José Cruz/Agência Brasil

Ministério da Defesa amplia blindagem de gastos com ações de inteligência

06.03.21 10:40

O Ministério da Defesa ampliou as previsões legais para a realização de despesas sigilosas com o cartão de crédito corporativo do governo. A medida procura blindar ainda mais os gastos oficiais relacionados a ações de inteligência.

A portaria foi assinada pelo ministro Fernando Azevedo e Silva e inclui a possibilidade de serem classificados como secretas as despesas com deslocamento e alimentação realizadas em missões de inteligência e, ainda, a prestação de serviços e a compra de materiais quando em apoio a atividades de inteligência.

A portaria vale para os serviços de inteligência ligados ao ministério, incluindo os do Exército, da Marinha e da Aeronáutica.

Para além das circunstâncias previstas na medida, gastos também podem ser registrados como sigilosos quando a autoridade responsável determinar que eles estão ligados a alguma ação de caráter secreto.

No ano passado, 4,2 mil servidores públicos realizaram juntos uma despesa total de 54,2 milhões de reais com cartões corporativos. Desse total, 4 milhões de reais foram despesas do Ministério da Defesa. O Exército foi a unidade vinculada à pasta que registrou mais gastos.

No governo como um todo, a Presidência da República lidera o ranking geral de despesas com cartão corporativo. Foram 20,1 milhões de reais no ano passado, em pouco mais de 10 mil compras. Cerca de 80% dos gastos foram colocados sob sigilo no Portal da Transparência.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
    1. Talvez não. É só corrupção mesmo! Os militares Bozistas são todos corruptos! Nem poderia ser diferente!

  1. Respeitosamente, não deveria numa democracia haver gastos de qualquer natureza sigilosos, com base na Constituição certamente não é. Que tal a Crusoé pesquisar se na Inglaterra, onde no Século XIX o jurista Tobias Barreto já comentava sobre a importância da transparência do orçamento público (budget) na previsão de “todos” os gastos do governo, se isso existe lá?!

  2. Missões de inteligência? Kkkkkkkkkkkkkkk. Missões de inteligência? Kkkkkkkkkkk. Se houvesse inteligência nas nossas forças armadas, eles já teriam interditado o Bozo, o maior inimigo da população brasileira. Generais, almirantes e brigadeiros, deixem de graça e tentem pelo menos resgatar a pouca reputação que lhes resta: interditem o Bozo!

  3. É chiclete, leite condensado, caviar, picanha, cervejas Premium que agora o ministério da defesa tem de dar um jeito de esconder despesas para não passar por constrangimento as FA a elite do funcionalismo público são os que causam os maiores estragos em nossas finanças e se acham e são os donos do Brasil. Trabalhar aí gente, pagar picanha e salmão pros homi

  4. 1.1 -  “Eu sou o maior acionista da Petrobras". Essa fala foi do Bolsonaro, assim mesmo, na primeira pessoa do singular. O PT pelo menos dividiu a Petrobras entre os comparsas. Bolsonaro colocou um general capacho lá, para isso, ser o maior acionista "pessoal" da empresa. Ele diz isso, e às atrocidades que vem falando, para provocar os brasileiros. Paulo Guedes ontem na entrevista, repetiu diversas vezes a palavra democracia. A inferência que faço, é que a FA são a nova puta bem paga do país.

    1. 1.2 - Bolsonaro vai continuar na sua escalada de absurdos, e aos brasileiros de verdade, cabe ficar queito, pois se vierem manifestações, o golpe militar nos aguarda. Barroso citou esses dias a Legião Urbana: "não tenho medo do escuro, mas deixe as luzes acesas". Eu ministro Barroso, tenho ouvido muito Iron Maiden: ...Quando as luzes começam a mudar Às vezes me sinto um pouco estranho Um pouco ansioso quando está escuro... E cada vez mais, eu estou com Fear Of The Dark (Medo do escuro).

  5. Vão esconder toda picanha, cerveja, carvão , vinhos caros, leite condensado e chicletes. Por falar nisso o Pazuello que é general da ativa deve estar recebendo porção dobrada porque engordou bastante no ministério.

  6. Cumpade, a coisa é séria. Q cabrunco de inteligência militar é esta q é INCAPAZ de controlar a entrada de armas e munições ilegais no país? Quem faz as apreensões é a Polícia Federal/Civil/Militar. Em parte entra o Exército, por exemplo, q e responsável pelo controle do armamento? "Ah, mas a Inteligência do Exército é quem avisa a PF..." Mesmo? Então a PF de fronteira não faz nada? Cumpade, p/ com isso. "Russos" contataram o Butantan para ajudar na produção de vacinas. Kd a ABIN? As FFAAs?

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO