SergioMoro

Protegendo a democracia – Parte II

18.12.20

Em artigo anterior, “Protegendo a democracia I”, sobre projetos relevantes para o país, defendi o fim da reeleição para cargos no Poder Executivo a partir de 2023. Assumi então o compromisso de que inauguraria uma série de artigos sobre “propostas que visam afastar esses mesmos riscos [autoritários] e assim fortalecer a democracia”. Uma medida de necessidade óbvia consiste na construção de uma burocracia estatal moderna e com a autonomia necessária para frear avanços autoritários de lideranças populistas.

O estado moderno depende da existência de um corpo burocrático de servidores profissionais orientados pelo respeito à lei e ordenados pelos princípios da eficiência, da impessoalidade e da meritocracia. A burocracia estatal não deve ser totalmente independente da política. As lideranças políticas, através da lei ou de ordens executivas, devem ter o poder de orientar a ação dela em certo nível. Ainda assim, a burocracia estatal não se confunde com as próprias pessoas dos governantes. Ela serve ao estado e não lhe cabe exercer um papel de mera subserviência a uma liderança política. No Brasil, o serviço público está relativamente estruturado em bases profissionais, com a maioria dos cargos públicos sendo ocupados através de concursos públicos e com a organização do aparato burocrático em níveis hierárquicos. Há exceções como os cargos em comissão, ou seja, que são ocupados mediante indicações baseadas em confiança, mas, mesmo que sejam muitos, ainda não são a maioria.

Há críticas crescentes ao modelo adotado de estabilidade do servidor público. Na prática, salvo os cargos de confiança, é praticamente impossível demitir algum servidor público com a exceção dos casos de abandono de emprego e de prática de um crime. A proteção excessiva gera acomodação e ineficiência. Uma reforma administrativa deveria, sem vilificar o servidor, implementar uma verdadeira meritocracia no serviço público, estimulando com promoções e gratificações os bons e permitindo a punição ou demissão dos maus. Não é algo tão simples, uma vez que pode haver ampla divergência quanto aos meios para se alcançar tais objetivos. Saliente-se que, desde 1998, foi introduzida na nossa Constituição Federal a possibilidade de demissão por insuficiência de desempenho (Emenda Constitucional nº 19), mas até o momento o dispositivo não foi regulamentado pelo legislador.

É, porém, necessário garantir alguma estabilidade ao servidor público para evitar a sua dispensa arbitrária por motivos político-partidários e o sucessivo loteamento sem critérios técnicos dos cargos públicos pela liderança política. O fim de qualquer estabilidade ainda deixaria a burocracia estatal vulnerável a avanços autoritários de lideranças populistas ou desonestas. É importante aqui encontrar um meio termo.

Refletindo sobre nossa experiência recente, seria oportuno reformar o modelo de nomeação para alguns cargos públicos estratégicos. Mencionando o óbvio, o cargo de diretor da Polícia Federal. Dada a relevância da função exercida nos últimos anos pela Polícia Federal, com a investigação de crimes praticados por pessoas em cargos elevados, seria oportuno fixar um mandato para o exercício do cargo, de três ou quatro anos, não renovável e não totalmente coincidente com o mandato presidencial. Seria uma forma de prevenir influências indevidas no órgão.

De igual forma, a lista tríplice formada no âmbito do Ministério Público Federal para a escolha do procurador-geral da República deveria ser institucionalizada, ou seja, deveria ser tornada obrigatória a escolha pelo presidente de um nome dessa lista. No passado, o respeito, ainda que informal, a essa lista produziu resultados positivos que superaram em muito alguns inconvenientes. Também seria relevante vedar a recondução para novo mandato de dois anos, pois essa possibilidade gera uma vulnerabilidade ao exercício independente do cargo.
Não é só. Em várias áreas de nomeação de cargos estratégicos, o modelo vem ser mostrando ineficiente, gerando distorções, indicações desarrazoadas, compadrio e patrimonialismo. Modelos ruins geram riscos de corrupção e igualmente tornam a estrutura mais vulnerável a lideranças populistas e ao avanço autoritário. Deveríamos discutir profundamente melhorias nos modelos de nomeações, por exemplo, para tribunais de contas e para tribunais eleitorais, entre outros órgãos. Há que se admitir que houve melhorias recentes nos modelos de nomeações para empresas estatais e para agências reguladoras, conforme Lei nº 13.303/2016 e Lei nº 13.848/2019. Alguns critérios e vedações previstas nestas leis para as nomeações poderiam, com adaptações, ser estendidas para outros cargos na administração pública.

A construção de uma burocracia estatal moderna e profissional é essencial para a eficiência do estado. Podemos discutir politicamente o papel do estado, se restrito a serviços essenciais ou mais amplo, se de produção de bens ou serviços ou se de regulação. São normais divergências nessa discussão. Mas feita a escolha, o estado tem que ser eficiente e para isso precisa de bons profissionais. Uma burocracia fortalecida servirá ainda de anteparo contra arroubos autoritários de lideranças populistas. Para tanto, essa burocracia tem também que compreender o seu verdadeiro papel, que não é de subserviência aos caprichos e projetos pessoais de poder da liderança política, qualquer que seja ela. Essa percepção, infelizmente, parece estar faltando atualmente em alguns setores da administração pública brasileira. Em um estado moderno, a fidelidade da burocracia é ao interesse público e à lei.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Excelentes propostas! Espero ve-lo defendendo essas mudanças necessárias como candidato a presidência, pois o país necessita de reformas urgentes e a retirada do Bolsonaro do poder, assim como todo o atraso que trouxe ao país!

  2. O texto é bom, mas muitos já escreveram estas coisas. O que precisamos é de alguém que pense assim e que concorra à presidência para ajudar a colocá-las em prática.

  3. Ótimo texto, vc tocou numa das nossas maiores chagas. Escrevi uma carta, mas na hora do ctrl-V o limite de 500 chars impediu-me de usar este espaço, teria um e-mail? Muita gente mais velha ainda usa. Não consigo frequentar twiter, facebook, etc, onde "profissionais" dominam, seja escrevendo o tempo todo ou usando bots que as redes sociais não barram para não diminuir o nº de hits e baixar as receitas obtidas com publicidade. Sou da área de TI e gostaria de ajudar!! Ahoy there!!

  4. Eis porque cada vez mais admiro Sergio Moro: não está apegado a ideologias e é capaz de trazer à discussão o papel do estado. Além disso, reconhece o que foi e está sendo feito de bom ao admitir as melhorias trazidas pelas leis 13.303/2016 e 13.848/2019 e tem a visão clara dos objetivos de um estado moderno.

  5. Deve se acrescentar a punição ao servidor , responsável por desvio de conduta, de dinheiro público ou privado, a devolução dos valores com multas, e também a perda de todas as vantagens dos cargos, aposentadorias, etc., sejam de quaisquer cargos, desde faxineiros até ministros do Supremo

  6. É sempre uma boa aula e concorde que existe necessidade de reavaliação de nomeações e concursos. Na qualidade de servidora pública federal vivenciei exemplos constrangedores no que se refere a demissão por motivos que não aqueles previstos em lei. Em outras palavras- tem que aguentar.

    1. parabéns ! mais no país com tantos políticos bandidos e ministros advogados de bandidos é difícil fazer qualquer coisa nesse país! # Fora Bolsonaro e sua cateva

  7. Boa análise! Acerca de cargos comissionados, há que se destacar ser uma das poucas fontes de mão-de-obra para órgãos estatais que estão há anos sem concurso. Todavia, o ideal é que se defina uma periodicidade mínima aos concursos. No mais, há que se evitar cargos comissionados pró-compadrio, dotados de salários em patamar superior ao dos servidores...

  8. Depois que o senhor deixou esse desgoverno, o combate à corrupção perdeu fôlego, e a esperança de um Brasil melhor caiu por terra. Ainda espero uma virada em 2022, ou até antes. A saber...

  9. O nobre articulista começa seu texto evocando o fim da reeleição....Ótima providência seria pois evitaria o que estamos vendo hoje de forma grandiloquente, o uso do aparato estatal para esse fim. Mas queria lembrar outra providência essencial: a mudança do sistema eleitoral atual para o sistema distrital, o que aproxima o eleitor do eleito e viabiliza as cobranças ....

  10. Sérgio Moro pontua como teria que ser o cenário de um Brasil mais correto e realmente não há como melhorar se não for dessa forma, mas oque me assusta é nossa realidade é o quanto tempo será necessário ainda para chegar nessa maturidade de nação. Infelizmente meu avô não viu, meu pai não irá ver, eu acredito que não vou ver e me sinto desconfortável em deixar meus filho e seus futuros netos na nossa sociedade que só patina na gestão.

  11. Muito bom, mas precisarás apresentar suas ideias de uma maneira que o povo entenda. Senão vais ficar falando somente para sua bolha. Ache alguém com carisma popular para ajudar.

  12. ❤❤❤🎅❤❤❤ FELIZ NATAL, FELIZ GERAL, DR. SÉRGIO FERNANDO MORO - PRÓXIMO PRESIDENTE DO BRASIL E DA NOSSA NOVA HISTÓRIA - E FAMÍLIA !!!! QUE 2021 NOS SEJA REDENTOR!!!! ❤❤❤🎅❤❤❤

  13. Falta muito ainda parA chegarmos nos níveis sonhados. Com um congresso corrupto e judiciário defendendo os bandidos e povo votando por votar , ou trocando voto por cesta básica. Quem sabe daqui a algumas gerações.

  14. nosso problema está no congresso, bandidos em posição de liderança, porque os iguais são maioria. se protegem entre si. além de legislar em benefício próprio

  15. A lógica aplicada nos argumentos defendidos sao no mínimo ingênuas, pois considera que a maquina burocrática pode ser a solução quando na verdade ela é um dos maiores produtores de corrupções e funciona como um ciclo que retroalimenta todas as estruturas apodrecidas do poder político e dos tecnocratas. A tecnocracia parece ser o tipo de sistema defendido aqui, mas pensp que este é precisamente o modelo mais sinistro de poder possível. Pare e pensem pois o nazismo teve uma base tecnocrata forte.

  16. Colocações muito boas e que deveriam virar lei se tivéssemos um parlamento responsável e de honestidade ilibada. Parabéns pelo texto!!!!

  17. O crescimento do Senhor Sergio Moro, fazendo um estágio de realidade no poder executivo, só melhorou as suas convicções de um mundo possível, falta um estágio num organismo internacional, para que ele seja responsável para mudar o Brasil, internamente e mundialmente.

  18. Falou o óbvio. Isso, todo mundo sabe. Quero ver é fazer as mudanças. O senhor, na hora de enfrentar a tormenta, ao propor mudanças, pulou do barco, deixando-o à deriva. Ente na disputa presidencial e vai ver o couro que vai levar. Continue escrevendo essas baboseiras.

    1. Para ver as mudanças do Sr Moro, basta ler sobre a história recente do Brasil, e o legado da Lava-Jato. Agora vejamos as mudanças de nosso atual governo... pois é, fica difícil.

    2. “Pulou do barco, deixando-o à deriva” o Sr Luiz deve ser muito ignorante para escrever isso. Amigo, o debate minimamente inteligente exige reflexão. Volte para o útero de sua mãe, e tente de novo. Essa tentativa deu muito errado.

    3. @Luiz (se é que vc existe), isto se chama proposta de ação, que no reino da civilização é muito utilizada para falar de PRINCÍPIOS, coisa que vc não deve fazer ideia do que é. Fala em escrever baboseiras, mas é panfletário e usa clichês. Eu tbm votei na Besta, mas me arrependi, hoje acho que votaria na besta-poste. Arrependa-se vc tbm, ou corre o risco de alguns acharem que vc pertence à raça bovina.

    4. Tem certos comentários que seriam hilários se não fossem trágicos. É muito fácil identificar o gado, são sempre fora da realidade.

    5. Sr.Luiz!na verdade o Dr. Moro causou a tormenta ,pois desnudou o carácter dos filhotes do grande Fake enquanto o COAF esteve sob as Ministério da Justiça!Acto continuo o grande Fake fez o possivel e impossível para sabotar o pacote anticrime apoiado pelos seguidores fakes no congresso !e em seguida deixou o ministério abrindo as portas para os tribunais superiores chegarem ao PFgate e Abingate!

    6. Qual tormenta, cara pálida? Enfrentar um presidente corrupto que aparelhou a PF para defender o filho também corrupto? Ou enfrentar um presidente genocida cujas atitudes pro-vírus já jantaram mais de 180 mil pessoas? Não creio que saindo do desgoverno, o Moro deixou de enfrentar a tormenta. Muito pelo contrário! Zurrem Bozistas, zurrem!

  19. Necessária reestruturação do serviço público, p/ q o Estado torne um instrumento ao povo e ñ o contrário. Extinguir a nobreza funcional, q hj é a elite brasileira, c/ conchavos, criam meios d riqueza e perpetuação do poder, com coação do setor privado. Mesmo um Estado prestador deve se ater à evolução da sociedade e ñ ao seu extrativismo. Injustificável a impossibilidade do Ministério Público e PF escolher internamente sua chefia, c/ instrumentos republicanos à sua remoção qd infringir as normas

  20. Realmente, reformular o modelo de nomeações para cargos estratégicos, Institucionalizar a Lista Tríplice, rever a política de demissão e promoção de ocupantes de cargos públicos são questões importantíssimas a serem implementadas.

  21. Moro, queremos você em 2022 filiado a um partido liberal e concorrendo pela presidência da república. Sua história é também a história deste país. Você é a pessoa certa para nos governar. Não desista desta trajetória, pois ela ainda não acabou. Você será eleito tanto pelo o voto do "não" quanto dos liberais. Basta construir a plataforma correta e chegar ao segundo turno. Sabemos que você não é um político, mas a política te chama e o país te convoca. Você pode fazer muito mais.

  22. O Estado em sua atividade meio, ou seja na área administrativa, avançou nessa pandemia, quando foi forçado a alocar servidores em homeoffice, com isso os servidores se viram na necessidade de produzir, para não ter redução salarial. Na minha visão, o homeoffice é o caminho mais curto e com resultados mais imediatos de aumento de produtividade. Lembro aqui que são nas atividades meio que a ineficiência se instaura, pois geralmente na áreas fim, médicos, professores a situação é outra.

  23. Excelente texto, creio que aplicasse a lista tríplice em vários cargos com mandatos fixos seria muito bom, principalmente para o Judiciário e TCU. Até acho que apara assumir estes cargos o candidato deveria ter x tempo na função de juiz para ser indicado a qualquer cargo superior.

  24. Concordo em gênero, número e grau. Acabar com os cabides de emprego e melhorar a eficiência no setor público traria enormes benefícios ao país.

  25. Sérgio Moro, um grande cidadão brasileiro que prestou os mais relevantes serviços de que se tem notícia à essa nação destroçada pela bandalheira. E só a bandalheira não reconhece isso!

    1. Me deixa votar no Moro também! Senador não, Presidente!

  26. Por fim as cortes superiores: Nada de cargos vitalícios. É contraprodutivo. Que tenham mandatos determinados por lei. E que retornem a suas funções anteriores se ainda não estiverem em idade de aposentadoria. E que estas estejam em acordo com as contribuições. Contribuir com 15% e receber salário integral na aposentadoria não tem base fiduciária. Se quiser salário integral a contribuição terá que ser equivalente. Ou, que se estenda essa possibilidade a todos. No setor privado muitos gostariam.

  27. Carreiras de Estado tais como Juiz, Auditor, Delegado devem ter regimes especiais mas não estabilidade total. Não faz sentido. Hoje vemos policiais federais prevaricando, em nome de relacionamentos com politicos. Juizes e desembargadores vendendo sentenças e auditores extrapolando em suas funções. A estabilidade funciona como escudo para essas condutas. Melhor um regime especial onde eles respondam por faltas e sejam demitidos quando culpados. Continua...

  28. Concordo, em parte, com seu artigo. A estabilidade foi removida do setor privado com a lei do FGTS e algo semelhante pode ser feito no setor publico. Demissões injustas ou perseguições no ambiente de trabalho podem ser resolvidas no âmbito da Justiça. O setor publico, como está, é inviável . Não presta serviços a contento e custa muito caro para o pagador de impostos. Os bons, e eles existem, podem trabalhar em qualquer lugar. Os maus e ineficientes terão que se ajustar à realidade. Continua..

  29. Excelentes considerações. Reformar o serviço público brasileiro reduzindo os privilégios, restringindo os critérios para estabilidade, instituindo a meritocracia e outras providências ajudariam muito o Brasil. O difícil é derrotar o corporativismo que existe em todas as esferas da máquina pública.

  30. Excelente análise! Difícil em tudo isso é fazer algo entre estabilidade total do servidor público ou algo parcial....tem que ser algo bem pensado!

    1. Sr William! Recomendo novamente que leia o artigo pois acredito que ainda não o leu e a opção que lhe sobrou creio foi usar os textos do gabinete odioso e Fake para produzir comentários desconexos e com o perdão pela palavra imbecis, típicos de um adepeuta. Aproveite seu domingo para construir e não usar chavões desconexos e desvairados de nossos inomináveis ex e atuais Chefetes!

    2. Hipocrita é o BOZO PSICOPATA Mente que nem sente . Deveria estar no hospício Com certeza é seguidor do Bozo corrupto . Destruidor das Leis anti corrupção. Elegi o algoz da Lava-jato . Sergio Moro tem honra . Tem palavra . BozoLuloPetismo

    1. O senado que poderia ter feito algo, não o fez, o presidente indica e o senado aprova sem contestação, desanimador...

    2. concordo. Colocar o Aras . Escudeiro do Bozo. Tudo articulado com o centrão pra acabar com a Lava Jato. E pra completar a trama . Indicou o Kassio Nunes em vez do Juiz Bretas ou de um terrivelmente evangélico . Bozo Canalha Negacionista , Louco , pensa que está num hospício.

  31. Bom artigo, eu como servidora pública, sei bem o quw é isso, os bons sp estão remando contra a corrente, qua não é pequena!

  32. Propostas excelentes para que o serviço público funcione da forma como deveria. Além de seguir rigorosamente a lista tríplice, acrescento que deveria ser proibido na CF a ausência de concurso para qualquer instância do judiciário. Espero e confio que o brilhante Moro não caia na tentação de responsabilizar o serviço público pelas mazelas econômicas, pois ninguém mais aguenta reformas administrativas que nada resolvem e são usadas apenas para ganhar votos e perseguir servidores! MORO 2022!

  33. O Sr. Têm, a meu ver, conhecimento de para que foi feita a legislação; esse é o diferencial que lhe credencia para qualquer cargo da maior relevância para o engrandecimento de nosso País. Parabéns ao Sr.!

  34. espero que o jair JUDAS movido por sua inveja asquerosa pegue seu bloquinho (aquele que ele vendo a globo news anota o que Trump fala) e escreva um texto MELHOR ou igual a este.

  35. Eu falo, repito e nao canso. Eis um PRESIDENTE talhado na retidão, na honra, na coragem e na sabedoria de toda uma biografia irreparável. O Brasil precisa e merece desse GIGANTE na presidência. São décadas de corrupção, décadas de quadrilhas no poder, décadas de bandidos estuprando à nação, explorando o povo e o tornando cada vez mais, mais miserável. GIGANTE!

    1. Quanta ignorância. O gado segue fiel ao #BolsonaroGenocida. Não tome vacina, ela pode transformar você em jacaré.

    2. Sim o GIGANTE DESTRUIDOR DA LAVAJATO . Que coloco seu Filho Corrupto acima da nação Destruiu as Leis anti corrução . Se quisesse defender a economia deveria defender que todos tomem vacina . Bozo O captaō Gay .. Kid vigarista Psicopata . negacionista

    3. Façam minhas as suas palavras Ana! #MoroOrgulhoNacional #Moro2022 Parafraseando o grande Obama, Sim Nós Podemos!

  36. Dr. Moro como sempre, cirúrgico em suas opiniões e sugestões. "Em um estado moderno, a fidelidade da burocracia é ao interesse público e à lei."

  37. Tem que profissionalizar sim, porém no VÉRTICE sempre estará a classe política, ladra por natureza. Inverte: deixa o povo escolher juízes e médicos para ver o que dá.... a democracia é uma falácia

  38. Perfeito Dr. , concordo plenamente e tem o meu apoio! Uma pena que tais medidas, me parecem muito longe de nossa realidade! Precisaríamos começar do Zero novamente!

  39. Admirável Sérgio Moro. Tem todo meu apoio e todo meu respeito. Entre as figuras públicas, temos poucas cabeças assim e menos ainda caráteres assim. Nosso grande desafio é levar esse pensamento e essa ação moralizadora adiante. Como vencer as enormes resistências interesseiras, estabelecidas e dominantes? O voto é um dos pouquíssimos instrumentos de mudança que temos. O problema é que o voto, na próxima eleição, como em outras anteriores, pode ser comprado. Unidos, precisamos encontrar o caminho

  40. Belo artigo, lúcido e didático. Colocou o dedo na ferida. Mas não falou das distorções salariais entre os setores público e o privado, sem falar das mordomias existentes, que gera uma baita concentração de renda. Voto distrital puro com recall. Moro presidente 2022.

  41. Sérgio Moro é admirável por sua lucidez, objetividade e capacidade. O país só poderá mudar com lideranças que pensem como ele. Por enquanto, ninguém pensa nada nesse pobre país.

  42. A sua lucidez e sabedoria é emocionante !!! Em um Brasil dominado pela ignorancia , corrupção e incapacidade de analise , sobraram poucos para apreciar a sua competência !!! 👏👏👏👏❤️🇧🇷🇧🇷

  43. Com todo o respeito, sou contra a burocracia (ou burrocracia, como acontece aqui). Penso que a máquina pública deveria se assemelhar mais aos processos organizacionais das grandes empresas de sucesso: ter um sistema de comunicação e de resolução de problemas mais ágil e eficiente. Adotar um sistema em que os setores interdependentes se tratem como "clientes" uns dos outros, a quem se compete servir bem. Dessa forma, as "engrenagens" se conservam bem "azeitadas", funcionando a favor da Nação.

    1. O que vejo no serviço público é uma máquina engessada, ultrapassada, cheia de gente robotizada, que, mesmo exercendo cargos de comando, não repensa os processos de modo a simplificá-los para eliminar perda de tempo, excesso de papelada inútil e redundante, acrescida de quilos de má vontade e preguiça de seus subordinados... Só um gestor privado poderia transformar o governo num Estado enxuto, moderno e eficiente, sem burocracia!

  44. Excelentes ponderações, brilhantes conclusões, texto claro, lógico e inteligente, como costuma produzir, SÉRGIO MORO, esperança de um Brasil decente e justo para logo mais... Parabéns!

  45. Pois então, caro SM. Volto ao tema: seria um baita desperdício para nós todos, que o admiramos, vê-lo manietado e prisioneiro das péssimas condições políticas proporcionadas pela CF de 1988. Seu lugar é no Senado Federal, formulando as bases para a adoção do Parlamentarismo, no BR. Venha e traga esta importante contribuição ao país. Basta analisar a "esperança" em seus méritos, para dar uma guinada civilizatória neste país. Alvaro Costa (@brasília_urgente)

    1. Concordo se tivermos um outro bom nome para vencer o pareo presidencial em 2022. Como nao se enxerga nada interressante no horizonte, Moro presidente em 2022 para moralizar esse país!

    2. 98%, Magda. 98%, pode crer. Mas elegendo-se ao Senado, Moro terá 8 anos pra instrumentalizar parlamentares e à sociedade da única saída que resta ao BR, para recolocar o STF no seu devido lugar. E a governabilidade neste exótico país latinoamericano, o nosso. Alvaro Costa

    3. Apoiadíssimo, Alvaro. O Parlamentarismo seria a melhor coisa que poderia acontecer ao Brasil. Mas é necessário, com muita antecedência, esclarecer a população o que isso significa. Com certeza absoluta, vou chutar, pelo menos 80% do povo brasileiro não sabe o que é.

  46. COMO SEMPRE COERENTE, Com boas ideias e visão adequada do "estado"!!! Parabéns Sérgio Moro!! Não canso de agradecer sua fundamental atuação (legal, diga-se de passagem) na LAVA-JATO. Através dela pudemos enxergar o que ocorria e que continua ocorrendo nos bastidores da política. Agora sabemos mais... Aguardo o momento de fazer campanha para você em 2022!!! No momento certo apareça!!!!

  47. Parabéns pelo artigo - um primor na conteúdo e na forma. Pode até parecer impossível que o nosso país assuma uma agenda assim tão avançada: uma burocracia estatal moderna capaz de se defender de avanços autoritários. É possível sim, Dr. Moro. Acredite, sua força pra fazer o país avançar é muito maior do que o senhor imagina. Estamos ao seu lado, atentos às tentativas de descontruir sua imagem para tentar impedi-lo de ajudar o país.

  48. Excelentes propostas. Cabe ao Congresso Nacional implementar essa agenda. Depende de nós, opinião pública, pressionarmos para que eles façam alguma coisa nesse sentido - normalmente parece que eles remam no sentido contrário nessa área, mesmo com a renovação das últimas eleições.

  49. Em se tratando de assuntos de governo o óbvio é desprezado.Defender o óbvio é uma tarefa angustiante.As coisas são tão evidentes e tão próximas do nariz, que se torna inacreditável a negação. Não há espírito público nos funcionários de dependências do governo.Começa na pratelheira de cima. Os políticos.

  50. Prezado! Em um país permeado pela desonestidade de uma maioria esmagadora de políticos populistas. A estabilidade, na forma em que está vigente, apesar de seus percalços é ainda muito mais que uma proteção do agente público. É uma proteção do Estado, contra a avidez pecaminoso do político bandalho.

  51. Ahh, é sonhar demais tê-lo como PRESIDENTE DA REPÚBLICA, implementando esses conceitos básicos de gestão e respeito ao dinheiro público??? Tomara que o Sr. construa alianças com gente proba e varra do palácio esse Falastrão e mentiroso, junto com seus rebentos igualmente ladrões.

    1. Vamos sonhar juntos!!!! Esse tem que ser o destino em 2022!!!!!! Moro 2022!!!!!🙏🙏🙏

  52. Dr.Moro!Seus artigos são absolutamente esclarecedores e corretos porém neste Brazil uma vez definido como "BelIndia" aonde 60% não desfrutam de saneamento básico se a inclusão através da educação em todos os níveis não for prioridade....a palavra democracia não será conhecida ou entendida!Depois de 14 anos de governos esquerda 12 de direita e 10 de centro esquerda o círculo vicioso se aprofunda com o agravante de atual desrespeitar as instituições.Siga enfrente mas torne-se audível e visível

  53. Para isso precisamos aprender a votar, retirando do legislativo políticos corruptos que só atrapalham o Brasil com leis criminosas.

  54. O que mudou de significativo a ausência do serviço público durante esse um ano de paralisação? Nada! Só deram como sempre prejuízo!

  55. A Pandemia mostrou que o país anda sem o serviço público atual ( durante um ano não trabalharam e só deram custos a corte precisa ser eliminada, essa corporação é um câncer .

    1. Seu preconceito contra o servidor público o impede de notar que os hospitais, centros de saúde, segurança pública, limpeza urbana entre tantos serviços públicos estão em pleno funcionamento (ou mais). O trabalho em home office (com os recursos do servidor) deu tão certo que vários órgãos do Estado avaliam a sua permanência, motivados pelo aumento da produtividade e redução dos custos com a manutenção da estrutura pública.

  56. Infelizmente os Bolsonaros estão destruindo todos os avanços conquistados. A partir de 2022, se Deus e o eleitor quiserem, teremos muito a reconstruir. #LavaJatoSempre

    1. Errou "querido", não sou de esquerda, sou liberal filiada ao Partido NOVO. Quanto ao "ver quem agride", só comentei EDUCADAMENTE no mesmo tom q o seu. Sou daquele tempo em q se dizia "bateu, levou". Quer discutir, colocar as cartas na mesa, argumentar? Bora lá. Do contrário o bumerangue volta tão rápido como veio. Perto de mim quem ofender Moro ("traíra sempre traíra") ou Kim Kataguiri, meus dois amores :) na política, apanha de vara de marmelo. Aprenda a conversar e a discutir e será bem vindo.

    2. Eu que sou ignorante e ofensivo, é só ver quem agride. Esquerda maldita tem que comer capim🤏🤏🤏🤏🤏🐁🐁🐁🐁🐁

    3. William, uma vez bolsopetista, sempre bolsopetista! Só pela maneira de expressar-se nota-se q é um ou outro. Quiça os dois. Quem não sabe argumentar usa os punhos ou palavras ofensivas, como aquele quadrúpede em BSB. Eu argumentaria c/ ele, ou com vc, pq o chamo de quadrúpede (isso sem querer ofender nenhum 4 patas de verdade!) mas acho q tanto ele como vc, assim como Lula tb, são analfabetos funcionais, lêem, mas ñ compreendem. Releia o texto umas 10 x... quem sabe? Água mole em pedra dura...

    4. Sr William! O Sr. Wiliam leu o artigo e não conseguiu entender ,ou não leu porque não sabe ? Por favor seja gentil e participe de maneira civilizada das discussões e não levianamente fale.

  57. A teoria é excelente, mas precisamos de um congresso forte para implanta-la. Temos 33 partidos políticos, e 33 filosofias de como gastar o fundo partidario, o fundo eleitoral e outros fundos da verba deste buraco sem fundo. Antes de tudo a Reforma Política, é inevitável e necessária. Não precisamos mais que 5 partidos: 2 de esquerda, um de centro e dois de direita.

    1. concordo plenamente!!!! 5 partidos...2 esquerda, um de centro e dois de direita , mas com diminuição de 70% da Câmara e do Senado...imaginem esse dinheiro indo para Saúde, Educação e Segurança.

    2. A melhor reforma política é o voto. No Brasil, ainda são raras as pessoas q associam candidatos a bandeiras partidárias, aí no fim, infelizmente, a gente termina c/ eleitores votando em massa em partidos q demonizam as forças policiais, p. ex., e depois passam 4 anos reclamando q o Cong. Nacional ñ valoriza o policial. Aprender a votar não se ensina por meio de lei, vai ter q ser por meio d conscientização nas redes sociais mesmo. Essa é a reforma política mais importante

  58. Sensacional o artigo digno de um grande representante de uma Nação, torçamos para que se concretize , merecemos também acreditar em um grande estadista.

  59. Num governo onde prevalece os interesses pessoais, difícil não imaginar essa transformação em utopia. Vamos torcer por dias melhores onde realmente a justiça prevaleça e mais pessoas com seu caráter possam estar no comando deste país.

  60. Admiro seu bom senso e equilíbrio , nesse mar de insanidade de nossa querida Brasília!! Concordo em número, gênero e grau com sua dissertação! #Moro

  61. Tema fundamental para modernização do Brasil. E para a República: não podemos estar nas mãos de funcionários ineptos e desinteressados. Nem de políticos que amam aparelhar o Estado com seus apaniguados.

  62. Serei ousado por ser leigo, mas entendo que o STF não deveria ser composto por ministros indicados pelo presidente da vez. Deveriam ter mandatos por tempo determinado e por concurso adequado. Hoje temos um STF de ministros com cargos vitalícios, cada um mais poderoso que presidentes da casa legislativa e do executivo. Outra mudança. Sempre decisão colegiada, nunca monocrática. Gostaria que comentasse a respeito.

    1. Ministro do STF deve ser um cargo cuja escolha leve em conta o notável saber jurídico. Essa é a regra e não vem sendo cumprida há muito tempo, com raríssimas exceções. Eu considero que todos os tribunais superiores sejam compostos de juristas da magistratura, do MP e da advocacia, como ocorre nos tribunais estaduais. A experiência é muito importante, o atual STF é medíocre nas suas decisões. Sou de opinião de que os ministros do STF sejam todos de carreira, escolhidos no STJ, TST, STM e TRF's.

  63. O equilibrio em relação á estabilidade ê o melhor caminho... a exoneração do chefe da corregedoria do RJ , pelo atual governo ê um bom exemplo, por cumprir seu dever funcional, perdeu seu cargo em comissão,mediante flagrante desvio de finalidade por perte de seus superiores...mas manteve seu cargo efetivo em razão da estabilidade.

  64. Perfeito como sempre. Consciente. Sério. Sempre optando pelo que é certo. Por isso tantos corruptos e populistas o perseguem. O senhor é o futuro do país. Brasileiros devem perder o declínio ao jeitinho. Deve ser honesto e correto. Torço para que todos o vejam como a única saída que temos por um país melhor, mais digno.

  65. acho que temos que pensar em moralizar primeiramente o judiciário que infelizmente é corrupto e autoritário também em nosso país.

  66. Dr. Moro, excelente artigo e reflexão. Concordo com tudo o que escreveu. O problema é o Congresso brasileiro que legisla em causa própria e nos representam, afinal estão lá porque nos os elegemos. Essas mudanças passam pela educação. Sou professora e digo que nossos currículos não abrem espaço para discussões de diferentes correntes, ao contrário. Assim sendo, como sempre escrevo no twitter p/ o sr. sou admiradora do seu caráter e trabalho, mas não vejo saída a não ser o aeroporto de Guarulhos.

  67. Temos que eleger pessoas honestas e probas, que indiquem pessoas, também, honestas e probas, para, realmente, nos representar em todos os níveis da administração pública. Dr. Moro, podemos contar com o senhor, para organizar essa República?

    1. Já estão comemorando o “salvador da Pátria” ??? Não se esqueçam q la tbm teremos deputados e senadores e tds eles só kerem “grana” e Jamais pensam no País. “Deitado eternamente ...” eta povim q nao acorda. O sr Moro foi (no passado) um excelente Magistrado mas, nao aguentou como ministro, pq não é político e vcs axam q eles farão com ele qdo presidente ??? Estamos assim desde q nosso povo vive mais a política do q seu dia a dia, como vamos em frente se não keremos ???

    2. Imagina o Moro presidente e ter que andar com desejas de guardas-costas para protegê-lo dos mais políticos e da famiglia mafiosa de milicianos. O Moro correrá riscos de morte. Infelizmente nossos políticos são bandidos perigosos.

  68. Nos EUA as eleições incluem alguns dos cargos públicos citados por você, e é o povo quem escolhe em cada estado os seus representantes em cargos públicos chaves.

    1. muito bom o comentário do Dr Moro, precisamos melhorar urgente nossa política

  69. “ Servidores profissionais orientados pelo respeito à lei e ordenados pelos princípios da eficiência, da impessoalidade e da meritocracia.” Dr. Sérgio Moro, Isso seria uma visão utópica, se considerarmos essas quimeras que habitam e orbitam BRASÓLIA, que são eleitas e reeleitas indefinidamente, com a única intenção de fazer leis em benefício próprio e para os protegerem. Enquanto esse bando perdurar dando as cartas, nada de bom podemos esperar.

    1. Marcos realmente é utopia. Mas se conseguimos imaginar, temos que acreditar que podemos fazer.

  70. Excelente. Projetos como esse (embora de difícil implementação com um congresso como esse) é que nos faz acreditar em um Brasil melhor.

    1. Paulo, tudo que foi relatado pelo Dr. Moro é imprescindível, mas o problema são os representantes que NÓS elegemos, que são incapazes de fazer a coisa certa, pois só votam por interesses próprios ou de quem financiou suas campanhas. O nosso voto é o problema fulcral, que impede tudo que Moro tem pregado.

  71. Excelente artigo. Importante não só o " o que", mas também um "como". De certa forma, as propostas apenas são realizáveis com uma base forte no Congresso e um primeiro governo de elevados resultados que "cacife" o sucessor, uma vez que não haverá reeleição.

  72. Excelente reflexão sobre administração pública e eficiencia do estado voltado para o interesse do cliente final o Cidadão brasileiro. O Dr. Sergio Moro vem mapeando assuntos relevantes para uma futura plataforma que os candidatos a presidencia deverão debater. Cabe lembrar que não dá para rabiscar na palma da mão...

  73. Seria sonhar muito com um verdadeiro presidente, para liderar verdadeiramente esta nação, pois tudo o que tivemos até agora foi “estelionato eleitoral”. MORO EM 2022, essa é a esperança.

  74. Muito boa explanação! O Estado brasileiro necessita urgentemente de uma reforma administrativa e política muito ampla para criarmos um melhor ambiente, inclusive para negócios gerando mais empregos.

  75. Excelente reflexão. Infelizmente, os concursos públicos não garagem servidores probos, mas já é um começo. Meritocracia no Brasil é uma questão cultural . Nesse contexto, a melhoria da Educação Básica é essencial na formação de cidadãos aptos ao melhor discernimento qto ao seu hábito cultural no sentido mais amplo da palavra. O nível dos políticos brasileiro s é o retrato do pouco investimento na Educação. Triste Nação que não soube desenvolver a partir de 85! Triste e preocupante...

  76. Brilhante! Lúcido! Como sempre.obrigada,Dr Sérgio Moro.o senhor dos dá alento, respiramos sabedoria,inteligência .Neste mar de lama e podridão que nos humilha_ desde o mais abominável de todos os presidentes, alguns membros do STJ , grande parte dos políticos_ ler suas palavras ajuda a resistir.junte a seu lado os gostem do Brasil...vamos derrotar estes bandidos

  77. Mais um,entre tantos, com profunda análise sobre democracia. Aos poucos vamos conhecendo as posições de nosso futuro presidente.

  78. Muito bom, é importante deixar claro suas posições sobre governança pública e o papel do Estado, pq fortalece o debate e indica posições futuras. Parabéns

  79. Extraordinário Dr. Sérgio Moro. Que Deus continue abençoando e protegendo sempre e sua família. Muita Luz no seu caminho sempre. Futuro Presidente.

  80. esse período que passou no executivo foi excelente para você ter essa visão mais ampla da administração pública. o maior desafio nessas propostas seria vencer o corporativismo. as mudanças pontuais e gradativas são mais adequadas nesse cenário de ânimos exaltados. a sugestão dada de independência do cargo da polícia federal muito interessante, assim como o procurador da república deveria vir de um consenso,apesar que isso pode fortalecer em demasia o natural corporativismo.enfim,temos que mudar!

  81. O Governador chamava-se Mendonça Furtado. O Poeta , Sadi, dizia : " Não conheço um Mendonça que não tenha furtado ". A saga política brasileira é algo mal cheiroso. MORO , o desinfetante eficaz. #Moro22. Se fabricamos o melhor Jato executivo do mundo - Legacy - , não podemos fabricar outros bens tecnologicamente avançados ? Por que não... ?

  82. Caro Moro, suas ideias são apenas “racionalismo barato” (generalidades, slogans, platitudes e bordões e com viés utopista). Ademais, suas propostas alijam ainda mais o povo do controle do Estado (pois aumenta o engessamento burocrático). Precisamos urgentemente “abandonar” o Iluminismo “francês” e começar a pensar no Iluminismo inglês/americano: a política do ceticismo e do gov. LIMITADO e c/ o poder “descentralizado”. Modelo centralizado e “racional” jamais funcionará em país continental.

    1. Não seria temerário dar total autonomia a Estados do nordeste por exemplo, que não tem opinião pública para cobrar, em que o poder dos caciques são fortes, claro que no sul e suldeste não é muiiito melhor, mas acho que me fiz entender

    2. E acrescento, Márcio: mais autonomia DE VERDADE. Ou seja, política, jurídica, administrativa e FISCAL (c/ poucas regras/leis gerais emanadas da esfera federal e válidas p/ todos). Hoje, tudo é “homogeneizado” em leis e regulamentações federais - e nos mínimos detalhes - que são verdadeiras “camas de Procusto” nas quais todos devem se deitar (não funciona e não funcionará: vira “samba do criolo doido” c/ todos brigando p/ passar a conta para a “viúva”, ou melhor, p/ os outros).

    3. Caro Marconi, aí depende de que quem estiver no páreo! Sei que não há muitas opções, mas...

    4. LSB, gostei da sua colocação, mas ainda acredito que Moro seja nossa melhor opção para 2022. Ele conhece as leis, tem um pensamento mais moderno e foge de todos estes estereótipos de políticos que temos hoje. Sei que ele não é o herói que vai salvar o Brasil, mas tenho certeza que ele fará o melhor e vai direcionar o país para um futuro de crescimento e prosperidade.

    5. P/ concluir: nosso “Graal” eterna e desesperadamente procurado, o tão brandido “Projeto Nacional”, NÃO EXISTE - a não ser em/como teoria (e considerando uma abstração simplificadora da realidade; ou seja, uma ideia rasa baseada em chavões, bordões, generalidades, reducionismo, etc. sem qq aprofundamento mínimo na realidade objetiva). Em país CONTINENTAL, o único “projeto nacional” VIÁVEL é “não ter projeto” (modelo “americano“: um projeto nacional “limitado” e o resto se resolve localmente).

    6. Poder descentralizado, você quer dizer mais autonomia aos Estados?

    7. Enfim, o problema é exatamente essa crença de que HÁ um arcabouço jurídico “ótimo” (e racionalmente construído e justificado) que, ao SER CUMPRIDO À RISCA por homens “probos e éticos”, levaria nosso país ao desenvolvimento INEXORAVELMENTE!! Só que... não há esse modelo (pois trata-se apenas de uma “quadratura do círculo” que nossa academia, imprensa, intelectuais, elites e “bien pensants” em geral ainda não se deram conta que NÃO EXISTE). O modelo “americano” é o único que funcionará!

    1. Concordo, Márcio. Por isso defendo o RECALL. Se esse instrumento existisse o Senado não aprovaria, pois choveriam pedidos de recall!

    2. O problema daa indicações para o STF, é que o senado não faz sabatina de verdade, é só um teatrinho

    3. Errado! É EXTREMAMENTE democrática: está inteiramente nas mãos de REPRESENTANTES DO POVO (presidente eleito indica e congressistas eleitos aprovam). Seria antidemocrático se fosse de outra maneira (OAB indica, lista elabora pelo MP ou judiciário, concurso, etc.). A questão é: por que nossos representantes não estão nos representando? O problema está aí: SISTEMA ELEITORAL. Por isso defendo: VOTO DISTRITAL PURO e RECALL já (se o recall existisse Kkkásio jamais seria aprovado pelo medo do recall).

  83. Primeiramente agradeço pela aula, pois seus artigos nos permite crescer diante dos absurdos que estamos vivenciados com esse homens públicos que mais parecem uma quadrilha de bandidos. A onde a verdade para eles e sinônimo de impunidade. Obrigado por me permitir entender como a prática da corrupção só será possível acabar com políticos honestos e moldados na ética e na moral. Obrigado e bom saber que existe um Moro e ele é brasileiro, eternamente grato. Um 2022 repleto de muitas realizações.

  84. Excelente. Há que fortalecer o serviço público, de modo que os servidores trabalhadores e honestos sejam protegidos do populismo, do clientelismo e do fisiologismo, e que os maus servidores sejam punidos exemplarmente, de acordo com critérios objetivos e justos, inclusive com demissão. Beira a utopia, pois isso aqui é o Brasil, mas há que tentar. "Fazer a coisa certa sempre".

  85. Nesse país, onde a corrupção e os corruptos são inocentados até pelo STF , infelizmente, a perfeita análise do dr Moro se torna um “sonho de verão”. Está tudo dominado e será difícil o Brasil se firmar como um país sério, onde se respeita os cidadãos do bem.

  86. Agradeço muito pela sua persistência em apontar caminhos para melhorar o país. Na realidade, todas essas propostas DEVERIAM frequentar o pensamentos de nossos legisladores há décadas. Mas a maioria deles só legisla em causa própria. Talvez tivéssemos que descobrir um método que impeça, na prática, o que já é proibido na Constituição, mas que eles insistem em fazer, acintosamente até.

  87. Dr. Sérgio Moro, sei que é pedir muito, o Brasil não o merece, eu já teria partido para outro país junto com a família, mas atenda ao nosso pedido. Se candidate, nem que seja a senador pelo seu estado, o Paraná. Não tenho coragem de pedir que o senhor se candidate a presidência porque os extremos o odeiam e os brasileiros de bem não querem seu mal. O senhor fez tanto por nós Brasileiros. Parabéns por mais este artigo!

    1. Também o queria como presidente em 22. Porém, as forças do mal irão fazer tudo para prejudica-lo, como já o prejudicaram. Esperemos.

    2. Você está certa em tudo, porém eu vou te contrariar: Dr. Sérgio, seja candidato a presidente. Os brasileiros precisamos de alguém c sua visão p nós liderar!

  88. Vou pedir de presente pro papai Nobel, um” Moro” de presidente, um “ Moro” de presidente da câmara, um “ Moro “ de presidente do Senado, um “ Moro “ na PGR e mais uns seis “ Moros” no STF. Gratidão eterna Sérgio Moro🙏❤️

  89. Em 2022 SÉRGIO MORO “PRESIDENTE LAVA JATO PURO SANGUE” é nossa resposta ao ACORDÃO de BOLSONARO com o ESTABLISHMENT! Não seremos LUDIBRIADOS com o “velho plano de MELHORAS NA ECONOMIA!” Triunfaremos!

  90. Uma vez fiz uma cirurgia e tive que ficar ausente do trabalho por mais de quinze dias, em recuperação. Nesses casos, parte do salário é paga pelo INSS. Fui a uma agência para receber. Ao chegar minha vez, a atendente estava com os pés em cima do balcão com um pirulito na boca. Havia vários guichês de atendimento, mas três apenas atendendo. Fiquei uma hora e meia aguardando ser atendido, depois de pegar a senha com a menina do pirulito. Moro, você tem razão!

  91. Não tem como deixar de parabenizar pelo excelente artigo. Aliás, todos seus artigos me surpreendem de forma altamente positiva. O senhor explicou muito bem sobre punição de funcionário público, pois questões politicas podem sim, ser levadas em conta. E acabar com profissional sério e comprometido com a verdade e seriedade do cargo que ocupa. Mas com boa vontade e honestidade, sempre se acha um caminho justo e eficaz.

  92. Mais um ótimo artigo. Fico aliviado ao ver que Sergio Moro está aproveitando muito bem essa coluna para expor suas idéias, cada vez mais claras e alinhadas com o pensamento daqueles que querem passar a limpo esse País.

  93. Carlos Fernando e o senhor nos transmitem civilidade e seriedade em seus textos sempre claros e explicativos de como deveria ser a boa politica , eficiente e produtiva para o povo e não para os políticos, como é atualmente. Terá meu voto se aceitar entrar nessa arena de feras , e se não , terá sempre meu sentimento de gratidão ! Bom Natal ao Sr. e família , com votos de muita saúde e esperança de dias melhores! Um abraço!!

  94. É consenso que a burocracia estatal não oferece adequada contrapartida à sociedade. Uma boa reforma administrativa não é tudo, mas melhoraria a qualidade dos serviços, a linha de frente da ação do Estado. Problema está na forma como fazê-lo. É sempre bom propor um caminho.

  95. Prezado Sérgio Moro, o tema reforma administrativa e gestão do serviço público, e dos seus servidores, é fundamental e normalmente relegada. Precisamos avançar nesta agenda, sem uma burocracia, que exerça a atividade típica e exclusiva de estado de forma técnica e independente, não haverá o próprio Estado! Por outro lado, há que se criar mecanismos para coibir a face indesejável do corporativismo ou da captura por grupos de interesse. Tenho preocupações as listas tríplices atualmente adotadas...

    1. Tenho preocupação com as listas tríplices adotas nos diversos poderes e esferas. Não com as listas em sim, mas sim com os processos para a construção das mesmas. Outro ponto que merece atenção são a forma de escolha e nomeação de cargos com estabilidade, p.ex. dirigentes de agências reguladoras ou universidades, quintos constitucionais de tribunais ou juízes de tribunais superiores. O sistema atual não tem sido capaz de afastar a captura política, Economica ou corporativa (na sua pior face).

  96. A questão da estabilidade ampla do funiconalismo é muito séria. Alguém seria capaz de dizer como demitir a professora Monique Emer de Caxias do Sul?

  97. Moro e sua lucidez, sua compreensão da realidade, sua honestidade, seu saber especializado. Que sonho seria termos um homem assim na presidência da República.

    1. É bom sonhar, as sugestões aqui aprsentadas pelo ilustríssimo Sérgio Moro sao boas, mas esqueceu de dizer ser impossível imprementa-las. Políticas são coisas de políticos, e nao podemos confiar, sempre terá alguns querendo levar vantagens em tudo. Os políticos brasileiras têm demonstrados ser um parte trapaceiras e aqui na Brasil não, lamento dizer, que temos ai, e com este STF, esperança de um futuro melhor.

    2. Parabéns Dr Moro pelo seu artigo. Os brasileiros de um modo geral , não o merecem. Seremos sempre gratos ao senhor. Nunca teríamos sabido do tamanho das falcatruas que esses desgovernos faziam e fazem . Hoje quando sabemos que um político desviou cinquenta milhões de reais , o achamos um corrupto pé de chinelo. A que ponto chegamos!!!!

Mais notícias
Assine
TOPO