Mortadela com chuchu

19.03.21

A volta de Lula ao xadrez – o eleitoral – bagunçou de tal forma o tabuleiro que alianças políticas que antes eram impensáveis passaram a ser cogitadas para 2022. A mais surpreendente delas envolve uma possível chapa do PT com o ex-governador tucano Geraldo Alckmin, que já sinalizou que quer voltar a comandar o estado de São Paulo. Como é cada vez mais alta a chance de o vice-governador Rodrigo Garcia trocar o DEM pelo PSDB, para disputar o governo no ano que vem, quando João Doria talvez dispute o Planalto, também aumentou a possibilidade de uma filiação de Alckmin ao PSB, partido mais à esquerda cujo diretório paulista é comandado por Márcio França. França, vice do tucano entre 2015 e 2018, já abriu as portas do partido ao ex-governador. Se esse cenário se confirmar, petistas graúdos não descartam – acredite – se aliar a Alckmin, de quem são adversários históricos. A aliança ajudaria a diminuir a rejeição dos paulistas ao PT e colocaria o PSB na aba da provável candidatura presidencial de Lula.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéAlckmin: se ele for para o PSB, o vice pode ser um petista

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Politico é tudo igual mesmo. Alckmin falava cobras e lagartos do PT. " to aqui pra mi arruma" lema do Justo Verissimo ( Chico Anísio) é o que predomina e o resto são os trouxas votando, para "cumprir o dever civico".

  2. Não estão nem ai para o país.Não há interesse público. Só interesse político partidário com vistas ao poder. O país não tem nada para dar certo. A começar por esse sistema de governo, podre, fracassado, uma usina de crises políticas. A mesmice de sempre. Reforma Política.

    1. Também acho. Ninguém em São Paulo suporta o Alckmin.

  3. No Brasil não temos Partidos de verdade com programa e coerência ideológica; temos pessoas sob as quais giram os partidos. Nos EE.UU dois partidos se revezam no poder central a cada 4 ou 8 anos; na Inglaterra acontece o mesmo com os Partidos Trabalhista e Conservador, com a só diferença de que lá à espera por revezamento pode ser mais longa, 4, 8, 10 e até 12 anos, e nem por isso, há o desespero que se observa aqui com o nosso escandaloso sistema que permite a existência de mais de 30 partidos.

    1. COM TODA A CERTEZA E O VOTO DO KASSETE POIS SEU CHEFE JÁ APONTOU ESPADA!

    2. Putz.. cara eu quero a tua fonte.. até compro.. essa foi de arrebentar a boca do balão..apscosta/df

  4. Vergonhosa essa aliança entre opositores históricos! Tudo pelo poder! Não dá pra acreditar na boa-fé e em bons propósitos! São mercenarios sanguessugas da nação e merecem todo nosso desprezo!

  5. Mais que salada, até que daria um bom prato mortadela com chuchu, pt+ psdb sempre foram irmãos gêmeos, só o gadão não sabia

  6. Em 2022 SÉRGIO MORO “PRESIDENTE LAVA JATO PURO SANGUE!” O Brasil finalmente terá Um Governo Fundado no “IMPÉRIO DA LEI!” Não seremos LUDIBRIADOS com o “Velho Plano de MELHORAS na ECONOMIA!” Triunfaremos! Sir Claiton

  7. Mortadela c/ chuchu me lembra o odor fétido do cruzamento das avenidas do Estado com a Mercúrio e Senador Queiroz onde o fedor ardido de alhos e cebolas descartados misturam-se ao esgoto do Tamanduatei. Qdo o sol aquece as águas e o asfalto sobe o fedor de podridão entranhada. Pois é assim que vejo essa união, eles insistem em não entender q/ estamos cansados de atravessar o rio tapando o nariz.

  8. Partidos possuem ideologias. Já POLÍTICOS, não! O esquerda de hoje é o liberal amanhã e depois é centrão! No fundo o que realmente importa para essa classe política, é o poder! O poder não enxerga ideologias, só enxerga o poder!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO