Adriano Machado/CrusoéO presidente tentou subordinar os militares, mas levou um contra-ataque

Os generais enquadram o capitão

O alto comando das Forças Armadas reage à tentativa de Bolsonaro de usar os quartéis politicamente. A crise, porém, não acabou
02.04.21

Jair Bolsonaro jamais foi considerado um quadro de respeito entre os oficiais de altas patentes das Forças Armadas. No passado, ainda como militar e depois como novato na política, ele cultivava o hábito de panfletar em porta de quartel. Sempre foi malvisto por caracterizar-se como uma espécie de sindicalista afeito a confusões e representante de interesses corporativistas das patentes mais baixas. No Congresso, durante os seus nove mandatos como deputado, a marcha permaneceu a mesma: o capitão reformado se dedicou a causas menores, prestou homenagens a parentes de PMs acusados de envolvimento com as milícias do Rio de Janeiro e cercou-se de personagens como Fabrício Queiroz. No governo, o que houve foi um casamento de conveniência. Muitos militares estrelados, especialmente da reserva, enxergaram em Bolsonaro a oportunidade de ocupar espaços importantes da máquina federal e embarcaram, então, no projeto do político capitão. A aliança funcionou. Empossado, Bolsonaro loteou o primeiro escalão do governo entre generais, colocou militares em conselhos de estatais e garantiu que as três forças tivessem um acesso mais privilegiados ao caixa.

A mentalidade dos velhos tempos de capitão não mudou com a chegada a Brasília. Bem aquinhoados no topo da máquina federal, os militares preferiram fechar os olhos para a postura presidencial, como também para as barbaridades ideológicas do governo, que descambaram na condução trágica da pandemia – com participação efetiva de um fardado da ativa, o general Eduardo Pazuello. A origem no Exército e o sentimento de que, como presidente e comandante-em-chefe das Forças Armadas, poderia gozar do prestígio e do poder que jamais teve enquanto vestia farda, porém, fizeram Bolsonaro achar que poderia manobrar os quartéis, inclusive trazendo-os para o tabuleiro de seu jogo político.

Desde que viu o projeto de reeleição ameaçado pelo agravamento da tragédia do coronavírus e pelo péssimo desempenho da economia, o presidente intensificou suas costumeiras insinuações golpistas e adotou um pronome possessivo ao se referir às forças. O Exército virou “meu Exército”. Acendeu-se, então, um sinal amarelo entre os militares mais graduados da ativa.

Nesta semana, Bolsonaro manteve o método que o caracterizou na vida pública. Só que, dessa vez, com um alto custo para as Forças Armadas. Nos bastidores, o presidente passou a pressionar o general Fernando Azevedo e Silva, até então titular do Ministério da Defesa, por manifestações públicas de apoio ao governo. Ele exigia a cabeça do comandante do Exército, Edson Pujol, crítico das tentativas do presidente de usar as tropas para fins políticos. Descontente com a resistência dos militares em amparar seus devaneios antidemocráticos e a endossar o seu discurso negacionista em meio a escalada de mortes, Bolsonaro acendeu o estopim da maior crise na caserna desde a redemocratização. Para mostrar que manda, exonerou o ministro da Defesa. Na sequência, os comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica puseram seus cargos à disposição, uma situação inédita. A investida de Bolsonaro teve efeito inverso: uniu o alto comando militar em torno da necessidade de impedir que instituições de estado sejam usadas em favor das conveniências do governo e de seu chefe de ocasião. Bolsonaro acabou, ele próprio, enquadrado em sua iniciativa.

Nem mesmo o plano de tirar Pujol do comando do Exército para colocar um general mais obediente no lugar surtiu tanto efeito. A contragosto do presidente, o alto generalato se moveu para evitar que a troca resultasse no atendimento das vontades de Bolsonaro. Restou a ele nomear para a posição o general Paulo Sérgio Nogueira, que dias antes havia atiçado sua ira ao defender, numa entrevista ainda como responsável pela área de saúde do Exército, a adoção de boas práticas sanitárias e de distanciamento social para conter o avanço da pandemia — o contrário do que o presidente defende.

Embora fosse o terceiro na lista de antiguidade – não é regra, mas reza a tradição que o oficial mais antigo tem preferência para comandar a tropa –, Nogueira foi quase que imposto ao Planalto pelo Alto Comando do Exército. Muito respeitado internamente e com perfil apaziguador, ele jamais foi a primeira, a segunda ou a terceira opção de Bolsonaro, mas era o nome a ser oferecido pela força para serenar os ânimos e debelar o clima de golpe instaurado em Brasília a partir das demissões. Na Marinha e na Aeronáutica, onde o almirante Ilques Barbosa foi substituído por Almir Garnier e o brigadeiro Antônio Moretti Bermudez deu lugar Carlos Baptista Jr., as substituições foram um pouco mais ao gosto do Planalto, mas ainda assim parecem estar longe de dar ao presidente o que ele desejava ter. A crise, no entanto, parece não ter data para acabar já que, nos corredores do Planalto, comenta-se que o presidente pretende monitorar o comportamento dos recém-nomeados de perto.

A nomeação do general Walter Braga Netto, até então chefe da Casa Civil, para o Ministério da Defesa tem por objetivo levar os quartéis na rédea curta. Braga Netto, um dos ministros-generais mais próximos de Bolsonaro, é conhecido por ser um fiel cumpridor de ordens. Se o presidente seguir em seu intento de usar os militares para se fortalecer politicamente, o recado está dado: de novo, haverá reação. A seguir, Crusoé apresenta o quadro geral da crise que ainda não terminou.

Por que Bolsonaro quer politizar as Forças Armadas?

Até então homem de confiança do presidente, o general Fernando Azevedo e Silva foi demitido em cinco minutos por Bolsonaro na tarde de segunda-feira, 29, e substituído no comando do Ministério da Defesa por Braga Netto, que deixou uma posição de destaque dentro do Palácio do Planalto para promover as mudanças desejadas pelo chefe. A escolha de um ministro palaciano muito próximo de Bolsonaro gerou desconforto e consolidou a apreensão quanto à desejada ingerência do presidente nas Forças Armadas. A primeira atitude de Braga Netto amplificou a tensão: ao saber que os três comandantes militares colocariam os cargos à disposição, o general se antecipou e os demitiu a mando de Bolsonaro, sem sequer ter escolhido os sucessores. A intenção de Bolsonaro de politizar as Forças Armadas ficou explícita diante do conteúdo de notas divulgadas após o episódio por Fernando Azevedo e Silva e pelo comandante da Aeronáutica, Antônio Carlos Bermudez.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéAzevedo saiu dizendo que manteve as Forças Armadas como “instituições de estado”
No comunicado, Azevedo reafirmou lealdade ao presidente Bolsonaro, mas fez questão de dizer que, no cargo, atuou para preservar “as Forças Armadas como instituições de estado”. O recado estava dado: a demissão havia acontecido porque o presidente queria usá-las a serviço do governo. Bermudez seguiu a mesma linha, também em nota pública. Com a repercussão negativa da intervenção no Ministério da Defesa, o presidente disse que joga “dentro dos limites da Constituição”, mas não refutou as especulações de que estaria nutrindo desejos golpistas. Nesta quinta-feira, 1º de abril, ele negou que esteja tentando politizar as Forças Armadas.

Especialistas ouvidos por Crusoé levantam a hipótese de que Bolsonaro esteja querendo politizar as Forças Armadas para, futuramente, caso precise – na iminência de um impeachment, por exemplo –, ele  tenha condições de ao menos tentar usar a tropa em seu favor. O presidente também tem defendido, nos bastidores, uma intervenção do Exército sobre as polícias militares dos estados que, por determinação de governadores, atuam contra cidadãos que descumprem as medidas restritivas contra a Covid-19. Bolsonaro comparou as regras sanitárias baixadas pelos governadores a um “estado de sítio”. Nas últimas semanas, ele vinha cobrando do general Edson Pujol, então comandante do Exército, providências contra as ações de isolamento social. O comandante do Exército não cedeu, até porque concordava com a maior parte das medidas.

As Forças Armadas embarcariam em uma aventura golpista?

Para além do trauma causado na sociedade brasileira pela violência imposta pela ditadura em 21 anos de regime, militares da reserva afirmam que a própria cultura da geração que hoje comanda as Forças Armadas afasta qualquer chance de uma nova aventura golpista no país – a maioria dos generais, almirantes e brigadeiros que ocupa postos de comando ingressou nas instituições no fim da década de 1970, quando o governo militar já estava desgastado e o movimento pela redemocratização crescia no país.

“Naquela época era outra conjuntura internacional, havia uma ameaça de expansão comunista na Guerra Fria, teorias de luta armada para tomada de poder. Os desafios hoje são outros. As Forças Armadas são defensoras da pátria e da Constituição. Suscitar uma nova intervenção militar com Bolsonaro é uma campanha de fanatismo desconectada da realidade. Não tem a mínima chance de acontecer“, afirma o general da reserva Carlos Alberto dos Santos Cruz, que foi demitido da Secretaria de Governo no sexto mês de governo por divergências com outros integrantes do gabinete de Bolsonaro.

Waldemir Barreto/Agência SenadoWaldemir Barreto/Agência SenadoNo ano passado, Pujol chegou a verbalizar a resistência à interferência política
“Muitos dos atuais integrantes do Alto Comando foram meus cadetes, quando eu era instrutor da Academia Militar das Agulhas Negras, a Aman. Conheço bem esses generais, sei como foram formados, e tenho certeza de que as investidas do presidente não terão nenhum resultado”, faz coro o general da reserva Paulo Chagas, ex-comandante do Regimento Dragões da Independência, que serve à Presidência da República. Na mesma toada, o general Francisco Mamede de Brito, que foi instrutor da Aman ao lado do ex-ministro Fernando Azevedo e do novo comandante do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira, diz que a atual geração militar é “descontaminada de qualquer resquício de pensamento autoritário ou intervencionista”.

A missão de Braga Netto, o novo ministro da Defesa

Da criação do Ministério da Defesa, em 1999, até 2018, apenas civis haviam ocupado o cargo que unificou o comando estratégico das Forças Armadas. Foram nove ministros sem vinculação militar até o então presidente Michel Temer escolher o general Joaquim Silva e Luna, recém-escolhido no cargo de presidente da Petrobras, para comandar a pasta. Bolsonaro seguiu o caminho do antecessor e manteve a militarização no comando da Defesa com a nomeação do general Fernando Azevedo e Silva, demitido nesta semana por se recusar a fazer o jogo político do presidente.

Isac Nóbrega/PRIsac Nóbrega/PRBraga Netto: fama de mandão de cima para baixo e de obediente de baixo para cima
A expectativa é que a chegada de Braga Netto ao ministério provoque um alinhamento retórico do Ministério da Defesa com o Planalto. Ele é tido como o militar mais político da Esplanada, ao lado do general Luiz Eduardo Ramos, que assumiu a Casa Civil. Isso não significa, necessariamente, que a troca vá resultar em ações práticas que coloquem em risco o regime democrático. “O próprio general Braga Netto, que foi mandado como mensageiro do presidente ao Ministério da Defesa, tem uma formação que não permite uma atitude contrária à Constituição”, avalia o general da reserva Paulo Chagas.

Ainda que não implique risco automático à estabilidade institucional, o papel que Braga Netto se dispôs a desempenhar compromete a imagem das Forças Armadas e deve colocá-lo na alça de mira dos oficiais-generais da ativa refratários a ordens subordinadas a projetos políticos personalistas. “Acho que Jair Bolsonaro criou uma crise menor para desviar o foco da crise maior. No entanto, empurra as Forças Armadas para fora da zona de conforto. Braga Netto vai enfrentar a rejeição delas, e pode não sobreviver. Acho que foi um tiro no pé. Será uma crise duradoura”, acredita o general da reserva Maynard Santa Rosa, que se demitiu da Secretaria de Assuntos Estratégicos com menos de um ano de governo, em meio ao aparelhamento ideológico da máquina.

O que esperar dos novos comandantes

A traumática mudança feita por Bolsonaro na cúpula militar desencadeou enorme apreensão sobre os nomes que seriam escolhidos como substitutos. Mas a escolha do general Paulo Sérgio Nogueira, o terceiro mais antigo entre os generais quatro estrelas, foi vista como um recuo do presidente diante da repercussão negativa provocada pelas demissões. Cearense, formado na turma de 1980 da Aman, o general que comandará a maior das três forças – o Exército reúne 60% dos cerca de 380 mil militares do país – tem 59 anos de idade e é descrito por colegas como um militar com jogo de cintura e que aprecia o diálogo. Se não irá endossar eventuais acessos autoritários de Bolsonaro, Nogueira também não deverá fazer manifestações públicas ressaltando o papel do Exército como instituição de estado para fazer frente a ameaças do presidente, como fez seu antecessor – no ano passado, Pujol declarou que a corporação “não tem partido” e que militares não querem “fazer parte da política”.

Marcos Corrêa/PRMarcos Corrêa/PRBolsonaro posa com os novos comandantes e o novo ministro
O mesmo se espera do novo comandante da Marinha, o almirante de esquadra Almir Garnier Santos, de 60 anos. Nascido no Rio de Janeiro e segundo mais antigo da força, o almirante chegou ao topo da hierarquia na Marinha em 2018, depois de ter assessorado ministros da Defesa no governo do PT, como Celso Amorim, Jaques Wagner e Aldo Rebelo, além de Raul Jungmann na gestão de Michel Temer. No atual governo, Garnier era o número dois do ministério.

O nome realmente próximo do bolsonarismo é o do novo comandante da Aeronáutica, o brigadeiro Carlos Almeida Baptista Junior, que compartilha mensagens difundidas pela militância bolsonarista nas redes sociais. Primeiro na ordem de antiguidade, Baptista Jr. assume um cargo que já foi ocupado pelo pai dele, entre 1999 e 2003, no governo Fernando Henrique Cardoso. Com os holofotes voltados para a nova cúpula militar, generais da reserva ouvidos por Crusoé acreditam, no entanto, que será improvável qualquer manifestação de apoio de um dos novos comandantes ao governo. O papel político cobrado por Bolsonaro, ressaltam, deve ficar concentrado na figura do ministro Braga Netto, que se transferiu para a reserva no ano passado.

O papel das Forças Armadas

Constituídas pelo Exército, pela Marinha e pela Aeronáutica, as Forças Armadas atuam desde o século XVII na defesa da soberania territorial, como ocorreu na Guerra do Paraguai, entre 1864 e 1870, mas têm um vasto histórico de envolvimento na política nacional, como na Proclamação da República, em 1889, no início e no fim da ditadura de Getúlio Vargas, entre 1937 e 1945, e no golpe de 1964. Com a redemocratização do país, em 1985, e o Brasil fora dos conflitos bélicos contemporâneos, as Forças Armadas passaram a se voltar para atividades como a proteção das fronteiras, a execução de obras de infraestrutura em áreas longínquas e cumprimento de missões humanitárias, no Brasil e no exterior — entre 2004 e 2017, por exemplo, o Exército integrou as forças de paz enviadas pela ONU ao Haiti.

Agora na pandemia, por exemplo, o Exército tem participado da instalação de hospitais de campanha e a Força Aérea tem atuado no transporte de pacientes e de suprimentos. “No Brasil, os militares são como o Bombril. Eles vivem tapando os buracos das coisas que não funcionam no país”, definiu o ex-ministro da Defesa Raul Jungmann, em entrevista a Crusoé em outubro do ano passado. Jungmann é um dos defensores da aprovação de um plano nacional de defesa para dar mais sentido à atuação do Exército, da Marinha e da Aeronática, mas a proposta ainda não ecoou no Congresso.

Divulgação/AeronáuticaDivulgação/AeronáuticaAvião C-130 da FAB com cilindros de oxigênio: missão de socorro na pandemia
Pela Constituição de 1988, as Forças Armadas foram definidas como “instituições nacionais permanentes e regulares, organizadas com base na hierarquia e na disciplina, sob a autoridade suprema do Presidente da República”, com três objetivos específicos: a defesa da pátria, a garantia dos poderes constitucionais e a garantia da lei e da ordem. É exatamente essa última missão que tem fomentado o apelo da militância bolsonarista para que o presidente invoque o artigo 142 da Carta Magna para promover uma intervenção militar. Uma ideia que já foi defendida pelo próprio Bolsonaro.

“Nós queremos fazer cumprir o artigo 142 da Constituição. Todo mundo quer fazer cumprir o artigo 142 da Constituição. E, havendo necessidade, qualquer dos Poderes pode, né? Pedir às Forças Armadas que intervenham para restabelecer a ordem no Brasil”, disse o presidente na reunião ministerial de abril do ano passado, quando ele já criticava as medidas restritivas adotadas por governadores e prefeitos para combater a pandemia e o respaldo jurídico que o Supremo havia dado a elas.

Em junho do ano passado, o ministro Luiz Fux, hoje presidente da corte, assinou uma liminar delimitando a interpretação do artigo. No despacho, ele diz que o presidente da República não pode autorizar o emprego das Forças Armadas contra os outros poderes. Bolsonaro, ao que tudo indica, ainda não se deu por vencido – e acredita que pode manejar os quartéis da maneira que lhe convém. Felizmente, até aqui, tem prevalecido o entendimento de que as três forças não podem servir aos chefes políticos de ocasião. Que assim seja.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Brasil em Lockdown atingiu o maior número de mortes por Covid por dia. Será que esses Governadores entenderam, ou precisa desenhar ?

    1. Afrânio burraneo.... Não lê nem vê notícias... Só acredita nas news do grupo de whatsapp da família dele. Afrânio burraneo, só escreve burrices.

  2. aos repórteres Fábio e Heloisa, que nada sabem sobre o REGIME DE EXCEÇÃO: Não foi "golpe" e sim um CONTRA GOLPE ante os anseios comunistas de tornar o Brasil um país comunista igual a CUBA, COREIA DO NORTE, CHINA, ex-URSS. Vão estudar com quem realmente sabe a história do REGIME DE EXCEÇÃO.

  3. Não fiquei traumatizado na época do Regime de Exceção, pelo contrário, foi a época mais feliz da minha vida; tinha segurança, saúde e empregos. O que nunca mais ocorreu depois que o poder passou aos civis. A partir de então só houve sacanagens, roubalheiras e fome de mais poder de parte dos civis. Detalhew: Não sou e nunca fui militar.

  4. Bela "narrativa", precisa ser conferida, frases dos generais fora do contesto. A Cruzoé não parece mais a ilha de jornalismo que se propunha.

  5. A Cruzoé esquerdizou de vez., Diogo Mainardi que o diga, infelizmente vocês já eram e seguem o caminho de outras revistas esquerdistas. Dois jornalistas fracos e fofoqueiros, escreveram essa porcaria de artigo, só psicopatas pra ler e parabenizar os escritores, são gados.

  6. Já que a Crusoe sabe o que o alto comando militar deseja, gostaria de saber quando ocorrerá o Golpe que vocês tanto criticam. Veja só: o Governo Federal muda o Alto Comando é quem foi enquadrado foi o Presidente. Essa Crusoe é uma Canalhada sem fim.

    1. Não cara, eu to me divertindo com vc. O revoltado aqui são os bozistas com a queda eminente do genocida q eles idolatram.

    2. Ahahahahah...ficou brabinho é? Palhaço Bozo, seu "gado" esquerdista, o mesmo eu digo de seus comentários, umas porcarias sem pé nem cabeça. Vá procurar seu picadeiro pra se apresentar.

    3. Tião, rebanho bovino é marca registrada bozista. Seus comentários são tão patéticos e desprovidos de lógica e bom senso q eu chego até a me divertir com eles. Resultado claro da lobotomização bozista.

    4. Para o bem do Brasil: Lula lá, na cadeia, e o bozo também.

    5. Parabéns Afranio pelo seu comentário. Não ligue e não se chateia com as críticas do "gado" esquerdista de plantão. igual esse energúmeno que se esconde atrás do codinome Palhaço Bozo, sem a mínima credibilidade.

    6. O terra plana, vá ver se o bozo está lá na esquina fazendo um golden shower!

  7. Na minha longa experiência profissional, eu já vi muitos desagregadores/sabotadores em equipes de trabalho. O papel do chefe é sempre o de administrar conflitos e agregar os esforços, na direção correta. O Bolsonero faz justamente o contrário. É o único chefe desagregador/sabotador que eu vi. Com sua inépcia, ideias disfuncionais e interesses que giram ao redor do seu umbigo, ele está trazendo o caos para o país!

    1. A atual situação política e os desafetos foram crias dele, justamente por ele ser um desagregador e sabotador!

    2. Afranio manso, o desagregador é o bozo e não os outros.

    3. Que tipo de agrado os desafetos de Bolsanaro precisam pra se agregar meu caro ? Aliás, quem são os principais desafetos do Governo Federal ? Você seria agregador diante da atual situação política ?

  8. Os militares têm enorme dívida com o Brasil! O pior e derradeiro golpe foi perpetrado por eles em 15 de novembro de 1889! O república foi o pior caminho de todos! Se fôssemos uma monarquia estaríamos muito melhor!

  9. O pangaré sociopata foi buscar lã e saiu tosquiado. Que as FAs continuem com seu profissionalismo para manterem a confiabilidade que nelas tem a população.

  10. Parabéns aos jornalistas Fábio Leite e Helena Mader pela matéria esclarecedora e rica em depoimentos de ex oficiais conhecedores do “clima” predominante nos quartéis de então. Parabéns Crusoé. Em frente!

  11. Parem de assinar este PASQUIM, eles renovam sua assinatura automaticamente todo ano, baseados em cláusula contratual que ninguém lê.

  12. Que redemocratização? Você e idiota ou o que jornalista de merda. Vai escrever pra Folha seu verme. Por essas e outras já cancelei minha assinatura nessa revista de merda.

    1. Se já cancelastes a assinatura , porque continuas lendo as matérias???! ??!!!????

    2. Estilo bozista, medíocre e malcriado! Se cancelou a assinatura porque continua lendo?

    3. Bozomerda detectado, essa falacia.de cancelamento de assinatura já ta manjada. Gado do bozo nunca vai cancelar, pois é o trabalho dele no gabinete do odio exatamente vir fazer esses comentarios ridículos aqui.

  13. O Centrão é conivente com as loucuras do Bolsonaro!!!Estão com a chave do cofre nas mãos!!!Por isso fazem vista grossa, e seguram os mais de 60 pedidos de IMPEACHMENT do presidente.FORA BOLSONARO!!!

    1. Esse "apedeuta" já fez estragos demais FORA BOLSONARO!!!

  14. UM DOS MAIORES ERROS DO EXÉRCITO FOI NÃO TER EXPULSADO ESTE ELEMENTO IDIOTA, COVARDE E FANFARRÃO POIS REFORMAR UM TENENTE ALOPRADO POR AMEAÇA DE TERRORISMO, MESMO SABENDO QUE TUDO SERIA UMA FANFARRONICE DESTE BOSTA, DEU COMBUSTÍVEL PARA ESTA SITUAÇÃO QUE O PAÍS SE ENCONTRA. NÃO SE PODE DAR UM PRÊMIO A QUEM ATENTA CONTRA A HIERARQUIA MILITAR. APESAR DE TODA A SITUAÇÃO AS FORÇAS ARMADAS JAMAIS SE CURVARÃO AOS DELÍRIOS DE UM LOUCO SOB PENA DE SEREM COAUTORES DESTE DESASTRE. MORO PRESIDENTE EM 2022!

    1. O bozo já está derretendo e os bozistas estão desesperados!

    2. A verdade dói né Pedro? Bozistas viciados em fake news não estão acostumados com a verdade. Desejo-lhe forças para aguentar a realidade!

  15. Gostaria apenas que ele crescesse, ele usa a presidência como um brinquedo! O que ele fez para a pandemia? Agora com falta de vacinas por culpa só dele, ele oferece o exército para aplicar vacinas, sendo que o que falta são as próprias e o país tem estrutura para aplicar 2 milhões de vacinas por dia!

  16. Estão nossas Instituições de Estado cumprindo seu papel constitucional? Não vejo assim com um Judiciário viciado e um Congresso, salvo raras exceções, ocupado por crápulas, máfias e outros adjetivos nada honrosos. Crusoé deixou de ser isenta há muito tempo. Nunca vi uma reportagem mostrando ações positivas, e elas existem.

    1. Antonio, como vc é um bozista defensor do genocidio de brasileiros, deveria estar agradecendo por termos um Judiciário "viciado" e um congresso de "crápulas", pois do contrário o papai Bozo já teria sido impichado e menos pessoas teriam morrido pela omissao e negligência presidencial no combate da pandemia.

  17. C. Braga Neto no Ministério da Defesa gera risco maior de contaminação das Forças Armadas pela política. Ademais, Braga Neto deveria explicar as circunstâncias e responsabilidades pelas mortes ocorridas em 2017 no Complexo do Salgueiro, Rio de Janeiro. Quem matou as onze pessoas, naquela noite, dentre as quais um trabalhador a caminho do trabalho?

  18. que a emitiu. Parabéns aos militares responsáveis, ínclitos, inteligentes, patriotas que enxergaram esse truísmo. É tempo de expurgar da Armada as nulidades, as imbecilidades. A Armada precisa ter um contingente fixo de 250 mil homens e rotativo por 2 ou 3 anos de 750, espalhadas pelo Brasil, principalmente em agrovilas autossustentáveis na Amazônia. Formação de quadros com alta tecnicidade para oficialidade e técnicos básicos na tropa. Educação e compromisso com o Estado Brasileiro.

    1. Ivanilson, sei que deve ser difícil para vcs que estão viciados nas fake news bozistas. Mas por favor, não desista da Crusoé, com o tempo e a perseverança vc será capaz de se livrar do vício em mentiras para, então, poder sentir prazer em ler Crusoé.

    2. Uma revista séria para o bozistinha é passar pano para bandido. Vai logo embora daqui, não fará falta nenhuma!

  19. Um desserviço essa reportagem... O que vejo por trás desse discurso, é uma narrativa de diligenciar um movimento com JB. Fazendo dele um louco, e dessa forma, justificar um impeachment. Permita-me declinar de sua opinião, pois ela, além de facínora, é tb fantasiosa. Ignóbil!

    1. Newton, acredite cara! Existe um mundo de realidade e verdade fora dessa bolha bozista de desinformações e mentiras. Estou torcendo para que vc consiga se desvencilhar dessa rede lobotomizante de mentiras ideológicas.

    2. Bozo tentou um golpe chavista, mas o defensor de bandido não gostou do resultado? Q vá para a venezuela então!

  20. Se GENERAIS assumem posições político/partidárias/ideológicas, SOLDADOS e CABOS também podem fazê-lo. A organização militar é fundamentada na obediência, na hierarquia. É difícil imaginar uma organização militar fazendo sempre assembleias para decidir se tal ou qual decisão será cumprida ou não.A ordem em tais organizações têm sentido de cima para baixo. As responsabilidades são maiores justamente no topo da cadeia. Ao executar uma ordem danosa o soldado é muito menos penalizado que o general

  21. Esse novo comandante do Exército parece mais humilde e com um ego normal: só usa uma medalha no peito! Deve ser inteligente!

    1. Medalha no peito de militar é sinal de inteligência e coragem, cidadão! Vai se informar melhor sobre as Forças Armadas!

  22. Vicente Lana Bosolnaro é um psicopata. Psicopatas possuem fixação em seus intentos, ele irá continuar insistindo, manipulando, uma vez que foi contrariado

  23. Bolsonaro é um cadáver político ambulante e como tal emana o cheiro nauseabundo que nos enoja . Só falta jogar a pá de cal para terminar este suplício social. Enquanto isto o Ex-presidiario Petista vai avançando na surdina . Pandemia , Bolsonarismo e Petismo é a triste sina da sociedade brasileira . Até quando?

  24. E ficará atrasada para sempre, pensei que vcs seriam um canal que fosse trabalhar como jornalistas isentos e com o compromisso de ajudar a levar o Brasil adiante. Transformou-se num jornalismo de folhetim.

    1. Imprensa isenta é apoiar as loucuras desse psicopata? Só mesmo gado pra não enxergar.

    2. E tu queres o que, que a imprensa apoi uma ditadura e ainda por cima com um psicopata no poder? Energúmeno!

    3. Esse Brasil adiante é com Bolsonaro? Explica ai Sérgio.

  25. Ótima matéria. E quem diz estar cancelando a assinatura em função dela, fazem bem. Se não tem amadurecimento polítco, realmente é melhor sair da sala e deixar a política para os adultos. Quer ser conservador, bem, leia de Burke à Scruton. Não quer ler? Pelo menos entenda que conservadores querem aprimorar suas instituições, não derrubá-las. Isso é coisa de extremistas de esquerda ou direita (tanto faz), ou seja, coisa de adolescentes, ou pior, de adultos problemáticos e sem amadurecimento.

    1. Excelente comentário. A direita não aceita panfletagens, ela dá voz pessoas informadas.

    2. Excelente comentário! Faço minhas suas palavras.

    1. Agora vai mesmo, não fique só na ameaça, e nos deixem em paz!!

    2. Vade retro e segue teu rumo ao inferno, que é isso que o psicopata quer para esse bananal. Como se já não vivêssemos um com esse maluco!

    3. Se não tem amadurecimento polítco, realmente é melhor sair da sala e deixar a política para os adultos. Quer ser conservador, bem, leia de Burke à Scruton. Não quer ler? Pelo menos entenda que conservadores querem aprimorar suas instituições, não derrubá-las. Isso é coisa de extremistas de esquerda ou direita (tanto faz), ou seja, coisa de adolescentes, ou pior, de adultos problemáticos e sem amadurecimento.

    1. Imaginação bem fertil e, ao estilo Narnia de ficção, é o que a manada bovina vive com essa idolatria para com o papai bozo.

  26. que matéria fria... todo mundo sabe que no caso do ministro da saúde, um general da ativa, o STF e o Congresso estavam armando um processo contra ele com prisão. Imaginaram o que seria um general da ativa ser preso pelo STF. Era tudo que os comunistas desejavam e os contra a democracia. Só para bagunçar.

    1. E para de rodar esse disco velho e arranhado de comunismo. Enxerga pelo um palmo diante do teu nariz, ou melhor, um milímetro, e sai desse teu marasmo intelectual.

    2. O congresso e stfzinho estavam armando a prisão do generaleco zuzu para servir de bode expiatório e poupar o verdadeiro responsável por este caos que o psicopata nos meteu. O eles são cúmplices de tudo. Motivo houve, há e haverá para varer o psicopata.

    3. Pois o correto era, mesmo com a saida dele, levar o processo adiante. Pessoas morreram com a omissao, negligencia e uso inadequado da pasta num momento de pandemia. Sinceramente, fico imaginando se esse fdp consegue deitar no travesseiro e dormir sabendo que muitos morreram praticamente por suas mãos. Ja q a justiça dos homens é falha e muitas vezes politicamente corporativista, que a de Deus nao deixe de alcançar ele e o então chefe dele.

  27. Penso que bem poucos brasileiros não considerem que o presidente Bolsonaro é um psicopata, ególatra, violento, irresponsável e perigoso para a o bem estar humano. A fama de pouco caso com a vida alheia, não foi eliminada.

  28. Bolsonaro é incompetente até para tentar dar um golpe. Erra muito, mas muito. É um roteiro feito por um escritor sem imaginação.

  29. Que as Forças Armadas cumpram seu papel. Uma instituição de estado. Espero que o novo ministro da defesa não embarque na canoa furada. Que ele respeite as instituições. As vezes me pego imaginando uma intervenção para que o General Mourao assuma a presidência. Precisamos de equilíbrio e segurança no cargo mais importante do país. Desse jeito estaremos encaminhando o país para uma réplica tupiniquim da Alemanha nazista.

  30. Devemos nos congratular com os chefes militares demissionários - sim, porque eles não foram demitidos como se quer fazer crer, pois demonstram com esse ato o desapego das idéias estapafúrdias desse PR.

    1. Fizeram o que se esperava que fizessem. Mostraram-se dignos das Instituições que comandavam. Estavam a serviço delas e não do candidato a ditador. Por que se aliariam a tal populista incompetente?

  31. Quero cancelar essa Crusoé! Jornalistas sensacionalistas mal informados! Comadres de quintal! Passo mal só de ler com tanta injúria!

    1. Vade retro!! Nos deixe em paz. Agora vá mesmo, não fique só de mi-mi-mi...

    2. 🤣🤣🤣🤣 Quem acredita em você ou no Bolsonaro?? Só os trouxas!!

    3. 🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄🐄

  32. Bolsonaro precisa adestrar o cérebro, com neurolinguisticas, técnicas etc. E quem sabe não melhora. Já seus seguidores precisam de um cérebro novo ou modificar neurônios.

  33. Expliquem direito PORQUÊ Bolsonaro foi expulso do Exército. Até parece que NÃO quiseram aprofundar no assunto pra que o cara não acabe ganhando mais simpatizantes. Entrevistem um soldado raso daquela época e perguntem qual o SOLDO recebido. Faça a mesma entrevista com um soldado profissional, com um cabo, sargento, tenente,..., e TALVEZ entenda a revolta de Bolsonaro. A rebelião criada por ele talvez não tenha logrado êxito na época, mas levou muita gente à reflexão.

    1. Bozo é um corrupto de merda como qualquer outro. Não me interessa quem ele foi ou fez. Importa apenas saber que é um merda de político do baixo clero da Câmara que enriqueceu na base do nepotismo e rachid (peculato). Agora, como presida, está dando as costas ao seu proprio povo para tentar se perpetuar no poder. Essa tentativa de golpe chavista, em meio a uma crise sanitária que ele criou, só mostra o quanto ele é um monstro do pântano, desprezível e ediondo.

  34. "...usar, politicamente, a Forças Armadas..." Cumpade, SE o Brasil tivesse liberado o porte e a posse de armas, NÃO precisaríamos de Forças Armadas. NÓS botaríamos pra correr os ladrões que fazem as Leis neste país. E NÃO se enganem: no Kosovo, da noite pro dia, foi bala pra todo lado. Era vizinho mandando chumbo em vizinho. E as Forças Armadas de lá não puderam fazer nada. Vcs, que apoiam os que roubam este país, não pense q ficaram IMPUNES. Seu dia vai chegar. Se não na Terra, então no Céu.

    1. LSB, esse golpe tentado pelos Bozistas não tinha intenção nenhuma de regenerar as instituições, basta ver toda a sordidez da cúpula bozista para tentar varrer os malfeitos passados e recentes da família bozó. Acreditar q o bozo vai fazer algo bom para os brasileiros é o mesmo que crer que o Lula é inocente e a alma mais honesta do Brasil. Foi uma tentativa de golpe bem aos moldes chavistas que não traria nenhum alento ao atual momento vivido por nossa nação. Mourão precisa assumir urgentemente.

    2. Apesar de radical, é o comentário mais “sensato”. E “perfeito idiota” é quem acredita que nossas instituições se regenerarão por si só, que é só o “povo aprender a votar” (como se o sistema proporcional não fosse uma verdadeira fraude), que acha que é só “combater a corrupção”, etc.

    3. General humilde e com ego pequeno. Só usa uma medalha no peito. Inteligente!

  35. Bolsonaro troca o alto comando das Forças Armadas e a Crusoe acha que ele foi enquadrado. Essa Crusoe é feira de VERMES. Aliás CANALHADA CRUSOE!

    1. Afrangonio, nos faz um favor, peça pra sair!! Agora sai mesmo não fique só de mi-mi-mi como vocês, gado, e o teu psicopata de estimação costumam falar.

    2. Afraneo segue o conselho do Palhaço Bozo e vai prá Venezuela. Ditadura é Mara.

    3. Afranio é um bozomerda tão burro e patético que não consegue nem enxergar o dono dele sendo lindamente enquadrado. Perdeu bozomerda, a tentativa de golpe chavista ssiu pela culatra. Não gostou do resultado? Vá para a venezuela!

    4. Porque você assina esta revista Afrânio ? Gosta de ficar irritado ? Nos leitores da CRUSOE garanto que vemos outros tipos de VERMES... ahahahaha .... Aliás .... Há muitas leituras mais simples de entender para pessoas como diz o vice presidente Mourao que não desenvolveram o intelecto para chegar nas altas patentes das Forças Armadas .... ahahahahahahahaha ....

    5. Me desculpe sr Afrânio,acho q tu deve ler a TURMA da Mônica,lá até o CASCĀO é bom menino.Ao contrário do PEQUI rachado. Milíciano pisico,tá F....o PAIS e essa meia dúzia de CEGOS ainda acham q o PEQUI rachado é o mocinho do filme.

  36. Os generais do Alto Comando são constitucionalistas, bem formados e não são negacionistas e imbecis, jamais se prestarão a ser usados por alguém que foi expulso. Pazuello é um caso raro

    1. Certisimos...As FA,não podem nem devem,abraçar os delirios de um Tenentezinho de BOSTA,EXPULSO do EB.Até pq,O PEQUI rachado é um pisicopata.

  37. Os generais têm que fazer isso mesmo: enquadrá-lo pelo fato relevante de que não soube exercer a autoridade de presidente e liderar o país na Pandemia de COVID-19. O Brasil devia ter dado show no combate à mesma se não fosse o negacionismo do PR que certamente não ouviu os generais por pura ignorância e para afirmar uma autoridade que não tem: “quem manda sou eu”. Deve dar graças a Deus se terminar o mandato e se conformar com a política de quem realmente manda: os generais e o Centrão.

  38. o presidente pode e deve exonerar quem quer que seja dos seus cargos de confiança quando quiser isso se chama democracia o resto é especulação..... CONFIANÇA.

    1. O fato de ter "direito" de mudar comando do Exército não inclui mudar para proveito pessoal ou do Executivo, mas para defesa do Estado. Uma coisa é direito, outra a razão, a motivação, de seu uso. Sua noção daquilo que você denomina de "democracia", seria eleger alguém e ele fazer o que quiser, como se não houvesse Constituição ou divisão de poderes, pesos e contrapesos.

    2. Claro q ele pode, mas a intenção por trás disso ficou muito clara. Tentou dar um golpe chavista e felizmente não teve o apoio dos militares. Agora é esperar pelo impeachment q vem a galope.

    3. Mudar chefeias das forças armadas sem benefícios pro estado, só pra mostrar quem manda, e atitude d medo. covardia. E fraqueza. Infelizmente o presidente q eu elegi está se desgastando inutilmente, muito burro.

  39. O Bozo agora esta em Corner ! E o Centro louco para derruba lo ; puxar seu tapete p ele cair de boca !! Ate que seria legal .. puro merecimento ele se F.... porem a economia ; cambio e juros desemprego e retrocesso quebrariam o Brasil rapidamente ... Tomara q nao aconteça ! Votem consciente em 22 nao utilmente ....

    1. Q raciocinio louco esse. Na verdade, a melhor coisa para a economia e o combate da pandemia, seria o impeachment dele. O que quebra a economia e aumenta o numero de mortes é exatamente o desgoverno bozista e sua ideologia amalucada. Urge que o Mourão assuma o posto!

  40. José Alfredo Eu não entendo porque sempre têm que colocar uma inverdade, sem prova nenhuma. Sou militar e não tive nenhum acesso privilegiado aos cofres da nação. Por favor, jornalistas coloquem fatos e não invenção.

  41. Vamos analisar então o artigo 142 - da CF : não seria normal que as FFAA retirassem do poder do poder um presidente apedeuta, um STF que legisla e absolve ladrão contumaz: um poder legislativo que cogita em 44 milhões em emendas parlamentares numa época de pandemia. Pergunta: As instituições estão funcionando a contento e merecem todo respeito da população brasileira. De repente o povo ficaria de qual lado da história, independemente de milícias, e governantes incompetentes. À pensar!

  42. esse presidente energúmeno,capitãozinho de M...tem mais é que ser retirado do poder! doente mental,corrupto,miliciano,família de mais feitores! as FFAS não são do governo,são do Brasil! este maldito é Psicopata! Fora praga dos Infernos! Barrabás!

    1. Concordo totalmente. Es una Mierda, fede muito e está acabando com o País! FORA!!!!

  43. Seria ridículo se as Forças Armadas se colocassem a serviço de um presidente com claros sinais de distúrbio mental, era só oq me faltava!

  44. Aí, os muleque do presidento vão dizer que os militares tbm são traidores, igual o Dr.Moro, o Mandetta, o Teich? Gente com dignidade, idoneidade, caráter se afasta do imbecil, ao contrário dos políticos, ministros, supremos, superiores, etc. que só visam benefícios próprios negociando ou ameaçando o boçalnaro.

    1. Moleque saoos retardados ideológicos, seja de esquerda ou de direita. Petismo e Bolsonarismo são as duas pontas de uma mesma ferradura para colocar nas patas dos idiotas úteis aloprados.

    2. Moleque são esses acéfalos que o último neurônio foi passear com Lula em Cuba.

    1. Carlos, quem vive na fantasia são os bozomerdas lobotomizados. Essa turma vive num pesadelo conspiracionista e tem medo até da propria sombra. Vai q é um comunista malvadão camuflado, né?

    2. Que imaginação fértil, hein Crusoe? Uma trama que daria um bom filme na Netflix. Saiam da ilha da fantasia e venham pro mundo real no continente. Parabéns pelo seu dia ontem.

    3. Perdão ANTONIO, por um momento pensei q seu comentario fosse para mim. Na verdade, minha resposta cai como uma luva para pessoas como o William.

    4. São taxados de Lulistas por se comportarem exatamente iguais a manada bovina de mortadelas petistas do Lula Livre. Vcs são gemeos siameses, portanto, bozolulistas.

    5. E só criticar o energúmeno e a gente é taxada de lulista. Faça-me um favor!

    6. Vai lá no Carta Capital q talvez vc descubra. Bozomerda retardado.

  45. FAKE NEWS! FAKE NEWS! Por isso não estou mais assinando esse site de fofoca. Estou até agora aqui pq usaram de má fé na renovação colocando em automática. Mas antes de terminar o período, fica aqui meu manifesto. Essa Crusoé, bem com o O Antagonista, se tornou um mero site de fofocas. Foi uma decepção completa comparado com os áureos tempos em que o Sabino ainda tinha alguma credibilidade e o Diogo ainda não babava ovo do Doria. Claudio Dantas, então nem se diga. A fama subiu a cabeça e esqueceu

    1. Nao Carlos, o que vc deseja é exatamente ser enganado. Aqui não encontrará o que procuras.

    2. A minha assinatura acaba agora em abril. Não consegui cancelar antes. Um grande blefe. Fui atrás de informação sem viés político e que mostre e comente os erros e acertos, não importa de quem.Fui enganado.

    3. Bozismo e Petralhismo são antagônicos a verdadeira mentalidade cristã. Bozolulistas são adoradores de servos das trevas travestidos de cordeiros salvadores da pátria. Bozolulismo é o suprassumo da diarreia humana.

    4. mais uma vez aproveitando o tempo de Páscoa quero dizer que entre 12 discípulos,uma era um traíra. que Jesus foi julgado pelos políticos e religiosos que foi tido como psicótico e assim por diante. Mas quem realmente for Cristão porque só tem 2; lados CRISTO E diabo CÉU E inferno A FAVOR ou contra as causas de bem. Crusoé tem atacado qualquer que se aproximar do Presidente e engraçado, até os atacados, quando se demitem, Recebem o afago de Crusoé dá para ser diferente das outras?

    5. Não assima mais, mas continua lendo. É fetiche? Sadomasoquismo? Entendo...

  46. O evento das forças armadas demonstra claramente como é necessário e salutar à república, que as instituições sejam desvinculadas da influência do varejo político. A escolha dos ministros do STF, STJ, TCU e PGR pelo presidente, contribuí negativamente à idoneidade, probidade, eficiência, imparcialidade e moralidade. A escolha interna e independente desses cargos por seus pares, não impede a criação de instrumentos p/ sua destituição, qd restar razão para tal remédio.

  47. Afora a enxurrada de afirmações com pouca base em fatos e muita carga na tinta da opinião antibolsonarista desinibida, ficamos sem entender o que realmente está acontecendo. Primeiro o PR ao mudar o ministro e comandantes estaria preparando um auto golpe. Agora não, agora são as forças armadas que enquadram o PR. Precisam alinha melhor internamente o discurso meus caros.

  48. Repetiu-se o gesto do ex-juiz Sérgio Moro: “Eu não estou à venda”. A marca desse governo é um quadro de pessoas submissas aos caprichos do imperador. Não pode raciocinar. Nem adianta tentar aconselhar, ele não ouve ninguém. Contraria-lo é assinar sua desgraça. Tempos difíceis...

  49. O bolsonarista e o lulista nao sao eleitores vigilantes. Sao devotos de seus "guias espirituais". Eu temo um sociopata poderoso; mas temo mais aqueles que, de forma incondicional, o seguem.

  50. BOLSONARO = os EXEMPLOS EXCECRÁVEIS que uma SOCIEDADE tão CORRUPTA é capaz de produzir! São DEGENERADOS MORAIS que IMPEDEM o BRASIL de AVANÇAR! Em 2022 SÉRGIO MORO “PRESIDENTE LAVA JATO PURO SANGUE!” Triunfaremos! Sir Claiton

  51. Foi um cabo rebelde e dando uma de sindicalista. Saiu pela porta dos fundos. Hoje quer vingança, mas vai dar com os "burros n'água". Pateta!

  52. O que esperamos é que o General Braga Neto honre a sua farda e nao se torne mais uma VASSALO como o Pazuello. “ um manda e o outro obedece” DEPRIMENTE!!!!

  53. Buscar declaração de ex ministro militante dos sem terra é o fundo do poço, parabéns pela parceria coma Folha, faltou entrevistar o Lula, a dica está dada. E o Diogo, já foi vacinado na Itália??

  54. Bolsonaro tem algum problema psiquiátrico, isso é fato. Mas fato é tbém, q ele foi eleito democraticamente. Também ñ acredito, o q a matéria bem pontuou, q às Forças Armadas vão aderir qualquer projeto ditatorial. Pelo simples fato que o Brasil está f*****. Um auto-golpe fode*** ainda mais o país. O que ocorreu foi q o STF colocou o pau na mesa, com a vexatória decisão à favor do corrupto Lula. O Lira colocou o seu pintinho na mesa, ameaçando o Bozo. E o Bozo acuado, gozou com o pau dos outros.

  55. El Minto é aquele mequetrefe boçal que devia se dar por contente apenas em não ter virado (ainda...) nota de rodapé na história, mas como não se cansa de achar que foi eleito para mais que ficar fazendo gestos pra gente da nação sem noção, inflado pelos áulicos de plantão que sabotam o futuro deste país, se comporta como se tivesse alguma importância no contexto para além de ser o figurante contratado para ser isso é nada mais...como resultado é um criseador de confusão, mal estar e pobreza...

  56. Parece pouco provável que o alto comando das forças armadas se dobre aos devaneios do Presidente. A maioria desses comandantes deve enxergar com clareza as limitações, imaturidade, insanidade e o recalque doentio de Bolsonaro. Por que tudo isso é evidente demais. E ser dirigido por um Dom Quixote não é algo que motive um adulto comum.

  57. Se o problema todo é a polícia militar nas mãos dos governadores, então que seja federalizado o comado das polícias militares junto ao da polícia federal e acaba com essa briga de vez.

    1. Com essa polícia federal aparelhada pelo Bozo?

  58. Carlos F.S. Lima disse quase tudo: „voltar ao básico da CF88 e reconstruir as instituições longe dos casuísmos convenientes“...é preciso reconstruir um movimento apartidário, democrático e republicano...sem cair na tentação do poder pelo poder. O que não é possível é continuar na polarização que vemos hoje.“ AS FFAA QUE CUIDEM DISSO!

  59. Carlos F.S. Lima disse quase tudo: „voltar ao básico da CF88 e reconstruir as instituições longe dos casuísmos convenientes“...é preciso reconstruir um movimento apartidário, democrático e republicano...sem cair na tentação do poder pelo poder. O que não é possível é continuar na polarização que vemos hoje.“ AS FFAA QUE CUIDEM DISSO!

  60. Reportagem balofona, sem informação substancial em acréscimo ao que todo mundo já sabe ou soube durante a semana. Muito enrolation.

  61. Este povinho tá precisando estudar um pouquinho. Sequer sabem o significado do vocábulo preferido: "comunista". Por isto seguem cegamente o pequi roído. Semelhante atrai semelhante......

  62. eu também não creio que os novos comandantes militares compactuem com o "ladrãozinho", mesmo com a iminente candidatura do "ladravaz de nove tentáculos".

  63. A matéria está bem escrita e abrangente, mas não pode pecar ao afirmar que não é natural que os subordinados de primeiro escalão coloquem o cargo a disposição no caso do chefe ser demitido ou pedir demissão. Soa tendencioso, prejudicando a matéria!!

  64. Excelente matéria, dá uma visão macro de um governo que tem um único projeto em mente: Se perpetuar no poder, nem que para isso tenha que continuar "usando" instituições sérias como o Exército.Ainda bem que nas instituições existem mentes pensantes. Bolsonaro como militar foi excelente civil e como Presidente continua sendo um péssimo militar!

  65. O filhote de ditador não gosta de ser contrariado. Deu um tiro no pé. Mostrou suas garras ao país e ao mundo, ao atacar o regime democrático. Tá certo que há uma insubordinação de governadores e prefeitos, mas foi ele JB, quem soltou a corda, imaginando que todos eles iriam para o precipício. Entretanto, o efeito foi contrário, ele JB é que está com a corda no pescoço, daí sua ideia de costurar o golpe de estado. Só que as Forças Armadas caíram fora. E agora José ¿

  66. Interessante como a revista conhece TODOS os pensamentos além e claro de coisas óbvias e através de jogo de palavras cria narrativas. Como os bolsonaristas os contrários embarcam na conversa de um simples jornalista com a diferença de responderem com mais sabedoria e menos ódio.

    1. Paulo, bolsonarismo e petismo são as duas pontas de uma mesma ferradura idiotizante de massas bovinas. A revista se presta a acordar essas mentes doentias para a realidade. Mas a escolha de tomar a pílula certa ainda depende de cada indivíduo. Muitos preferem continuar vivendo num mundo de ilusão, onde não existem um Lula Corrupto ou Bozo Genocida.

  67. Que a pandemia esta acabando com a economia, creio que todos concordam, mas os flancos deixados pelas rachadinhas também estão minando esse governo, que já está parecendo o da Dilma. Daí teremos muitas crises dessas até 22

  68. Até aqui as FFAA não seguiram os delírios do capitão, mas... O General Braga Netto não é garantia de que isso não vai se modificar... Além da pandemia, mais uma preocupação.

    1. Acredito que o Braga Netto não reúne liderança necessária para dirigir as vontades do Alto Comando do Exército. São 12 generais de 4 estrela e o Braga Netto é agora um estranho para eles, pela sua conduta. Fique tranquila.

  69. Não adianta vocês distorcerem as informações. Nada disso que vocês inventaram nesta reportagem e verdade. ME Ñ T I R O S O S

    1. Ixi! Realmente é um surto de febre aftosa do gado sequelado!

    2. A esquerda pode usar o supremo para atingir seus objetivos, porque a direita não pode se valer da única arma que tem para não ser deposto pelos corruptos da esquerda?

    3. Sra. Izeliana, basta uma postagem contrária a lacração da revista que os miquinhos amestrados vêm em defesa da esquerdalha e revista do Senhor André Esteves e seu banco BTG PACTUAL que deitou e rolou no BNDES nas gestões Petista de Lula e Dilma, tanto é que planejaram fretar jato para dar fuga a alguns coroados. Neste episódio um Ministro do STF teve seu avião abatido e um senador foi cassado.

    4. Ixi, parece q a febre aftosa ta pegando geral os bovinos cloroquinados.

  70. Incompetência generalizada. São tão incompetentes que não conseguem entender que todos sabem e percebem, as intenções de absoluto mal-caratismo. Logicamente os interessados se calam ou defendem com veemência com o despudor dos psicopatas. E a realidade de nossas lideranças, se impõe, PSICOPATAS e MARGINAIS tomaram e não largam o leme da nau "Brasil"....

  71. É preciso lembrar está lacradora revista e seus jornalistas que o capitão independentemente da patente de reserva o capitão é na qualidade de Presidente da Republica é só COMANDANTE SUPREMO DAS FORÇAS ARMADAS. Portanto, não existe enquadramento de baixo para cima. Tentam adivinhar na base do chute mil e uma coisa que nunca existiu. Apenas acomodação estratégica de conduzir a nação rumo a prosperidade que momento requer, podendo haver outras mudanças se necessário.

    1. O gado pira na cloroquina delirante! Esse governo já era, só esqueceram de enterrar o defunto político bozonaro.

    2. A Crusoé, não postou uma linha se quer sobre a Senadora Kátia Abreu que ensejou o desembarque do chanceler Ernesto Araújo, das relações exteriores, no tocante a 5G, onde botou os pingos nos is de que ela falou em nome do senado a preferência pelo 5G xing ling. Contem aí o que sabem, por que a senadora não desmentiu e deu o maior fuzuê no senado. Situação análoga ocorreu com Gal. Pazuello que abriu o verbo. Nossa crusoé omitiu de fazer a narrativa em ambas exonerações. Porque?

    3. Você está errado. Este é o mesmo argumento que os bolsominios usaram para justificar a interferência na polícia federal com nomeações diretas dos Sr’s. Nunca vão entender. São iguais aos petistas.

    1. "Livro de Luiz Maklouf Carvalho:O cadete e o capitão: A vida de Jair Bolsonaro no quartel". Você pode comprar pela internet para não sair de casa e aglomerar-se,mas como seguidor do sociopata,gehnocida,miliciano,"ladrãozinho", vc vai preferir sair.E não tome vacina viu!!!

    2. Dona Marcia, publicando fake news na crusoé. estude e conheça a história do capitão, seu Presidente da República. Pare de destilar seu ódio que nem você sabe porquê.

  72. Mas é exatamente o contrário. Deveriam ler o artigo "A toga e a baioneta", no Jornal da Cidade, para entender o que realmente aconteceu. É um texto histórico.

    1. Li o artigo “A toga e a baioneta” e cada mais percebo a mesma “cognição seletiva” do lulista. Então, diferente de Getúlio Vargas, Bolsonaro não se suicidarah, vai esvaziar-se apenas. Veremos.

    2. Acorda bozomerda, teu MINTO já era, virou um defunto politico mal cheiroso que o Congresso corrupto ainda nao teve coragem de enterrar.

  73. Acho que há situações muito mais graves do que essa da troca de ministros ! O país entregue aos ditadores comunistas mas Crusoé só tem olhos pra Bolsonaro ! E eu NÃO SOU bolsonarista !

    1. Rsssss “Sobre o que eu nem sei quem sou” Metamorfose Ambulante - Raul Seixas

    2. Acorda bovina sequelada, para de passar pano para os malfeitos presidenciais. Agora tudo é culpa do comunismo, até as merdas q o bozo diz e faz é culpa da claque esquerdista. Como a pessoa pode se sujeitar a uma atitude vassala e retardada dessas? É muita lobotomização ideológica. A pessoa chega ao ponto de se tornar uma casca vazia, sendo facilmente manipulada por mentes perversas, seja da esquerda como da direita.

    1. DOMINGOS desesperado por tirar o foco do seu MINTO mau caráter. Mas os bovinos são tão patéticos com esses clichês de mortadelas petistas na defesa cega de seus idolos e donos que chegam a ser motivo de piada quando comentam. Tipo criancinhas café com leite..rs... coitados desses zumbis lobotomizados...

    2. Em 1º lugar meu chapa, nenhum articulista daqui "gasta saliva", salvo "en petit comitté". Eles, qdo muito, gastam impressão digital. Em 2º lugar, a matéria não trata de STF, e sim de FFAA. Em 3º, vale o seu direito de reclamar ou de externar sua opinião. Só não vale sair do contexto jornalístico adredemente. Combinado? apscosta/df

    3. continuando: porque não dedicam mais tempo e suor ao Stf? Certamente são a favor dos desmandos praticados por ministros do Supremo!

    1. O problema dos bozomerdas é q se vc discorda uma virrgula se quer do messias que eles idolatram, então é um esquerdista comunista malvadão. Como são pateticos esses bozolulistas adoradores de jararacas e genocidas.

    2. É triste ver uma revista como crusuer, que foi criada como veículo de comunicação imparcial se tornar mais um veículo que se vendeu para uma esquerda corrupta comprovadamente, em relação ao Bolsonaro tudo é inalação, pois o supremo interfere antes mesmo de ele praticar o crime, o que deduzimos é que todo mundo tem seu preço.

    3. A Quadrilha Bolsonaro precisa sofrer impeachment para o bem do Brasil.

    1. Fabio e Helena: Parabéns pelo claro, objetivo e excelente análise. Vcs são ótimos profissionais!!!! Luiz Fernando

    2. Matéria excelente! Expressa claramente a gravidade da situação em que o país se encontra.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO