Adriano Machado/Crusoé

Aras é contra inquérito para apurar se Bolsonaro atuou em acerto de Wassef com concessionária

15.09.20 07:26

O procurador-geral da República, Augusto Aras (foto), defendeu que o Supremo Tribunal Federal rejeite um pedido de abertura de inquérito para investigar se o presidente Jair Bolsonaro interferiu em acertos firmados entre o advogado Frederick Wassef e a concessionária Aeroporto Brasil Viracopos, que mantém negócios com o governo federal.

Aras entregou a manifestação ao relator do processo, ministro Ricardo Lewandowski, na noite da última sexta-feira, 11. Embora tenha se manifestado contra o inquérito, no documento ele afirma que instaurou na PGR o que, no jargão jurídico, chama-se notícia de fato, para a “averiguação preliminar” do caso.

De acordo com o PGR, caso surjam “indícios suficientes de uma possível prática ilícita” à frente, providenciará a investigação, “com adoção, a partir de
então, das medidas cabíveis”. A notícia de fato, no entanto, está parada desde 20 de julho.

A manifestação do PGR é um desdobramento de uma notícia-crime apresentada pelo advogado Carlos Eduardo Silva Duarte. Na representação, ele pede que Bolsonaro seja investigado pela prática dos crimes de advocacia administrativa e corrupção passiva. No caso de Wassef, sugere a apuração sobre tráfico de influência, corrupção ativa e ocultação de recursos proveniente de infração penal.

A notícia-crime baseia-se em uma apuração de Antagonista. O site revelou que, mesmo sem qualquer experiência na área de aviação, Wassef, que é ligado à família Bolsonaro, foi contratado pela concessionária em 2019 para prestar “consultorias jurídicas e estratégicas”, em um acerto estimado em 5 milhões de reais.

No primeiro semestre deste ano, a concessionária fechou acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil para que seja feita uma nova licitação do aeroporto internacional de Campinas — pelo acerto, a empresa, que passa por dificuldades, amigavelmente devolve ao governo a concessão que detém para que seja feito um novo leilão.

Os detalhes do processo de uma nova licitação foram comunicados a Bolsonaro em 14 de maio, quando o presidente recebeu, no Palácio do Planalto, o presidente do Conselho de Administração da Triunfo — empreiteira líder do consórcio  e do Aeroporto de Viracopos, João Villar Garcia. Minutos antes da reunião, o chefe do Executivo teve um encontro com Wassef, como mostrou a agenda oficial.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Assunto pertinente porém o advogado Carlos Eduardo que entrou com pedido ao STF é filiado ao PSOL, entretanto o procurador deve estar verificando se procede ou é apenas jogada política. Crusoé faltou está importante revelação sobre a filiação do advogado. Vamos aguardar.

  2. PGR se tornou o escudo de Bolsonaro. Na realidade o Brasil não tem PGR. O que existe na PGR é uma pessoa colocada por Bolsonaro para garantir a impunidade dele (Bolsonaro).

  3. Aras é contra tudo que se chama justiça,integridade, moral e lei imparcial para todos! é para isso que foi colocado no cargo pelo Bozó

  4. Que vergonha! Acho que nunca tivemos um PGR como esse aí, defende Bolsonaro e Cia. Ltda na cara dura, não disfarça não , e eu então pergunto como vai ficar, porque pelo que já sabemos, houve interferência da POLICIA DO RIO, e sendo mesmo confirmado, como vamos acreditar que o PRESIDENTE VAI SER DENUNCIADO,? O PGR É DO BOLSONARO, agora precisamos de um outro para defender os interesses do nosso país, não é mesmo?

  5. a cada dia ele avança um pouquinho mais.. pode-se perceber nas palavras, nas ações, nas reações q ele está, ou pensa estar, avançando em direção ao mando total do país.. Será q ele quer mesmo ser "só" stf.. ou tem sanhas com relação ao executivo..?? Sei não..

  6. Essa PGR que seria para defender o Estado, virou escritório de advocacia do presidente e seus filhos, realmente os trouxas aqui pagam essa conta monstruosa de um sistema que só funciona para interesse pessoal do Bozo, seus filhos e amigos. Viva Brasil 🇧🇷

  7. Oh gente lógico que ele vai ser contra. É o PG do bolsonaro ou não é ??? Olha a cara do sujeito, cara de vendido e esse sim corrupto. Lembrando que se vender tb é uma corrupção. É uma vergonha. Fazer o que !!!!!

    1. O desespero faz com que as pessoas escrevam tolices, sem justificar. Seria como dizer que quem escreveu é uma filha da puta sem explicar. Isso se chama calúnia !

  8. Que coisa. este sujeito é um sem noção de civismo. É um descarado, um sem vergonha. O Brasil não pode avançar com este tipo. Será sempre um país do futuro....só que nunca vai chegar

  9. Estrume. Acho que uma boa definição pra este sujeito. Nunca esqueçamos quem o colocou lá. Acorda Brasil!!! 🇧🇷🇧🇷🇧🇷

    1. Pior que o Rato que roubou a saúde, a educação e a segurança do Brasil, ao garfar mais de um Trilhão de reais !

  10. Ele defende o chefe que o escolheu a dedo pra acabar com a lava-jato, e pensar que o capitão foi eleito com discurso contrário, traidor!

  11. O Sr Aras precisa se posicionar quanto a sua função, um tanto duvidosa, se é o “advogado de gaveta” da Familícia e do “anjo”Wassef , ou o “corregedor geral “ do STF ou o Procurador Geral da REPÚBLICA, o menos provável por seus posicionamentos e suas atitudes. Pode ser que seja um ser multifacetado, ajustável mas quando se tem um pé na igreja e outro no mundo , a consequência é cair na buraqueira ou no lamaçal.

  12. Como se fosse pouco existir um engavetador geral e um AGU a serviço do presidente, agora surge um PGR como defensor escancarado

    1. Mas ele não é engavetador, o engavetador deixa o procesos adormecidos berço esplêndido, ele é bem mais que isso, ele é PPP (procurador particular do presidente).

  13. Este PGR deve ser indicado pelo Bolsonaro para ministro do STF. Agora ou depois. Um presidente que tinha como ministro Sérgio Moro para indicar, orquestra, através deste procurador, estratégia para liquidar com a Lava Jato e está conseguindo. Saímos do Lula e fomos induzidos a acreditar num discurso eleitoral mentiroso.

    1. Disse tudo, infelizmente... Que os eleitores, em 2022, não voltem a nos obrigar a escolher entre o PT e Bolsonaro, pelo amor de Deus! Se isso acontecer, votarei nulo pela primeira vez, mas não voto em nenhuma desgraça dessas!

  14. Aras sabe que se investigar o que vai encontrar,como ele foi nomeado para impedir que as falcatruas da famiglia Bolsonaro venham a tona.quer impedir a investigação.cortando o mal pela raiz

    1. Nosso magnânimo presidente: "Não vou deixar f...... a minha família".

  15. Queriam o que com um cargo indicado. Já imaginaram se não existissem concursos, e Juizes, delegados, policiais, médicos, bombeiros etc fossem todos indicados? É só olharmos para STJ, TCU, TCEs, STF e se chega a conclusão do estrago que a indicação que é política causa.

    1. Roberto, nós podemos tirá-los de lá. O poder emana do povo. É só questão de organização.

    2. Os políticos estão no topo da cadeia de poder e, na atual conjuntura ninguém pode tira--los de lá, então eles fazem o que bem entendem, sempre em benefício próprio...

  16. Esse Aras faz de tudo para ser indicado pelo capitão para o STF. Isso é vender a alma, que deveria ter a contrariedade dos pastores, mas, como num país que se diz laico são isentos de tudo por se dizerem religião, é melhor ficarem quietinhos amealhando o dinheirinho suado dos ingênuos fiéis.

    1. Sim, ClaytonG, o presidente é um exemplo de honestidade, o PGR só quer o bem da Lava-jato, Wassef é mesmo um anjo, o Centrão trabalha dia e noite pelo Brasil e o Flávio é só um virtuoso empresário de sucesso... Você já escreveu sua cartinha pro Papai Noel? Corra que já estamos em setembro!

    2. Senhor pontoG rsrs o seu capitão foi EXPULSO da corporação e não está na RESERVA . Informe-se melhor.

    3. Tudo ilação. Não irão provar nada, porque Bolsonaro é um presidente honesto. Esse jornaleco com cara de tucano fica insinuando coisas. Bolsonaro é capitão da reserva, mas atualmente ocupa o cargo de presidente da república conferido por mais de 56 milhões de votos. Ele é presidente e General tem que acatar suas ordens, assim como acataram ordens de lula e dilma.

    4. E pode ter certeza que vai conseguir. Quem faz o que o Bozo quer é presenteado com cargo de ministro. Olha o novo ministro da Saúde. Um general recebendo ordens de um capitão. Irônico. Ele está dizendo aos militares que agora quem manda é ele. Nos tempos de militar ele era um indiciplinado louco que foi expulso. Agora os milicos estão sob seus pés.

  17. O MPF até tenta, mas não possuem expertise investigativa. Caso continue embarreirando o trabalho da PF muitos peixes graúdos continuaram a passar por essa rede... O STF, novamente, legislou e inventou que o MPF pode investigar, mesmo sem expertise, estrutura, pessoal, e, olha no que está dando, aliás não dá para olhar, pois é trabalho para inglês ver e, neste caso, muita coisa passa totalmente desapercebida....

    1. Boa pergunta! Se não houvesse a pandemia, aposto que as ruas viveriam cheias de gente se manifestando pelo impeachment. Infelizmente, isso não é possível. Mas, ele verá seu resultado desastroso nas urnas de 2022, com certeza!

  18. Esta Wassef está envolvido em vários casos escusos, não consegue se explicar, trancafiou o Queiroz para preservar o Bolsonaro, está evidente, mas precisa averiguar, que ele é um elemento central de conexões da família Bolsonaro, assim como o Zanin é para o Lula.

  19. Esse Augusto Aras é PGR (Procurador Geral da República) ou PGB (Procurador Geral do Bolsonaro)? Ele precisa se posicionar de que lado do cercadinho está.

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO