Jefferson Rudy/Agência Senado

Miranda declara à PF que Pazuello relatou pressão de Lira por liberação de verba

03.08.21 16:49

Em depoimento à Polícia Federal, o deputado federal Luis Miranda (foto), do DEM do DF, afirmou que o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello lhe relatou ter sofrido pressão exercida pelo presidente da Câmara, Arthur Lira, para liberar recursos da pasta. As informações foram reveladas pelo jornal O Globo e confirmadas por Crusoé.

A conversa teria ocorrido em 21 de março deste ano, durante uma viagem de Miranda e Pazuello a São Paulo, em um avião da Força Aérea Brasileira, FAB. Aconteceu, portanto, um dia depois de o deputado e o irmão e chefe da Divisão de Importação do Ministério da Saúde, Luis Ricardo Miranda, relatarem ao presidente Jair Bolsonaro indícios de corrupção na compra da Covaxin.

Miranda prestou depoimento à PF na semana passada, no âmbito do inquérito que investiga se Bolsonaro prevaricou diante da denúncia de irregularidades na negociação da vacina indiana. O parlamentar declarou ter contado a Pazuello que estava acontecendo uma “sacanagem” na Saúde e orientado o general a procurar o presidente para saber mais.

“‘Eu disse: ‘Pazuello, tá tendo sacanagem no teu ministério. Tem que agir, mermão’. Aí ele falou: ‘Sacanagem tem desde que eu entrei’. Com aquele jeitão carioca dele. ‘Inclusive, ontem, eu [Miranda] fui no presidente e entreguei um negócio pra ele. É um absurdo. Se estiver acontecendo de verdade, é um absurdo você [Pazuello] precisa cuidar disso‘”, narrou.

Na sequência, na versão de Miranda, Pazuello deu detalhes sobre a relação com Bolsonaro e a pressão do parlamento. “O Pazuello olha pra mim e diz assim: ‘Deputado, posso falar a verdade? Eu passei seis horas andando de helicóptero com ele [Bolsonaro] e consegui dez minutos de atenção dele. Eu não consigo. Eu tenho coisas pra resolver com ele e, porra, no final do ano eu levei uma pressão tão grande que eu não sei exatamente como resolver. Uma pressão… um cara’“, prosseguiu.

Foi então que, de acordo com o deputado federal do DF, o ex-ministro fez menção ao nome de Arthur Lira. “[E eu perguntei] ‘Que cara?’. [Pazuello respondeu]: O Arthur Lira, porra. O Arthur Lira colocou o dedo na minha cara e disse: ‘Eu vou te tirar dessa cadeira’, porque eu não quis liberar a grana pra listinha que ele me deu dos municípios que ele queria que recebesse. Ele bota o dedo na minha cara‘”, detalhou Miranda.

O general ainda teria confirmado ao deputado que Bolsonaro tinha ciência do caso. “‘Lógico que o presidente sabe. Eu falei para o presidente’. Eu olhei para o Pazuello: ‘Você não tem noção do que tá falando, cara’. Ele falou: ‘Luis, eu não duro. Nessa semana eu tô fora. Eles vão me tirar, cara. O cara falou que ia me tirar’“, completou o congressista, em depoimento à PF.

Em entrevista ao programa Roda Viva, em julho, Miranda já havia relatado que contou a senadores da CPI da Covid o nome do político que ameaçou articular a demissão de Eduardo Pazuello do comando do Ministério da Saúde após o general se recusar a “dar um pixulé” para congressistas ao final de 2020. O termo refere-se a repasses de recursos que restavam no Orçamento. Na ocasião, ele não negou que se tratasse de Arthur Lira.

A exoneração de Pazuello foi publicada no Diário Oficial da União em 23 de março, dois dias depois da viagem ao lado de Miranda.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Dureza é constatar com um sujeito, na verdade um "bandidinho" como o Luiz Miranda conseguiu participar desse governo ativamente... Algo de muito errado está acontecendo no reino da Dinamarca....

  2. 1- Primeiro Ricardo Barros (PP). Agora Artur Lira (PP). Bolsonaro escolheu o Ciro Nojeira (PP) para ministro da Casa Civil. Temos o Cérbero a ser combatido. Temos que cortar às 3 cabeças do cão que guarda a porta do inferno. Na verdade o Brasil não se encontra na porta do Inferno para entrar. Temos que matar o Cérbero para sair. Vamos celebrar Eros e Thanatos Persephone e Hades Vamos celebrar nossa tristeza Vamos celebrar nossa vaidade Vamos comemorar como idiotas...

    1. 3- Não ter a quem ouvir Não se ter a quem amar Vamos alimentar o que é maldade Vamos machucar um coração Vamos celebrar nossa bandeira Nosso passado de absurdos gloriosos Tudo o que é gratuito e feio Tudo que é normal Vamos cantar juntos o Hino Nacional A LÁGRIMA É VERDADEIRA Vamos celebrar nossa saudade E comemorar a nossa solidão. Lembrei da música da Legião, porque Cérbero é o cão de guarda de Hades. Interessante como a música do álbum O Descobrimento do Brasil de 1993, continua atual.

    2. 2- A cada fevereiro e feriado Todos os mortos nas estradas Os mortos por falta de hospitais Vamos celebrar nossa justiça A ganância e a difamação Vamos celebrar os preconceitos O voto dos analfabetos Comemorar a água podre E todos os impostos Queimadas, mentiras e sequestros Nosso castelo de cartas marcadas O trabalho escravo Nosso pequeno universo Toda hipocrisia e toda afetação Todo roubo e toda a indiferença Vamos celebrar EPIDEMIAS É a festa da torcida campeã Vamos celebrar a fome

  3. Kkkkkkkkkkkkkk. Como é belo o governo honesto e patriota do Bozo, não é? Não é um exemplo para o resto da humanidade? Zurrem Bozistas, zurrem. O dia de vocês está chegando. Vocês voltarão para o esgoto, criaturas bestiais!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO