Luis Macedo/Câmara dos DeputadosArthur Lira e Rodrigo Pacheco apelaram à ONU por vacinas e insumos

Pedido de socorro

Governadores, parlamentares e cientistas estão pedindo auxílio internacional para enfrentar o avanço da pandemia no Brasil. O vice-presidente Hamilton Mourão, a seu modo, ajuda na iniciativa
16.04.21

Com a lentidão no processo de vacinação dos brasileiros contra a Covid, o senso de urgência tomou conta do Congresso, de governadores e até do vice-presidente da República, Hamilton Mourão. Juntos, os presidentes da Câmara, Arthur Lira, e do Senado, Rodrigo Pacheco, e chefes dos Executivos estaduais têm tentado, em diferentes frentes e de distintas maneiras, fazer uma espécie de “apelo humanitário” para que governos estrangeiros e até a ONU socorram o país, tanto com a remessa de lotes de imunizantes quanto com a agilização do envio de insumos para a produção de mais doses em território nacional.

À diferença dos demais, até para não melindrar Jair Bolsonaro, Mourão faz um movimento solo e mais discreto. Oficialmente, ele diz que não tem se envolvido no esforço para conseguir mais vacinas, mas nos bastidores tem ajudado. Em um encontro com empresários na Câmara de Comércio dos Estados Unidos na quarta-feira, 14, o vice reforçou a “importância da cooperação internacional” para ampliar a vacinação em massa. Na semana passada, ele já havia recebido o novo embaixador da Rússia em Brasília, Alexey Labetskyi, que tem se empenhado na tarefa de fazer o Brasil adotar o imunizante Sputnik V.

Cientistas brasileiros também estão se movendo para que o apelo chegue o mais longe possível. Nesta quarta-feira, 14, um grupo deles distribuiu um vídeo pedindo ajuda da comunidade internacional. Lira e Pacheco, por sua vez, apelaram diretamente ao secretário-geral da Organização das Nações Unidas, a ONU, o português António Guterres. “Reforcei o pedido de ajuda à ONU para o país se tornar prioridade do consórcio internacional Covax Facility para antecipação da entrega das vacinas”, anunciou o presidente do Senado. Crusoé apurou que Guterres se sensibilizou com a situação do Brasil, embora tenha pouco poder para interferir na distribuição de vacinas pelo Covax Facility. O consórcio internacional da OMS para vacinas contra a Covid-19 tem uma equipe técnica que toma decisões sobre a liberação dos imunizantes com base em dados científicos e dificilmente se submete a pressões políticas.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéMourão defendeu “cooperação internacional”: vice age discretamente para não melindrar Bolsonaro
Guterres, porém, tenta cooperar em outra frente. Ele procurou interlocutores do governo de Joe Biden para recomendar que os Estados Unidos enviem vacinas para o Brasil assim que possível. O Ministério da Saúde quer um empréstimo da maior quantidade possível do estoque de 25 milhões de doses da vacina de Oxford hoje excedente nos Estados Unidos – as doses extras estão sendo disputadas também por outros países, como México e Canadá.  O lote começaria a ser devolvido a partir de junho, quando a Fiocruz planeja já estar produzindo 1 milhão de vacinas por dia.

Há a expectativa que o anúncio sobre esse acordo possa ser feito nas próximas semanas. “O Brasil está no topo da lista no momento em que os Estados Unidos forem tratar dos excedentes”, diz o embaixador do Brasil nos EUA, Nestor Forster. Os americanos preparam, de fato, uma “diplomacia da vacina” para fazer frente aos esforços de China e Rússia, que aproveitaram a disputa por imunizantes para ampliar sua influência sobre países da América Latina. Os EUA, porém, são mais cautelosos ao comentar um possível acerto com o Brasil, temendo uma repercussão negativa no país, que ainda segue no processo de vacinação. Perguntado nesta semana sobre o assunto, o secretário de Estado, Antony Blinken, desconversou. “Veja, nossa primeira responsabilidade é com o povo americano, e o presidente foi muito claro sobre isso”, disse.

O Fórum de Governadores se reúne nesta sexta-feira, 16, com Amina Mohamed, secretária-geral adjunta das Nações Unidas. Além da obtenção de mais remessas de insumos farmacêuticos para a fabricação de vacinas, e imunizantes excedentes em outros países, o grupo se esforça para obter insumos hospitalares para pacientes internados com Covid, caso do chamado “kit intubação”. Como o mundo está preocupado com a possibilidade de o caos brasileiro acabar adiando o fim da pandemia, especialmente em razão do risco de surgimento de novas variantes, é possível que os apelos surtam algum efeito.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Brasil sendo brasileiro. Característica secular brasileira, ao deixar d fazer o correto e d seguir o procedimento padrão, p/ no caos, ante o desespero, praticar o jeitinho, c/ a crença q é privilegiado e merece ser atendido. Humilha-se escandalosamente ao mendigar por ajudinha e c/ a maior cara deslavada solicita ser colocado como preferência, pra ser atendido já. Porém, na geopolítica e tensionamento internacional, cd um faz o seu. É burro, chupa o dedo e espera!

  2. Os governadores estão mandando fazer parede falsa nos hospitais para esconder equipamentos novos e deixar as pessoas morrerem. Hoje foi pego um no Pará, mas pouco tempo atrás já tinham achado outros. Aí eles fingem que não têm equipamentos, pedem ajuda internacional, embolsam o dinheiro, e o equipamento que já existia aparece miraculosamente como sendo "novo". Seria o plano perfeito se não tivssem descoberto.

    1. Uau! Essa é a teoria da conspiração mais imaginativa até agora!

  3. Brasileiros morrendo e a imprensa fala mal do tratamento precoce. Joga no lixo a experiência de médicos que estão salvando vidas na ponta do atendimento , mas que não dão manchete de pânico. A politização já não foi longe demais? Precisam dar atenção aos idiotas que disputam 2022?

  4. o Brasil só tem vacina porque o Governo do Estado de São Paulo bancou desde o início,( e sem saber se a vacina iria funcionar ou não ), o instituto Butantã e colocou um pedido de milhões de doses. Isto foi feito por todos os países sérios. injetaram dinheiro nas fábricas de vacina mesmo não tendo certeza se iria funcionar e garantiram a compra das vacinas em contrato. O que o Bozonaro fez? Nada. nadou contra a maré e por isso merece morrer afogado. Orgulho de ser Paulista.

    1. Acho que não...hein...contra fatos somente argumentos falar....me engana que minto ufaaaa

    2. Minha mãe e minha tia foram vacinadas aqui em SP e a vacina foi a Oxford, vinda da Fiocruz. Até agora não chegou coronavac por aqui, mas teve um diretor da Unimed na cidade ao lado que tomou as duas doses da coronavac e quase morreu de covid na UTI. Tenho orgulho de ser paulista também, mas vendo o que está se passando com a coronavac no Chile, já vi que entramos numa furada.

  5. André, acho que seus donos, Diogo, Dória e companhia não vão deixar, mas que tal fazer uma REPORTAGEM e não escrivinhações de encomenda sobre o destino do dinheiro mandado aos governadores e prefeitos e sua aplicação, que já renderam 61 processos com ações da PF nas portas da turma de genocidas? Respiradores e insumos pagos mas não recebidos, desmonte precoce de hospitais de campanha, negacionismo do tratamento aos primeiros sintomas da Covid, insumos superfaturados e jogados no lixo? Coragem!

    1. Se não fizerem isso, vou analisar e cancelar a assinatura. Não tem santo em nenhum dos dois lados mas devem mostrar os dois. Assino a revista pois é o que espero...

  6. Muita gente acha que importar vacinas e outros insumos da área da saúde é como ir ao camelódromo ou telefonar para o amigo que é dono de laboratório. Todos devem se esforçar para sensibilizar países e empresas do ramo. E também apoiar o desenvolvimento da vacina brasileira para não dependermos de importação. Parece que é melhor criticar e incriminar alguém do que apoiar o que dá certo.

  7. SIM. Surtirá efeito sim. O Senado já enviou esse Pedido de Socorro Internacional e deu um ótimo resultado. Começou chover kits intubação, vacinas, medicamentos, UTIs, é uma maravilha. A Katia Abreu deu uma força enorme para fazer isso em Março e o resultado está aí. Pedido de Socorro Internacional é uma ótima ideia. Todo mundo deveria fazer por que o PIOR PAÍS DO MUNDO na Pandemia é o Brasil, tenho certeza, por que assisto o Jornal Nacional toda noite e eles explicam bem. O mundo está bem.

  8. vamos ver a situação por outro ângulo: Estados Unidos com estoques excedentes de vacina e o Brasil epicentro de uma nova variante do corona vírus... alguma coisa está estranha aí... vacinação internacional virou simplesmente um balcão de negócios para alguns países ter soberania sobre outros e enquanto aqui no Brasil um pedido de socorro vergonhoso e de certa forma duvidoso pra fomentar possíveis campanhas políticas de alguns congressistas.

  9. Tem medo de melindrar o Bolsonarinho? Eu quero mesmo é q ele se f.....O desgraçado arruinou a vida de milhares de brasileiros no âmbito da saúde, milhões de brasileiros no âmbito da economia, arruinou a floresta amazônica mais do que qualquer antecessor, causou mais desempregos, quando já tínhamos mais de 14 milhões de desempregados, só pensa em reeleição e nos filhos ladrões, é um néscio, viciado em indolência, ignorante, desinformado, quer reeleição só p/ fugir da Justiça, é a nossa desgraça!

  10. O articulista, por acaso, já viu o quadro de vacinação mundo a fora, a situação dos países que não fabricam vacinas e mesmo o de alguns que fabricam, como a China.

    1. Esse quadro é mentiroso. O Brasil está em último lugar nas vacinas porque o Bozo não comprou vacinas. Tem q impixar o presidente para acabarmos com a Pandemia. Sei q o Brasil é o pior país do MUNDO no combate ao COVID. Escuto toda noite o Jornal Nacional e tenho certeza que o mundo está bem, mas o Brasil é o PIOR PAÍS NA PANDEMIA com pessoas morrendo quase 5 mil por dia, eles explicam direitinho na Globo. Impeachment já.

  11. Mourão é um homem honrado e do bem, da de 90 a zero no boso, só não faz mais para não parecer traídor, mas o negócio é o impeachment e colocar o Mourão que a coisa vai andar !

  12. desde o início da pandemia ficou claríssimo para quem quisesse ter olhos de ver que o vírus era o presidente Bolsonaro, como pode um governador por vontade própria usar o nome do candidato para eleger-se e em seguida chamá-lo de genocida? SP foi o Estado que mais abusou do lockdown para exclusivamente medir forças com a União e foi onde mais morreram pessoas, foi o Estado que mais recebeu dinheiro carimbado para pandemia e hoje carece de leitos e medicamentos. onde está a verdade dos fatos?

    1. Quando o governador usou o nome do Bozo para se eleger ele ainda não era genocida. Era amante da tortura, das milícias e da ditadura, mas ainda tardou um ano para tornar-se genocida.

  13. O Congresso deveria se preocupar, também com a aprovação do orçamento: estamos em abril e o que temos é um orçamento inexequível para satisfazer os interesses eleitoreiros dos políticos e dane-se o Brasil! O problema é o Bolsonaro. O STF e o Congresso só ajudam o Brasil !!! (a se transformar numa Venezuela). Nunca vi tanta hipocrisia !!!

  14. DIFERENTE DO BRASIL NOS ESTADOS UNIDOS TEM UM PRESIDENTE QUE ESTÁ PREOCUPADO COM A VIDA DOS CIDADÃOS. APESAR DE TANTOS ESFORÇOS TALVEZ COMECE A MELHORAR SOMENTE A PARTIR DO 2° SEMESTRE COM O CONSÓRCIO DA COVAX FACILITY. O PROBLEMA QUE ATÉ LÁ AINDA PERDEREMOS MUITOS IRMÃOS BRASILEIROS E A OSCILAÇÃO DE AGRAVAMENTO PODERÁ ULTRAPASSAR MAIS DE 600 MIL MORTES. É MUITA IRRESPONSABILIDADE COM A VIDA E ISSO PRECISA SER APURADO APESAR QUE A CPI PODE TERMINAR EM PIZZA. EM 2022 NEM LULA TAMPOUCO O PALHAÇO🚔

    1. você está trabalhando ou está casa? se está em casa está empregado ou desempregado? se está desempregado quem está te sustentando? suas economias, seus familiares ou já está passando fome? se está passando fome segue apoiando o lockdown ou prefere trabalhar?

  15. Não virá. O interlocutor deveria ser o presidente mas é genocida. Sobra boa vontade das outras autoridades, mas falta liderança. Enquanto não fizermos o mesmo que os outros países fazem (lockdown) para conter, ninguém nos socorrerá. A cavalaria não virá.

    1. Tudo foi planejado pelo genocida apoiado pelos parlamentares. Para o bozobosta as mortes não significa nada. São seus eleitores que estão morrendo também. Mas,e daí? Salvaram o LULADRÃO para tira o genocida. Espero vê os dois presos antes de 2022. Sacanas.

  16. Bastou mencionar a inclusão de estados e municípios na CPI e já começou a ter disponibilidade de leitos de UTIs por todo Brasil. Canalhas !

    1. minha cidade fez fakedown, interior de SP. De ontem pra hoje 9 mortes. Vagas cheias ou no limite são as opções alternadas.

    2. Ruy, vc não lê? Os Estados fizeram restrições e por isso os leitos comecam a ficar disponíveis. Ou vc não quer vê a realidade.

  17. Novo descompasso no compasso da dança política brasileira. Acho que a pior desde 1988. Agravada pela pandemia, em Brasília estão totalmente perdidos, inseguros e em cima do muro. A vacina é uma problema no mundo mas o pior é mostrar capacidade no governar. Aqui, para quem quiser ver, está demonstrado o quanto do que colocamos no DF e no resto do país continua a ser de gente desinteressada pelo Brasil. Fazem muito pouco ou quase nada.

    1. Vacinas que pelo boicote do Bolsonaro estão no papel. Queremos vacinas no nosso braço, gado irracional e hipócrita.

  18. SE NAO TIVESSEMOS 30 ANOS DE BANDIDOS A ROUBAR E MANDAR DINHEIRO PRA REPUBLIQUETAS COMUNISTAS, COM CERTEZA ESTARIAMOS BEM MELHOR. SALVE 1964....

  19. Puxa. Que boa notícia. O Brasil vacinará todos acima de 50 anos até final de Julho. E além do mais senadora Katia Abreu e o Senado Federal já fizeram o Pedido de Socorro Internacional e foi um sucesso enorme. Não param de chegar medicamentos para UTIs, Kits intubação, UTIs, vacinas, etc. Uma maravilha. Temos que seguir o exemplo do Senado, sempre salvando vidas brasileiras. Parabéns.

  20. BOLSONARO BOICOTA as VACINAS para EVITAR MANIFESTAÇÕES de RUA CONTRA o GOVERNO! Em 2022 SÉRGIO MORO “PRESIDENTE LAVA JATO PURO SANGUE!” Triunfaremos! Sir Claiton

  21. Infelizmente, graças à inépcia, incompetencia, e rabujice desse atual PR, um despreparado, o Br se tornou a imagem da derrota e da irresponsabilidade no trato com a pandemia. Tornou-se, como previsto, no epicentro da mortalidade pandêmica. Esse imbecil que nos governa tem que pagar por isso. No mínimo com cadeia, de preferência em cela anexa a do ladravaz inocentado pelo monstrengo stf.apscosta/df

    1. Tem que pagar. Ser retirado é julgado com justiça. Isso não pode ficar impune.

    1. É só não votar nele. Simples assim. O brasileiro tem que ter vergonha na cara. Tem de parar de votar em mandriao e populista que só querem poder e o povo que se arrebente.

    2. Angela, apontar os erros graves desse governo, erros que poderiam ter sido evitados, não nos torna eleitores de Lula. Cada um fez mal ao país, ao seu modo.

    3. Lula matou brasileiros no varejo, através da corrupção sistêmica. Bolsonaro mata brasileiros no atacado, pela sua ignorância na pandemia. Se o brasileiro quiser escolher somente entre Lula e Bolsonaro, a opção é, matar o Brasil rápido com Bolsonaro, ou aos poucos com o Lula. Nós brasileiros de verdade, queremos viver e ver o nosso país prosperar.

    4. Fico pensando, onde foram parar os hospitais de campanha? Governadores gastaram horrores e depois desmancharam tudo. Onde foram parar td o que compraram no ano passado, não podemos esquecer que já temos um governador afastado. Sou a favor de campanhas mais esclarecedoras e menos aterrorizantes para conscientizar os jovens que ficam em grandes grupos nas baladas e disseminam o vírus. Sou contra quem critica trabalhadores de tentar sustentar suas famílias.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO