Ministro da Cultura de Cuba agride manifestantes

27.01.21 21:50

O ministro da Cultura de Cuba, Alpidio Alonso Grau (foto), deixou o prédio onde trabalha nesta quarta, 27, e se dirigiu a jovens que estavam fazendo uma manifestação. Alonso, que se diz poeta e é membro da oficialista União de Escritores e Artistas de Cuba, agrediu alguns dos que estavam do lado de fora e pegou o celular de um jornalista. Subordinados de Alonso também investiram contra os manifestantes. Imagens das agressões foram divulgadas nas redes sociais.

O protesto teve o comparecimento de cerca de trinta artistas, jornalistas e dissidentes, que cobravam informações sobre a prisão arbitrária de alguns colegas. Eles sofreram empurrões e golpes. Integrantes armados das forças de segurança à paisana prenderam os jovens e os colocaram em um ônibus.

A embaixada americana em Cuba publicou um comunicado condenando o episódio. “Estamos preocupados com relatos de que autoridades cubanas atacaram manifestantes pacíficos que pediam liberdade de expressão e de que pessoas foram detidas. Instamos o governo a ouvir e dialogar com seu povo, em vez de recorrer a prisões, violência e bloqueio da Internet“, diz o texto.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Quem sabe a revolta do ministro da cultura, contra as pessoas a favor da liberdade de expressão, está relacionado com a falta das verbas do Brasil, para construção do porto de Ariel, pois Cuba deve ao Brasil US$ 656 bilhões. Quem pagará essa conta? com a palavra os esquerdopatas de plantão para cobrar da ratazana Mor Lula ladrão e quadrilha.

    1. E a direita é contra a ditadura de esquerda. A deles está ok! Em resumo Bozismo = Lulismo = Mediocridade.

  2. Profundamente lamentável e preocupante o que está acontecendo em Cuba. Se o governo não tomar atitudes enérgicas e urgentes, a situação tende a se agravar e o país pode virar uma democracia. Que horror, não quero nem pensar numa tragédia dessas.

  3. Jornalismo de baixo calão, coluna social. Que o tal ministro e seus assessores são trogloditas não há dúvida. Mas não se fica sabendo porque estes ativistas protestam e nem porque a resposta é agressiva.

    1. lê a reportagem, e você fica sabendo o porquê do protesto e da reação agressiva.

    2. Emílio simplesmente você foi infeliz o seu comentário

    1. José o pro Doria, agora mostra para quem trabalha para fazer patrulha nas redes sociais, defensor dos comunista que nos roubaram com ajuda do PT. Petista safado disfarçado detectado.

    2. Edmundo imundo esquecendo o vídeo do Bozo declamando poesias ontem. Mais uma prova de que os Bozistas possuem capacidade cognitiva, incluindo memorização, muito menor do que uma ameba.

    1. Sergio, basta só escolher o seu destino. Venezuela, Cuba, China ou "Coréia da Morte".

    2. Sergio tem razão. Prefiro ser torturado e morto por uma ditadura de esquerda.

    3. Boa discussão. De qualquer forma toda a ditadura é militar. E, como sabemos, este é o sonho erótico dos bozistas. Tentar implantar uma ditadura militar para ter o Bozo no poder para perseguir toda a população brasileira. Lembrem-se que o sadismo e a necrofilia são características marcantes do bozismo.

    4. SÉRGIO, NÃO EXISTE DITADURA MELHOR OU PIOR, TODAS SÃO PÉSSIMAS. A HISTÓRIA NÃO CONTA SÓ ISSO QUE VOCÊ ESCREVEU. VOCE ESQUECEU DAS DITADURAS DE UM HOMEM SÓ DE ESQUERDA DA URSS E DA CHINA. STALIN E MAO NÃO TINHAM O MENOR RESPEITO PELO SER HUMANO, MUITO MENOS OS MEMBROS DA CÚPULA DOS RESPECTIVOS PARTIDOS CUMUNISTAS. JUNTOS SÃO RESPONSÁVEIS PELO EXTERMÍNIO DE MILHOES DE PESSOAS, MUITAS DE FOME, MAIS DO QUE O LUNÁTICO ASSASSINO HITLER. CUBA É, HÁ 60 ANOS, MAIS UMA DITADURA DE ESQUERDA ASSASSINA

    5. Mônica e Nádia vocês desconhecem a história, uma vez que a pior ditadura é a da extrema direita. Em geral a ditadura de esquerda forma um partido socialista/comunista bem melhor do que a ditadura da direita, que sempre é a ditadura de um homem só com seus pucha sacos. Ver a história do Hitler. Também digo: a ditadura de esquerda vem dos pobres e miseráveis e da extrema Direita vem dos mais RICOS querendo escravizar o povo, mantendo-os como os escravos negros.

    6. Quem apoia Cuba, Venezuela é a esquerda brasileira (Lula, Dilma, Ciro, Chico Buarque) . Quer criticar pelo menos se informe e fale a verdade.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO