RuyGoiaba

Muito barulho por nada

26.11.21

Eu geralmente não acredito em “lei do mínimo esforço”, mas — assim como o ateu quando o avião dele sacoleja no meio de uma turbulência — passo a ser crente quando estou escrevendo esta coluna. Essa lei me ajuda um bocado: é só pegar o acontecimento mais “piada pronta” da semana que passou no Bananão e descrevê-lo basicamente como é, sem nem precisar comentar muito. O texto de Ruy Goiaba se escreve sozinho, e eu quase só tenho o trabalho de assinar.

E não houve melhor assunto para sacanear nos últimos dias do que as prévias do PSDB, o Partido da Social-Democracia de Brancaleone (“Branca, Branca, Branca/ Leon, Leon, Leon”). Uma votação organizada pela Suate dos Trapalhões com o aplicativo das Organizações Tabajara teria dado mais certo: no momento em que escrevo — hoje é quinta (25), e o fiasco das prévias foi no domingo (21) —, a tucanada ainda não conseguiu arranjar um app que funcione minimamente. Quem sabe daqui a alguns dias cheguem à conclusão de que é melhor fazer com papelzinho mesmo; depois os perdedores judicializam o resultado e, com sorte, o partido define por volta de 2028 seu candidato à Presidência na eleição de 2022.

O pior é que, desta vez, não há nem “cenas lamentáveis” divertidas como as das prévias do PSDB paulistano em 2016, que tiveram socos, tentativa de roubo de urna e militante flagrado com as calças arriadas no meio da rua (sigla phyna é outra coisa). Não: é uma briga de comadres soltando notinhas para a imprensa, falando cobras e lagartos e puxando o tapete umas das outras, com estridência cada vez mais proporcional à sua irrelevância — mas o partido está unido! Se fossem como o PT, não teriam esse problema: lá não existe essa frescura de fazer prévia, e candidato é quem o dedazo do Lula apontar (no caso, ele mesmo).

E tudo isso para o candidato tucano, seja quem for (João Doria, Eduardo Leite ou, menos provavelmente, Arthur Virgílio), chegar à eleição com uns 5% dos votos e olhe lá, a julgar pelas pesquisas recentes: é um partido shakespeariano, mas só no sentido da “Comédia dos Erros”, uma espécie de “Muito Barulho por Nada” 2.0. A legenda que fez o Plano Real, algumas eras geológicas atrás, agora torra 1,3 milhão de reais do fundo partidário — sim, é você que paga pela lambança — para não conseguir pôr de pé nem uma votação interna. Está certo que o sarrafo, digamos, intelectual da gestão Jair Bolsonaro é o mais baixo possível, mas é essa turma de trapalhões que quer colocar ordem no Bananão a partir de 2023?

Minha sugestão, que obviamente não será seguida, é que os caciques tucanos parem de fingir que são civilizados e façam logo um “triello”, como naquela cena de Três Homens em Conflito em que Clint Eastwood, Lee Van Cleef e Eli Wallach apontam os revólveres uns para os outros. Ponham logo Calça Apertada Kid, o Guri de Pelotas e o Fofão de Manaus para sacar suas armas, com a trilha do Ennio Morricone de fundo. Ou, se preferirem algo menos sangrento, façam uma banheira do Gugu reloaded, joguem os três lá dentro e quem pegar primeiro o sabonete ganha a candidatura do PSDB à Presidência. Meritocracia é isso aí.

***

A GOIABICE DA SEMANA

E o glorioso Ricardo Salles conseguiu ir à Jovem Klan chamar Sergio Moro, esse notório agente bolchevique, de “comunista”. É oficial: comunista é quem não gosta do Bolsonaro, nazista é quem não vota no PT — procurem pela internet, que vocês acham charges petistas retratando Geraldo Alckmin com uma suástica; nem são tão antigas assim — e qualquer palavra pode ser usada para xingar qualquer pessoa sem a MENOR consideração pelo seu significado. Basta você escolher a sua versão daquele meme do livro infantil (infelizmente fake) Todo Mundo de que Eu Não Gosto É Hitler: troca por “Stálin” e estamos conversados.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéRicardo Salles, tão amigo da Amazônia quanto do uso adequado das palavras

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Muito bom Ruy. Com um humor incrível vc consegue retratar a prévia ridícula do PSDB e o despreparo das pessoas que ocupam cargos tão importante no país.

  2. Conjecturas para reflexões, mas sem tendência de posicionamento necessário para o momento que estamos vivendo.

  3. Muito bom! Fofão de Manaus foi demais ... hehe E pensar que eu votaria em qualquer um dos três, contra lulla ou bollsonaro! ...

  4. Goiaba, você é o melhor 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣 obrigada por me presentear com umas boas gargalhadas neste país cretino 😂😂😂😂

  5. Perfeita a nova versão : Comunista é quem não gosta do Bolsonaro, nazista é quem não vota no PT. Noutros tempos Einstein, Ricardo e Freud não prestavam para os comunistas porque eram burgueses. Para os nazistas eles não prestavam porque eram judeus... Simples, não? Polilogismo. A conferir.

  6. Salles já mostrava ser um sem-noção na sua campanha a deputado federal. Quase foi expulso do Novo, já na campanha, graças a um card cheio de cartuchos de munição. Vem o grão mestre da falta de noção e põe o estropício como ministro...

  7. Piadas prontas, a turma do "acusar os outros daquilo que vc é", segue a todo vapor, idéias derrotadas nas guerras ou ultrapassadas são requentadas e servidas novamente como prato principal, enquanto isso, o estado pesado, ineficiente, caro e corrupto segue sua saga, tentar sobreviver do suor dos poucos que ainda acreditam nessa mentira bananesca

    1. Adorei 🤣 🤣 🤣 🤣 🤣 🤣 🤣 gente, a Crusoe vale cada centavo!

  8. O raciocinio vale tambem para os bolsonaristas que surfaram a lava jato e agora querem esculachar o moro. vale tambem para o pessoal que assiste religiosamente o jornal nacional da globo mas depois ofende a emissora.

  9. Felizmente, com o texto shekspeariano e a goiabice, atesto sua cura dos textos cinzabolsanaro que vinha assinando. Ao le-lo (cadê o til, senhor robô?) me declaro, também, curado dos dias de ranzizice pois a nossa midia só dá noticias bolsonarianas, cinzentas. Jovem Kla (esse robô americanista não tem til…). Sensacional! A democracia luloptista foi desnudada e, assim, fica cada vez mais horrorosa ( não ela, mas a seita Pt cada vez mais desnuda). Bem quanto ao PSDB desejo só uma coisa: Aecio nele!

    1. Ah! Com FHC apoiando Lula e candidatando-se a ser seu ministro das Relações Exteriores.

  10. O impasse mexicano do PSDB ao som de Ennio Morricone não teria fim. Ficariam nesse mesma posição por toda a eternidade. Hahahah

  11. Salles - Pan. Merecem-se. Assiste quem merece também. Lugar de lixo é no lixo, pena que nem todo lixo reconhece seu lugar.

  12. E as madeiras da mãe do Salles seguem rios abaixo da Amazônia devastada, rumo aos bolsos oportunistas com seus dinheirinhos guardados em paraísos fiscais, longe dessa bananice e papo extremista non sense .

  13. Pô, Goiaba, não rebaixe o Ennio Morricone desse jeito… trilha de fundo de prévias do PSDB? Pobre do italiano! Socooooorrooo…

    1. Aqui o nível da piada é de outro mundo. Top. Perfeita analogia Com a banheira. Deveriam todos está lá sem sabonete !!!

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO