RuyGoiaba

A bananalidade do mal

19.06.20

Estão banalizando a “banalidade do mal”. A frase parece estar sendo usada como um substituto de “todo mundo de quem eu não gosto é Hitler!” por gente que nem passou perto de Hannah Arendt e seu relato sobre o julgamento do nazista Adolf Eichmann em Jerusalém. E também por gente que certamente leu a filósofa alemã — como a lacroeconomista Laura Carvalho, que usou a expressão no dia da saída de Mansueto Almeida da Secretaria do Tesouro Nacional (Laura apagou o tuíte em que se referia diretamente a Mansueto, mas, como sabem aqueles que frequentam as redes sociais, o print é eterno).

Muito respeitado por seus pares, Mansueto já estava no governo quando Jair Bolsonaro foi eleito — e não é difícil perceber que, por mais execrável que o governo do Talquei seja (e é), é extraordinariamente injusto comparar seu secretário do Tesouro com um dos planejadores do massacre de judeus no Holocausto. É banalizar o mal de modo bastante literal. E não adianta alegar que a alusão serve a qualquer técnico que “cumpre ordens” de algum governo odioso; não há como usar a expressão de Arendt sem ela remeter a Eichmann.

Deve ser uma decisão difícil para os chamados “quadros técnicos”: ficar em um governo que pratica atrocidades diárias, evitando que o país afunde ainda mais, ou sair e parar de dar argumento aos defensores desse governo (“ó, pelo menos tem o Fulano lá, e ele é bom”)? Como toda decisão desse tipo, é muito mais fácil de tomar para quem está de fora e não tem skin in the game — e está cheio de gente por aí que se acha muito Resistência Francesa, mas toparia na hora um carguinho no regime colaboracionista de Vichy caso fosse convidada.

O que sei é que, embora raramente confesse, a esquerda (a petista e a não-sou-petista-mas) não perdoa Mansueto por ter sido uma espécie de whistleblower das pedaladas do governo Dilma Rousseff, quando o glorioso Arno Augustin, aquele quadro extremamente técnico, chefiava o Tesouro Nacional. É um pessoal que também parece não se importar muito, por exemplo, com Carlos Drummond de Andrade servindo ao Estado Novo — como chefe de gabinete de Gustavo Capanema no MEC — na mesma época em que Filinto Müller, o chefe de polícia de Getúlio Vargas, comprazia-se em enfiar arame na uretra de presos políticos.

De todo modo, alguém na academia já deve estar escrevendo tese sobre o mal da banalização da banalidade do mal. E estará errado: o nome certo do que vivemos no Bananão é bananalidade do mal. Se tem uma coisa em que o Brasil é bom — além de ser pódio na Olimpíada do coronavírus —, é esculhambar tudo.

*

Atibaia é o umbigo do mundo — do mundo político do Brasil, pelo menos. É lá que Lula tem o sítio que não é dele, reformado por OAS e Odebrecht por pura amizade, e Fabrício Queiroz passou um ano escondido na casa de Frederick Wassef, o lombrosiano advogado apelidado de “anjo” pela família Bolsonaro.

Uma amiga vê Atibaia como uma espécie de núcleo pobre de novela da Globo, onde tudo acontece. Eu acho que já ganhou o status de capital secreta do Brasil. Mas sugiro que a simpática cidade do interior paulista repense sua tradicional Festa do Morango, já que seu produto mais famoso agora são as laranjas.

(E ainda encontraram no cafofo do Queiroz um cartaz com os dizeres “AI-5” e uma série de action figures — ou seja, bonequinhos — de Tony Montana, o personagem de Al Pacino em “Scarface”. Refaço o que escrevi aqui tempos atrás: o roteirista do Brasil em 2020 só pode estar totalmente louco de pó.)

***

A GOIABICE DA SEMANA

Foi uma semana especialmente difícil para escolher o ganhador, mas acho que o prêmio vai para Mayra Pinheiro, a secretária cloroquiner do Ministério da Saúde. A repórter Malu Gaspar obteve acesso a um áudio em que Mayra defende que o governo Bolsonaro intervenha nas eleições na Fiocruz: “Tudo deles envolve LGBTI. Eles têm um pênis na porta da Fiocruz, todos os tapetes das portas são a figura do Che Guevara, as salas são figurinhas do Lula livre, Marielle vive”.

Sou do tempo em que gente que via pinto e Che Guevara em tudo quanto é lugar ganhava como prêmio uma camisa de força, e não o comando de uma secretaria do Ministério da Saúde. O movimento antimanicomial venceu mais uma vez.

Júlio Nascimento/PRJúlio Nascimento/PRMayra Pinheiro, a secretária cloroquiner que viu COISAS na porta da Fiocruz

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Todo comunista e socialista é hipócrita. Adora o dinheiro , a vida boa , acha que pode usar o dinheiro principalmente quando não é dele . E mesmo assim diz que o capitalismo que deixa ele pobre . Dê uma carteira de trabalho ao socialista que ele desmaia .

    1. Eu iam até fazer um comentário. Sobretudo, analisando a sua fala, optei em me calar. Nela se expressa toda ideia de momento. Parabéns pela bela percepção. ..

  2. Não adianta criticar Bolsonaro . Ele é seu presidente , durma com isso. Querias que ele fatiasse o governo com chefes de partido, não vai não. Hehehe hehehe Ele é o melhor presidente do Brasil em 30 anos. Durma com isso .

  3. O relevante é quem falou e não sobre o que se falou. O relevante é uma pessoa em um momento singular, não o que ela observou nesse momento singular.

  4. Hoje foi o dia! Só vi merda nessa revista. Até tu brother? Permita-me te chamar assim depois do seu whistleblower. Poooorraaaa, vc não viu a foto da PF sobre o que encontraram no bunker do Queiroz? Tinha o ursinho Pooh! Aquele sanguinário disposto a fazer um "golpi" com os rojões do rebaixamento do Cruzeiro. Eu também sou do tempo da camiseta com Che, mas meu avó, depois de quebrado pelo PC, chegou pra mim e disse: "Esse é um enrustido metido a valentão". Mesmo sem internet, viva o vôvo!

  5. É o Lula que desviou milhões continua livre...e vcs fazendo drama de um rachadinha...e dizem que não é perseguição. Nojo da esquerda

    1. A cegueira coletiva é um fenomeno interessante, e geralmente vem acompanhada da imbecilidade ,,,,,,,e o lula?????? Que coisa chata, daqui 30 anos quando algum politico de estimação fizer algo de errado ainda terei que ouvir de um defensor bovino,,mas e o lula????? pobre Brasil

    2. Este comentário, além de burro, está no lugar errado.

    3. Eu também achei muito pior o escândalo da rachadinha de Itamar Franco.

  6. Pena que Atibaia venha se tornando símbolo de meliantes ligados à política, ao empresariado corruptor e a advogados manipuladores. Não conheço a área urbana de Atibaia, mas o nome dessa cidade me traz excelentes recordações. Em sua zona rural também se encontra o Acampamento Palavra da Vida, organização missionária cristã interdenominacional que já prestou inestimáveis serviços à juventude cristã evangélica brasileira, da qual me beneficiei nos inícios dos anos 70.

  7. Estranho, a Folha Política (que só publica fatos acontecidos e não tem colunistas próprios) foi fechada com truculência por ordem do STF e vocs não falam nada por esse atentado á liberdade de expressão?

    1. É a ditadura do judiciário, os inimputáveis que estão semeando a desgraça e a discórdia neste país; o pior é que a mídia está adorando. Só tenho uma palavra para isso : VERGONHA!

    2. Liberdade de expressão é característica dos sistema democrático de direito . Este sistema não existe mais desde o momento em que o Delegado Ramagem foi impedido de tomar posse. Logo , pode haver censura , pois o arbítrio está instalado. É o novo sistema, DITADURA , estão se queixando por não estarem esclarecidos.

  8. Excelente! Sem ironia. Sou simples leitor e curioso, leio e li algumas coisas ( curioso ), só temo que algumas referências de obras não alcancem o repertório de muitos. Mas que seja um estímulo a novos curiosos ampliarem os seus! Parabéns!

  9. Protesto! Rubem Braga deve estar se revirando no "tumbalo"! A capital secreta do mundo será a sempiterna Cachoeiro de Itapemirim/ES.

    1. pois, a constatação da secretária informa ao público sobre o aparelhamento da referida fundação, vinculada ao governo federal, com fotos do notório assassino; foi mais um exemplo de muitos outros.

  10. Independentemente se há pintos, fotos do che guevara ou posteres de marielle ou do verme chefe da seita/quadrilha, é fato que a Fiocruz é totalmente aparelhada e conduzida por militantes radicais de esquerda.

  11. Prezados Srs., por motivo de força maior venho solicitar o cancelamento da renovação automática da Revista Crusoé. Solicito, por gentileza, a confirmação do recebimento desse aviso. Sem mais, agradeço, atenciosamente Eduardo Costa Feijó E-mail : [email protected] Tel : (21)3502-5824 / 99567-8757

    1. Mande por e-mail eles serão obrigados a fazer o cancelamento ficará registrado

    2. Sérgio, deixamos o chiqueiro para os Porcos poderem chafurdar na merda... bom proveito isentões..

    3. Mande por e-mail e deixe registrado eu fiz isso e eles foram obrigados a responder que não vão mais renovar, graças a Deus só venho aqui para deixar declarações de nojo por esse panfletinho vagabundo.

    4. Adeus Eduardo. Já vais tarde e ainda bem que vocês quando saem não voltam mais.

  12. E quando o Queiroz passar pelo "trânsito em julgado" pegando tudo e espremendo vai sair em 6 meses. Lula roubou muito, tomou 30 até agora e está soltinho e saltitante. Bananalização é suprema. rs

    1. Vinícius de Oliveira, você é um apoucado, insipiente, néscio e estulto! <> Você deve ser dos tais que confundem 'A Obra de Arte do Metre Picasso' com 'A Pica de Aço do Mestre de Obras.'

  13. Atibaia , umbigo da imundice. Festa do Morangojal! Lulopetismo e Bolsonarista casados pra sempre numa romântica chácara com Polianas de testemunhas !

  14. De tudo o que foi escrito, a mensagem principal é: "se você não conhece 'a história', você será sempre um idiota. Parabéns Goiaba, cultura é o que sempre faltou ao nosso povo.

  15. Ruy Goiaba é sempre o último que leio primeiro, mas não encontrei na lista azul hoje. Ainda me surpreendo com algumas goiabices... essa da secretária, para mim, é nova! Insanity laughs!

    1. Kkkk obrigado Andre. Fair Play é isso também. É Jonathan evidentemente. E o livro não é para época de pandemia. Nem eu (71) deveria escrever às 5 da manhã. E Maria, que quando eu leio eu acho que é sempre a mesma Maria que tem estilo que escreve claro certo e reto e que é muito educada, também obrigado.

    2. Mais 2 correções: quis (com s) e Jonhatan (com 1 t).

    3. Tomei um café e vou completar o que ia escrever sobre bananalidade. Teu artigo hoje é bem sério. E o papel dos quadros técnicos em sistemas totalitários me parece bem discutido em As Benevolentes (Jonhattan Littell) e eu acho que esse papel dos quadros técnicos a serviço da política serviu como inspiração para o título do livro. Parabéns pelo artigo. Grande abraço

    4. Sorry pessoal. Ignorem o que escrevi acima. Acordei cedo (confinamento) para ler a Crusoé e quando cheguei no Goiaba me embananei. Não li direito o título e enviei quando na verdade quiz apagar. Coisas da idade. Abraço

  16. Tô achando que isso aqui não tá mais seguindo roteiro de cheirado não. Brasil parece um desfile que deu muito errado e os carros alegóricos estão espalhados em alta velocidade com aquela gente desnuda pendurada com cara de pavor e ainda tentando cantar um samba enredo sem sentido.

    1. O pior da imprensa são os arapongas e as fontes murmurantes.

    2. Gostaria que a CRUSOÉ me esclarecesse porque não consigo ler os artigos de Diogo Mainardi e agora tb não encontrei o de Sérgio Mouro .

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO