O plano Bernardinho

27.11.20

O comando do Partido Novo no Rio voltou a se animar com a possibilidade de Bernardinho se candidatar a governador do estado em 2022. O ex-técnico da seleção brasileira de vôlei já teria dado sinais de que, desta vez, o plano poderá ir adiante. Em 2018, Bernardinho desistiu da empreitada sete meses depois de anunciar que pretendia se candidatar.

Bernardinho: o Novo acredita que desta vez ele não vai refugar

Já é assinante?
Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Assine a Crusoé

*válido até 30/06/2021

Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. O Bernardinho só está esperando o Aliança Pelo Brasil ser oficializado para ele se filiar. Ele é um bom Bolsonarista, abomina comunistas e tem o mesmo pavio curto do PR.

  2. Como morador do estado do Rio de Janeiro eu me sinto lisonjeado c tal possibilidade. E principalmente p estar vindo p um partido como o NOVO.

  3. Dá dó de saber que o Bernardino vai entrar na política. Ele é um homem honrado e não merece isso, ainda mais ser político do Rio de Janeiro. Já vejo ele crucificado. Tomara que não ganhe, pois nós continuaremos a tê-lo no comando do vôlei.

    1. Nobre treinador, sai dessa compadre; sabe qtos políticos estão t esperando para te jogar na mesma lama em q estão há muito ??? Pega seus familiares e vai curti-los em passeios pelo mundo. Não estraga sua trajetória q nos deu mmtos inesquecíveis. Hj a mídia t entusiasma ... entra e ganha depois ela mesma afunda.

  4. Não sabemos ainda se teria sucesso. Escalar time ele sabe. Ganhar vai depender dos adversários que terá que driblar naquelas plagas. É jogo duro, duríssimo - milícias, tráfico, bandidagem institucionalizada. De qualquer forma, em terra de cego quem tem um olho....enxerga pelo menos a metade, rsrsrs

    1. Eu também não perdi a esperança...................só que estou velho e vou morrer sem ver isso! Você também...

  5. É sempre uma esperança de que podemos salvar o Rio de Janeiro. Que ele se prepare, como faz com maestria no seu metiê, e cenha ajudar o estado.

  6. Se for bom para os cariocas, mas o RJ é um desafio e tanto, caso complicado para alguém de fora da política. Para transformar o RJ num estado minimamente organizado será preciso mais de uma década.

  7. O Rio de Janeiro demandará uma administração com desafios hercúleos para qualquer candidato honesto e competente que se atrever governá-lo. Antes, terá que limpar a Assembleia legislativa e o tribunal regional. Tá tudo dominado pelas Ocrins da contravenção do jogo de bicho, pelo tráfico de drogas e pelas milícias. Mas, alguém terá que fazê-lo se a sociedade carioca quiser recuperar a cidade maravilhosa e seu encantos. Em frente Novo!

    1. Só uma pequena correção Max: ele será candidato a governador e não a Prefeito. Mas suas observações são muito boas.

    2. Tem toda razao !! Hell de Janeiro nao é facil // cai fora

    3. Corretíssimo, Max. Vá em frente Bernardinho. Precisamos renovar a política.

  8. Bernardinho merece respeito mas o Rio já tem seu destino selado: será a Acapulco brasileira (vejam o que foi e o que é Acapulco)

    1. Pergunta para família miliciana. BOLSOLULA. Se ela concordar caso contrário eles mandam os milicianos fazerem o serviço.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO