Advogados em guerra

08.11.19

Está em curso uma guerra silenciosa entre advogados que atuam na defesa dos hackers presos pelo roubo das mensagens de Telegram de Sergio Moro, Deltan Dallagnol e outras autoridades. Fabrício Martins e Luiz Gustavo Delgado, a dupla de Brasília que defendia Walter Delgatti Netto, o Vermelho, parece ter perdido o posto para Ariovaldo Moreira, o advogado de Araraquara que já vinha atuando em favor de outros presos, como o ex-DJ Gustavo Elias Santos. Ao delegado Luís Flávio Zampronha, que toca a investigação, Moreira afirmou que Martins e Delgado estavam no caso não para defender os interesses de Vermelho, mas para proteger Thiago Eliezer, o Chiclete, o programador de Brasília e guru de Delgatti que, suspeita a polícia, está por trás da invasão. O próprio Vermelho assinou uma procuração destituindo os defensores brasilienses e nomeando o advogado de Araraquara. A mudança pode fazer com que Vermelho comece a falar. Nesta quarta-feira, 6, ele deixou o presídio da Papuda para uma conversa informal com Zampronha, na sede Polícia Federal. O novo defensor já consultou a PF sobre a possibilidade de fechar um acordo de delação premiada caso o hacker tope falar o que sabe.

Pedro Ladeira/FolhapressPedro Ladeira/FolhapressDelgatti, o Vermelho: o novo advogado dele vê com bons olhos ideia de delação

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Se a intenção de Vermelho é mandar uma msg para alguém tirá-lo logo de lá, então seria bom que dessem uma ajuda a ele. Neste momento, ele vale mais solto do que preso. Se ele ainda sair como herói da cadeia, aí seria perfeito, quando o "feitiço" for quebrado, o que reforçaria mais contundentemente o nível de delírio e distopia criado pelos CORRUPTOS? #vermelholivre

  2. Além do mais, mesmo que Vermelho quisesse fazer uma delação, seria necessário? Se não for, então melhor mesmo seria ele e o restante irem a julgamento, escolhendo confessar ou não para obter redução de pena. E pq a "resistência" dele a delatar mudou agora, ele vai entregar o restante dos colegas? Não é de se duvidar que Vermelho, não só possa ser libertado, como ainda compareça ao Congresso para testemunhar contra Sérgio Moro e Dallagnol.

  3. Afinal, se Vermelho está querendo forçar uma saída da cadeia e a PF demonstra que ela está chegando perto, então os verdadeiros arquitetos do roubo das msgs teriam que se apressar para embaralhar as investigações. Se ele realmente quiser entregar alguém, isto quer dizer que ele estaria disposto a entregar os mandantes do roubo, ficando só na dependência de qual seria o benefício oferecido. Além do mais, como mostra de boa vontade, ele deveria oferecer algum petisco.

    1. Sua análise se aproxima bem desse joguete, dos “hackers” de Araraquara... fez lembrar o livro do delegado Romeu Tuma Júnior - Assassinato de Reputação - Crime de Estado... no livro a palavra “alvo” é citada algumas vezes.

  4. Dá para levar Vermelho a sério? Se até agora ele não tinha falado nada, pq vai mudar de ideia exatamente a esta altura do campeonato? Será que Vermelho não sabe que Lula foi solto? Se ele sabe, então as esperanças dele de ser solto devem ter aumentado, talvez tenha sido por isto que ele trocou de advogado, para mandar um recado. Se a intenção for esta, então seria bom fazer uma pressão nele e perguntar algumas coisas que só quem está no caminho certo poderia fazer.

  5. Se um Gilmar ou alguem da laia nao os liberarem antes e os deixarem e ficar refrescando as ideias na cadeia, um deles acaba abrindo o bico e ai vamos saber o q temos direito de saber, a verdade, afinal quem esta pagando a conta da estadia deles, somos nos.

  6. Somente um conselho ao possível delator: Cuidado para não ser morto, pois já temos vários exemplos de mortes convenientes em casos suspeitos...

  7. Particularmente, acredito que tem conversas compremetedoras de pseudos JULGADORES de Tribunais em Brasília. Para o bem do Brasil e da Justiça, seria bom verificar se não tem a "mãozinha" de homens públicos através de ESPOSAS, FILHOS, COMPADRES, etc. em conluio com escritórios de advocacia "famosos" que lavam e esquentam dinheiro de roubos para distribuir a camarilha.

  8. Já que o Gilmar não liga sobre a origem criminosa das conversas, e até as cita em sessões do STF, gostaria de ver as suas conversas publicadas, deve ter diálogo cabuloso até com PCC... Temer, Aécio, Renan e cia, deve ser peritivo... Como diz: ' Converso com todos' Apenas o Min. Moro no pode falar com procuradores, sob pena de se mostrar um canalha, torturador para de gente honesta para obter relação. Este Brasil não tem jeito mesmo. Tem que melhorar muito pra ficar ruim.

    1. Estava pensando mesma coisa; já pensou Gilmar Mendes rackeado, haja sujeira.

  9. Se ele falar, acaba de uma vez o Intercept; e por consequência a narrativa de que o Lula foi prejudicado com base nos vazamentos. Pelo menos deveria ser isso.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO