Sergio Lima/FolhapressA sede da PF em Brasília: spy versus spy

Mensagens à venda

A PF descobre que o hacker Vermelho usou um "ajudante" para pedir dinheiro em troca das mensagens de Dallagnol e tem provas de que tentaram apagar os rastros do crime
27.09.19

Desde que a Polícia Federal descobriu como operava o grupo de hackers que agiu para roubar mensagens de centenas de autoridades, incluindo o coordenador da Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol, uma pergunta crucial guia o trabalho dos investigadores: afinal, alguém pagou para que fosse realizado o ataque, com o posterior vazamento das informações? Logo após prender os quatro primeiros suspeitos de participar do esquema criminoso, em julho, a PF encontrou indícios de que haveria interesse financeiro por trás da ação. Na ocasião, um dos presos, o DJ Gustavo Elias Santos, disse em depoimento que o colega e hacker Walter Delgatti Neto, o Vermelho, havia lhe falado da intenção de vender para o Partido dos Trabalhadores as mensagens roubadas.

Vermelho, por sua vez, alegou aos investigadores que repassou o conteúdo das mensagens a Glenn Greenwald, fundador do site The Intercept Brasil, que vem publicando o material, sem receber nada em troca. Conhecido golpista de Araraquara, cidade do interior de São Paulo, o hacker não convenceu. Nos últimos meses, a Polícia Federal vem se debruçando sobre o conteúdo dos computadores e celulares apreendidos com os presos e sobre as transações financeiras do grupo, que também atuava com fraudes bancárias e operava no mercado de criptomoedas. A meta é esmiuçar as movimentações financeiras para saber se por trás dos ataques há um financiador.

O esforço já resultou na prisão de outros dois suspeitos: o programador Thiago Eliezer Santos, conhecido como Chiclete, cuja identidade foi revelada por Crusoé, e o estudante de direito Luiz Henrique Molição, identificado pela PF a partir de um diálogo com Greenwald sobre o produto das invasões. Crusoé vem acompanhando os desdobramentos do caso. Molição, assim como Chiclete, tem se revelado uma peça importante. A polícia chegou a ele pela suspeita de sua atuação como uma espécie de “ajudante” de Vermelho. O estudante teria, por exemplo, guardado parte das mensagens roubadas. Mas seu papel, indicam as investigações, vai mais além. E pode ajudar a responder à pergunta essencial, aquela sobre a existência de uma operação financeira oculta ligada aos vazamentos.

ReproduçãoReproduçãoO estudante Luiz Molição e o programador Thiago Eliezer Santos
Fontes com acesso ao caso relatam que, por vezes, Molição se passou pelo próprio Vermelho nos contatos com terceiros interessados no teor das mensagens. Em uma dessas ocasiões, foi o próprio Delgatti quem lhe passou o telefone após perder a paciência durante uma conversa pouco ortodoxa, por aplicativo, com um certo estrangeiro. Crusoé apurou que a Polícia Federal já tem provas de que a conversa que irritou Vermelho era com Glenn Greenwald. E que, nela, o hacker deixou claro que queria dinheiro em troca do material. Como o americano se mostrava resistente à ideia, Vermelho encarregou Molição de levar o diálogo adiante. Os investigadores seguem tentando descobrir se houve pagamento — e, se houve, quem pagou. Agora com um elemento adicional: a vantagem de ter descoberto em Molição mais uma peça importante desse quebra-cabeças.

Em depoimento à Polícia Federal na quarta-feira, 25, o estudante confirmou o teor das conversas, mas disse que não sabia ao certo quanto Vermelho queria pelas mensagens. Os policiais já sabem que o grupo tentou vender o pacote para outras pessoas além de Greenwald e que Delgatti chegou a dizer, a certa altura, que havia conseguido negociá-lo — não se sabe exatamente com quem, e por ora não se descarta a possibilidade de terceiros terem bancado a operação e encomendado ao grupo que tornasse as mensagens públicas, distribuindo-as a jornalistas.

Sabe-se que a partir do momento em que o material chegou ao americano, ele logo passou a oferecê-las para outros órgãos de imprensa. Tinha, portanto, interesse em que o assunto ganhasse repercussão. A partir das informações obtidas nos computadores dos presos, a PF descobriu que outras pessoas passaram a falar diretamente com Vermelho sobre as mensagens. Foi o caso do humorista Gregório Duvivier, que a certa altura tratou do assunto com o fundador do Intercept e o hacker ao mesmo tempo. “Passei a manhã com Glenn. Vou trabalhar com ele na publicação do material”, escreveu o humorista a Delgatti.

Suspeita-se que Molição, o “ajudante” do hacker, ainda esteja escondendo parte da história. Mesmo assim, com o pouco que já disse, ele já derrubou a versão apresentada inicialmente por Vermelho, segundo a qual nunca teria buscado fazer dinheiro com o conteúdo obtido ilegalmente. Amigos, Molição e Vermelho se conheceram na faculdade de direito que ambos cursavam em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. Além de se falarem pessoalmente, eles mantinham contatos por meio de três aplicativos de mensagens diferentes: WhatsApp, Telegram e Signal. Os policiais continuam vasculhando os computadores apreendidos com o grupo em busca de mais detalhes que ajudem a elucidar as tentativas de lucrar com as mensagens.

ReproduçãoAgentes da PF monitoraram Chiclete
Em outra frente, como parte desse mesmo objetivo, os investigadores seguem apostando no outro protagonista da segunda fase da Operação Spoofing. Chiclete, que bem antes de ser preso já era conhecido dos leitores de Crusoé, também tem se revelado cada vez mais um personagem importante para entender os passos de Vermelho. A PF já descobriu, por exemplo, que após ter seu nome publicado na reportagem desta revista que revelou suas conexões com o hacker de Araraquara, o programador apagou arquivos que mantinha em seu computador. Também passou a se esconder — os agentes, por fim, o encontraram na casa da mãe, em Taguatinga, cidade-satélite de Brasília. Bem mais experiente em informática do que o próprio Vermelho, de quem era uma espécie de guru, Chiclete aparece ligado a contas bancárias com saldo de pelo menos 3 milhões de reais. Os policiais tentam saber se os valores estão ligados ao próprio vazamento ou a fraudes bancárias nas quais ele também teria participação. Os contatos com Vermelho eram frequentes — e, muitas vezes, destinados a tratar de assuntos espúrios. Ironicamente, a dupla se comunicava pelo Telegram. Quando precisavam falar, Chiclete e Vermelho se ligavam também pela internet. Um dos perfis usados pelo programador para falar com o hacker de Araraquara foi utilizado para tentar invadir o Telegram do deputado federal Luiz Philippe de Orleans e Bragança, do PSL de São Paulo.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéPF foi a um escritório onde Chiclete atuava, em Taguatinga
Como mostrou o Diário de Crusoé, Vermelho e Chiclete trocaram pelo menos 737 mensagens no período sob investigação. Nas conversas, o hacker de Araraquara se identificava como “E agora José?”. Um dos diálogos ocorreu justamente no dia em que houve o ataque ao celular do ministro da Economia, Paulo Guedes. Era 22 de julho, e as mensagens deixam claro que Chiclete, no mínimo, tinha conhecimento dos ataques. “Quer ver notícia?”, pergunta Delgatti, encaminhando prints de repórteres tentando falar com o ministro pelo Telegram. “Já hehe. Qm é agr? (sic)”, responde Chiclete. Vermelho diz tratar-se do Telegram do “Ministro Paulo Guedes” e o programador se anima. “Já rolou notícia?”, indaga. “Sei lá. Tão louco ligando ahhaha”, diverte-se o hacker. Quase uma hora depois, Delgatti liga para Chiclete. Naquele dia, o próprio Paulo Guedes percebeu a invasão.

Para além das mensagens e dos arquivos que a dupla guardava, a PF vem mapeando suas transações financeiras — entre elas, a transferência de uma Land Rover de Chiclete para Vermelho no fim do ano passado. Como Crusoé já mostrou, o hacker de Araraquara viajou a Brasília para buscar o carro. Na capital federal, ele também fez uma operação de câmbio. Ao depor, Delgatti disse que pagou 60 mil pela Land Rover (uma nova custa mais de 400 mil reais), que tem 27,3 mil reais em IPVA atrasado. O veículo foi apreendido na segunda fase da Spoofing. Já não estava mais em Araraquara nem em Ribeirão Preto, endereços de Vermelho até ser preso. Foi encontrado na cidade de Ceilândia, nos arredores de Brasília, em poder de um terceiro até então alheio às investigações. A quebra do sigilo bancário dos investigados mostrou 14 transferências do hacker para o programador entre janeiro e julho deste ano. O valor das transações é relativamente baixo — elas somam 9 mil reais.

As novas pistas sobre Chiclete e Molição incluem duas pastas encontradas nos computadores apreendidos pelos investidores. Uma com o nome “Crash”, o mesmo que o programador usava em suas comunicações na internet, e outra com o nome “Molissaum”, referência ao outro amigo de Vermelho preso na segunda fase da Spoofing. Nessas pastas estavam salvas cópias das mensagens de Telegram de Deltan Dallagnol. Diante do material encontrado nas buscas e das demais diligências que ainda serão concluídas, os dois novos investigados tiveram suas prisões temporárias prorrogadas por mais cinco dias na última segunda-feira, 23. A pergunta essencial dos investigadores vai ganhando, aos poucos, uma resposta.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Esses vagabundos devem ser mantidos presos,pois, conspiram contra a lava jato! Deltam Dallanol é um herói nacional, merece o nosso respeito e, não, ser alvo de estelionatários. O Brasil tem que ser passado a limpo, fora corruptos!

  2. É impressionante que uma operação como a Lava a Jato não receba apoio total da imprensa e que pairem dúvidas sobre as decisões dos juizes que mandaram prender indivíduos tão nefastos à sociedade, como o ex presidente. Roubaram demais, tá comprovado e todos nós, cidadãos de bem ainda precisamos continuamente ouvir discussões sobre a legitimidade de suas prisões. É uma afronta a todos nós que trabalhamos honestamente e pagamos nossos impostos.

    1. Faço minha suas palavras! Você foi brilhante em sua análise , parabéns !

  3. Adendo. Se Vermelho não pretendia ir preso, pq está aceitando levar a culpa toda? Todo mundo que foi preso até agora jogou tudo nas costas dele, que por sua vez está matando tudo no peito. Alguma coisa mudou para ele ter se convencido disto e ter assumido o papel de hacker solitário.

  4. Será que há msgs e declarações de amor? Não é possível, seria inacreditável. Se for isto, não prendam Verdevaldo, só liberem as msgs, só isto. Aí é ridicularizar os CORRUPTOS até não poder mais.

  5. A confiança dos hackers nunca veio da habilidade e dos conhecimentos dele, mas na melhor das hipóteses de quem estava por trás deles. Se Verdevaldo tentou bancar a Dona Joana, então deve ter aberto o bico e falado mais do que deveria, esta gente adora se vangloriar das coisas e arrotar influência. Ainda assim, prender Verdevaldo não seria uma má coisa. Mas quanto mais a estória se desenrola, mais difícil é acreditar no nível de amadorismo e certeza da impunidade.

  6. Qq um com um mínimo de conhecimento sabe que seria extremamente fácil pegar quem estava fazendo as invasões, era como se fosse uma mega-incêndio à noite que qq um poderia ver à distância. Se Chiclete é uma "hacker" experiente, como ele não sabia que seria facilmente rastreado? Como eles não se deram nem ao trabalho de "mascarar" os IPs, descartar os aparelhos? Que tipo de hacker é este? Qq um sabe que formatar um HD não é garantia de nada.

  7. Reportagem completa parabéns , mas na “grande imprensa “ não se lê uma linha sequer sobre esses vazamentos. Por que será ? Apenas o que é criminosamente divulgado ninguém exceto nos leitores da Crusoe queremos punição aos ladroes de dados.

  8. Eles querem anular as condenações da Lavajato e as msgs servem pelo menos como uma desculpa, ao menos na cabeça deles. Mas de forma geral, eles estão em uma posição muito mais frágil do que eles estavam no início do ano e até mesmo de quando as msgs começaram a ser liberadas. O STF está muito mais desgastado perante a opinião pública do que imaginavam. O silêncio de Verdevaldo indica que ele não esperava as prisões, mas isto só demonstra todo o amadorismo de todo o esquema.

  9. Os CORRUPTOS já provaram que o planejamento deles difere completamente do efeito que eles pretendem atingir. Na cabeça deles Sérgio Moro teria sido demitido, Bolsonaro estaria sofrendo um processo de impeachment, mas ele não para de falar absurdos e os CORRUPTOS continuam engolindo tudo sem fazerem nada, eles acharam que poderiam usar a reforma da previdência para sabotar o governo e o país. Por outro lado, eles queriam influenciar na escolha do PGR e, teoricamente, conseguiram isto.

  10. Sobretudo, se Vermelho não achava que seria preso, como está tão tranquilo e não ameaçou entregar nada ou delatar ninguém? E os demais integrantes do grupo, pq ainda estão calados? É sabido que os CORRUPTOS sempre apelam para um plano B a partir do momento em que o plano A não surtiu. O fato de o plano inicial ser tirar Vermelho do Brasil não significa que ele não possa ter sido adaptado às circunstâncias. A primeira coisa que ficou claro de início é que elas não podiam ser usadas como prova.

  11. Mas aí haveria o problema de se transformar as msgs em "evidências". Apesar de tudo isto, a narrativa de Verdevaldo já não se sustenta, a trama aponta para dinheiro, as más línguas apontam para drogas, portanto, só falta o sexo para completar o triângulo em torno do qual as tragédias modernas podem ser resumidas. O que deveria ser considerado é o total improviso a partir do momento que o planejamento deu errado, as msgs não surtiram o efeito que eles acharam de início.

  12. Se Verdevaldo tb estava fazendo registros das invasões como se Vermelho fosse uma espécie de Edward Snowden dos trópicos, então a farsa não é maior do que se supõe? O papel de Vermelho na trama seria mais teatral, não faz sentido nem que ele se desse ao trabalho de invadir os celulares, para que ter este trabalho, o mais importante era decorar bem a estória para poder encená-la. Se fosse assim, então o plano inicial poderia ser "exilar" Vermelho devido aos grandes "riscos" que ele correria.

  13. Se eles não estão na rede anti-corrupção, então sobra o outro lado. Desde a delação dos irmãos Batista que a OAB ocupa posição mais do que central para impedir o acesso ao celular-bomba, fora o acesso ao financiador misterioso da defesa de Adélio. Um alinhamento de escritórios por trás das invasões estaria incompleta sem a OAB. Não importa as linhas de raciocínio, todas elas sempre levam a Verdevaldo, ele teria que ser o intermediário entre os financiadores e os "hackers".

    1. A trama é internacional. OAB E STF são mancomunados na lei e no crime. Mas há a eminência parda. Bancos e banqueiros que não aparecem. Eles compram e pagam. Leis, fake news, deputados, senadores, jornais, jornalistas, empresas, empresários. Investiguem os bancos. É de lá que vem o dinheiro.

  14. Isto em parte explica pq encaixotaram Lula na Superintendência de Curitiba e só querem que ele saia de lá em um caixão. Será que a namorada dele é para manter ele mais "dócil". Ela com certeza deve ser próxima de Gleisi, moradora de Curitiba lotada em Itaipu, não tem como não conhecê-la. Lula, será que ele está cercado por viúvas negras? Quanto aos escritórios de advocacia, isto teria que envolver a OAB. E Wadih Damous e o presidente da OAB, onde eles ficam nesta história.

  15. Que por sua vez foi até a posse de Maduro na Venezuela, além de ter sido ministra da Casa Civil de Dilma Rousseff, uma mulher completamente aloprada que acha que é mais esperta do que os outros e parece ter uma boa relação com Greenwald. Mas ainda assim é necessário se ligar o STF e os escritórios de advocacia que defendem os CORRUPTOS interessados na invasão e que teriam interesse na morte de Bolsonaro tanto quanto Dilma e Gleisi.

  16. Ou talvez estes até possam ter tido tal ideia, mas não tinham o conhecimento técnico. Portanto precisaram entrar em contato com quem possuía este. Parece razoável que os financiadores não tivessem contato diretamente com os hackers, exceto talvez Chiclete, já que havia notícia que a Land Rover foi utilizada na campanha de Haddad, o que indica uma conexão. A Land Rover liga Chiclete ao PT, Verdevaldo está ligado ao PT, que por sua vez é presidido por Gleisi.

  17. De quem partiu a ideia brilhante de invadir os celulares? Dos financiadores não foi, de Verdevaldo tb não, exceto se tiver sido um terceiro que lhe deu a ideia e ele acionou os hackers. Mas a ideia teve que partir de alguém, de quem foi? Neste caso específico, a quanto tempo Crash invade aplicativos do Telegram e Molição, com quem aprendeu? Com Chiclete? Mas independentemente de quem tenha sido que deu a ideia, ela teve que ser apresentada aos financiadores.

  18. Isto quer dizer que eles mandaram matar Bolsonaro. Verdevaldo deveria ser preso, não para continuar preso, mas para forçar os CORRUPTOS a irem para o tudo ou nada. Se a coisa chegar em um nível deste, então não se trata de gente normal, são extremamente malucos e perigosos. Por outro lado, como era possível que Vermelho achasse que não seria pego, se era para ele ser pego? Ou será que isto surgiu no meio do caminho devido à ineficácia das msgs sobre a opinião pública?

  19. Vermelho é só uma avatar? Para que as msgs ganhassem um status "oficial', elas precisariam ser internalizadas. Ou seja, quem as roubou precisava ser preso para que elas virassem "provas", é uma nova modalidade de crime, o branqueamento de msgs roubadas. Mas se for assim, então o inquérito do STF é um verdadeiro monstrengo e os CORRUPTOS estão dispostos a tudo, eles realmente querem dar um golpe no país. Isto quer dizer que eles tb não hesitariam e fazer acordo com facções criminosas.

  20. Mas se há elementos para prender Verdevaldo, então ele deveria ser preso, isto não vai parar ou impedir uma CPI das Fake News. Pelo contrário, deve até acelerá-la, eles vão dizer que ele foi preso exatamente para impedir que a CPI ocorresse, o que prova que ela é mais do que necessária. É assim que a lógica deles funciona.

  21. Quanto mais sujeira tiver por trás de Verdevaldo, mais seus cúmplices terão que correr para protegê-lo. Os CORRUPTOS estão simplesmente tentar fechar todas as portas, Verdevaldo é uma que eles não podem fechar de antemão sem criar uma grande histeria para abafar o que eles estão fazendo. Portanto, até ele ser preso, eles não vão fazer nada para não chamar a atenção desnecessariamente. Depois disto, aí eles não teriam opção a não ser se expor.

  22. Portanto, quando Verdevaldo for desmascarado, quem se juntou à histeria e não tinha nada a ver com o bagulho será taxado de ser parte do esquema. Isto acaba reduzindo o contraste ideal que seria o foco somente nos CORRUPTOS, eles deveriam ser aqueles quem ficassem nos holofotes. A corrupção faz de tudo para parecer que não é corrupção, que ela representa a vontade e os interesses da maioria. Os CORRUPTOS deveriam se sentir confortáveis, mas ao mesmo tempo deveriam ser expostos.

  23. O único porém em relação à estratégia pós-prisão de Verdevaldo está naqueles que não são parte da trama, mas serão acionados para defender a ele e à democracia. Quando isto ocorrer, estará todo mundo misturado, a situação ideal é que houvesse uma divergência entre o discurso dos CORRUPTOS e dos que estão só dando corda. Por exemplo, no PSOL, o que é que o marido de Verdevaldo já vai tentar de cara? Não é convocar todo mundo na defesa do marido?

  24. Além do mais, quanto mais longa for a trilha de crimes cometidas por Verdevaldo, mais eles têm que tirá-lo da cadeia. Por exemplo, ele faz parte do complô para matar Bolsonaro? Se faz, então os que estão juntos com ele vão fazer o que? Vão sair gritando que ele é preso político, que está sendo vítima de uma violação do Estado de direito. Em resumo, vão para a histeria completa e o tudo ou nada. Se for este o caso, eles terão que ir até as últimas consequências.

  25. Se não qq evidências que permitam qq discurso em contrário, então Verdevaldo deveria ser preso e o mais imediatamente possível. Ele não pode ser preso, isto está mais do que claro, então o que deveria ser feito? Prendê-lo. Os CORRUPTOS querem acreditar que os planos deles deram certo, que o roubo das msgs foi um sucesso, então o que vai acontecer? Eles muito provavelmente vão tentar colar o discurso de preso político, é o procedimento normal.

  26. A trama prá acabar com a lisura da Lava Jato caiu por terra, assim como o fanfarrão do Verdevaldo. O perigo maior sempre foi no STF, que protege bandidos e corruptos. Esses hackers devem ter grampeado algum Gilmar Mendes, tô pagando prá ver.

  27. INVADIR SITES PUBLICOS E' CRIME, DIVULGAR OS DADOS, MAIS AINDA. ENTAO SERIA BOM CONDENA-LOS LOGO POR ISSO, PRA Q UMA DAS FORCAS DAS TREVAS DO STF NAO OS LIBERTE. AI VAI CONDENANDO POR OUTROS MALFEITOS PARA OS MANTEREM PRESOS, ATE O PRIMEIRO ABRIR O BICO. NAO VAI DEMORAR MUITO SABEREMOS TODA HISTORIA.

  28. Se já havia uma relação prévia anterior às invasões, então Chiclete parece ser uma ponta solta que ao ser puxada irá trazer um novelo todo a ser desenrolado. Se for assim, parece ser bom que parte do novelo já comece a ser desenrolada e liberada para que os pontos continuem sendo ligados.

  29. Quem é maior defensora do Lula livre no país e fora dele? Gleisi e Dilma. Quem é o ministro do STF mais iracundo devido às msgs roubadas? Como Gilmar, Gleisi e Dilma se ligam a Verdevaldo. Como Renan, Novilho e outros se ligam a estes personagens? Quanto mais qq CORRUPTO tem certeza da culpa de Sérgio Moro e dos procuradores com base nas msgs, maior a chance dele estar envolvido se tiver ligação com qq um dos nomes mencionados previamente.

  30. Se esta lógica está correta, então há um rastro gigantesco a ser seguido e toda uma teia ou até mesmo uma rede por trás. Por inferência simples é possível supor que Verdevaldo conhece muita gente capaz e disposta a se envolver neste tipo de ação aloprada e sem pé nem cabeça. Até onde a lógica aponta, há um vasto manancial a ser explorado, ainda mais no que tange a ala aloprada do PT, o poder deixa as pessoas mal acostumadas e elas começam a achar que estão acima da lei.

  31. Sendo assim e com o histórico de Verdevaldo, parece natural que ele já dispusesse não só de uma, mas de mais sabotadores a serviço dele. Se Verdevaldo está por trás das invasões dos celulares, então pq ele na ilusão do anonimato da web não criaria uma rede de "espionagem", ameaças e sabotagem, inclusive antes e durante a eleição presidencial? Se ele está tão engajado para tirar Bolsonaro, pq não se engajaria para evitar que ele se elegesse?

  32. Corrupção, ganância e amadorismo não são bons ingredientes para serem misturados, turvam a mente de qq criminoso que almeje escapar sem ser desmascarado. Se Verdevaldo está fazendo trapalhadas depois que Bolsonaro foi eleito presidente, o que ele e sua turma já não estavam fazendo para evitar a eleição dele. Não faz sentido que ele viesse a se tornar ativo exatamente quando a ameaça que ele tanto temia havia se concretizado, o mais inteligente seria prevenir ao invés de remediar.

  33. E se eu poder vender este material para mais alguém? Quem mais será que gostaria de ter tal informação, quanto mais "inocentes" os hackers fossem e menos ligassem um ponto com o outro, mais chance de eles pensarem de vender o material para alguém que estivesse por trás do intermediário. Mas não só isto, se os "hackers" ficaram gananciosos e passaram a achar que podiam obter mais pelas msgs, pq eles não chantageariam o intermediário ou tentariam barganhar o material?

  34. O que por consequência acaba tb desconstruindo aqueles que estão por trás deles e que virão mais para frente. O Fantástico é show da vida nada, isto é show da vida, nem em novela mexicana tem tanta traição e conspiração. Agora, imaginem uma situação bizarra, um intermediário se aproxima dos "hackers" sem dizer que são os financiadores e contrata o serviço deles. Os hackers começam a fazer o serviço e a ler as msgs, daí um deles ou mais de um começa a ficar ganancioso.

  35. Não são necessários nomes, inclusive para se deixar o gostinho de quero mais e a dúvida na cabeça dos espectadores? Quem será que pagou pelas invasões? Durante este interregno entre uma revelação e outra, é possível se levantar diversas hipóteses, todas de preferência com um fundo de verdade e conectando os personagens já conhecidos. Além disso, durante este processo há a desconstrução dos hackers como indivíduos "puros" e "altruístas" pensando no bem da nação.

  36. Além do mais, há ainda a intercalação das sabotagens e chantagens dos CORRUPTOS, conforme a trama vai se desenrolando, vai ficando mais claro os interesses e o desespero dos CORRUPTOS. A dica que já está no ar é que não se tratou de uma ação puramente ideológica e revolucionária, pelo contrário, foi algo planejado, apesar de que extremamente mal planejado. O próximo passo que parece mais importante é a revelação derradeira de que realmente houve um pagamento pelo serviço.

  37. Afinal, quais são as conexões de Verdevaldo, elas não chegam ao Congresso e ao STF? Não há gente lá dentro que compartilha dos mesmos interesses de Verdevaldo? Não há gente lá dentro com uma ficha corrida e um histórico que leva tudo a crer que eles financiariam os hackers. Se é assim, qual é a possibilidade de que não tenha ocorrido uma conjunção de interesses? A parte boa de se liberar a estória toda em cápsulas é que sempre fica aquela sensação de quais os próximos capítulos.

  38. Some-se ainda o desejo voraz e insaciável de CORRUPTOS que não só querem fugir da cadeia, mas tb querem continuar assaltando a máquina pública. É muita gente enrolada e que tinha interesse direto no roubo das msgs, mas obviamente que eles não detinham nem a capacidade nem a possibilidade de fazerem tal coisa, era necessário terceirizar. Se nestas vidas não há coincidências, então as conexões até agora já ligam o STF e o Congresso aos hackers.

  39. Qual é a primeira coisa que é gritante em tudo isto? Basta vc dar a um criminoso a sensação de que ele escapará impune para que ele haja tanto sem qq cuidado quanto passe a se arriscar cada vez mais, nem o mais cuidadoso dos psicopatas resiste à esta tentação de relaxamento causada pela sensação de impunidade. Imagine se além da ganância, se adicionar tb a repulsa ideológica por Bolsonaro. Certamente haveria gente achando que estava quase cumprindo uma ordem do deus Lula.

  40. Como todo vermelho o Vermelho tava atrás da grana. Vermelho e o Verde estavam mais próximo do que nunca. Mas o Verde como bom vermelho também faz esse trabalho por grana$$$ Quem está por traz de Verde???

  41. Esses crápulas, deviam usar do conhecimento e da inteligência que teem, no combate à corrupção para ajudarem o país onde vivem.

  42. Bom trabalho Crusoé de mostrar tudo só assim para termos conhecimento porque a grande mídia não tem interesse em expor tudo. Agora vamos torcer para sair quem financiou e para o peixe grande ser capturado com o cardume.

  43. Aguardo, sentado, que apareça a Manoela D'Avila & Cia. Sera a hora de brindar pela "vida eterna" à PF, à Lava Jato e seus heróis.

  44. me corrijam se eu estiver errado, mas se o hacker negociou com o glen, mesmo não havendo pagamento, isso é receptação...pois o material foi entregue e está sendo utilizado e o gen sabia que era material roubado.

    1. Concordo com a observação, acho que poderia ficar assim:" ...inclusive do procurador...", que tal?

  45. Parabéns, Crusoé! Até aqui só tenho visto vocês se pautarem pela verdade, diferentemente da grande mídia, que é a maior propagadora de fake news que existe.

  46. Só não ver quem não quer. Bela matéria. Esses criminosos acreditam tanto na impunidade albergada nitidamente pelo STF que deixam rastros. Ratos! Porcos! Imundos!

  47. Tudo isso já demontra que é ilegal. Mas nem a "justiça", vulgo STF, enxerga. E a mídia corrompida também não divulga, e as pessoas que são viciadas nessas emissoras não ficam sabendo. O Brasil está com os sistemas Judiciário e Legislativo, muito doents.

  48. Venda de conversas de autoridades interceptadas ilegalmente virou um bom filão para ganhar dinheiro, principalmente depois do tribunal da excrescência admití-las como provas nos julgamentos que lhe convem.

  49. Isso tudo já não faz diferença alguma. A Lava jato já está ferida de morte, graças aos diversos ataques que vem sofrendo, sem que o bozo tome qualquer atitude ou pronuncie al menos uma palavra para tentar reverter. Todos sabemos o motivo.

  50. A polícia federal esta abrindo picada, certamente vai elucidar para toda sociedade, quem é quem neste embrolio. Parabéns pela reportagem.

  51. Estudantes de direito! Pelo andar da carruagem um dia chegarão ao Stf. Um deles já tem um saldo de 3 milhões (em que banco será?).

  52. Simplesmente está vindo à tona o que qualquer um com um pouquinho de inteligência já sabia. E agora? O que diz a canalhada esquerdista? Até agora todos estão com as línguas enfiadas nos respectivos rabos.

    1. Pelo jeito os jornalistas da Crusoé não leem os comentários. O erro apontado pelo Everton ainda está lá. investidores ao invés de investigadores. Mas o suposto erro apontado pelo Paulo não está lá. Só se arrumaram.

    2. na verdade ele usou erroneamente o termo 'investidor', ao invés de 'investigador'.

  53. Com a simples leitura dos artigos do Código de Processo Penal 234. 156, 181, 209, 242, 383, 497, 502, 538 e correlatos se constata a inconsistência e o esvaziamento do sentido forçado e falso das mensagens, induzido por GG. O "Verdevaldo" do IntercePT, tentou confundir a atuação do juiz e procuradores federais com o previsto no artigo 254, IV do CPP, sobre "aconselhamento" das partes - o que nada tem a ver com as diligências obrigatórias e necessárias ao julgamento.

  54. As provas, constantes dos autos, que serviram à condenação do criminoso, deveriam logicamente ser objeto de maior destaque nas manchetes jornalísticas que diálogos soltos, fora do contexto, “temperados” com insinuações forçadas como impróprias sobre conversas absolutamente próprias, normais, previstas no CPP, que em nada afetam a atuação do juiz com os procuradores federais.

  55. O americano pederasta que se diz marido do marido deputado e pederasta, é conhecido agora como GG! Ou seja Gay Gay! Gay Gay vai bem?

  56. Típico do pederasta GG, a "esposa do maridão", que comprou o mandato parlamentar de outro pederasta, com o dinheiro da ORCRIM petista. É a forma do GG pederasta pagar a ORCRIM.

    1. Porque em breve vai estar todo mundo fora da cadeia, graças ao STF e ao Senado/ congresso...

  57. Continuo afirmando; são verdadeiros ratos de esgoto pet! Só não entendo porque o responsável por espalhar as notícias para vários órgãos ainda está solto. Será que ele tem imunidade do seu parlamentar?

  58. Alguém sabe informar por onde anda o "GLEN"? Antes dessa últimas notícias, sobre a evolução das investigações da PF, ele se manifestava no seu twitter o tempo todo; concedia entrevistas para simpatizantes; posava de "herói". Será que o HC preventivo concedido a ele pelo GM (bandido nacional), servirá de salvo conduto; até quando...vamos aguardar, estamos ansiosos...hehehe...

    1. Os dois estudantes de direito,envolvidos no caso,poderão futuramente estar no STJ .Imagino o caráter destes dois!? Avante,Lava Jato!

  59. É uma pena, mas nada disso muda o curso da história, que já está traçado por suas excelências em Brasília. Precisavam de um motivo para desmoralizar a Lava Jato e soltar Lula e asseclas, e as mensagens serviram a isso. Agora esses babacas vão ficar presos, mas o estrago já está feito. Verdevaldo é outra peça que já perdeu importância no jogo. Se vai ser preso ou não, é irrelevante, embora bem mereça. Infelizmente ainda estamos fadados a ter essa corja desfrutando do poder por muito tempo.

    1. Sintetizou bem, o momento do Brasil. E, pior, ñ temos mais esperança . Alguns falam no jipe e no cabo, mas o Exército tem muuuita melancia. Juventude!!!! Se quiserem ter filhos, saiam desse país. É muita irresponsabilidade colocar m filho num país podre desse.

    2. Não perca as esperanças. Há um Moro no meio do caminho que, enquanto simples juiz, já derrubou uma presidanta.

  60. Em um País que a Suprema Corte decide, acabar com a Lava Jato, baseado em Lei inexistente, no mais puro ACHISMO, GleenFraude é Herói.

  61. muitos agora estão com medo. Por isso, do pacote do abuso de autoridade e querem cancelar vereditos da LAVA-JATO (quem? perguntar não ofende e não estou acusando ninguém).

  62. Manu deve ter providenciado os recursos do PT (que ainda tem muito dinheiro roubado) para autorizar os hackers a entregar as msgs para o verdevaldo. tic tac tic tac...

  63. aguardo ANSIOSA o nome dos demais envolvidos nesta nova QUADRILHA descoberta pela PF.De politicos já chegamos na MANUELA mas chegaremos no chefe da ORCRIM. a PF devia pedir ajuda da CIA !!! TEMOS PRESSA antes que soltem o presidiario cachaceiro !!!

  64. Verdevaldo, Chiclete, Molição... O arco-íris de nomes, dados e revelações está finalmente sendo desmontado. Vamos ver até onde chegam as investigações.

  65. Pela primeira vez o país está vivendo uma crise fora do executivo. O que vai acontecer é que o judiciário vai acabar com estas investigações com objetivo único de acabar com a lava jato para depois torar o presidente do planalto.

  66. Gostaria de entender melhor as implicações para o humorista envolvido, com ou sem venda de informações, assim como para o dono do Intercept.

    1. duvivier tambem deveria ser ouvido, e ate preso. conspirando contra o governo.

    2. Isso mesmo. Há, objetivamente, alguma implicação criminal no papel deles neste romance policial todo?

  67. Pelo conteúdo das mensagens roubadas é bem provável que o STF manda prender Moro e Dellagnol. Nao duvido de mais nada vindo dessa SUPREMA Corte de lacaios

    1. Pergunto: até quando oSTF vai fazer o q quer em benefício próprio e dos amigos?Temos q pagar duplamente a dívida desses ...

  68. Infelizmente STF deu salvo conduto ao Verdevaldo!!! Não sei como a PF e MPF irão pedir autorização para investigá-lo... A pior ORCRIM que existe é a do Judiciário, em especial o STF...

  69. Questões de "gênero ". Nunca mais a turma LGBT vai esquecer que proteção junto à bandidos de colarinho branco, infiltrado em todos os poderes, tem o preço de um arco-íris. Se Joaquim Barbosa tivesse representado o STF e o Brasil no Mensalão, a realidade hoje seria mais auspiciosa. Na estória desse Brasil tupiniquim tem nomes como José Sarney, Joaquim, Raoni e Chico. Os nomes dos conduzem aos factos. Lula é apenas massa de manobra. STF é apenas candidato ao absurdo.

  70. rufião cafetão proxineta dono do puteiro organizador da suruba. não se assustem se os cinco não soltarem os frequentadores do puteiro. Brasil pátria mamada!

  71. A polícia federal faz seu trabalho juízes honestos e comprometido c justiça são poucos e STF quando veem q vão atingir seus peotegidos agem fora da lei como sempre acontece p proteger seus pares a kuta agora e a população d bem defender Sergio Moro e os procurados pqa pedra ja foi cantada infelizmente .Parabens PF Sergio Moro Procurados somos Brasil d bem

  72. O Brasil é um bordel gigante . Nele as prostitutas mais poderosas ocupam os principais cargos no Executivo , Legislativo e Judiciário . Podem conferir , nos 3 poderes não escapa ninguém . Só fechando para balanço essa zona de bordel chamada puteiro Brasil.

  73. Verde Valdo, vermelho, chiclete e altri cores; que lindo, o arco íris movido a muito $$$ e falcatruas de todas as espécies. Só gente fina.

Mais notícias
Assine
TOPO