MarioSabino

Próximo, por favor

07.08.20

Machado de Assis fingia não ser negro. Baudelaire contaminou uma prostituta com sífilis. Thomas Mann escondia sua inclinações homossexuais. Leonardo da Vinci também. Lewis Carroll tinha tendências pedófilas. Chaplin preferia as adolescentes. Gauguin transava com as meninas que retratou no Taiti. Picasso era um sátiro. Tolstoi era sexualmente insaciável. Byron contabilizava o número de amantes num caderno. Edmund Wilson descrevia suas relações sexuais num diário. Dante jamais dedicou uma linha a sua mulher. Machiavelli manteve uma cantora como amante. Newton, quando jovem, ameaçou queimar a casa da própria mãe. Rousseau abandonou os filhos. Evelyn Waugh desprezava os seus. Eça de Queiroz nutria desejos matricidas.

Freud colocou o cristão Jung como presidente da Associação Psicanalítica para livrar a psicanálise do estigma de “ciência judia”. Jung era antissemita e admirador de Hitler. Ezra Pound era fascista. Heidegger era nazista. Wagner foi a trilha sonora do nazismo. Yeats admirava Mussolini e chegou a escrever cantos marciais para os nazistas irlandeses. Lillian Hellman admirava Stálin, ficou histérica quando Hitler invadiu a União Soviética (“a Mãe Pátria foi invadida!”) e roubou os direitos da obra de Dashiell Hammett das filhas do escritor. Pablo Neruda era estuprador e stalinista (“Há que aprender de Stálin a sua clareza concreta/Stálin é o meio-dia”). Churchill era imperialista, racista e alcoólatra. Monteiro Lobato sofria de racismo estrutural, como provam Emília e Tia Nastácia. Brecht sujava as unhas para parecer um trabalhador e assinava obras escritas pela amante Elizabeth Hauptmann. Sartre escreveu para uma publicação colaboracionista na Paris invadida pelos alemães, elogiou a total liberdade de expressão na União Soviética, era um entusiasta de Che Guevara (“não apenas um intelectual, mas o mais completo ser humano da nossa era”) e deixou toda a sua herança para a jovem amante. A feminista Simone de Beauvoir submetia-se aos caprichos de Sartre, apresentando-lhe estudantes do segundo sexo. Elizabeth Bishop aplaudiu o golpe de 1964 (“foi uma revolução rápida e bonita”). Proust investiu num bordel masculino para poder espiar o que se passava nos quartos. 

A cultura ocidental é um nojo. A cultura ocidental deve ser jogada na lata de lixo da história — que é outro lixo porque escrita por seres humanos imperfeitos, e a imperfeição não tem gradação, não tem contexto, é sempre absoluta como a perfeição. Só se é humano quando se é perfeitamente perfeito. Desculpas não serão aceitas, próximo, por favor.

Vamos além, além da conta, porque já não há conta, medida, proporção. Vamos queimar tudo, vamos derrubar tudo, vamos cancelar tudo. Vamos arar com sal todos os terrenos já pisados. Viva a pureza moral, Heil, viva a censura correta, Heil, viva a morte dos culpados em eternos julgamentos finais, Heil.

Vamos esquecer que o vício muitas vezes é o estrume da virtude (Machado de Assis, que fingia não ser negro).

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. O humano deve ser julgado pelas suas ações: Premiar as benéficas e punir as maléficas. Simples como pagar pelo que compra e receber pelo que vende...

    1. A tempo: Na época de Beaudelaire, a sífilis era a bola da vez; Edgar Poe também tinha tendência pedófila. Casou-se com a prima de 13 anos de idade; Wagner não tem culpa por sua obra ter sido adotada pelo nazismo, ele morreu em 1883; A mãe de Newton o abandonou assim que o pariu. Anos depois, reapareceu para impor um pai para ele.

  2. SIM, somos todos iguais nas nossas imperfeições, diferentes em como lidam com elas. Ser humano é como uma célula tronco: pluripotencial, pro bem e pro mal. Realidade, fato.

  3. Precisamos tanto de textos como esse, Mário! Chegamos à era da desconstrução do humano para que seja construído o 'Novo Homem'. Afff

  4. Gosto de sua ironia, Sabino. Devemos admirar o valor da obra sem necessariamente levar em conta seu autor. Próximo: Péricles, fundador da Democracia, era corrupto.

  5. o problema que o passado não nos serve para mudarmos, seria bom se fossem só estátuas, monumentos, quadros lindos, livros e história

  6. Muito Legal, Sabino. O suposto lixo cultura,l justificaria a ironia incrustada no seu texto.Parabéns, e assim; Viva a censura dos doutos imperadores, revestidos da toga da verdade absoluta, no tiranicídio da liberdade, que precisa ser vigiada, como garantia da submissão e da ordem, mas não de lei.

  7. É mto engraçado ler e reler uma boa parte do que esses "comentaristas" se esmeram em parecerem luminares da interpretação de textos. Sabino, um excelente articulista, não quis, a meu ver, passar nenhuma mensagem, além de querer mostrar que todos nós, humanos, somos um escaravelho de nos mesmos. Mas, enfim, o que que quero mostrar é que Sabino cometeu alguns erros nos conceitos. Algumas dessas idiossincrasias descritas foram meros "boatos". É só. apscosta/df

  8. PC. Todo ser humano traz na memória algo gostaria de não ver revelado, então basta procurar para revelar o que está além das "lives" e dos churrascos nos sítios da vida.

  9. Maravilhoso! Com suas palavras inteligentes e elegantes naquilo que dizem e no que deixam subentendido. Podemos rejeitar a pessoa e continuar admirando seu trabalho. Vamos nos lembrar disso nos dias de hoje. Tem muitas pessoas imperfeitas tentando fazer um trabalho admirável...

    1. Um execelente comentário sem reclamar da simples 'separação por vírgulas' dos personagens citados. >>> Quanto à construção do texto - é de autoria do Mario Sabino -, não do também talentoso Nelson Rodrigues. >>> Gosto de frieza e também de calor. A ironia fina é uma forma superior de inteligência.

  10. "Raça" em extinção? É o que somos? Provavelmente nunca chegaremos ao "Paraiso" mesmo porque estamos destruindo o único que conhecemos.

  11. Caro articulista, a humanidade, como você sabe, é composta por humanos, imperfeitos, irracionais, destrutivos, e todos os demais defeitos; portanto, o que queres mais?

  12. Os gênios, se sobressaem até nos seus “toques” e prazeres indizíveis...! Os passantes, são apenas passantes, fofoqueiros...! Parabéns! Au revoir 💛

  13. Escreva um, Jorge, que "preste" para alguma coisa. Talvez para você, dependendo do que você tem como valia, valor. >>> É um texto. Você sabe escrever ?

  14. Grande Mário, usando esse estilo de texto, além do convencional, vc quebra as pernas de 95% dos leitores cuja interpretação segue um caminho oposto ao pretendido no texto. Com efeito, quiçá, a sociedade ocidental contemporânea abrisse a mente para essa perigosa ruptura de valores orquestrada por ícones paradoxais.

  15. Pelos comentários dá para perceber que poucos entenderam o texto. Parabéns, Sabino, você é o cara! Não dá para medir a obra pelo caráter do artista.

    1. Talvez, a sociedade convivesse com poder absoluto, perseguição religiosa, revolução proletária, submissão ao colonizador.........

    2. Somente uma 'curiosidade': na maioria dos personagens citados, em suas épocas, talvez não houvessem 'cheques' e nem 'rachids' ... Muito temos "Terrivelmente Evangélicos".

    3. Obrigado Agnaldo. Confesso que só caiu a ficha depois de ler seu comentário.

  16. Dizer que Monteiro Lobato era racista por causa de seus personagens me enoja! Esse mimimi está destruindo nossa sociedade. Não se combate o preconceito (que é desprezível, inaceitável, desumano e esdrúxulo) dessa forma! Se combate com cadeia inafiançável e pena mínima de 20 anos sem progressão! A sociedade evolui e não faz sentido criar mais arte com esses tons. Mas não se pode banir o que foi feito. Isso é intolerância. O que já existe deve ser explorado fazendo-se jus ao tempo em que foi feito

  17. Recomendo ainda o vídeo Jung e o Nazismo: fatos e falácias da história. E só pra clarificar, não sou junguiana. Às vezes, a nossa decepção por todas as traições sofridas neste país, podem levar-nos a jogar toda nossa dor e toxidade para todos os lados, sem considerar que poderemos contaminar muitos com essas “certezas”... Estou sinceramente arrasada com esse texto. Tanta lama arremessada em tanta gente, como expressão “justificada” de uma indignação pessoal sem auto-exame.

  18. Chocante a frieza com que o autor do texto coloca na sua lista, separados apenas por vírgulas, os crimes de abuso sexual infantil, pedofilia, e fulano tinha uma amante cantora ou fulano tinha “tendências homossexuais” e Machado de Assis fingia que não era negro... os dois primeiros são crimes perversos, os outros 3 não são crimes nem perversões. Como psicóloga, acho importante pontuar isso... A construção do texto dessa maneira tem sim uma mensagem subliminar negativa por associação...

    1. Óbvio que, se não se primar pelo simbólico das coisas, se enxergará apenas vírgulas e sua colocação correta de acordo com a língua portuguesa. No entanto, eu disse da enorme distância que deveria haver no texto entre crimes hediondos e não-crimes. Se não, fica mensagem subliminar de “é tudo a mesma coisa”. Terrível.

    2. Tenho uma irmã que também é Psicóloga. Você citou as 'vírgulas'. Mario prima pelo português, francês e italiano (traduziu Umberto Eco)... tudo com vírgulas onde viu como correto o uso das ... vírgulas ... a dra. está sugerindo algumas sessões para tratar do problemas das ... vírgulas ??

  19. Desculpe discordar de sua premissa de que "só se é humano quando se é perfeitamente perfeito" porque ser humano implica em ser imperfeito, logo a perfeição é desumana.

  20. Boa análise! Uma das virtudes dos citados é o grande talento em alguma área, que se sobressai sobre seus defeitos. Dizem que o pai da Psicanálise "testou" cocaína durante um período. Se eu fizer o mesmo, não seria pai de nada, mas somente um drogado. O problema daqueles que condenam nossos virtuosos com defeitos sensíveis é que lhes falta talento para tal, e se tivessem algum, em qualquer área, não se preocupariam tanto com isto.

    1. Sim, apesar até mesmo de sermos dependentes de drogas, homicidas, amorais ou imorais, ainda somos pais e mães não só de conhecimentos, mas também de pessoas. Penso que o melhor legado seria aprendermos o autoexame antes do pré-julgamento.

  21. Até que enfim , Mário. Sinto não ter sido no popular , mas, sei que você não faria isso conosco. Meu abraço agradecido e desculpe, desesperançado. E cansado.

  22. Depende como se olha o ocidente. Em meio a toda imperfeição vejo muita evolução, vejo Pitágoras, Sócrates, Platão, Jesus, Arquimedes, Kepler, Galileo, Vinci, Newton, Kant, Hegel, Kardec, Faraday, Hertz, Curie, Einstein, Planck, Tesla, Beethoven, Bach, Mozart, Darwin, Franklin, Hawkin e tantos outros que foram e continuam iluminando as vias da evolução humana, a despeito de toda sujeira e dificuldade. Sai dessa fossa xará!

    1. >>> Mario Sabino de 'fossa' ??? Em todos os vídeos que assisti do mesmo, sempre vi muita ironia com intelecto. >>> E, principalmente cultura e ironia que o "xará" não tem.

  23. Lula é corrupto, Bolsonaro é psicopata, Gilmar é venal, Dilma é burra, Haddad é um borra botas...quem vai cancelar o Brasil?

  24. Qual o mais preferido pelo homem, o dinheiro ou o poder? O poder, é claro. Ele te coloca acima dos outros pobres mortais. Mas os dois, mal administrados, acabam. #ficaadica

  25. O melhor artigo que li nos últimos anos. A Política do Cancelamento é o “ódio do bem” cometido por “vândalos do bem”, como pontuou em cadeia nacional, para meu assombro, conhecido jornalista em um momento de irrefletida “lacração” (provavelmente eram as más companhias). O problema deste brilhante texto (sim, sempre haverá um “mas”)... é o perigo que se avista no horizonte: os bozais podem tentar usá-lo para justificar sua própria estupidez.

  26. Meu bom Mário Sabino, na crônica desta semana você veio com o cacete! Deve estar farto, enojado das patifarias da atualidade e resolveu excursionar nas do passado, que eram mais leves. Arrasou!

  27. A perfeição é uma meta defendida pelo goleiro que joga na seleção! Marcar um gol nesta partida não é fácil meu irmão....muito bom como sempre Sabino! Vc sempre marca um gol!

  28. Esses ícones do extremismo bem como suas quebras de paradigma, veiculados, ad nauseam, para um séquito de intelectuais sem atribuição, constituem combustível perigosamente inflamável, meu caro Mário.

