Adriano Machado/Crusoé

A esvaziada agenda de Mourão

22.04.21 10:24

Presidente do Conselho da Amazônia, Hamilton Mourão (foto) teve uma agenda esvaziada na semana da Cúpula do Clima, que ocorre entre esta quinta-feira, 22, e amanhã. Os compromissos do vice-presidente da República limitaram-se a participações em duas solenidades ligadas ao Exército.

Na segunda-feira, Mourão compareceu à cerimônia cívico-militar alusiva ao Dia do Exército. No dia seguinte, marcou presença na solenidade de passagem do cargo de comandante da Força, quando Edson Pujol deixou o posto e deu lugar a Paulo Sérgio Nogueira. Ontem, no feriado de Tiradentes, o vice-presidente não participou de um convescote organizado pelo ministro das Comunicações, Fabio Faria, com integrantes do alto escalão e Jair Bolsonaro.

Apesar do cargo-chave no Conselho da Amazônia e de ter as credenciais para falar, Mourão admitiu que não foi consultado pelo Planalto para a construção do discurso a ser lido por Bolsonaro no evento promovido pelo governo Joe Biden, frente a outros 39 líderes mundiais.

O afastamento do vice-presidente do debate chama atenção, dado que foi ele quem comandou as operações de Garantia da Lei e da Ordem que enviaram para a Amazônia forças de segurança, na tentativa de controlar o desmatamento na região.

A decisão de Bolsonaro de deixar o número dois da República de fora das negociações se contrapõe à postura de Joe Biden, que destacou sua vice, Kamala Harris, para abrir o evento.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
    1. Verdade. Os Vices sempre participaram , né? O Temer no Governo Dilma era super atuante. E o vice do Lula, então o já falecido José Alencar falava o tempo todo. Participava ativamente.

    2. Já passou da hora de se organizar junto ao Alto Comando das Três Forças....será que 400 ou 500 mil mortos não bastam...!!

    3. + 1 general batendo continencia pro capitão. Deus nos defende de entrar em guerra com generais tipo Parzuello e Mourão...

  1. Se Mourão avaliar pelo lado correto, deve dar graças a Deus em não ter participado e acordar com as metas de faz de contas ou para inglês ver, digo Biden, veiculadas na fala do PR Bolsonaro. Enquanto tivermos as políticas do atual governo que encerra em 2022, é difícil mudar a situação ambiental do país. Imagina fazer promessas para 2030 e mais, para 2050... kkkkkkk !!!

  2. ao prestigiar Kamala, Biden demonstrou que numa república respeitável mesquinharia de caráter não vigora.

  3. Vai sempre repetir o gesto da continência ao capitão. Esperar grandeza deste presidente será sonho de uma noite de verão. Se o “mito” ficar até depois de 05 de maio terá uma agenda: comemorar o Diado Índio juntamente com o aniversário do Marechal Rondon, talvez no Comando Militar do Planalto. Os militares gostam disso!

  4. Mas a especialidade é lançar xavecos para causar a Cizânea , é prática contumaz dos Antas , o que me surpreende é como foi e o que os levou a se promiscuírem dentro do jornalismo , adotando o xaveco interpretado travestido de notícia .

    1. Não precisa fazer. É nítido o desprestígio do vice!

    1. q horror. Comparar Brasil com EUA. Compare com México, Colômbia, Peru.

    1. Nao mude nunca Crusoé, é por isso que assino vocês, e quando não me interessar mais sua linha de jornalismo eu saio, oras!

    2. CRUSOÉ precisa urgentemente mudar de seu comportamento parcial e ficar no papel de informar sem tomar partido.

  5. Bozo morre de ciúmes do Mourão! Sim u a razão? Complexo de inferioridade? Não sei a razão? É de domínio público que até as pedras do Corcovado são mais inteligentes que os bozistas!

    1. Entre Mourão e Biden Zezinho “ficaria “ com qual??

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO