Alexandre e a Lava Jato

17.07.20

O “inquérito do fim do mundo” serviu para que o gabinete de Alexandre de Moraes tentasse descobrir se a Lava Jato esteve à caça de malfeitos envolvendo ministros do Supremo. Intimado a depor em outubro do ano passado, Jacob Barata Filho, empresário que figura entre os alvos do braço fluminense da operação, foi indagado por um dos auxiliares de Moraes se, ao depor, foi instado em algum momento a falar sobre juízes, inclusive do STF. Barata respondeu que não. O empresário tem laços com a família de Gilmar Mendes.

Rosinei Coutinho/SCO/STFRosinei Coutinho/SCO/STFO ministro Alexandre de Moraes mandou ouvir Barata

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. O inquérito do fim do mundo totalmente ilegal (o STF não pode investigar e punir ao mesmo tempo) e não adianta referendar sua validação incluindo o MP depois do início de tudo. O que gerá espanto que tudo prosseguiu sem qualquer contestação por parte da midia oficial. Agora deveriamos solicitar uma checagem oficial de quantos processos encontram-se adormecidos dos politícos com foro nas gavetas lenientes da Suprema Tramóia Federal. Isso sim interessa aos brasileiros.

  2. Esses estão acima da Lei; e nós a sustentar tanto cinismo e tanto esforço e trabalho contra os brasileiros! Quisera ter poderes sobrenaturais para exterminar com estes indecentes!

  3. Se esse pessoal que deveria estar fazendo a coisa certa, usasse o tempo que tem para investigar de forma justa e imparcial as pessoas que realmente deveriam ser investigadas, este seria um outro país.

  4. Vivemos no inferno de Dante Alighieri... deixemos todas as esperanças de fora antes de adentrar ao país do eterno futuro que nunca chegou e, ao que parece, jamais chegará...

  5. É temerário quando as críticas viram objeto de investigação. A quem recorrer nesse caso? Brasil, terra que o filho chora e a mãe pátria não ouve.

  6. Dário Messer tinha tudo para fazer a “delação do fim do mundo” mas as moscas já resolveram isso. Ia entregar TODA a elite brasileira.

  7. Esse Juiz político é a grande herança que a raposa velha do Temer nos deixou Como tenho raiva e desprezo por essa quadrilha suprema que dia após dia desmonta todos os avanços da lava jato Um supremo todinho aparelhado pelo PT, PSDB e PMDB

    1. Só a história irá dizer, ao final, o quê rolou para Temer indicar o careca ao posto que ele ocupará vitalíciamente.

  8. Vergonhosa a continuidade desse inquérito sinistro, viciado, corporativista, ilegitimo na defesa de membros do STF. Qualquer brasileiro está sujeito a ser enquadrado nessa caixa de gatos mantida pelo Ministro Moraes, que é o denunciante, o investigador e o juiz de um processo. Onde foi parar o Juiz de Garantias, criado sob o argumento de que quem investiga não pode ser o mesmo que julga? É de se imaginar que infindáveis recursos venham a ser interpostos a toda condenação oriunda desse inquérito.

  9. Esse inquérito ilegal e inconstitucional é a maior aberração jurídica. E vocês agora ficam calados. E o Senado congelado. Vergonha.

    1. Prezado... Como se estabelecem as relações de poder nas três casas? Amigo do amigo...

  10. Pois é. E agora????? Que pena um país tão lindo, pessoas tão cheias de vida e com vontade de trabalhar, sendo exploradas por todos os lados e ideologias tanto de esquerda, direita, executivo, congresso e STF. É uma pena ver o país chegar onde chegou.

    1. Esse Brasil foi desconstruido por cada um de nós. Devemos assumir a nossa parcela de culpa. Não colocamos o nosso país acima de tudo e de todos.

    2. E as tentativas de arrumar alguma coisa é imediatamente combatida! Esses togados acham-se deuses

    1. Todos os presos em igual condição teriam direito igual? Se sim, isso seria aplicável, correto e benéfico à sociedade?

  11. A LavaJato foi mmo um espetáculo à parte, não!? Todos dos 3 poderes ainda têm temores do que ela tem e sabe a respeito deles. O que fizeram em verões, invernos, outonos e primaveras passadas ( e atuais). NADA COMO TEREM RANOS SUJOS E PRESOS. TODOS desejam desacredita-la, extinguir e aniquilar com seus membros.🤷🏻‍♀️

    1. Precisamos votar melhor. Somente quando a maioria dos eleitos forem pessoas de boa índole e com interesse real no bem comum, é que conseguiremos mudar algo.

  12. O inquérito do fim do mundo é absurdo em todas as perspectivas e atinge principalmente a sociedade. Será que o Congresso Nacional vai ficar inerte?

    1. Muitos parlamentares tem processo no STF, congresso é refém, vai engavetar todos os processos de impeachment dos ministros do STF. Porque se o processo andar no congresso os dos parlamentares acordam no STF, um nos braços do outro!

    2. O congresso fazer alguma coisa? Os que não tem rabo preso não conseguem quórum.

  13. STF, STF, todos sabemos o que vocês fizeram no verão passado. A cortezinha não ficará impune para sempre. Um a hora aparece alguém corajoso o suficiente para peitá-la.

  14. O quê será que (alguns de) nossos supremos-de-lagosta têm tanto a esconder ? Por quê não admitem que se fale o nome deles a não ser para chamá-los de excelências e sumidades ? Leio jornais estrangeiros com certa frequência, e não lembro de encontrar menções a juízes, de modo geral - quanto mais dos tribunais superiores - a não ser quando suas sentenças são objeto de repercussão pública.... imagine então juízes que se consideram comentadores políticos, ou que levem vida dupla como empresários..

    1. STF, Puxadinho dos petralhas Câmara federal e Senado com exceções é Claro estão perigosamente juntos para sacanear O Presidente Bolsonaro!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO