Samuel Figueira/Proforme/TRF

Um Moro ao contrário

Para quem um dia prometeu nomear o ex-juiz da Lava Jato para o Supremo, Bolsonaro mostra que está em outra e, com a bênção de Gilmar Mendes e Dias Toffoli, escolhe um indicado do Centrão
02.10.20

Quando disse, dias atrás, que indicaria para o Supremo Tribunal Federal alguém com quem pudesse tomar cerveja no fim de semana, o presidente Jair Bolsonaro já emitia sinais de que não seria para a vaga do decano Celso de Mello – cuja aposentadoria está marcada para o próximo dia 13 – que ele indicaria o ministro “terrivelmente evangélico” prometido a seus aliados religiosos. Na controversa lista de critérios que pautaram a decisão de Bolsonaro, a fé cedeu espaço a outro tipo de crença, de foro mais íntimo. O presidente se convenceu de que, acima de tudo e de todos, o escolhido deveria ser de sua confiança, contar com o respaldo das principais lideranças do Senado, onde o nome precisa ser aprovado, e com a chancela do Centrão, aquele conjunto de agremiações de ótima reputação responsável pela sustentação do governo no Congresso. Além disso, deveria ter o ok de determinados ministros do próprio STF, dos quais o presidente virou unha e carne em nome da sobrevivência política.

Foi nessa nova conjuntura que aportou no gabinete presidencial, endossado pelo senador Flávio Bolsonaro, o nome do desembargador Kassio Nunes Marques, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, o TRF-1. Ausente até o início desta semana das bolsas de apostas, o magistrado piauiense passou à frente dos demais cotados para a vaga, incluindo ministros do próprio governo, como André Mendonça, da Justiça, e Jorge Oliveira, da Secretaria-Geral da Presidência, ganhou um apadrinhamento coletivo que o credenciou como um ministro “terrivelmente Centrão” e acabou tendo seu nome confirmado na noite de quinta-feira, 1º, pelo presidente.

Por fugir completamente da liturgia habitual e pelo timing escolhido, a indicação do desembargador de 48 anos, que está na magistratura desde 2011, após 15 anos na advocacia, pegou no contrapé até os habitués das coxias da capital federal. Inclusive o próprio escolhido. Vice-presidente do TRF-1 até abril deste ano, Kassio estava em campanha para a vaga que abrirá em dezembro no Superior Tribunal de Justiça. Ele já havia tentado, sem sucesso, uma cadeira no STJ, em 2015, após a saída de Gilson Dipp. Entre seus apoiadores de peso estava o então presidente do tribunal Francisco Falcão. Falcão queria emplacar Kassio no STJ para que seu filho, o advogado Djaci Falcão Neto, assumisse a vaga que seria aberta no TRF. Não deu certo. Por um voto, Kassio não entrou na lista.

Desta vez, a articulação para o STJ já contava com o entusiasmo de ministros do Supremo, como Dias Toffoli e Gilmar Mendes, além do lobby de três conterrâneos do desembargador com influência junto ao Planalto: o senador Ciro Nogueira, do Progressistas, um dos chefões do Centrão e neoaliado de Bolsonaro, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, do MDB, e Marcus Vinícius Coêlho, ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, a OAB. Embora Flávio já tivesse convencido Bolsonaro de que Kassio seria uma ótima escolha para o STF, por ser novo, discreto, próximo à família e bem articulado no meio jurídico, o desembargador foi para uma reunião com o presidente na tarde da última terça-feira, 29, acreditando que ganharia o apoio do Planalto para o seu sonho de chegar ao STJ.

Edilson Rodrigues/Agência SenadoEdilson Rodrigues/Agência SenadoCiro, o padrinho piauiense: o senador investigado pela Lava Jato virou queridinho de Bolsonaro
O encontro, acompanhado pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria, foi uma espécie de mini-sabatina. A pessoas próximas, Kassio contou que sentiu que “ganhou” o presidente ao responder a uma pergunta sobre a separação dos poderes. Bolsonaro teria perguntado o que ele achava de o STF interferir, por exemplo, em decisões do Congresso. O desembargador respondeu que o Supremo deveria ser mero espectador dos outros poderes. Segundo o relato, Bolsonaro vibrou com a resposta e disse pensar igual. O presidente já havia criticado por diversas vezes decisões da corte que interferiram em atos do governo, como o despacho do ministro Alexandre de Moraes que barrou a indicação de Alexandre Ramagem para o comando da Polícia Federal, em abril. Em seguida, Bolsonaro afirmou que “gostou da conversa” e que a vaga disponível “é para o STF”. Surpreso, Kassio insistiu, conforme o relato de um amigo próximo do desembargador: “A minha postulação é para o STJ”. “Mas o senhor não aceita ir para o STF? É o STF, pô”, reagiu o presidente. Foi aí que começou a cair a ficha de Kassio, que agradeceu dizendo que a indicação seria “uma honra muito grande”.

Antes de encerrar a conversa, Bolsonaro apenas ponderou que, para sacramentar a escolha, seria preciso consultar ministros do STF. Não bastasse a maneira torta como convergiu para o nome de Kassio, o chefe do Planalto começava ali a enviesar também o rito necessário para que pudesse bater o martelo sobre a indicação. A pedido de Bolsonaro, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, ligou para o ministro Gilmar Mendes pedindo um encontro naquela mesma noite. Imaginava-se uma reunião de natureza institucional, mas não foi exatamente o que aconteceu. Em jantar na casa de Gilmar, Bolsonaro apresentou Kassio Marques como seu preferido para a vaga de Celso de Mello. Além do anfitrião Gilmar, o ex-presidente Dias Toffoli, que se tornou um dos principais interlocutores do presidente na corte, também estava presente. Não que se esperasse um convite de Bolsonaro aos onze ministros do STF para o convescote, mas se quisesse conferir ares de institucionalidade ao jantar, o presidente Luiz Fux não poderia estar ausente.

No encontro sem Fux, tanto Gilmar quanto Toffoli deram aval à escolha, que também agradou a Alcolumbre. O senador, que articula para alterar as regras do jogo para se reeleger ao comando do Senado, numa manobra hoje sob a análise do próprio Supremo, já se prontificou a agilizar os trâmites para a aprovação de Kassio na casa. Haverá um “esforço concentrado”, prometeu. Tão logo a indicação do desembargador ganhou o noticiário na manhã de quarta-feira, 30, Ciro Nogueira, amigo pessoal de Kassio Marques, fez questão de se apresentar como fiador da escolha do conterrâneo: “Todos nós do Piauí estamos na torcida para que se concretize a indicação do dr. Kassio Nunes como novo ministro do Supremo Tribunal Federal, que seria o primeiro piauiense em 50 anos no STF”, tuitou o senador, investigado pela Lava Jato e denunciado no Supremo por corrupção e lavagem de dinheiro. Em junho do ano passado, Ciro profetizou: “Nosso Kassio é uma figura respeitadíssima no mundo jurídico hoje, tenho certeza de que vai chegar a tribunais superiores, ou STJ ou Supremo. É uma figura muito querida e respeitada”, afirmou o senador, em uma solenidade no Piauí em homenagem ao magistrado.

Àquela altura, ainda se especulava nos corredores do poder que a indicação poderia até não se consumar na prática. Mas se porventura houvesse um recuo seria porque o nome de Kassio não teria passado no teste de estresse ao qual estava submetido desde que seu nome veio à baila, e não por contrariar o desejo do presidente e de sua nova turma de aliados. Foi exatamente para evitar que o seu escolhido fosse fritado em fogo alto na aderente frigideira brasiliense que Bolsonaro resolveu encerrar a questão na noite de quinta-feira, 30, na sua live. “Sai publicado amanhã (sexta-feira, 2) no Diário Oficial da União, por causa da pandemia, né. Nós temos pressa nisso, conversamos com o Senado, o nome do Kassio Marques para a nossa primeira vaga no Supremo Tribunal Federal”, afirmou o presidente. “Ele já tomou muita tubaína comigo. Tenho certeza que vocês vão gostar do trabalho no Supremo”, acrescentou.

Pedro Ladeira/FolhapressPedro Ladeira/FolhapressDias Toffoli e Gilmar Mendes avalizaram a escolha: bancada ampliada
Para o Planalto, o Centrão e a ala anti-Lava Jato do STF, que compõem hoje o suprassumo do establishment, o desembargador é o sujeito  certo na hora certa. É contra os “excessos da Lava Jato”, não acha que prisão em segunda instância deva ser algo automático e carrega a fama de tarefeiro, uma pessoa para quem a fidelidade aos padrinhos deve estar acima de tudo e todos – atributo muito valorizado na capital federal, uma ilha de códigos e princípios bem particulares. Por causa disso, entre uma parcela relevante de seus colegas de toga, ele não goza de boa reputação. No vale-tudo que reina na Praça dos Três Poderes, na live em que anunciou de viva voz o nome de seu escolhido, Bolsonaro fez questão de enaltecer, sem qualquer pudor, as características do preferido. “A questão da amizade é importante, né? Não adianta chegar aqui com um currículo maravilhoso. Se eu não conhecer, não vou indicar”, admitiu o presidente. “Vocês querem que eu faça o quê? Querem o Sergio Moro para o Supremo? Será que vai ser um ministro leal às nossas causas?”, emendou.

Se passar pelo crivo do Senado, Kassio Marques terá assento na Segunda Turma do STF, onde correm os processos relacionados à Lava Jato. Pelas regras da corte, será o relator do inquérito em que Bolsonaro é investigado por supostamente tentar interferir na Polícia Federal – aquele aberto com base nas acusações feitas por Sergio Moro ao entregar o cargo de ministro da Justiça. Com o piauiense no STF, a ala anti-Lava Jato ganha um reforço. Celso de Mello não era propriamente um entusiasta da operação, mas costumava ser duro com poderosos pilhados praticando crimes. Uma postura que Kassio Marques dificilmente adotará, segundo quem o conhece de perto. Se um dia Jair Bolsonaro prometeu que nomearia Sergio Moro para levar os princípios da Lava Jato para o Supremo, a escolha do desembargador é prova cabal de que a atmosfera em Brasília mudou por completo: o escolhido representa justamente as forças que detestam a operação e as ideias defendidas pelo ex-juiz.

Bolsonaro não desagradou apenas aos eleitores que acreditaram que, uma vez no Planalto, ele cumpriria a promessa de ser um soldado anticorrupção. O presidente contrariou também as franjas radicais bolsonaristas, que esperavam a escolha de um conservador de carteirinha. A turma de Olavo de Carvalho tornou pública a decepção. Um dos principais apoiadores evangélicos do Planalto, o pastor Silas Malafaia foi outro a tecer duras críticas à indicação do desembargador, a qual classificou de “absurdo vergonhoso”. “Sou aliado do presidente, mas não sou alienado. Não sou igual a petistas, que apoiam corruptos, mesmo sendo tudo denunciado, processado. Tenho independência. Sei pensar e analisar”, disse.

A ira de bolsonaristas se alimenta da trajetória profissional e pessoal de Kassio Marques, que espelha um pouco o comportamento do Centrão na política, com laços nos dois campos ideológicos. Hoje próximo à família Bolsonaro, o favorito à vaga no STF emergiu na magistratura, em 2011, via Quinto Constitucional, graças a uma articulação feita pelo governador do Piauí, Wellington Dias, do PT, de quem é amigo. À época, o petista era senador e trabalhou juntamente com o então governador Wilson Martins, do PSB, e com José Sarney, a indicação dele para o TRF-1. A nomeação foi assinada pela presidente Dilma Rousseff. A relação de Kassio com Wellington Dias transcende o lobby para a vaga de desembargador. Quando esteve no Senado, o petista empregou a mulher de Kassio Marques como assessora de seu gabinete. Maria do Socorro Marques segue na casa, agora lotada no gabinete do também piauiense Elmano Férrer, que acaba de trocar o Podemos pelo Progressistas de Ciro Nogueira.

Marcelo Fonseca/FolhapressMarcelo Fonseca/FolhapressPara a vaga de desembargador, Kassio Marques contou com o petista Wellington Dias
Quando foi necessário, Kassio não deixou um de seus padrinhos políticos no sereno. No ano passado, como desembargador, proferiu uma decisão favorável ao governo de Wellington Dias, liberando uma parcela de 293 milhões de reais de um empréstimo da Caixa Econômica Federal que estava suspensa. Bolsonaro, na live desta quinta, tentou justificar as ligações do seu escolhido com o petismo. “É acusado de comunista, socialista, ligado ao PT. Olha, pessoal, todo mundo aqui, ao longo de 14 anos de PT, teve uma ligação. Agora, não é por causa disso que o cara é comunista, socialista”, argumentou o presidente.

Em uma de suas decisões polêmicas, em 2015, o escolhido de Bolsonaro ao STF também votou contra a deportação do terrorista italiano Cesare Battisti, que já havia sido condenado a prisão perpétua na Itália, mas ganhou asilo político no Brasil graças ao empenho pessoal e a uma assinatura do ex-presidente Lula. O episódio foi explorado na campanha de 2018 por Bolsonaro, mas antes de sua posse, o ex-presidente Michel Temer já havia subscrito a extradição, que resultou na fuga de Battisti para a Bolívia, onde foi preso no início de 2019.

Não foi o único caso interessante envolvendo o magistrado piauiense. No ano passado, Kassio liberou o extravagante bufê de luxo contratado pelo Supremo, com vinhos e lagostas, que havia sido embargado por uma juíza de primeira instância a partir de uma representação feita pela deputada bolsonarista Carla Zambelli, do PSL. Para o deleite de ministros com os quais ele deverá dividir o plenário da mais alta corte do país, o desembargador considerou que não havia “potencial lesivo” e nem “desvio de finalidade” na contratação. “Qual o problema de comer lagosta? Quem pode, come. Quem não pode, não come, pô”, disse Bolsonaro nesta quinta, ao sair na defesa de Kassio também nesse tema.

Embora de origem humilde – ele foi criado na periferia de Teresina –, o nome do presidente para a vaga no Supremo hoje passa longe da vida espartana que teve na infância. Na garagem do imóvel funcional que ocupa — uma casa no Lago Sul, área abastada de Brasília – repousam carros como uma Mercedes-Benz C-180. Recentemente, o veículo foi flagrado pelo Detran de Brasília com o motorista falando ao celular. A multa, por infração considerada gravíssima, foi emitida em nome do desembargador.

ReproduçãoReproduçãoBolsonaro na live: “Ele (Kassio) já tomou muita tubaína comigo. Tenho certeza que vocês vão gostar do trabalho no Supremo”
Em março de 2018, ele investiu no lucrativo mercado de flats de Brasília, com a aquisição de uma unidade em um novíssimo apart-hotel no centro da capital, ao preço de 195 mil reais, pagos em “moeda corrente nacional”, segundo a escritura pública. Um ano depois, o desembargador transferiu o apartamento para uma empresa administradora de imóveis registrada em nome de sua mulher, Maria do Socorro Marques, e de sua irmã, Karine Nunes Marques. Karine, além de advogada, é uma empreendedora. No mesmo endereço de Teresina onde está registrada a administradora que passou a ser dona do flat em Brasília, funciona o escritório de advocacia do qual Kassio era sócio antes da magistratura. A irmã do magistrado hoje é sócia da banca, além de ser dona de um restaurante, um bar e da futura franquia do estrelado Café de la Musique na capital piauiense.

Formado na Universidade Federal do Piauí, Kassio se especializou em direito tributário e aos poucos foi conquistando grandes clientes para o escritório que mantinha em Teresina, como empresas de planos de saúde e de distribuição de energia. Sua ascensão profissional foi acompanhada de uma forte militância na OAB, seja no Piauí, seja em Brasília, no conselho federal da entidade. Foi por meio da Ordem que ele foi indicado em duas ocasiões para ser juiz no Tribunal Regional Eleitoral do seu estado, onde aprovou, por exemplo, as contas de campanha de Ciro Nogueira, em 2010. O ápice da carreira veio no ano seguinte, com a indicação para desembargador do TRF-1, em uma das cadeiras destinadas a advogados. “É um cargo muito disputado. O Kassio sempre foi muito determinado, cabeça aberta, e tinha um bom trânsito na OAB, participava de um grupo político com forte penetração no conselho federal”, diz o amigo Sigifroi Moreno, ex-presidente da seccional piauiense da OAB.

Naquela época o principal aliado de Kassio em Brasília já era Marcus Vinícius Coêlho. Dono de ótima relação com os governos petistas, o ex-presidente nacional da OAB, que na quarta-feira festejava a indicação do amigo para o Supremo, foi um dos articuladores da campanha de Kassio para ser desembargador. Em seus despachos no TRF, o piauiense adotou posturas pró-mercado e contra intervenções da Justiça em atividades econômicas, a exemplo da liberação do uso de defensivos agrícolas à base de glifosato, que tinham sido proibidos pela primeira instância. Em matéria de costumes, o magistrado, que é católico e tem três filhos, tende a adotar uma linha mais equilibrada. “Ele não chega a ser um Ives Gandra, mas não se alinharia ao (ministro Luís Roberto) Barroso”, diz um aliado. Já na área penal, tema sensível dentro da corte e caro ao país, o escolhido de Bolsonaro já deu sinais de que deve reforçar a ala interessada em impor travas ao combate à corrupção. Em uma entrevista concedida em 2018 ao Anuário de Justiça, ele se manifestou contra a prisão “automática” de réus condenados em segunda instância, entendimento derrubado no ano passado pelo STF. “Ele não vai ser um xiita, vai tomar decisões equilibradas”, garante uma pessoa próxima, que o descreve como garantista e pouco alinhado com o Ministério Público.

Se passar pelas próximas etapas do processo e ganhar finalmente a cadeira de Celso de Mello, Kassio Marques terá a oportunidade de mostrar que a toga do Supremo, assim como a Constituição, é maior do que as conveniências e os interesses de seus padrinhos. Essa é uma opção que se abre para todos os que chegam à corte. Como ocorreu com os quatro juízes nomeados por Dilma Rousseff – Rosa Weber, Luiz Fux, Luís Roberto Barroso e Edson Fachin — nada impede que o desembargador também frustre Bolsonaro, o Centrão e certas excelências do próprio STF. Fux, por exemplo, havia prometido a José Dirceu “matar no peito” as acusações contra cabeças coroadas do petismo durante o julgamento do mensalão. Chegando lá, fez a correta opção pelo lado da lei.

Na tarde de quinta-feira, 1º, enquanto ainda não havia sido confirmado oficialmente, Kassio Marques tentava se vender ao meio jurídico como um juiz célere na hora de analisar e julgar processos. O desembargador que quer ser alçado a uma das mais importantes cadeiras do Judiciário nacional deve necessariamente saber que os fatos são teimosos e é inútil brigar com eles: entre 2014 e 2019, o escolhido por Bolsonaro para o Supremo foi alvo de 32 representações no Conselho Nacional de Justiça por “morosidade injustificada”. Em vinte dos casos, os processos só andaram depois que ele foi notificado. Por essa e pelas outras razões, é um péssimo começo.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Cada dia Bolsonaro brinca mais de ser Presidente! Ainda se soubesse brincar, seria divertido. Mas não entendendo nada, é triste!

  2. "O avesso de Moro"? Graças a Deus!!!!!!!!!! Aliás, Moro pode sair do Brasil. Mas só depois que responder por denunciação caluniosa, talkei?

    1. Da.Monica! A mentira tem pernas curtíssimas e no caso do seu querido Fale ele prova que TB e um grande mentiroso ! O indicado pelo grande chefe Bolso cheio para o supremo prova que desde o início o grande mentiroso já tinha planejado confrontar a lava-jato pois quem tem uma corja de filhotes assim nunca quis combater a corrupção mas sim lidera-la!

    2. Depois que leu toda a matéria, dar graças a Deus, é de desanimar de vez!

    3. se for inteligente, sai mesmo. em um país de cretino fundamentais como o nosso, sua inteligência e senso de justiça se perdem.

  3. Parei de ler a materia ao me deparar com a frase que diz ser Celso de Melo costuma ser duro com poderosos pilhados praticando crimes.... kkkk. Foi durissímo com o José Dirceu.

  4. Quem diria que seria Bolsonaro o coveiro da lava jato. Traiu assim a maioria de seus eleitores. Eu me sinto traído. Jamais votarei nele novamente.

    1. Conversa pra boi dormir, você sempre foi eleitor da esquerda.

  5. Falar o que? Ótima reportagem mas que infelizmente ñ consigo ler tudo. Me cinto retornando a um Brasil feudal imaturo que ñ evolui - sem comentários me desculpem!

  6. Os brasileiros anti-corrupção que não contem mais com os 3 Poderes, principalmente o STF. Acabou! Nunca um PR foi tão explicitamente a favor dos maus políticos e dos péssimos Ministros. Precisamos passar o Brasil a limpo nas próximas eleições!

  7. A promessa da nomeação do ex-juiz Sérgio Moro foi tornada pública em uma entrevista que o atual traidor deu na época da campanha para Rede Record. Independente dessa promessa aquela reunião de 22 de abril de 2022 se tornou na maior decepção para todo cidadão de bem desse país, uma vez que a humilhação alí colocada ao então ministro Sérgio Moro,bem como linguajar chulo, trouxe a verdadeira face do MINTO, ou seja, a sua luta para se manter no poder a qualquer preço.

  8. Acho muito preocupante esses ministros que estão substituindo os que estão aposentando serem jovens demais num cargo tão importante e com aposentadoria compulsória só aos 75 anos. Jovens demais e despreparados.

  9. E eu que luto tanto pelo meu País...que faço agora com meu uniforme de brasileira? Que desperdício. Bolsonaro segue Lula, Dilma e completa- se com a nomeação de um novo Lewandowski. Tenho pena de mim.

    1. É Alda, segundo a lei de Murphy, nada tá tão ruim que não possa sempre piorar. Da década de 80 pra cá deslizamos ladeira abaixo com velocidade cada vez maior. Ainda seremos uma Venezuela.

  10. Quando pensávamos que teria uma nova direita no Brasil, Bolsonaro vem e dá uma guinada para a velha "direita" militarista, patrimonialista, enfim, espero que a nova direita que surgiu não morra devido ao bolsonarismo. PS.: sou avesso a cartão de crédito, mas adquiri um só pra ter acesso à Crusoé e contribuir com o jornalismo de verdade (antes queria assinar no boleto, mas não tinha essa opção).

  11. Triste,Decepcionante ...Vergonhosa atitude protetora dos 01,02,03.....Votei nele para fugir dos Petralhas, acreditando em um Brasil melhor nas mão da Lava Jato & Moro!

  12. Putz... mais uma decepção como eleitor do "Brasil Acima de Tudo". Vem antes, interesses familiares, reeleição, estrelismo, vaidades... e assim vai...

    1. Pelo menos eu tenho a desculpa de que votei no esquizofrênico pq não queria que o PT voltasse. Sou de opinião que é melhor um novo marido do que um ex, que se conhece bem e de quem a gente se separou por algum motivo sério. Dessa vez o tiro saiu pela culatra. Coitada de mim, o capeta me espera de espeto na mão :)

  13. Bolsonaro, não é propriamente um Chefe que sabe escolher seus auxiliares. Quando acerta, se não segue a cartilha dele, chuta. Mesmo que tenha garantido carta branca pra agir. Será que os brasileiros ainda não aprenderam a distinguir o certo do errado? Ainda não aprenderam que política não é brincadeira? Dela depende o destino de toda uma Nação! Que Nação queremos? A minha não é a de Lula ou Bolsonaro! É a de Sérgio Moro e LavaJato. Precisamos limpar o Brasil!

  14. O PR ainda não entendeu que estão dando corda para ele ... vai ss arrepender por isto ... e o Brasil tem que achar uma maneira de sair desta enrascada eleitoral que se meteu em 2018 ... Não tá morto quem peleia

  15. Uma escolha lamentável. Principalmente, pela qualidade e "independência" de seus principais apoiadores. NÃO foi para isso que elegemos Bolsonaro. Se aliar ao centrão para poder governar, é até aceitável. Mas o centrão indicar o Ministro do STF que poderá julgá-los é inaceitável!!!

  16. O Centrão, Quadrilhão, é uma ORCRIM que alicia venais, sabujos e sicários à esquerda e direita, em todos os poderes da República, no empresariado e, mais recentemente, na Armada. Vide generais e coronéis Boquinhas. Agora aprisionou o mais alto dos executivos públicos,acusado de corrupção,para livrá-lo da Justiça. O Brasil seguirá sua sina de continuar sendo o país do futuro que, com essa gentalha mandando,decidindo, nunca terá? Brasileiros honestos, até quando suportaremos?

  17. As provas que aparecem nas investigações das RACHADINHAS da família Bolsonaro envolvendo esposas, filhos, parentes e sabujos, deixaram a ele, o capo, duas opções: entregar-se à Justiça ou ao Centrão. Escolheu a segunda. Foi aprisionado pelo Quadrilhão. Agora faz parte dele. Dentro dele receberá proteção. Esse foi o acordo. Subserviência completa aos profissionais do crime.No Quadrilhão são todos profissionais de grandes operações. Bolsonaro é,simplesmente, mais um estagiário agregado. É isso.

  18. Infelizmente, temos que ficar ler uma afirmativa assim "um juiz leal as nossas causas". Um juiz do STF deve ser leal a Constituição brasileira e não aos interesses do presidente da República. Mais um retrocesso!!

    1. Acontece que a "Era de ouro bolsonarista" inaugurou algo inédito na política brasileira: o escancarar da falta de escrúpulos da fusão entre as instituições e os poderes. Há muito a independência dos poderes está ameaçada, mas não era tão aparente. Agora, o presidente assume nas mídias por exemplo, que "vai interferir sim na PF", que não deixará seu clã à mercê da justiça... e fica por isso mesmo!!

    1. Nao acredito que se reelegerá !! Muitos dos que votaram nele como eu para impedir o Banditismo Ptista nunca mais votarão !! Fora BolsonaBo !!! Fraco em todos aspectos e agora mostrando “ qualidades “ iguais a de seu antecessor ! Esse ministro é uma aberracao

    2. Gostaria que você estivesse correto! Bolsonaro já descobriu o mapa da mina para se reeleger e manter seguro seu clã: populismo (renda miséria), judiciário sob controle (PGR e acordão) e...Centrão! As chances de retornar em 2022 são grandes, infelizmente! Ou a população ganha as ruas, ou...a farsa se repetirá...não subestimemos a "astúcia tupiniquim"...

  19. É triste ver que o Brasil continua o mesmo, o mesmo tipo de mentira, o mesmo tipo de submissão a pressão politica e de suspeitos, e ai indica-se uma pessoa que do ponto de vista moral, não posso dizer nada, mas que como competente, como isento de pressões políticas, como passado sem questionamentos, está muito longe. O Brasil continua o mesmo, sendo governado por covardes de rabo preso e que não tem coragem de tomar as decisões corretas. Bolsonaro é uma farsa.

  20. Péssima mudança. Pelas análises, vai ficar pior do que está. A corrupção e a impunidade estão em festa. O Brasil não merece tanta mudança ruim.

  21. Excelente matéria. Após lê-la fiquei pensando como essa nefasta realidade muda a gente. Logo eu q me achava uma fortaleza. Minha família é do Direito. Eu não sei se eu teria a força q eu tive há 10/12 anos para ajudar no estudo das minhas filhas q se prepararam para concurso. Hoje eu não conseguiria. Quanta decepção! Que tristeza! Tudo é um balcão de negócios. PN de entendimento. Escrevem livros de doutrina para ganhar dinheiro. Nada por construção do pensamento, à exceção Fux e Barroso.

  22. Com estas figuras no STF fica comprovado que o Brasil não tem pessoas capazes, tem somente capangas que trabalham para manter inpunidade dos políticos e os endinheirados que corrompem e roubam.

    1. Acalme se !! Logo mais P Guedes cai fora ; entra Marinho / Dol A 7,50 / juros p cima e Populismo // Argentina é logo aí ...

  23. Brasileiros, as ruas estão às nossas disposições!! O que nos falta mais assistir? 🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷

    1. E vc um BOLSOPETISTA! Hoje é gado do esquizofrênico, amanhã puxa o saco do Luladrão. Biruta de aeroporto é o que vc é. Com certeza um fracassado na vida que a única coisa que sabe fazer é xingar pessoas anonimamente. Que inveja de um homem como o Moro, né mesmo? Olhe-se no espelho, examine-se e pergunte o que foi que fez de errado pra ser o que é. Se achar a resposta, poste aqui. #2022MoroNoPlanalto

    2. Calma gado "Lutimar" bolsominion. Dias melhores virão, afinal a próxima empreitada do Bolsolulismo será a anulação das sentenças do seu grande e novo aliado, via supremo. Afinal, a aliança com centrão, Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Acolumbre tem sido bem frutífera!!

    3. Moro ???? Acorda amigo .. Esse Bozo vai afundar esse país !!!

    4. Uma fossa inteira de merda cobriu a visão desse infeliz!

    5. Gostaria que fosse verdade o que você diz: que Moro foi um traidor. Mas, a bem da verdade, devo alertá-lo: acorde meu filho, aceita que dói menos! O traidor não é Moro, é seu ridículo capitão caverna!!!Como diz o saudoso Raulzito: quem não tem colírio, usa óculos escuros...

    1. Faço minhas suas palavras. Se reza brava ajudasse, esse esquizofrênico já estaria tomando café com o Diabo. Cada vez que ele baixa ao hospital eu começo a rezar e a dizer "quem sabe dessa vez o Diabo me ouve". Mas vaso ruim não quebra :(

  24. Esse é o rumo, inexpugnável de nosso país.O lado podre, o maior pedaço, continuará o seu caminho. Pobre a justiça que depende da ética humana.Em nosso país, não existe.O presidente Bolsonaro se transformou num conspirador contra a lava jato, e por extensão ao ex juiz Sérgio Moro.Retirou da mochila dele que o acompanhava como candidato, o compromisso de combate á corrupção. Desejo-lhe que isso lhe custe caro. Cartão vermelho. Reformas!

  25. A Karina é empreendedora. Sócia de uma banca de advocacia, proprietária de um bar, um café chique “Café le Musique”, administradora de imóveis, além de proprietária de imóveis. Ah tá, entendi!

  26. O Bolsonaro está se revelando um verdadeiro “cavalo de Tróia”, porque faz tudo ao contrário das promessas de campanha. Senão vejamos: Desvios em gabinetes Acordão com Toffoli, Gilmar, Alcolumbre e outros, para “ESTANCAR A SANGRIA”, como queriam o Romero Jucá, Renan Calheiros, Sarney, Fernando Bezerra, etc. Campanha contra Lava Toga Sanção a juiz de garantias e restrições a preventiva e delação Interferência na PF Toma lá dá cá com Centrão Indicado de Centrão/Toffoli/Gilmar ao STF.

  27. Parece que o indicado para o STF possui sa credenciais técnicas necessárias. Infelizmente parece também politicamente ser muito fiel a seus donos, o que é ruim para o Brasil. Fux ocupe logo a vaga da segunda turma com um ministro lavajatista senão voltaremos aos tempos das trevas. Exerça o seu poder porque senão Gilmar Mendes continuará sendo o presidente de fato do STF e você não passará de um Toffoli qualquer.

    1. Cuidado ao falar das “credenciais” ... Verifique se o futuro Ministro tem Pós Graduação em Lisboa e na Itália, como diz ... Como, se recebeu o resultado do Mestrado em Portugal há menos de dez dias ?!?!?!?

  28. Pena, que essa vaga era do juiz Sérgio Moro, que renunciou a tudo no governo Bolsonaro, por sua ética, moralidade e independência. Como diz o ditado “ A males, que vem para bem” e, se eleja Presidente da República em 2022. São os meus votos.

    1. Acorde Pedro....vc está sonhando. O ex-Juiz Sérgio Moro jogou fora as oportunidades que Deus lhe deu, no mínimo em duas ocasiões e mostrou ao mundo que é um fracote.

  29. Quer saber? o Bolsonaro atrapalha o governo. Tem bons ministros mas não quer que eles trabalhem em paz. Deu para ver que ele quer o STF como o Congresso e o Executivo: tudo pau mandado. Para compensar a perda do grande Moro ele deveria ter prestigiado o Fux e Juízes de carreira. O STF ficará mais de uma década como a pior corte suprema da história do Brasil e, quiçá, do mundo democrático. Bolsonaro mostrou seu lado ruim. Coração que não liga para o povo e sem bondade cristã.

  30. Cássio é a melhor opção para o STJ nesse momento Tem excelente formação jurídica em Lisboa Presidente Eleito precisa de aliados para impedir que Barroso e seus comparsas caçe a chapa presidencial no TSE ou Maia e as esquerdas e tucanos aprovem o impeachment no congresso

  31. Mais uma voz para se somar a Dias Tóffoli, Gilmar Mendes, Lewandovski e Marco Aurélio, contra a Prisão em 2ª Instância e o Fim dos Privilégios.

  32. Para dar um freio de arrumação nesse estado de coisas, só MORO, com uma bancada na Câmara Federal e Senado, em 2022 serão nossa última esperança. Que Deus nos proteja!

    1. Sérgio Moro é uma excelente opção para 2022. Dizer que ele foi parcial é uma acusação vazia que não se sustenta. Ele busca sinceramente um país mais justo e livre da corrupção. Lamentavelmente isso incomoda a muitos.

    2. Moro presidente e renovação da canetas senado ! Aí Brasil muda ! #naoareeleiçao!

    3. Moro é um problema é um samba de uma nota só ,como podemos ter um legislador que só entende de combate à corrupção na política é que deu inúmeras provas de ser um juiz absolutamente parcial Um detentor de cargo de confiança que pra destruir o Presidente da República revela segredos de estado. Moro pensou que ia utilizar o Presidente Eleito pra chegar ao STJ. Pensou errado

  33. O que podemos esperar de um indivíduo indicado e incensado por figuras impolutas como Ciro Nogueira e outros do Centrão, Davi Alcolumbre, Ibaneis Rocha, Marcus Vinícius Coelho, Flávio Bolsonaro, Gilmar Mendes e Dias Tóffoli. Quase todos suspeitos e investigados pela PF. Liberdade para a bandidagem de colarinho branco, é o que podemos esperar.

  34. É a contragosto que digo que esse artigo está muito bem escrito. Não sei de onde que o Bolsonaro tira esses nomes para preencher vagas tão importantes e cobiçadas. É sempre um tiro no escuro, depois não adianta ficarmos reclamando!

  35. Por que Moro ainda incomoda tanto? Só pela fala do Bolsonaro, a meu ver, parece que a dignidade, o respeito no trato pessoal, a ética e grande capacidade intelectual de Moro, agridem um troglodita como nosso presidente. Agora, lendo o histórico deplorável do sr. Kássio, concordo com o que disse Bolsonaro: "é o amigão que tomará tubaina comigo". Tudo devidamente ao gosto deste #presidentepetista.

  36. Juiz no Brasil é um agente político e nas últimas décadas tem sido agentes partidários. O critério de escolha é eminentemente político, como se verifica nessa confraria de membros dos Três Poderes para indicar o Desembargador Cássio Marques para o Supremo Tribunal Federal. Isso parece mais uma indicação para um cargo de confiança pelo Governo Federal. No entanto, a cultura do indicado(e ela a tem) pode superar todas essas circunstâncias politicas que dominam as indicações para os tribunais.

  37. Parabéns pela matéria! Entretanto, quero externar o que está ocorrendo comigo. Sou assinante desta Revista pela qualidade do trabalho, contudo, quando leio as manchetes, bate um desânimo tão grande que não consigo prosseguir na leitura. Triste Brasil!

  38. NA ESCOLHA DESTE MINISTRO O PT É TODA A ESQURDALHA AGRADECEM, SEM CONTAR COM ALGUNS MINISTROS DO SUPREMO Q SO FAZEM SOLTAR CORRUPTOS E BANDIDOS.

  39. Se a CrusoE diz que Kassio Nunes é "o avesso de Moro" fico muito feliz!! Louvo o trabalho de Moro na Lava Jato mas como "ministro" e após sua saída mostrou-se um homem e político decepcionante, "vendido",mentiroso,um babacão, um "dórinha" da vida ...🤮

  40. Precisamos de mais MULHERES no STF pra equilibrar melhor aquilo.. poluído de masculinidade tóxica (e olha que nem me considero uma feminista)

  41. Acredito que os padrinhos reais do escolhido sejam outros influentes, que usam capa e se reúnem em lojas muito restritas em Brasília e no país.

  42. Admiro muito o Sérgio Moro. Mas já cansei de botar esperança em Salvador da Pátria! Vide Lula (Primeiro mandato) e agora esse Bozo. Chega! Tá na hora do povo acordar! Quem manda nessa bagaça?!.. quem elegeu esses traíras?.. então .. tá na hora de assumir a culpa pela cagada e começar a votar com mais seriedade.. além do mais, acho que tá na hora, na verdade já passou da hora, do voto ser facultativo!

  43. infelizmente é mais um tapa na cara do povo ,que vê seu país indo muito bem nas propagandas como sempre , mas na real e nos bastidores todos vemos que nada muda e hoje sabemos que o único que não mudou e por ter acreditado no presidente acabou ficando hoje sem poder combater os piores bandidos do planeta que destroem esse imenso Brasil, que ele possa se candidatar em 22 , e começar de novo .

  44. Lamentável e decepcionante. Me faltam palavras pra descrever tamanha decepção. Bolsonaro se tornou aquilo que jamais poderia pensar eu, imaginar. Espero muito, na candidatura do sr SM. E que ele, assim como JB, não se corrompa por amor aos filhos. O certo pelo certo, sempre!

  45. Parabéns brasileiros por terem eleito o Centrão. Agora aguentem e façam como as galinhas depois de copularem: saiam cantando.

    1. Aos brasileiros que buscaram honestamente uma alternativa de mudar o país, crendo que o candidato eleito representava minimamente essa perspectiva, e hoje já não a veem mais, parabéns! Esse é o caminho para a mudança. ‘Os porcos ainda estão dominando a fazenda.’

    1. Há deputados e senadores que só esquema de compra de votos explica suas reeleições.

  46. Temo que nossa democracia não resista ao atual critério de acesso ao STF. Urge lutarmos por sua reforma, para 27 membros, um por UF eleitos por Colégio Eleitoral para mandato de 10 anos. Os que lá já estão deverão permanecer pelo tempo que faltar ao cumprimento deste prazo. Namastê! Que Deus nos ilumine a todos e um abraço fraterno em agnósticos e ateus!

  47. Nem Moro é tão santo, e nem o indicado deve ser tão ruim. Moro foi o meu candidato para presidente, mas aquele anterior. O coerente e discreto. Minha dúvida atual sobre Moro é dele jamais ter se manifestado tocando na ferida da corrupção de seu partido, o PSDB. Poderia ter aproveitado os problemões de Serra, com uma fortuna no exterior, mas permaneceu calado. Nesse aspecto temos que concordar com a esquerda radical, Moro é seletivo. E dizia não haver interferência na PF, mas ao sair girou 180 !

    1. Não esqueçamos a questão do abominável foro privilegiado. Os desafetos de Moro fazem questão de esquecer este "pequeno detalhe".

    2. Penso que se há algo ainda muito obscuro na política nacional é a questão Moro. Não me arriscaria a ter este tipo de conclusão. Neste momento o que reluz é que somos todos bobos viva a Rede Globo. Que Deus nos ilumine a todos e um abraço fraterno em agnósticos e ateus!

    1. escolha de Aras, escolha de André Mendonça, escolha de Kassio, todos com ligação com o PT é por causa da saída de Moro ??? a saída de Moro é que foi por causa de atitudes assim !!!

    2. Moro como juiz, julgou os processos que lhe cabia e não os que escolhia. Com toda a experiência de combate à corrupção e ao crime organizado, poderia sim ter feito muito pelo país na posição de ministro. Infelizmente, o chefe, que prometia a famosa “carta branca “ , transformou-se num inimigo do combate à corrupção. A saída do governo, só comprova a sua correção.

    3. ???? Com todo respeito ao ex-juiz Moro, mas foi péssimo ter deixado a carreira de juiz para assumir o cargo de ministro da Justiça no governo do Pinóquio. Ao que parecer faltou discernimento, pois quem pode confiar em um Pinóquio que cultua torturadores e ditadores, e despreza a democracia, além de contratar funcionários fantasmas e praticar crime de peculato nos gabinetes dos filhos e no gabinete do então deputado federal Pinóquio.

    4. Moro contou em inúmeras entrevistas que o presidente jamais interferira na PF, mas bastou pedir demissão voluntária e mudou totalmente. Pergunto se MENTIU antes ou depois ? Honesto não mente. Ou mentiu antes ou mentiu depois, não tem como considera-lo diferente. Fora muitos casos. Tem dado pitaco em muitos casos, mas sempre poupa os ladroes do PSDB, alguém tem dúvida que Moro atua SELETIVAMENTE ?

    5. Lutando sozinho contra o que? Contra aqueles que investigam os mal feitos da sua família? Ele não precisa de gente íntegra como o Moro. Precise do Centrão e de apoio da banda podre do judiciário para permanecer no poder e blindar a sua família. Pessoas íntegras não compactuam deste tipo de atitude.

  48. Kássio Marques, Davi Alcolumbre, Felipe Santa Cruz. Com tantas grandes cabeças o Brasil agora vai pra frente. De República de Bacharéis estamos nos tornando uma República de Batorés.

  49. Pessoal,seguinte: quem levou o Kássio Marques, pra turma da tubaína, do clã Bolsonaro, foi o "anjo Wassef". O novo ministro vai pro STF com 4 "missôes":1ª)vai pra 2ªturma da Côrte pra "rifar"de vez a Lava Jato. 2ª)blindar seu amigão de tubaína afastando toda e qqer ameaça de impeachment. 3ª) ajudar na ressurreição de Lula livrando-o das condenações.4ª) liquidar com Moro e suas pretensões futuras. Quem viver verá. Alvaro Costa- (@brasilia_urgente)

  50. Meu comentario nada tem a ver com a extensa e excelente materia! Mas sim com a minha assinatura de "O Antagonista"! SUMIU DO AR e só msnda fazer assinatura! Assinei há 23 de janeiro de 2020. Meu email é [email protected] e minha senha Bosco Pacoca. Meu celular é 12-99-752-9887. Já tentei mil vezes mas não evolui! Há dias! Grato!

  51. Bolsonaro pratica a "velha política" que tanto criticou na campanha presidencial, pelo fato de estar na mão do Centrão. Bolsonaro "lembrou" que desviava dinheiro de verbas de assessores parlamentares no Gabinete na Câmara Federal e no Gabinete do seu filho na Assembleia do Rio de Janeiro, com isso conseguiram adquirir dezenas de imóveis. e quem fazia o trabalho sujo era o "Queiroz". E agora a "velha política", passa isso na cara dele, por isso está pianinho na mão deles. Bolsonaro #Decepção

    1. Esqueceu em contar-nos sobre seu político perfeito. Moro, infelizmente, tb é uma decepção. Se quiser te detalho FATOS que provam ser vilão e covarde. Como Juiz na Lava Jato foi excelente, mas desejou virar estrela, protagonizando um Show no Fantástico, e mentiu sobre interferências na PF, e se não mentiu após, POR QUE mentiu dezenas de vezes a mídia, em que dizia "jamais o presidente interferiu na PF" OU MENTIU ANTES OU DEPOIS, mas com certeza mentiu, e tb provo que é mal caráter. Falta espaço.

  52. pelo nível de detalhes da notícia certamente que um dos três jornalistas que assinam a matéria estava presente na reunião do Bolsonaro com o Kassio ..

  53. Bolsonaro foi uma decepção !! Para proteger os filhos e a si mesmo, vendeu a alma aos corruptos e a banda podre do STF. A única esperança das pessoas de bem é ter Moro 2022.

    1. É o contrário Álvaro, se não for por impedimento Moro sai candidato com grande chance de sair vitorioso. Dois anos é tempo suficiente para Bolsonaro concluir a "autoimplosão". Ele não consegue lutar contra isso por mais manobras que faça, está no seu perfil. Freud explica. "Clô" que o diga!!!! Mesma linha, acredite!

    2. Quanto mais vcs incensarem Moro como candidato em 2022, mais estarão colaborando com a máquina que vai triturar o ex juiz e suas ambições políticas. A engrenagem acaba de se fortalecer de "com força". Esqueçam Moro por um tempo..não sejam ingênuos. Alvaro Costa/df

  54. O governo Bolsonaro acabou no dia em que o assunto “rachid” de Flávio veio à tona! Daí pra frente Bolsonaro se transformou. Hoje está irreconhecível!!

    1. Eu até consigo acreditar que ele pretendia mesmo apoiar a Lava Jato, mas quando pegaram o filho mais velho em sérias falcatruas, não teve a dignidade de honrar os votos que recebeu.

  55. SÓ FALTA O MAJORITARIAMENTE SEM VERGONHA E VENDIDO DO SENADO APROVAR O TRASTE!!!... ISSO É O QUE VEREMOS E, SE ACONTECER, OS TRAIDORES DA PÁTRIA PODEM DAR ADEUS ÀS URNAS NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES, NOME POR NOME.

  56. E chega as eleições olhamos em quem votar, na esperança de mudança e as instituições falam temos que participar, votar, e os cordeiros na pele de lobos continuam a nos enganar, democracia ainda é o melhor dos piores? estou cansado, porque os "bons" não querem ou não tens condições para essa podridão do toma lá da cá, quem está no poder hoje(em todas as esferas) nos da nojo.

    1. E tambem a ONU, A NORUEGA, ALEMANHA, FRANÇA, OMS, OAB, STJ.... Todos estão errados...

  57. Os conspiracionistas fhc Maia barroso fachin Doria Globo Itaú e pseudo intelectuais obrigaram o Presidente Eleito buscar proteção no centrão e Gilmar Moro como fhc só se preocupa com a própria imagem Bolsonaro Guedes e RCN. querem consertar o Brasil

    1. Quem acha que o Brasil estava bem até 2018 pode centralizar suas críticas em Bolsonaro

    2. Nossa, Fernão, Bolsonaro é mesmo uma flor de lótus que nasceu do lodo e da podridão a seu redor... Dir-se-ia um verdadeiro anjo entre abutres traidores e corruptos, não é? Acorda, cidadão!

    3. Dramático isso. São uns abestados desses aí que desarrumam a casa.. apscosta/df

    4. Quem obrigou JB a buscar abrigo no centrão foram os filhos e seus malfeitos. A FAGMILIA.

    5. E também a ONU, FRANÇA, ALEMANHA, ARGENTINA, NORUEGA, OMS, OAB, STJ... todo mundo contra, e todos eles errados....

  58. Chegou a hora de o povo decente do Brasil 🇧🇷 que, por equívoco elegeu JB que fingia ser inimigo da corrupção, voltar às ruas em protesto contra esse desgoverno Bolsonaro, sob a batuta do centrão e seus asseclas.

  59. Reflitam nessa insinuação de Bolsonaro: Moro é o avesso. Nem Lula ou seu poste, nem Witzel, nem Moisés, nem ninguém. O oposto de tudo isso que está é sintetizado por Moro e sua boa influência.

  60. Quando um investigado na Lava Jato e denunciado no STF, elogia um nome indicado que o julgará, temos a dimensão do estelionato eleitoral do qual fomos vítimas. Votamos contra a corrupção, elegemos o Bolsonaro, e colocamos no governo o Centrão, o mesmo que apoiou os governos corruptos da esquerda. Traição, traição, traição!!

  61. Reconheço que poderia ser pior. Se no lugar do "garantista" Mr. K -apadrinhado pelo Centrão, etc, etc- fosse colocado um "terrivelmente safado ou idiota" aí só Deus para salvar o Brasil. É apenas mais um capítulo desse filme de horror que emana da capital do cinismo "Brasília". Esse processo de escolha dos ministros do Supremo precisa ser alterado urgentemente. Minha sugestão: 1- Que seja juiz de carreira (como o Moro). 2- Notório saber (como o Moro). 3- Reputação ilibada (como o Moro).

    1. Todas as boas sugestões e idéias emanadas de um mínimo bom senso e cidadania serão empurradas para baixo do tapete. Os políticos estão em "outra", que não é a do povo brasileiro.

  62. Verdadeiro estelionato eleitoral esse bosonaro! Mas qual outro que eleito cumpriu promessas? Minha esperança está em políticos NÃO profissionais como os do NOVO. Por enquanto estão honrando o voto...

    1. Acho que ele não se acha “rei”,ele se acha “Deus.”Quando ridiculamente diz “Deus acima de tudo e todos “,nesse momento acha que se referem à ele. Deus está no meio de nós,não diz respeito ao “nobre”Bolsonaro.

  63. Sinceramente, o que nós vivemos no Brasil é uma pantomima. Por trás dos pomposos nomes de Democracia, República, Estado Democrático de Direito, só existe conchavos espúrios para manter o povo à margem de qualquer melhoria de vida. Que tragédia nacional!

  64. Saudade dos tempos em existia dentre eles as defesas da honra e de valores. Hoje só se juntam pela sua sobrevivência política, e o resto que se dane.

  65. Bolsonaro sabe que não poderá mais contar com os votos de quem lhe deu a Presidência do Brasil. Enganou a muitos. Um dia a gente vota no candidato certo, mas vai demorar...

  66. Se só a metade da historia contada neste artigo for verdade o unici remedio vai ser tomar Vonal(anti-vomitorio). O retrato parece-me veridico dos subteraneos do poder em Brasilia da pouca esperança que qualquer escolhido seja de oartida isento e dotado de notório saber juridico! Só um milagre nos salvará- REZEMOS POIS!

  67. Pena que a maioria dos eleitores desse verme, não toma nem conhecimento da sujeira que ele está armando, primeiro foi Aras, sob encomenda, agora esse Kássio, pelo currículo apresentado, não deixa dúvidas que é um aventureiro manobrista, mas foi escolhido a dedo pela familícia. Só Deus para ter pena desse povo!

  68. Vixe! Estão todos criticando uma indicação do Bolsonaro, mas se fosse uma indicação do 'nove dedos', da 'ensacadora de vento', tenho certeza que estavam todos elogiando. Cambada, olhemos pra frente! Quem está no comando é o maior Presidente que o Brasil já teve. Perguntem ao povo de bem, de Norte a Sul! Bora Brasil!

    1. Não, Alberto! Se fosse o Lula, estaríamos criticando da mesma forma, pois corrupto não merece respeito, seja ele de esquerda ou de direita! Infelizmente, existem pessoas que cultivam bandidos de estimação e só enxergam os os erros de seus adversários ideológicos...

    2. Realmente Roque, e digo um pouco mais, trocado por uma lata de mer.da, perde-se a lata.

  69. Ops! o motorista cometeu uma infração de trânsito, falar ao celular e a multa foi para o Kassio! Muuuuito grave isso!!! kkkkkkkkkk

  70. A escolha não surpreende. Só reforça o meu asco pelo Bolsonaro e seu governo. Lamento profundamente estarmos nas mãos nessa gente.

  71. Se ele tem o hábito de comprar imóveis e pagar em moeda corrente, ou seja, dinheiro vivo, o mesmo hábito da fagmilicia, não precisa dizer mais nada: pra bom entendedor meia palavra basta.

  72. Bolsonaro é cada vez mais uma decepção. Está deixando cair a máscara, e não é a da COVID, a qual ele já largou há muito tempo.

  73. Augusto Aras na PGR, Kássio Nunes Marques no STF, Ricardo Barros e Fernando Bezerra nas lideranças do Governo no Congresso Nacional,...isso se chama "estelionato eleitoral". Pelo jeito, aquele Bolsonaro de 2018 não existe mais, ou sequer existia.

  74. Fantástica e arrasadora matéria da Crusoé . Cada um usando os recursos que dispõem, deveria ser franqueada para o Brasil todo poder ler ,no período que antecede a sabatina no Senado . Esta indicação não pode passar . Qto a mim , além das redes , e-mails e mais e-mail entopem cxas de senadores , principalmente os da CCJ do Senado . Avante ! Precisamos todos partir para a ação .

  75. As escolhas, em qualquer área, devem ser com bom senso e lógica. Escolher um manobrista para pilotar um avião é um absurdo. São pilotos de carreira que pilotam aeronaves. O comando dos exércitos cabe aos generais. Teria cabimento a indicação, para o STF, de um magistrado de carreira, concursado, com notório saber e preparo!

  76. Ao saber da indicação, resta-me uma palavra para expressar o meu estado de espírito: decepção. Hoje vou ficar de porre. Escutando um bom jazz.

  77. Não consegui ler a reportagem até o fim, vomitei antes. Esse presidente é o pior estelionatário eleitoral de todos os tempos!! Ele é uma grande desgraça que veio após a imensa desgraça perpretada pelo PT! Tempos horrivelmente sombrios!!

    1. Mas só caiu neste estelionato quem quis. O que o cara tinha feito como deputado ? Não deveria SEQUER ter passado ao 2º turno. Mas a facada (??) as fake news e a crença em papai noel, cegou os "desavisados".

  78. Bolsonaro segue ignorando o conselho de Maquiavel que sugere que se escolha uma data para fazer todas as coisas "más" porém necessárias enquanto se faz o "bem" em todos os outros dias. Desta forma se é lembrado por aquilo que se faz a maior parte do tempo. Ele faz o contrário. Nunca será um estadista e nem há esperança de que o país se torne uma nação respeitada enquanto ele for presidente. Com certeza ele nunca leu "O Príncipe" e até duvido de que tenha lido "O Pequeno Príncipe".

    1. Estadista ? Fala sério..... um pedaço de pedra qq pode se transformar em diamante ???????????? Nem com muito polimento........

  79. Nem nos meus piores pesadelos eu imaginava, mesmo sob tortura escrever isso: - Me arrependo em não ter votado no luladrão/ Haddad, no segundo turno! Que merda de bostanaro!

    1. Não se arrependa, cara Eleonice. Esse cara de pau é tão grotesco quanto os acólitos do barbudo petista. a desgraça está em não termos opçoes, em termos que escolher entre a bosta que fede e a merda que enoja. Tempos sombrios.

  80. É a milésima prova do Acordão (e da traição) ... Operação Mãos limpas se atualizando em terras do Brasil...Simples assim...

  81. Um Moro ao contrário, o oposto literalmente mas para o psicopata Mintomaníaco e sua Familícia não poderia ser melhor”leal às nossas causas”rachadinhas, lavagem de dinheiro,os $89mil na conta da Michelle,a loja de chocolate,imóveis comprados com $$vivo,o Queiroz; chancelado pelo CENTRÃO, Toffoli e Gilmar Mendes, obedecendo os critérios do filho Flávio. Tudo sob o silêncio sepulcral dos militares.Um cretino apedeuta psicopata que fez escola no Exército e nos 28 anos na política do baixo clero.

  82. Vocês já imaginaram esse fulano ocupando o cargo vago de Celso de Mello na Segunda Turma. Daí não vai mais ter jeito mesmo, seria o caso de jogar fora a chave da cadeia em geral.

    1. Fomos "obrigados" a acreditar. A alternativa era o fantoche do presidiário. Pobre Brasil....

  83. Um bandido, indicando outro bandido, né Bolsolícia? O lembro que fui um eleitor e defensor seu, que coisa, virou -se para o lado dos bandidos, mas é o que vc sempre foi.

  84. "A amizade é importante". O cara realmente não sabe a diferença entre público e privado. E, mais uma vez o Antagonista acertou: " GM é quem vai escolher o substituto do Celso de Mello".

  85. E, enfim, um novo(?) ministro para o STF. Em síntese, nasce um novo 'Cardeal Richelieu' (usando a alcunha nos moldes de Sabino em seu artigo) para o Suprema Corte. Só que a La Piauí. #JáAcabouFazTempo.

    1. Quilhotina não, chapa. O certo é Cloroquina. Apscosta/df

    2. Será Bolsonaro a nossa Maria Antonieta de calças? Será o nosso brioche o macarrão? Liberté, égalité, fraternité e, para todos os traidores do povo enganados durante o pleito eleitoral pelo atual governo a quilhotina.

  86. Alguma coisa acontece no meu coração, quando eu vejo o avesso do avesso do avesso sendo subjugado pelo Centrão...Hehehehehe.

  87. O circo está pronto. Um presidente que já tem várias razões para sofrer impeachment, cedeu o poder para o congresso - quem de fato governa o país hoje.

    1. infelizmente um dia acreditamos nesse cavalo de Tróia, meu Deus que merda fizemos # Fora Bolsonaro e Augusto aras. Lena.

  88. É lamentável devido a indicação do Centrão e por ter contado com o apoio de Gilmar e Toffoli, além dos elogios da nefasta figura do presidente da oab. Apesar do Bolsonaro não poder evitar essas composições para poder governar e todos sabemos disso, vai ficando complicado e dificil manter a credibilidade e confiança, mais ainda com o apoio a prefeitura de são paulo de outra figura igualmente nefasta. Com certeza vai perdendo apoio e nós corremos o risco de nos tornarmos a Argentina, amanhã.

    1. So se Moro for um completo imbecil pra pensar nessa hipótese de disputar eleição presidencial. Vcs estão é delirando. Apscosta/df

    1. Deixa de ser tonta! Uma vez Mortadela, sempre mortadela... Bora Brasil!

  89. O voto em Bolsonaro era necessário para tirar o PT. Entretanto, eu esperei coisa melhor. Ministérios técnicos, combate à corrupção e reformas, principalmente a tributária. A corrupção sempre se renova, impressionante! Pobre Brasil!

  90. A escolha de Kassio é um perfeito estelionato eleitoral. Bolsonaro do avesso, não tem mais nada a ver com o seu discurso eleitoreiro, nasceu um novo Bolsonaro, e ele é petista. Um verdadeiro camalhão.

    1. Deus virou petista, ou pior.. bolsonarista..apscosta/df

  91. Adeus, Lavajato; bem-vindo, Luladrão! Corrupção ad infinitum! Bolsonaro vendeu a alma ao diabo a ao seu preposto Beiçola.

    1. temos que ir pra rua urgente! bolsonaro o verdadeiro cavalo de Tróia! # fora Bolsonaro e Augusto aras. Lena

  92. O "antagonista Crusoé", na história do “Novo Brasil" não é um náufrago mas um rato que, junto com todas as outras pragas que viviam no navio "Velho Brasil", abandoram-no e desceram numa tal ilha (Cuba?), veio o navio "Novo Brasil e não permitiu que eles embarcassem e o "antagonista Crusoé" ficou na ilha a ver navios – literalmente e, como os vilões de filmes trash, lançam agora maldições contra o comandante do navio "Novo Brasil" enquanto, sob o por-do-sol esse navio navega rumo novos tempos!

  93. Política é a arte da negociação. Infelizmente o presidente tem pouco poder no Brasil, diferente dos EUA, onde Trump pode muito mais.

    1. kkkk... não tens a menor ideia do que são os pesos e contrapesos do sistema presidencial americano...

  94. caminhamos para uma Venezuela. o presidente comanda o exercito, a polícia federal, o supremo e o superior tribunal. ainda bem que ainda temos uns 4 ou 5 comprometidos com a constituição. se eu não tivesse uma família grande ia embora. CANSEI.

  95. Trabalhei duro durante 62 anos e me tornei um homem bem sucedido espiritualmente e financeiramente ,não precisando me preocupar com o que possa a vir acontecer a esse país. Não votei em nenhum desses pilantras , portanto aqueles que mais precisam que pensem em seus futuros votos.

    1. Apoiado. e não se esqueçam que o traidor também um dia será traído, quem com ferro fere..........

  96. As respostas aos senadores não serão, obrigatoriamente, compromissos com a verdade na conduta futura, assim como foram as respostas enganosas do PR na companha eleitoral.

  97. Seria um acontecimento histórico para o Senado Federal a rejeição dessa indicação escandalosa do PR, que foi eleito para combater a corrupção e o crime organizado.

  98. A Pandemia já está desacelerando, portanto já está na hora do povo voltar às ruas e cobrar desses CRIMINOSOS que cumpram o que prometeram, sob o risco desse país todo INCENDIAR e não somente a Amazônia! CHEGA!!! Bolsonaro PRECISA sair URGENTEMENTE.

  99. Quando jovem me sentir enganado pelo PT, mas naquela época podia colocar a desculpa no entusiasmo de mudança, melhor distribuição da renda e na inexperiência. Mas hoje, mais velho, maduro por assim dizer. Vi que não se tem idade pra ser tapiado, feito de trouxa. E não votei no Bolsonaro, por está fora da minha zona eleitoral, mas fiz campanha discutir e até briguei pra defender o ressurgimento da nova Direita, do pensamento liberal. E olhe no que acabou. Fui tapiado novamente.

  100. “Querem o Sérgio Moro para o Supremo. Será que vai ser leal às nossas causas” ? Perguntou o Presidente. Não é preciso dizer mais nada.

    1. Entre amigos existe lealdade que é quebrada quando a lei vigente está em risco . Quadrilhas costumam ser leais uns com os outros .

    2. Leal somente as causas do interesse dele e dos seus filhos enrolados com a PF e o Ministério Público. E o povo? Uma banana...

    3. "nossas causas" Só se for a dele, a do filho da do Centrão.

  101. Imoral a reunião com Gilmar, Botafogo e o centrão para essa escolha. Ele, apesar do currículo, entra pela porta dos fundos, de maneira desonrosa. O estelionatário eleitoral Bolsonaro se mostra tão prejudicial ao nosso país quanto o Lula. Empeachment já!

    1. O STF virou estância de quem paga mais por HC. O Bozo está jogando suas cartas nesse cara que é contra a prisão em segunda estância e a Lava Jato. Nós estamos totalmente desprotegidos.

  102. Tudo aquilo que a maioria da população sonhava e acreditava nas promessas de campanha foi pro brejo. Juiz de carreira concursado? Para mostrar suas intenções teria que ter nomeado alguém de alto nível.

  103. Não conheço esse sujeito mas considerando seus apoiadores acho que não vai ser nada bom. Tremenda frustração para quem um dia sonhou com o Dr Sérgio Moro.

  104. Estou rindo muito...imagine quando começar a soltar bandidos...não vou mais ter raiva...de nada...valeu por ter frustado Aras...

  105. Se tá ruim pra comunistas, está bom pra Bolsonaro. Vou torcer para que a escolha seja acertada. Ninguém será pior que Toffoli, Gilmar e o Celso Juiz de Merda Melo. Portanto...

    1. Olha, não há nada tão ruim, que não possa piorar.

  106. Só os avalistas da escolha já nos dão idéia do grau de piora que o STF sofrerá. Claro que o senado vai aprovar ! Quem quer que tudo melhore e progrida ? Só uma parcela do povo esclarecido.Inacreditável esse rumo do presidente !

  107. Fato positivo: é um juiz, não mero advogado como a maioria dos membros do STF hoje. De resto, só dados preocupantes: anti Lava Jato, amigo dos amigos, garantista como Gilmar Mendes e Lewandowski, a Segunda Turma vai continuar na mesma.

    1. Juiz nomeado pelo quinto constitucional, a matéria fala sobre essa nomeação. Ou seja, originalmente era um mero advogado.

    2. Na verdade ele não é juiz de carreira, ele é um desembargador que ingressou no Judiciário por meio da regra do quinto constitucional (advogado indicado pela OAB). Ou seja, é um advogado com trânsito pelo TRF...

  108. Kassio Nunes Marques entrou para a magistratura pelo QUINTO CONSTITUCIONAL e levará a justiça brasileira para os QUINTOS DOS INFERNOS. Deu a lógica: de onde (de Bolsonaro) menos se espera, daí é que não sai nada mesmo. Julgava impossível surgir presidente pior do que foram Lula e Dilma. Jair Bolsonaro está dando robustas provas do erro do meu julgamento. Cláudio Dantas do O Antagonista deu o nome exato para este absurdo episódio: CUSTO QUEIROZ.

    1. Estou plenamente de acordo, Roberto. Parecia ser impossível piorar, mas aconteceu.

    2. De acordo. Mas quem é néscio dificilmente deixa de sê-lo.

    3. Perfeita observação, não encontra luz, só trevas. 2022 está muito próximo.

    4. Concordo plenamente. Mais um dos Quinto, parceria com o Polaco. Governo que enterrou a Lavajato, e agora joga a pá de cal de vez.

    5. Penso da mesma forma...decepção total...achei que teríamos um governo melhor....equilibrado...sem muitas amarras....que engano!!! O que impressiona é que nas profundezas do caráter do ser humano que sentiu o gosto do poder... não se encontra luz... só trevas...

  109. Infelizmente se distanciando cada vez dos que o elegeram. Espero que em 2022 apareçam bons nomes. Os que foram seu adversário em 2018, jamais.

  110. Tô falando! Bolsonaro, o rei do Brasil! Seus filhos, 01, 02 e 03, os príncipes e Olavo de Carvalho, o preceptor de todos! Que lástima! Brasil! Zil! Zil! La nave va!

    1. É só choro. Sai um Juiz de Merda e entra um juiz de fato.

  111. Pra quem se sente traído pelo PR, vai um lembrete:- não foi por falta de aviso. Estava tudo escrito na história pregressa do farsante. Povo eleitor é que não sabe ler.

  112. Nem sei se é possível dizer que Bolsonaro é um traidor, talvez ele sempre tenha sido essa pessoa pequena de caras que se mostra agora. O Brasil está cada vez pior.

  113. Triste tudo feito dessa forma! Só jôgo de interesses...de todos os lados. É uma sêde de poder que nunca haverá água bastante...

    1. Que caca! O Brasil fica, e esses com certeza vão passar, é o que temos para nos consolar.

Mais notícias
Assine
TOPO