  29. muita falta de conhecimento. Jung jamais foi nazista. precisa ler direito antes de escrever. hittler gostar de Wagner não torna este, um nazista. vc errou na pesquisa. seria bom, em nome da seriedade da Crusoé, pedir desculpas ou refazer.

    1. Ele falou “Wagner foi a trilha sonora do Nazismo” não falou que Wagner era Nazista. Aprenda a interpretar textos. Primeira serie do primeiro grau.

  30. Realmente já passou da conta Mário, ninguém mais aguenta ver o mal se sobressaindo sobre o bem. Viva a impunidade e a perpetuação desta casta corrupta, até aqui sempre vencedora.

  31. Como escreveu Nietzsche, "uma coisa sou eu, outra são meus escritos". (Quer dizer que Lewis Carroll era pedofilo!? Não sabia...).

  32. É isso aí, Mario. Tudo já passou da conta. ".. já não há conta, medida, proporção." É inacreditável, mas é isso mesmo.

  33. Putz! Vc tá de menopausa? Onde está o fiel da balança? Pega esse lixo todo citado e coloca no prato da indignação; agora, dessas mesmas pessoas, coloque o legado delas. Ótimo, vc ter identificado a pinta disforme do ser humano no enorme paredão branco das elegias.

  34. Pelo que se vê dos comentários, a grande maioria não percebeu a brilhante crítica que você fez, meu caro Sabino. Mau sinal, não? Uma maioria que acha normal um mindset fascista e sequer se apercebe disso é algo preocupante...

  35. Caro Mario, ler a sua coluna é sempre gratificante, após uma semana de espera, mas esta descadeirou a espécie humana, ou alguns de seus nobres representantes num tanto, que só nos resta fugir para Marte, ou incorporarmos uma seita transcendental para purificação da alma. Credo!

  36. Não faltou lá em cima o Marx, que engravidava a empregada da casa, era sustentado pela mulher e deixou filhas morrerem de fome?

    1. Eva nasceu da costela de Adão. Logo, o homem é o primeiro sexo e as mulheres, o segundo.

    2. Sônia, a Simone de Beauvoir escreveu um livro que se chama o Segundo Sexo, por isto o comentário de Sabino.

  37. Mário Sabino já cantou, em sua Vaca Profana, que "de perto ninguém é normal". O que você queria? Gente é gente, geralmente portadora de graves desvios. Quem nunca?

  38. simplesmente uau!!! terminei de ler e automaticamente falei uau!! seu texto me faz me sentir um ser pensante. atualmente pensar é um delírio raro, uma sensação boa! obrigado! aguardo ansiosamente a próxima dose na próxima semana...

  39. Quem, homem ou mulher, ocidental ou oriental, grego ou troiano, olhado de perto, pode ser imaculado? Ninguém! Ou melhor, só um: Jesus Cristo. Querer jogar fora algo q sua míope visão vê como ruim, diz muito mais do seu caráter autoritário e suicida do q das mazelas que denúncia; e pior, julga que o homem, corruptível por natureza, pode ser perfeito segundo seu julgamento. A história mostra, recorrentemente, que desejos revolucionários como os do Mario Sabino trouxeram mais mortes q as guerras.

    1. NÃO CARA NÃO ENTENDEU MESMO. Putz, tá mal em interpretação de textos. Furou mal.

  40. Excelente. O ser humano infelizmente é imperfeito. Com isso julgamentos e narrativas de acusações injustas por parte daqueles que se dizem enviados por Deus nada mais é do que mais um dos escândalos da humanidade. Não somos perfeitos, mas poderíamos melhorar muito se realmente quiséssemos.

  41. Parabéns, Sabino! O politicamente correto virou uma caça às bruxas em que uns poucos iluminados e puritanos decidem que tem cheiro, roupas, cara ou jeito de bruxa. Qq mínimo indício e já queimam na fogueira. Será que esses sujeitos não conhecem nada do humano? Não sabem de suas vicissitudes? Abs Alexandre Gigante

    1. Nossa, foi difícil achar alguém q entendeu o brilhantismo do texto!

    2. Pior de tudo é que vemos várias pessoas que não entenderam o texto, dado os comentários que publicaram.

  42. Nos dois comentários anteriores assinei como "Luiz"; doravante passo a comentar como "Lcar" ao tempo que agradeço o elogio do " Carlos". Meu 2º comentário deveria ser enumerado como 4 e 5. Finalmente, por coerência com a introdução do 1º comentário, e reconhecendo meu bestunto cito Mario Quintana "quando alguém pergunta a um autor, o que este quis dizer, é porque um dos dois é burro", para solicitar ao Sabino, de quem sou fã, que desenvolva mais o tema.

  43. É isso aí. Politicamente correto não tem nada a ver com ética! É como azeite de trufas. Tem cara de trufa, cheiro de trufa e até um certo gosto de trufa, mas é um subproduto sintético do petróleo e não é trufa, nem tem nada a ver com trufas! Politicamente correto simplesmente mimetiza a ética, de forma muito pobre.

  44. Essa eugenia moral perpetrada pela esquerda mundial, não é só hipócrita, tb marca a irrelevância d suas propostas políticas e, por extensão, obtém alguns holofotes à sua indesculpável vaidade

  45. 3) às vezes, é preciso se alienar (se abstrair), para não se alienar (enlouquecer). Se nos detivermos no aspecto sombrio do ser humano, desesperaremos - nem menciono Schopenhauer; 4) Não há que entorpecer a consciência, mas alimentar-nos do lado luminoso de que seres humanos, falhos, conseguiram produzir e aí, talvez, possamos sorrir ante o renascer da esperança.

  46. Não tenho certeza de havê-lo compreendido, mas aqui vão algumas considerações: 1) por mais que esteja adernando, "la nave va"; 2) James Tobin disse que nada documenta que o otimismo funcione, mas o pessimismo efetivamente torna as coisas piores; 3) concordo com sua honestidade intelectual, às vezes a esperança não tem apoio na realidade, é difícil de sustentar, porém não há como negar que seres defectíveis como os citados legaram-nos obras admiráveis - somos seres em construção.

  47. Bravo, Mário! Sensacional. Um soco no estômago da turma politicamente correta. Vão cancelar suas progenitoras lá na casa do carvalho!

  48. É um artigo para alimentar o ego dos politicamente corretos, mas eu entendo que, no fundo, a ironia das alegações finais é válida.

  49. So faltou falar que Marx era um vagabundo que nunca trabalhou, era sustentado por Engels, que financiou toda a sua aventura filosófica/ideológica e trazia suas filhas em completa escravidão, surrando-as constantemente e privando-as de qualquer tipo de contato com outros seres humanos; em suma, um psicopata. Agora, chamar Monteiro Lobato de racista é alucinação. Resumo, Mário Sabino é um alucinado.

    1. Entendi sim, eu só quis alfinetar o Mário, tanto que escrevi um pequeno post acima sobre a ironia da matéria.

  50. Bah! Arrasou, Mario. Como dizer mais? Depois que escrevi me dei conta que em tempos de Beirute “arrasou” pode ser mal interpretado. Mas preferi manter assim. O vinho de hoje será em homenagem ao teu artigo. Grande abraço

    1. Mais uma alucinada e burra, o que tem isso a ver com o Bolsonaro? É um texto sobre as ironias que sustentam o politicamente correto.

  51. Você só citou um brasileiro , Machado de Assis, mas há mais exemplos domésticos e muito mais recentes, em que o cidadão com seus defeitos humanos anula (na visão limitada dos cérebros que não ultrapassam as fronteiras da mediocridade) toda a obra do gênio!

  52. Nossa Mário Sabino ! Fiquei de queixo caído com tanta sabedoria ! Claríssima ! Perfeitíssima ! Inteligentissima ! Luminosa ! Obrigada ! Abre nossos olhos ! Parabéns !

  53. Mário Sabino vc lava minha alma , um pouco receosa de fazer comentários aqui na Crosue! Poderei ser indiciada como propaladora de fakenews e difamadora dos “pilares Morais da república “ numa fase em que não acredito em ninguém e em nada ! Digamos que caiu para sempre o véu da credulidade! Depois que vc “get the picture” não da para voltar atrás!

  54. confuso, ofensivo, caluniador, estelionatário... estou me referindo ao presidente em exercício; pois em relação ao texto do Mário, fiquei extasiado.

  55. Excelente, como sempre, Mário! Desconfio, todavia, que muita gente nessa nossa eterna terra dos papagaios (sem ofensas ao nobre pássaro, nem aos habitavam essas plagas quando a Terra de Vera Cruz recebeu essa alcunha) não entenderá lhufas de tua sofisticada lamúria....

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO