Adriano Machado/Crusoé

A cruz de Barra Torres

10.02.21 20:30

Um símbolo gravado na roupa e em acessórios usados pelo diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Antonio Barra Torres (foto), nesta quinta-feira, 10, chamou atenção.

A cruz de malta bordada na máscara, na gravata do almirante da Marinha e gravada em seu anel remete à Ordem de Malta, organização religiosa que desenvolve ações ligadas à saúde e filantropia.

De acordo com a assessoria da Anvisa, o uso da estampa não se trata apenas de uma homenagem ao trabalho humanitário. Barra Torres frequenta a influente entidade religiosa, que está presente em 120 países, administrando espaços como hospitais e postos de saúde.

O site oficial da Ordem afirma que a entidade conta com 13 mil membros, entre frades professos, que fizeram votos ou promessas de obediência, e “cavaleiros” e “damas”, que se dedicam à caridade cristã.

O que distingue os Cavaleiros de Malta é o seu compromisso de alcançar a perfeição espiritual dentro da Igreja e direcionar suas energias ao serviço dos pobres e dos doentes”, diz o texto que descreve as missões e os valores da Ordem.

O Brasil reconheceu o estatuto internacional da Ordem de Malta em dezembro de 1951. No país, a organização mantém três associações, localizadas em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Perguntas à WHO sobre eficácia das vacinas, efeitos adversos, diferença de resultados entre uma vacina e outra, variantes. Respostas: insuficiência de trials clínicos e acreditamos que... necessitamos continuar com distanciamento físico. Na "Ciência da urgência" é preciso desenhar?É: questão de fé ou de Ciência?

  2. Barra Torres apenas disse que não poderia certificar, em apenas 5 dias, se uma vacina tem eficácia ou não. Os cientistas que analisam a vacina são concursados, e, via de regra, muito eficazes, mas não podem fazer milagre. É isso que está em questão. Quanto a Ordem de Malta, se ele faz parte, é porque deve ser um homem bom e caridoso.

  3. IMAGINO a pressão que a Anvisa esteja sofrendo por este presidente genocida e seus políticos bandidos..antes negacionismo...garoto propaganda de remédios ineficazes..vcs viram o lucro assombroso que os 2 laboratórios tiveram? Quanto será que foi a propina para o bandido mor?Impeachment..é pouco...cadeia para Bolsonaro e os seus

  4. religião e política é a desgraça do mundo , tá cheio de missionários enchendo o bolso e ficando milionário pelo mundo lucrando com o papo furado

  5. E lá vem os teóricos da conspiração com sua ladainha. Não percebem que o cara é apenas um torcedor do Vasco da Gama demonstrando discretamente a sua paixão?

  6. Apesar das ultimas posições coerentes, não consigo deixar de lembrar do Almirante dando suporte na aglomeração promovida pelo capitão cloroquina , E SEM MASCARA. No que transformaram esses pais

    1. Se foi indicado pelo Capitão Cloroquina, tenho minhas dúvidas.

  7. É um bom sinal diante do temor de que essa Agência se curve aos desmandos de um governo como o de um Bolsonaro. Independência combina com desenvolvimento espiritual e humano. É o nossa esperança.

  8. Graficamente, a Cruz de Malta nas 3 versões que eu vi, são diferentes daquela da máscara. Peço examinar e me ratificar , por favor.

  9. Preocupa um homem tão ligado a estas simbologias ... e tantos anéis . O caso do licenciamento das vacinas é patético: Sputnik que o diga ...

  10. me dá medo os perfeitos espirituais aí da filosofia malta. parece que pobreza e doença são coisas espirituais e não coisas desses planos. respeito a filosofia mas me parece segregatória.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO