Escambo estratégico

18.01.19

O Planalto reduziu o ritmo de nomeações para o segundo e o terceiro escalões do governo. A ideia é esperar o resultado das eleições das mesas diretoras da Câmara e do Senado, para, a partir daí, usar as vagas em aberto para estruturar a base aliada no Congresso. Os auxiliares de Bolsonaro juram, no entanto, que não se trata de toma lá dá cá.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéHá vagas: o Palácio do Planalto quer esperar a nova configuração do Congresso para definir nomeações

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Propor uma negociação de cargos em cima de projetos é uma coisa e em cima de propina é outra. Resta saber se essa negociação de cargos implicará no fluxo de algum tipo de propina o de fidelidade e operacionalidade ao programa do governo. Essa negociação é legítima em todos os países Democráticos.

  2. O Mi(n)to sempre jura de pés juntos, que se separam na hora agá. Disse que "a verdade os libertará", mas não diz a verdade sobre o que fez ou faz, nem sobre o que os filhos fizeram ou fazem. Continuo afirmando o que sempre escrevi no O Antagonista: o Bolsonaro é um zero à esquerda. Foi apenas um aproveitador que se uniu aos militares, estes, sim, dignos de nota, e usou da fama deles para se destacar. É um deserto de ideias. Toma-lá-dá-cá é essência da família. E mais: dá-o-seu-que-não-dou-o-meu.

  3. Eu não me decepciono pq não me iludi com Bolsonaro, não confio em quem ficou encostado 30 anos no Congresso. Meu candidato é Amôedo.

    1. Se dependesse de Amoêdo a direita teria perdido a eleição. Ele tentou de tudo entregar o poder ao Haddad/Alckmin. Felizmente eles todos se foderam e Bolsonaro é o Presidente da República.

    2. Chegou a paladina da moral. Que se dane o Amoedo. Tu acha que ele ia governar como com esse sistema corrupto?

  4. É uma vergonha...!!!!!!!!!!!!! E votei em.Bolsonaro....fiz campanha...QUE chamem coronéis, majores e tenentes preparados. Toma lá dá cá ou embaixada para Temer vão levar o país à desobediência civil!!!! Afinal: pente- fino no INSS sem pente -fino do COAF no judiciário, legislativo e executivo nos últimos 5 anos PELO MENOS????? Ninguém tá engolindo...guerra civil...cuidado!A reforma Política em 2020 será VITAL " SE" o governo sobreviver a 2019! Mas tem q agir rápudo e com eficácia...

  5. Bolsonaro tinha que se autoproclamar ditador e dissolver o congresso. Assim não precisaria de negociar com nota ninguém. Eu faria isso.

    1. O Gilberto está doido para entrar na ditadura do capitão. Tem cada gente maluca pelo mundo.

  6. Deve-se lembrar que o sistema representativo, a exemplo do Brasil, fundamenta-se na pluralidade de opiniões legitimadas pela vontade popular, exigindo que a composição do governo reúna diversos extratos do pensamento político, o que tem o sentido de evitar o radicalismo e o viés autoritário. Com isso, o problema não é nomear para um cargo público alguém indicado por um partido político e, sim, essa escolha envolver interesses meramente pessoais dos líderes partidários e/ou do presidente do país.

Mais notícias
Assine
TOPO