Reginaldo Pimenta/Raw Image/FolhapressOrlando Diniz, ex-chefão da Fecomércio: pagamentos para obter decisões favoráveis no STJ

Favores cruzados

Entre os relatos de uma proposta de delação que assombra o poder, ex-chefão da Fecomércio do Rio revela pagamentos milionários a filho de ministro em troca de facilidades nos tribunais
06.12.19

Nas últimas semanas, um antigo fantasma voltou a assombrar famosas bancas advocatícias destinatárias dos 180 milhões de reais distribuídos sem nenhum tipo de controle pela Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro, a Fecomércio-RJ, durante a gestão de Orlando Diniz, ex-todo-poderoso da entidade preso em fevereiro de 2018, numa das operações da Lava Jato fluminense. Solto por decisão do ministro Gilmar Mendes, quatro meses depois da prisão, Diniz contratou um advogado e tentou negociar um acordo de colaboração. Os investigadores não aceitaram os anexos entregues porque, com base nas informações já amealhadas, sabiam que ele estava escondendo muita coisa.

Se a rejeição da proposta de acordo fez os envolvidos nos negócios com a Fecomércio suspirarem aliviados, mais recentemente o surgimento da notícia de que Diniz voltou a procurar a força-tarefa em busca de um acordo renovou as preocupações. Crusoé confirmou a retomada das conversas e teve acesso a uma parte da proposta na qual o ex-presidente da Fecomércio promete informações ainda mais graves. O título de um dos capítulos dá a dimensão do potencial explosivo do material: “Envolvidos: Orlando Diniz, Tiago Cedraz, Sérgio Cabral, Cesar Asfor Rocha”.

Orlando Diniz comandou a Fecomércio do Rio de 2000 até ser preso, em 2018. As contratações milionárias de advogados ocorreram a partir de 2010, quando ele entrou em uma guerra judicial com a CNC, a Confederação Nacional do Comércio, que controla o Sesc. Diniz foi acusado de irregularidades na gestão do dinheiro do Sesc e do Senac. Chegou a ser afastado, em 2012, mas por meio de uma liminar obtida no Superior Tribunal de Justiça, o STJ, voltou ao cargo. Além do STJ, ele também ingressou com recursos no Tribunal de Justiça do Rio e no Tribunal de Contas da União, o TCU, para evitar as sanções.

Ruy Baron/Valor/FolhapressRuy Baron/Valor/FolhapressTiago Cedraz: segundo Diniz, ele falou em “sistemática da dobradinha”
Tiago Cedraz, um dos personagens do capítulo da delação, é filho do ministro Aroldo Cedraz, do TCU. Chegou a ser denunciado em um processo da Lava Jato, mas o STF não aceitou a acusação. Ele também é alvo de outras investigações e, recentemente, foi citado em uma delação por envolvimento em desvios na Petrobras. Cesar Asfor Rocha é o ex-presidente do Superior Tribunal de Justiça que, no mês passado, foi alvo de uma ação de busca e apreensão da Polícia Federal por suspeita de receber 5 milhões de dólares para dar a liminar que paralisou a Operação Castelo de Areia. Sérgio Cabral, por sua vez, é ele mesmo, o ex-governador emedebista condenado a mais de 200 anos de prisão por inúmeros desvios no governo do Rio de Janeiro.

O desenrolar do relato de Diniz vai explicando como esses vários personagens se entrelaçam na história. Por causa dos custos com os advogados para evitar a derrota para a CNC, entre 2012 até 2017, a Fecomércio e o próprio Diniz, na pessoa física, entraram na mira do TCU. Em 2015, ele chegou a criar um sistema de gestão do dinheiro da entidade que lhe dava poderes absolutos: os gastos passavam ao largo de qualquer fiscalização. Foi nessa época, conforme consta do anexo, que Diniz recebeu de Sérgio Cabral uma indicação. Ele deveria procurar Tiago Cedraz se quisesse resolver os problemas no TCU.

Começou, então, uma complexa negociação. As conversas se deram no apartamento do próprio Diniz, no Leblon. Tiago Cedraz estava presente e, a certa altura, buscou o aval de Cabral para firmar a parceria. Deu certo. Um contrato foi firmado entre o advogado e a Fecomércio. O valor: 13 milhões de reais. No capítulo da delação, porém, Orlando Diniz conta que Tiago Cedraz não fez “nenhum trabalho jurídico”. Afirma ele: “Na contratação de Tiago Cedraz, apesar do objeto ser a atuação nos processos da briga política (STJ), Tiago, de fato, atuaria nos processos do TCU – embora não tenha feito efetivamente nada, nem numa frente nem na outra”.

STJSTJAsfor Rocha, já investigado, também aparece na proposta de delação
Na sequência, a trama começa a ser mais bem explicada. Orlando Diniz afirma que, a certa altura, ouviu de Tiago Cedraz que o trabalho se daria com base no que ele próprio chamou de “sistemática da dobradinha”. A lógica da tal sistemática é a seguinte: no papel fica estabelecido que o serviço será prestado pelo advogado em uma corte, mas na verdade o objetivo é obter decisões favoráveis em outra. “Tiago comentou que costumava ter acordo com Cesar Asfor: Tiago fazia contratos com objeto para atuar no STJ e TJRJ, mas, na verdade, atuava no TCU; Cesar Asfor fazia contratos para atuar no TCU e, na verdade, atuava no STJ”, afirma Orlando Diniz.

As novas conversas do MPF com Orlando Diniz são mantidas em sigilo absoluto. A Procuradoria insiste para que ele vá além nas explicações sobre as razões pelas quais despejou tantos milhões em escritórios de advocacia. A aposta dos investigadores é que, se ele contar tudo, a Lava Jato poderá abrir mais uma importante frente nas apurações sobre o envolvimento de magistrados nos esquemas já descobertos pela operação.

Tiago Cedraz, por meio de sua assessoria, afirmou a Crusoé que “ao contrário do que consta na suposta delação”, seu escritório atuou em todos os processos da Fecomércio na Justiça Federal e STJ. A nota sustenta que o contrato firmado pela entidade continha uma cláusula que vedava a atuação no TCU. “Não temos conhecimento do citado conteúdo e duvidamos de sua existência, tamanho é o absurdo contido em tais declarações”, diz o texto. Cesar Asfor Rocha também foi procurado, mas não quis se manifestar.

Para além dos pagamentos a Tiago Cedraz, há vários outros que chamam atenção. Um dos maiores beneficiários é o escritório de Roberto Teixeira, compadre de Lula. Foram 68 milhões de reais, supostamente para atuação em tribunais de Brasília. Eduardo Martins, filho do ministro Humberto Martins, do STJ, recebeu outros 10 milhões. A banca de Adriana Ancelmo, mulher de Sérgio Cabral, levou 19 milhões. Outra advogada que consta da lista é Ana Basílio, mulher do ex-presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, desembargador André Fontes. O escritório dela recebeu 12 milhões de reais da Fecomércio. Se conseguir espremer Orlando Diniz de modo que ele conte todos os seus segredos, a Lava Jato inaugurará outra página dourada em sua história.

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Corrupção de juizes, desembargadores e ministros de tribunais superiores deveria ser qualificada como crime hediondo, por envolver funcionários pagos com dinheiro público e que têm o dever de punir bandidos, mas como fazer se eles próprios são bandidos. É o mesmo que pedir aos políticos, que aprovem a prisão em 2ª instância, e o agravamento das penas para bandidos e corruptos. Como a maioria deles vai votar uma lei que os atinge em cheio?

  2. Realmente apodrecido e apodrecendo o sistema JURÍDICO do Brasil como advogada tenho vergonha destes "ministrecos" desembargadores a quem foram delegados poderes de decisão sobre um tema tão carente no PAÍS e tão injusto em relação a maioria da população a JUSTIÇA tenho vergonha destes POVO VENDIDO que ainda são useiros da palavra EXCELÊNCIA hoje com reputação ZERO e desqualificados MORAL e profissionalmente criaturas podres que tomam o poder PÚBLICO para saciar sua ganância ilimitada LIXOS

  3. Impressionante! Nojento! Assustador! Tudo isso, o que não é nenhuma grama das toneladas de porcarias que envolvem este elenco nojento da política brasileira. A baixeza do "holl" de empresários, agentes públicos e políticos brasileiros provoca asco!!! Nada que não se corrija com uma marreta e pedras para quebrar, durante anos em presídios . Pena que nossa Justiça seja tão envolvida, complacente e insuficiente com estes bandidos!!!....

  4. Prendam todos esses corruptos, inclusive os juízes envolvidos, incluindo também Toffoli, G. Mendes, R. Weber, Lewandowski, Marco A. e Celso de Melo

  5. É impressionante o envolvimento dos caciques e das instituições nessa corrupção sem fim. O mais impressionante ainda, são os valores...

  6. Somos( povo) apenas uma formiga desprezível,que atônita assiste pelas frestas a farra escabrosa dos personagens beneficiados pelos poderes da política brasileira. Repugnante .

  7. A OAB continua defendendo esse negócio com unhas e dentes, sem nenhuma ação de compliance. O maior negócio dos seus ordenados é hoje, direta ou indiretamente, captar dinheiro de corrupção via serviços de valoração intangível. Guerra longa de nós brasileiros em busca de instituições fortes que representem o interesse da coletividade. E haja paciência. Aí quando se fala na possibilidade da população pedir a volta do AI-5, muitos acham um absurdo, uma violação inaceitável. E essa lambança toda?

  8. O Meu querido Rio deixou de ser a cidade maravilhosa para se tornar terra de bandidos. Alguns de fuzis e outros investidos de poder. Temo mais os do segundo grupo. Eles causam muito mais perdas do que os de fuzis e são difíceis de identificar e punir.

  9. Por este tipo de "trabalho" entendemos porque a OAB, STJ, STF e alguns poderosos não querem que seja instalada a CPI da Lava Toga. Há muitos escândalos a serem esclarecidos.

  10. Maravilha. Espremam e tirem todo o suco (delações, evidências e provas concretas). Não adianta só palavras. Tirem provas mais que suficientes e incontroversas, evidências insofismáveis, indícios, documentos, mídias, capazes de serem periciadas, testemunhas, informantes, operações consertadas, tudo. Façam de tudo para pegá-los. A sociedade aplaude.

  11. Não vai acontecer nada.Vamos esperar a renovação do Supremo para ver se a justiça coloca o pé no acelerador;muitos processos para quem não tem compromisso com a população.

  12. Multiplicam-se os focos da Lava Jato, quanto se juntarem os pontos conheceremos a horrenda face de quem nos tem desgovernado, ao menos o perfil da sombra que encobre toda corrupção sistemática.

  13. Não vai dar em nada. Porque nesse país, de acordo com o STF só vai preso depois da última instância... Ou seja, depois que o sujeito, o corrupto, já estiver no inferno.

  14. E de pouco em pouco, tb é exposta a podridão em que a OAB (federal e estaduais, regionais) se transformou. Antiga guardiã do direito dos cidadãos, é, hoje, uma das principais organizações de peso, culpadas pela destruição de nossas instituições. Exame da OAB não serve mais! Precisa acrescentar exame de nível de honestidade e honradez!

  15. Eta "camada de ozônio" dando brecha efervescente às cabeças cariocas e às brasileiras em plena véspera natalina 2019. Imagina-se o que ainda não veio à tona. PASSEMOS A LIMPO! Não importa a quem atingir... Força aos que estão com a FORÇA para mexer na podridão!!!!

  16. Se implementarem o prêmio "Quadrilha do Ano", o Maracanã ficará pequeno para a apresentação dos concorrentes!!!! Rouba-se no Executivo, no Judiciário e, principalmente, no Legislativo. Todos devidamente entrelaçados!!! Pobre contribuinte!

    1. A única solução é fechar tudo. É como um computador tomado pelos vírus e só resolve formatando e instalando um novo sistema operacional. Quem tem poder para formatar o Brasil??? É fácil imaginar, né?

  17. Um sistema totalmente apodrecido e tomado por uma quadrilha de altos membros do judiciário, políticos e advogados, com o povo carioca pagando, sem saber, a corja toda. Dá pra entender pq o Rio chegou neste triste estado.

  18. Toda essa insistência de Gilmar e Tofoli em exterminar com a Lava Jato tem uma única razão, não é pelo que a mesma já sabe ou. pelas denúncias já formuladas e sim pelo até onde ela poderá chegar.

  19. Não tem outro jeito, só matando essa raça. São vampiros a sugar o sangue da sub-raça. Só um comentário a mais. Que policial linda essa loira da PF.

    1. Grande André Tinha passado despercebido, voltei, ampliei a foto, bota lindeza nessa loira. O resto da reportagem ora bolas , é o que a Lava Jato nos esclarece a cada dia. E podemos cada vez mais afirmar que o judiciário é poder mais corrupto entre os 3 que sustentam essa nossa ‘bela’ democracia.

  20. Já já Gilmar Mendes e Cia darão salvo conduto, proibição de entrar nos escritórios desses mafiosos. É assim que funciona. É assim que será.

  21. Advogados, filhos de juízes de todas as instancias estão se esbaldando no dinheiro de origem desconhecida, defendendo interesses de figurões da política, grandes empresários.

  22. Enquanto essa constituição existir somos moldados a respirar o ar da corrupção, principalmente desse lamaçal chamado judiciário, essa casta judiciário se torna imune a punição no brasil.

  23. Como pode uma entidade de classe gastar tanto com advocacia? É porque tem muita corrupção na gestão. Pelo FIM dessas entidades paraestatais!

  24. Investigar , Processar , e privar da liberdade , por na cadeia sem tornozeleira, deveria ser simples assim !!! Algum dia será pois não tem bem que sempre dure nem mal que nunca acabe !!

  25. Impressionamte!! a banca de advocacia da mulher do maior ladrão do Rio de Janeiro, manter as portas abertas,e, receber honorários de outro ladrão (Cedras), dinheiro esse oriundo de tramoia. A OAB/RJ já deveria ter cassado a licença dessa ladra

    1. Antônio Cedraz Só para deixar claro a todos que a família Cedraz é uma família que a grande maioria dos seus membros são de classe média e são pessoas honradas e trabalhadoras. Caso esses membros da família que são políticos se meteram em falcatruas, nós que somos parentes ficaremos muito tristes e torcemos que os culpados sendo parentes ou não sejam punidos dentro da lei.

  26. Essa nossa "justiça", se é que se pode chama-la assim, é um nojo, assim como o legislativo. São criadouros de corruptos e marginais, com raras exceções.

  27. Tenho 63 anos, trabalho desde os 9. Tenho escolaridade acima do universitário. Sempre trabalhei jornada diária dupla, e pela vida vi que só jogador de futebol, sertanejos, e pagodeiros enriquecem com muita sorte e muito trabalho (falando em trabalho honesto e talento); fora isso os profissionais da política (quase sempre com ilícitos), não sei sobre os bandidos comuns. Os da política aparecem todos os dias nos noticiários, e eles nem se importam, pois devem saber da justiça.

  28. Descalabro, ladroagem, vergonha. Enquanto isso o cidadão comum sofre com a morosidade dos tribunais. Justiça morosa não é justiça.

  29. Tudo se delata, todos são identificados, mas ninguém é preso. E assim a vida continua. Tudo isto somente serve para os jornalistas terem o que contar, nós perdermos tempo em ler e ficarmos desacorçoados e infelizes, e no final ninguém sofre nada. E assim a vida passa, eles continuam roubando, jornalistas contando estórias e nós lendo. Este nosso país nunca será melhor, sempre será isto que é o centro da bandidagem e vergonha mundial.

  30. O sistema político e judiciário já estão podres a muito tempo. A corrupção já é um câncer com mestastase generalizada e que atingiu praticamente grande parte das estruturas do poder !!

    1. A podridão já ultrapassou todos os limites, judiciário, executivo, legislativo. Todos os comentários toda leitura só encontro roubo e mais roubos, corrupção, corrupção, milhões para advogados milionários e a roda da fortuna não pára. Só tem uma saída Art. 142. Não se iludam, já não enxergo nenhuma luz no fundo do poço o que é lamentável, mas...

  31. Ana Basílio foi Desembargadora Eleitoral no TRE/RJ, nomeada nos governos Lula e Dilma. Dá pra ver o novelo dessa ladroagem!

  32. O Brasil esta totalmente tomado pela bandidagem de elite, sao politicos, empreteiros, funcionarios publicos, advogados e bancas carissimas, e alto clero do judiciario, realmente o Brasil foi tomado por diversas orcrim. So temos a Lava Jato e Sergio Moro lutando para acabar com isso. Chega, dia 8 to na rua de novo. 2 estancia, Lava Toga, fim do fundao eleitoral, reducao do tamanho do congresso, STF so pode ser Juiz de carreira, fim do foro privilegiado e de todas as barbaridades q o congresso fez

    1. Toda a indignação é pouco em relação aos poderes Legislativos e Judiciários. Por enquanto dando um tempo no Executivo. A nossa Justiça é uma verdadeira vergonha e que nos deixa desmotivados e revoltados. Que venham delações, que venham denúncias, e que o STF seja definitivamente desmoralizado e impedido de investigar, legislar e julgar qualquer assunto de corrupção de políticos!

  33. Por aí dá para entender porque maioria dos Ministros das Cortes Superiores fazem tudo para extinguir os processos que chegam lá.

  34. É UMA REVISTA MUITO B0A. POR FALTA DE TEMPO AINDA NÃO HAVIA ASSINADO, COMO ESTOU EM FERIAS, HOJE DEU CERTO. PARABÉNS PELO CONTEUDO E APRESENTAÇAO DAS MATERIAS.

    1. A Crusoé é ótima mesmo, Joaquim. Que bom que você conseguiu assinar. Boa leitura!

  35. pode prender todos os envolvidos e jogar a chave da cadeia fora... aliás ... o sistema S e o andar de cima das confederações cheira muito mal, no país todo

  36. LAVAJATO, LAVAJATO, LAVAJATO, LAVAJATO. AUDITORIA externa do poder judiciário brasileiro, de cima para baixo, já que ele está de pernas pro ar. Dá pra ver os culhões de muito nego engravatado q continua arrotando poder.

  37. O Brasil é realmente um dos países mais ricos do mundo. Com tanta roubalheira vinda de todos os lados nos últimos anos, tanto dinheiro público desviado com a conivência de quem deveria fiscalizar sua utilização em benefício do pobre pagador de impostos, é um milagre que nosso sugado País ainda esteja de pé. Mas quero viver o bastante para ainda ver esta turma de meliantes ser levada para o xilindró! É a Lei: " nada existe sobre a face da terra, que um dia não seja descoberto"

    1. A Globo gastou meia hora do RJ 2 contra o prefeito do Rio. e nunca contou essas falcatruas no Senac,Sesi e Facomencio etc. Eram tantas propaganda na Globo.Suponho que a platinada pode tb estar no bolo!

  38. Meu Deus, no Brasil o que deveria ser o último refúgio do cidadão, o que vemos é que foi transformado em defensoria de ladrões.

  39. Assustador. Aterrorizantes. Que descalabro. O que estão esperando o cabo e o soldado. Esses fatos deveriam estariam de estar em destaque em todos os jornais. Queria ver o que a GROBO vai noticiar. Essas excelências, meritíssimas, nobilíssimas e outros adjetivos vão dizer. Vão mandara um calo e um soldados?

    1. Nada de anormal em um mundo de expiação e prova. O modelo de ser humano é esse mesmo. Quando encontram um Moro, a reação é a mesma de um Gilmar ou de um Lula. Mas o Brasil está acordando, com a graça de Deus.

  40. Excelente trabalho Jornalístico!!Esta é a vocação natural vcs! Prendam-se aos Fatos e estarão se tornando o melhor meio informativo do País.

    1. Investiguem GILMAR JÁ. Por que ele solta todos os bandidos ricos?..........

    1. E o Gilmar Mendes também esta ficando impossivel de não ser cassado ! Se eu fosse ele pedia aposentadoria e me mandava para Portugal!😡😡😡😡😡😡😡😡😡

  41. tem muita lama pra descer deste barranco ainda principalmente nas cortes superiores só que não pq são cortes de maracutais com alguns políticos ainda escondidos.

    1. Não devem ser milhares, devem ser milhões de ladrõe! A cada di descobrimos mais e mais!

  42. Que legal! Que alegria nesta sexta-feira! Venho há tempos "martelando" aqui sobre os R$ 64 MILHÕES recebidos pelo escritório do Cumpadre Roberto Teixeira e Cristiano Zanin, vindos do também escritório de "adevogados" onde "trabalhou" a criminosa Adriana Anselmo Cabral. Eu só pedia pra saber se HOUVE Efetivamente Prestação de Serviços. Acho que essa investigação nos mostra que tem "batom na cueca". Queremos é JUSTIÇA. Lugar de criminosos é na CADEIA.

  43. As verdades vão aparecendo porque acabou a carne da presa, chega aos ossos, e então as ienas vão ficando cada uma por si e o diabos por todas!!!

    1. O homo sapiens aprendeu a abrir o osso e extrair o tutano. É essa técnica que deve ser usada, a de se extrair o tutano do crime.

  44. Já começou a Lava Togas quero ver chegar o STF e ter o privilegio de ver Gilmar, PToffoli, Lewan,MAM,Celso de Melo e Alexandre Moraes algemados no camburão da PF

    1. SÓ PODE. Assim, nenhum deles delata, porque já está em liberdade.

  45. É a máfia do Judiciário e da Maçonaria comandadas de dentro da Fecomércio -RJ e no coração do TJRJ. Todos conhecem os atores “ intocáveis” e há Ministros de plantão prontos a apitar “ perigo de gol”.......

    1. Maçonaria? Você só pode estar sem assunto. G(c) vI

    2. Joaquim, você era amigo íntimo do Adélio Bispo? Maçonaria? De onde você tirou isso? Vá estudar!

    1. Porque são contra a prisão em 2ª instância? Porque os advogados todos enriquecem, recorrendo, recorrendo, recorrendo... E o dinheiro entrando nos bolsos desses canalhas. Temos que conseguir prisão EM PRIMEIRA INSTÂNCIA, para que todos DELATEM.

    2. E ainda dizem que os advogados que atuam nesses grandes processos não estão envolvidos em com os próprios clientes que defendem. Uma ova,ele sabem da facilidade de ganhar dinheiro ilícito por isso ficam atrás desses bandidos famosos. No fim Advogados e clientes são iguais praticando crimes juntos.

Mais notícias
Assine
TOPO