casa, em São Bernardo do Campo, onde vive com a namorada Rosângela da Silva e três cachorros vira-latas, o ex-presidente Lula lançou um vaticínio assim que recuperou os direitos políticos e voltou a se tornar elegível, por decisão do ministro Edson Fachin. “Vou voltar. E sabe aquilo que o Serjão (ex-ministro das Comunicações de FHC, Sérgio Motta) falava do PSDB? Vou ser eleito novamente e o PT vai ficar 20 anos no poder.” A megalômana previsão do petista que soa como como música aos ouvidos da esquerda, mas que apavora mais da metade dos brasileiros que o rejeita, foi testemunhada por Paulo Okamotto, diretor do Instituto Lula e tarefeiro predileto do ex-presidente.

A decisão da Segunda Turma do Supremo que na terça-feira, 23, declarou que o ex-juiz Sergio Moro foi parcial ao julgar Lula apenas consolidou algo que o ex-presidente e seus advogados já esperavam desde a virada do ano. O movimento de Fachin já havia feito o PT pisar no acelerador para colocar em marcha a campanha para o regresso de Lula ao poder em 2022.

Graças aos veredictos favoráveis das úlimas semanas no Supremo, e ao caldo de cultura muito bem nutrido pelo governo Bolsonaro, responsável direto por colocar em xeque a Lava Jato, o plano petista passa por uma estratégia de comunicação destinada a reposicionar a imagem de Lula, que já se apresenta como um “injustiçado”, uma vítima da Lava Jato, como se num passe de mágica fosse possível apagar da memória dos brasileiros os saques à Petrobras, a escandalosa promiscuidade no trato com o Congresso, a indecente relação com empreiteiros e os benefícios amealhados por ele e seus familiares nos esquemas descobertos pela operação.

Vanessa Carvalho/Brazil Photo Press/FolhapressVanessa Carvalho/Brazil Photo Press/FolhapressAo posar de vítima em São Bernardo há duas semanas, Lula já antecipava o tom que será adotado por ele e pelo PT
A fim de ajudá-lo a pavimentar o caminho de volta ao Palácio do Planalto, Lula reuniu um time formado por notórios companheiros de partido, lideranças regionais e empresários, com os quais jamais perdeu contato, mesmo quando estava preso numa sala-cela de 15 metros quadrados em Curitiba.  Compõem o grupo conhecidas cabeças coroadas do petismo, tendo à frente a presidente da legenda, Gleisi Hoffmann, o candidato do partido derrotado nas eleições de 2018, Fernando Haddad, o “Índio”, como é conhecido o governador do Piauí, Wellington Dias, o ex-“capitão do time” José Dirceu, que tornou a operar com desenvoltura em nome de Lula e do PT, além dos ex-ministros Luiz Dulci, Walfrido dos Mares Guia e os empresários Roberto Setúbal, ex-presidente do Itaú, e Josué Gomes, filho de José Alencar e atual presidente da Coteminas.

Nas recentes reuniões do grupo, atualmente por videoconferência, ficou acertado que, nos próximos meses, Lula irá começar a rodar o país e promover encontros com lideranças regionais. Por ora, no entanto, o petista seguirá mais recolhido. Por três motivos, apurou Crusoé: Lula quer aguardar o arrefecimento da pandemia, evitar se expor excessivamente antes do tempo, para não virar alvo “da imprensa e de adversários políticos”, e por uma teoria da conspiração desenvolvida por dirigentes do PT nos últimos dias — impedir que ele possa ser vítima de um atentado por um “Adélio de sinal trocado”, numa referência ao homem que esfaqueou Jair Bolsonaro em setembro de 2018.

Por mais bem-sucedida que seja a estratégia, até os petistas mais empedernidos concordam que não será simples passar uma borracha nos crimes cometidos pelo partido e incutir na cabeça da população uma espécie de “esqueçam que eu delinqui”, versão do “esqueçam o que eu escrevi”, frase atribuída a Fernando Henrique Cardoso no início dos anos 1990. Por exemplo, como fazer desaparecer o departamento de propinas da Odebrecht, onde, segundo delação do ex-ministro Antonio Palocci, Lula era o “Amigo” que chegou a ter um saldo de 40 milhões de reais, em 2012? Como desfazer as declarações ainda do mesmo Palocci de que um “pacto de sangue” foi firmado por Lula com o empreiteiro Emílio Odebrecht para continuar a receber propinas da empreiteira mesmo depois de deixar o governo? Como é possível deletar dos autos as reformas no sítio de Atibaia e no tríplex, em particular, autorizada pela “Madame”, como Marisa Letícia era chamada por um ex-diretor da OAS?

Marcos Oliveira/Agência SenadoMarcos Oliveira/Agência SenadoGleisi Hoffmann participa das reuniões por videoconferência onde são discutidas as estratégias para “reposicionar” a imagem de Lula
O PT crê que o fracasso bolsonarista, somado às recentes decisões do STF contra a Lava Jato e o ex-juiz Sergio Moro, seu principal algoz, constituem o melhor ponto de partida possível na tarefa de lustrar a imagem do ex-presidente. O mais irônico é que, da mesma forma que a eleição de Bolsonaro é vista por muitos como consequência dos desastres do PT no governo, a reabilitação de Lula está, de certa forma, na conta de Bolsonaro, que para proteger os seus, em especial o senador Flávio Bolsonaro, não se constrangeu em pôr a Lava Jato a pique, sufocando as investigações e impondo travas ao combate à corrupção com o aparelhamento da Polícia Federal e da Procuradoria-Geral da República, numa evidente aliança com setores do STF interessados em acabar com a operação.

Quando seu indicado Kassio Marques votou contra a suspeição de Sergio Moro na terça-feira, 23, o presidente da República comemorou, mas não foi pela Lava Jato e pelo ex-juiz, sim pelo cálculo político segundo o qual é interessante ter Lula fora da corrida no ano que vem. A guinada de Cármen Lúcia, decisiva para virar o jogo em desfavor de Moro, guarda total relação com o momento em que vive o país: o novo espírito do tempo, ou o Zeitgeist, como dizem os alemães, é combater a tragédia bolsonarista, responsável por perenizar a sensação de que nada pode ser pior, nem mesmo uma eventual volta de Lula ao poder. Ao falar das agruras de se tornar ex-presidente, José Sarney costuma dizer que os mandatários, quando deixam o poder, passam a ser “um grande e profundo encalhe”. Pois Bolsonaro, o ministro Gilmar Mendes e o STF conseguiram a proeza de desencalhar Lula. E ainda de dar a ele uma aura de mártir, apesar das muitas evidências em sentido contrário.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Votei em Bolsonaro pois tenho ciência da roubalheira cometida pelo Lula e pelo PT (também pelos demais partidos políticos) mas segundo o jargão atribuído ao ex-governador Paulo Maluf -"ROUBA MAS FAZ", votarei no Lula ou qualquer indicado por ele, já que pelo menos ele fará o que o Bolsonaro não faz.

  2. Votei em Bolsonaro pois tenho conhecimento das falcatruas do Lula e do PT (além dos demais partidos políticos) mas me arrependi e, segundo o jargão atribuído ao ex-governador Paulo maluf-ROUBA MAS FAZ-,

  3. https://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/de-verdade-o-pt-desviou-da-saude-r-242-4-bilhoes-nessa-area-partido-sempre-foi-a-doenca-nao-o-remedio/ Sempre bom lembrar

    1. Atribuir a lula apenas 30 ou 40 milhões como faz a matéria e canalhice ou ignorância dos valores roubados pelo PT nos últimos 14 anos? Crusoe... quem te viu e quem te vê. ando bem desanimado com a revista. ja foram melhores. o que mudou?

  4. TENHO MAIS DE 70 ANOS PORTANTO MEU VOTO É FACULTATIVO. POSTO ISSO SE TIVER QUE ESCOLHER ENTRE UM PSICOPATA GENOCIDA BURRO E UM LADRÃO MARAVILHOSO CHEIO DE LÁBIA ENGANADOR, NÃO VOU VOTAR. GRAÇAS A DEUS SOU INSTRUÍDO, SOU FILHO DE SAPATEIRO E COM MUITO ESFORÇO SOU ECONOMISTA CORRI ATRÁS ,TODO BRASILEIRO DEVERIA FAZER ISSO PARA NÃO SER ENGANADO POR ESSES POLÍTICOS E GOVERNANTES CRÁPULAS.

    1. Quem vota em branco ou anula o voto tem que engolir o resultado por 4 anos, no mínimo....

    2. Escolher um dos dois é ser cumplice da derrocada do país. Melhor é anular o voto, pelo menos isso servirá como protesto!

    3. Sr Edmilson, desperdiçar o voto nunca será a solução, pois alguém será vencedor. Não sou nem bolsonaro, muito menos lula, mas caso o 2° turno nos dê essa pérola, votarei em Lulas. Porque por mais que o lula roube, ele não põe em risco a democracia, pois não existe o risco das forças armadas o apoiarem nessa empreitada, o que já não consigo afirmar em relação ao bolsonaro.

    1. Infelizmente, brasileiro tem memória curta, muito curta.

  5. Uma coisa é querer outra é poder! Quem está de fato e de direito com a áurea de mártir é o Dr. Sergio Moro. Que Deus nos ilumine a todos e um abraço fraterno em agnósticos e ateus! Namastê!

    1. Muito fraquinha. Danou-se com o qualificativo e vingou-se. Vai saber o que mais os hackers capturaram nos dados roubados do celular dela. Roubaram de alguns do STF tb.

  6. Diogo espero que você não de uma de Carmem Lúcia, afinal você declarou a época que estava saindo do país por não conseguir conviver com o cachaceiro, ladrão de nove dedos.

    1. Nenhuma menção ao principal ator desta comédia mambembe: O ELEITOR. Excepto alguns alienados dos grotões sem acesso à nada, informação zero, só fome e desespero, o povo não é mais aquele povo bobo de alguns anos atrás... Especialmente o sobrevivente da pandemia. Muitos estão ansiosos por outra via, cansados de ter de escolher, há muito, entre o ladrão e o genocida. Tenha-se em mente que a pandemia está longe de a a acabar: MORRERÃO MILHARES ainda, do vírus e de FOME...

  7. Será que ele pensa em ser presidente pelos proximos 20 anos? Existe a múmia de Lênin. Será que criarão a múmia do 9 Dedos?

  8. So mesmo num país de terceiro mundo com uma justiça capenga ocorre aberrações desta natureza onde um sujeito condenado em tres instancias por juizes e desembargadores num total de 11 tem suas condenações anuladas em decisão monocrática com a alegação que a primeira instancia não tinha competencia pra julgar. É o fim do mundo, esculhambaram de vez com o que restava da justiça. Aqui só começando do zero, tá tudo errado.

  9. Bom era quando não existia Lava Jato, nem Moro, nem Deltan. A maior rivalidade no Brasil era Flamengo e Vasco, ou Lula e FHC. Já tinha muita favela sim... Tráfico, bala perdida, fome, miséria... A escola e o hospital público já perdiam feio pra rede privada... Mas era todo mundo feliz: Lula, FHC, Bolsonaro, Renan, Sarney... Tinha um certo "código". Tudo sempre se mantinha. Nada realmente mudava.

  10. Pequenas empresas de engenharia não tinham vez, mas Odebrecht, Queiroz, Camargo Correa, OAS, UTC, eram prósperas. Esses empresários eram felizes. E os políticos eram felizes também. Nem precisava de um fundão eleitoral tão alto como o que Jair Bolsonaro sancionou. Moro, Deltan, Zavascki, Barroso, Fachin, a PF e o TRF 4 foram como a pílula vermelha da Matrix. O brasileiro teve a chance de ver que vivia em uma bolha. Como assim?

  11. Foi a chance de vermos, nos bastidores, as razões pelas quais o país é o que é. Afinal, o que é que permite tanto tráfico, tanta bala perdida, tanta fome, tanto desemprego, tanta morte? Foi explicado: uma corrupção sem limites. A corrupção mata! Muitos brasileiros preferiram a pílula azul. Querem permanecer na matrix. Rejeitam olhar de fora. Culpada é a LAVA JATO. Ela é que fez o Brasil ser o que é. Lula livre! Viva o Mito e a cloroquina.

  12. recomendo aos que creem no molusco que LEIAM o livro do BARACK OBAMA (homem da esquerda) e vejam que o PT/LULA estão lá e ele diz (estava na casa dos bilhoes)

  13. ERA SÓ O QUE FALTAVA, O JOÃO CANA BRAVA VOLTAR PENSANDO QUE SERÁ PRESIDENTE. O BRAHMA NA PLANILHA DA ODEBRECHT SERÁ SEMPRE O MAIOR BANDIDO DE TODOS OS TEMPOS APESAR QUE HOJE TEM UM GENOCIDA QUERENDO DESBANCAR O MOLUSCO LADRÃO. UM ROUBA O OUTRO MATA. EM 2022 QUEM GANHARÁ A ELEIÇÃO SERÁ O EX-JUIZ QUE PRENDEU OS BANDIDOS DE ONDE JAMAIS DEVERIAM TER SAÍDO E NÃO O PRESIDIÁRIO QUE POSA DE INOCENTE. MORO É O TERROR DESSA TURMA E CONTINUARÁ SENDO. VIVA A LAVA JATO, VIVA O MORO, VIVA O BRASIL.🚔🚔⚔🗡☠

  14. Quem vai aguentar olhar pra cara dessa gente bandida falando para telespectadores na tv como se honestos fossem? Todo mundo sabe quem foi Dirceu! Todo mundo sabe o que fez Gleizi! Não vai dar pra aguentar! É muito injusto e muito imoral!! Vamos precisar tomar Plasil em doses cavalares!!

  15. enquanto brasileiro fica no discurso, ouvindo esta mídia de esquerda, eles estão voltando. Quem fica com a bunda no sofá em vez de protestar, não ir para rua, etc estaremos mais próximos de Cuba e Venezuela

  16. Me da um mal estar só de ver essa pessoa com tanto desvio de caráter querendo voltar a enganar a população mais simples,enquanto mantém a fortuna que amealhou para si e para a sua família de forma criminoso.

  17. Falando no ladrão nove dedos, alguém sabe o que ele foi fazer em Cuba? Soube até que teve Covid mas tinha usado tanto álcool que curou rapidinho!!!🥶🥶🥶🥶

    1. Para sua informação Mary o "Maior Presidente da história deste país" foi a Cuba participar de um documentário sobre as esquerdas da América Latina dirigido pelo americano Oliver Stone. Como Cuba tem a melhor medicina do mundo (que o diga o falecido Hugo Chaves) ele e toda sua comitiva pegaram Covid.

    2. Para sua informação Mary, o "Presidente mais popular da história deste país" foi a Cuba participar de um documentário dirigido pelo americano Oliver Stone sobre as esquerdas na América Latina, como o sistema de saúde de Cuba é perfeito (que o diga o finado Hugo Chaves) ele e toda sua comitiva pegaram Covid sim.

  18. Precisa combinar com os Russos, esses são a maioria dos brasileiros, nem lula nem bolsonaro. Sim, Lula fui teu eleitor várias vezes até ele ganhar, depois votando em outros nomes, na ultima eleição votei em Bolsonaro, em 2022 voto até no capeta, menos em Lula e Bolsonaro

  19. Essa assombração volta para perturbar. Já nao basta parte do STF indigno, um Congresso vergonhoso e um governo totalmente irresponsável e omisso.

  20. Sistemas de saúde, educação e segurança caóticos!!! O maior esquema de corrupção institucionalizado da história!!! O STF, as universidades e grande parte da mídia apoiando. Esse país ainda tem jeito??? Difícil!!!

  21. Martir para a corja deles! Pesquisas indicam que a maioria da população não vê assim. E a Crusoé, na minha opinião, não devia dar cartaz pra essa patifaria. NEM Lula NEM Bolsonaro!

  22. Não tenho muito a dizer desse ser abominável e diabólico, a não ser repetir o coro nacional: LULA LADRÃO. VÁ DE RETRO SATÁNAS.

  23. - [ ] Ditadores corruptos não ligam para anseios do povo, desde que possam contar com a resguarda das FFAA (ex.: China, Rússia, Venezuela). O que eles realmente temem: protestos do povo COM APOIO MILITAR! As FFAA devem garantir que a CF não seja aniquilada por corruptos no poder! Resta saber em que lado estão os Generais.

  24. Com os extremos se debatendo na campanha burra nós/eles, a oportunidade da sensatez aparecer e amealhar os descontentes dos dois lados está posta. A menos que passe a valer que eleições com nº de votos brancos maior que o somatório dos demais votos tenha que ser anulada, teremos, de novo, uma tragédia nacional, qualquer que seja o lado vencedor! Meu desejo de Moro na presidência soa-me como sacrifica-lo ele é melhor que tudo isto, não merece tamanho castigo!A Lava-Jato ja é História do Brasil!

  25. A eliminação de Moro, como candidato para PR, é primordal para facilitar a candidatura do Lula. A CF está sendo aniquilada pelo STF. Obrigação das FFAA é defender os dreitos do povo e garantir a CF! Povo na rua, pedindo intervenção militar! Resta saber: de que lado estão os Generais?

  26. O que me espanta mais é a estupidez desse bando de CORRUPTOS no sentido de permitir que o ELEITORADO saiba direitinho quem são os bandidos e os mocinhos. Primeiro porque a Transparência da Operação Lava Jato impede que a versão farsesca de LULA MÁRTIR convença muita gente. Segundo porque o POVO ESTÁ SATURADO DESSA EMPÁFIA DOS CORRUPTOS e pode virar o jogo. Vai ser fácil separar o joio do trigo apenas com base na atitude em relação a Sergio Moro. Quem o ataca é da ORCRIM!

  27. Antes de 2018 eu dizia que entre um louco e um ladrão, eu votaria no louco...mas agora em 2022 vai ser entre um louco-ladrão e um ladrão...

  28. Mártir????????????? LULA LADRAO SEU LUGAR É NA PRISÃO. Ainda que os corruptos livrem ele para o POVO LULA SEMPRE SERÁ LADRAO E EX PRESIDIÁRIO

    1. Bolsonaro não é nenhum santo e Lula é comprovadamente ladrão. Nossa esperança é que apareça uma terceira via comprovadamente decente. Não vamos desperdiçar nosso voto. Que Deus tenha piedade dos brasileiros

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO