O cliente ‘fiel’

03.07.20

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Cuidado com essas noticias caluniosas, ô jornaleiro! Depois não reclame se Malafaia meter um processo por danos morais contra ti e essa revistinha.

  2. Quanto maior o dízimo,maior o milagre em minha conta bancaria!Pastor safado,ordinário,como todos de sua laia de trapaceiros!

  3. Cadê a versão do pastor? Não se deram ao trabalho de procurar ouvi-lo antes de publicar? O importante é causar, a busca pela verdade está em segundo plano. Ainda chamam isso de jornalismo isento e confiável. Uma piada!

    1. Seu canal no Youtube. Ele tem direito de exigir a publicação de sua versão aqui na Crusoé. Não o faz porque não quer. Ou será que é porque não cola?

    2. Gostaria muito de acreditar que essa revista publicaria a versão do pastor. Mas, seria muita ingenuidade da minha parte. Já que o objetivo desse tipo de matéria não é informar e sim militar politicamente já que Silas Malafaia defende o governo. O pastor já se manifestou sobre essa matéria baixa e parcial em seu canal do YouTube. Para aqueles que querem ir além da superficialidade dessa matéria tendenciosa, podem acessar e fazer juízo próprio sobre quem está mal intencionado nessa história.

    3. Ó Paulo, quando o pastor manifestar-se o articulista publica! Perceba que não há juízo de valor a respeito da notícia. Assim, penso, tão logo o pastor apresentar quais versículos do novo e do velho testamentos justificam o uso desse meio ilegal de transferência de recursos ele se apresenta, fala e o articulista publica. Imagina, agora, se essa publicação só ocorresse após ouvir-se o pastor. Como iríamos alimentar nossa curiosidade, acerca do "mal que se esconde por trás dos corações humanos"?

  4. Seria de grande importancia divulgar o montante que este trambiqueiro negociou com os doleiros. Vai ser possível saber quantos lotes no céu ele vendeu sem entregar um sequer. Edir Macedo com suas mansões no exterior deve ter utilizado o mesmo método.

  5. Existe algum pastor que não seja trambiqueiro? Como dedicar-se a uma profissão de extorção de gente pobre, vendendo mentiras, curas imaginárias e lotes no céu, e ter caráter?

    1. Marcos, já ouviste falar em exceções que confirmam a regra?

    2. A verdade é que mesmo que milhares e milhares de pastores façam um trabalho correto, honesto e louvável no Brasil, revistas como essa e a mídia em geral, sempre darão holofote e ênfase para aquele que pisar na bola! Não é interessante para eles o crescimento da igreja evangélica. E para os leitores que não buscam se informar melhor ou diversificar suas fontes de informação para chegar numa conclusão mais embasada, continuarão mantendo esse tipo de opinião parcial, distorcida e preconceituosa.

    3. Para descobrir se existe pastor não trambiqueiro, só indo em igrejas evangélicas para ver! Te convido a frequentar uma, qualquer uma, que siga a Bíblia de verdade.

    4. Talvez se não houvesse pastores cobrando dinheiro dos fiéis como requisito para alcançar a graça, ninguém estaria generalizando assim. Concordo que toda generalização é estúpida, mas quem dá azo a isso é tua própria classe. Infelizmente

    5. Exatamente, Marcos. Essa generalização,. somada ao preconceito indisfarçável da imprensa, contribui para injustiças. Mas, separar joio do trigo nunca foi tarefa fácil mesmo!

    6. Cara Goiabademinas, sou pastor e não sou trambiqueiro. Não generalize por conta de seu preconceito e desinformação. É injusto incluir nesse balaio satânico centenas de milhares de pastores simples, honestos e incansáveis obreiros do evangelho autêntico, sem qualquer vínculo com a malfadada Teologia da Prosperidade, alguns voluntários não assalariados e outros que vivem com menos de 5 salários mínimos mensais.

  6. O dia que a revista Crusoé tomar partido a favor de um determinado partido, de um determinado político, de uma determinada religião ou de um determinado hipócrita líder religioso, eu cancelarei minha assinatura. Portanto, quero e exijo que a revista Crusoé sempre traga à tona os mau feitos de quem quer que seja, seja lá quem for, até porque essa foi a proposta da revista quando de seu lançamento e foi por isso que eu aceitei assiná-la. Continue sempre assim Crusoé, precisamos saber da verdade.

    1. Concordo!! 👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻

  7. Este vivaldino grita sempre: "Eu sou um profeta de Deus!" Como? Este saduceu dos dias atuais faz comércio no "templo"; é sócio do Capeta. Vende Jesus com o dízimo.

  8. Crusoé sendo Crusoé. Uma vergonha o desserviço feito ao PAÍS por essa corja de jornalistas formados em porões fétidos das univ comandadas p psolistas. Pensou em BRASIL eliminem!!! Esta é a ordem das orcrims corporativas Marinho, Mesquita e Frias.

    1. Serviço ao país seria proteger os corruptos por quem você rasteja?

  9. Aleluia, irmãos!!! O sangue de Jesus tem poder! A gente pertence a uma seita especial: “aSeita Cheque”, mas a gente prefere mesmo é receber em espécie.... e se puder ser em dólares é ainda melhor, para poder economizar na taxa de câmbio “nada católica” desses doleiros....

Mais notícias
Assine
TOPO