Divulgação

PF faz buscas em oito estados contra fraudes no auxílio emergencial

04.03.21 08:57

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira, 4, a Operação Quarta Parcela, que mira fraudes na concessão do auxílio emergencial. O pagamento do benefício acabou em dezembro, mas a PF e outros órgãos mantêm investigações sobre irregularidades nas parcelas pagas em 2020.

Na operação desta quinta-feira, os policiais cumprem 28 mandados de busca e apreensão e sete mandados de sequestro de bens, nos estados do Amazonas, Bahia, Goiás, Mato Grosso, Paraná, Rondônia, Maranhão e São Paulo. Por determinação da Justiça, os policiais bloquearam 170 mil reais em bens.

As apurações sobre fraudes em pagamentos do auxílio emergencial são conduzidas pela Polícia Federal em parceria com o Ministério Público Federal, a Caixa Econômica Federal, a Receita Federal, o Ministério da Cidadania, a Controladoria-Geral da União e o Tribunal de Contas da União.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. 1- tem q tomar de volta com juros correção e cadeia. 2- tem q ser muitoincompetente pra pagar dezenas de bilhões de reais a quem não devia. Esse governo é uma vergonha. Moro22 pra nós tirar dessa vergonha.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO