Reprodução/redes sociais

Mesa posta para o Centrão

Os campeões do fisiologismo do Congresso já esfregam as mãos de olho nos orçamentos polpudos que Jair Bolsonaro, contrariando o discurso que o elegeu, promete lhes entregar
01.05.20

Para ampliar sua base no Congresso Nacional e conquistar o apoio de partidos do Centrão, o presidente Jair Bolsonaro colocou pelo menos 53 bilhões de reais em jogo. Esse é o orçamento de todos os órgãos em negociação com legendas historicamente associadas ao fisiologismo, à velha política e, não raro, aos malfeitos. Aproveitando o momento de fragilidade política de Bolsonaro, o bloco de partidos abriu a temporada de barganhas, assim como fizeram em momentos cruciais dos governos do PT e de Michel Temer. Siglas como PP, PL, Republicanos, PTB, PSD e Solidariedade, de políticos como Paulinho da Força, Valdemar Costa Neto e Roberto Jefferson, pressionam por nacos cada vez maiores na estrutura administrativa federal.

Sem muita saída, o presidente incluiu no acordo com o Centrão o comando de órgãos estratégicos em áreas como educação, saneamento, transporte, obras contra a seca, e até diretorias de bancos públicos. O problema é que, historicamente no país, negociações dessa natureza com raposas tão felpudas da política, muitas das quais donas de extensas fichas corridas, não costumam dar em boa coisa. Em geral, os bilhões disponíveis nesses “aparelhos partidários” acabam servindo como dutos para desvios de dinheiro público – e (anote isso, caro leitor) nada garante que não haverá traição mais adiante.

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, FNDE, virou um exemplo do que não deveria ser feito em órgãos públicos entregues de “porteira fechada” a agremiações políticas. O órgão que já foi reduto do DEM está em vias de ser cedido ao PP. Para os não familiarizados à sopa de letrinhas dos partidos do Brasil, trata-se da legenda liderada por Arthur Lira e Ciro Nogueira, envolvidos até o pescoço nos esquemas descobertos pela Lava Jato. A autarquia tem a relevante atribuição de executar políticas para melhorar o combalido ensino público brasileiro, mas um rumoroso caso de compra milionária de computadores para distribuir para escolas – negócio que foi suspenso no ano passado após a descoberta de fraude no processo – mostra como é fácil operar esquemas de corrupção nos nacos do poder entregues à fina flor do fisiologismo.

A negociata envolveu um pregão de 3 bilhões de reais para a aquisição de equipamentos para o Programa Educação Conectada. O FNDE compraria 1,2 milhão de computadores, notebooks, projetores e lousas digitais para alunos da rede pública de ensino. A autarquia não solicitou autorização ao Ministério da Economia, como exige a legislação em concorrências públicas desse montante. Mas esse é o menor dos problemas. Além de identificar riscos de direcionamento do pregão, auditores fizeram contas básicas e chegaram à conclusão de que o quantitativo estimado pelo FNDE tinha distorções graves. O documento previa, por exemplo, a compra de 117 laptops para cada estudante da Escola Municipal Laura Queiroz, do município de Itabirito, em Minas Gerais. Diante dos dados levantados pelos auditores e da conclusão inconteste de que o negócio era uma grande falcatrua, a autarquia cancelou o pregão.

Por meio da Lei de Acesso à Informação, Crusoé pediu ao Ministério da Educação acesso a toda a documentação relacionada à licitação do FNDE para entender como – e, sobretudo, por que motivo – servidores tentaram comprar, em alguns casos, mais de uma centena de computadores por aluno. A legislação obriga os órgãos públicos a fornecerem esse tipo de informação no prazo máximo de 20 dias, mas a reportagem aguardou dois meses e meio e teve que apresentar recursos até conseguir acesso ao processo de licitação, só franqueado no último dia 16. O primeiro documento do processo é de maio de 2018, quando a então secretária de Educação Básica do MEC, Renilda Peres de Lima, pediu ao Comitê Deliberativo de Compras Nacional e ao FNDE a compra de equipamentos para viabilizar o Programa Educação Conectada. Nesse mesmo ano, o FNDE incluiu no sistema eletrônico uma planilha com quantitativos estimados por região e preço médio cotado por oito empresas. No documento, há o valor estimado de 3,6 bilhões de reais para a compra – montante depois reduzido para 3 bilhões de reais. Mas não há assinaturas no documento, nem ofícios encaminhando essas planilhas. Ou seja, não há digitais de quem estimou o quantitativo de 1,2 milhão de computadores.

Pedro Ladeira/FolhapressPedro Ladeira/FolhapressEm troca de cargos, Roberto Jefferson converteu-se ao bolsonarismo
Com a mudança de governo em 2019, foi inserido no processo eletrônico, mais uma vez sem assinatura, um documento com o estudo técnico preliminar para a celebração do negócio, desta vez com valor estimado de 3,2 bilhões de reais. Em julho, a autarquia pediu uma nova cotação dos equipamentos. Mais uma vez, os quantitativos controversos aparecem no documento. Em agosto, o Fundo lançou o edital com valor estimado em 3 bilhões de reais e, no mês seguinte, diante dos questionamentos da CGU, a presidência do órgão decidiu cancelar o certame. Questionado, o FNDE não informou qual setor e quais servidores foram responsáveis por estimar o milionário valor da compra de computadores. A autarquia afirmou, no entanto, que o relançamento da licitação ainda está em análise.

No cargo até 2018, o então presidente do órgão, Silvio Pinheiro, era uma indicação chancelada pelo prefeito de Salvador, ACM Neto, do DEM. No governo Bolsonaro, o FNDE teve três presidentes. Carlos Alberto Decotelli, o primeiro, chegou ao posto com aval da ala militar. Foi durante sua gestão, no ano passado, que a fraude acabou barrada pela CGU. Decotelli foi sucedido por Rodrigo Sérgio Dias, nome que teve a bênção do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do mesmo DEM de ACM Neto. O afilhado do presidente da Câmara foi demitido no fim do ano e substituído por Karine Silva dos Santos, servidora de carreira do órgão. A expectativa é a de que a nomeação técnica seja efêmera: o nome do novo presidente do FNDE deve sair em breve, diante da pressão que o PP tem feito para acelerar as nomeações de indicados do Centrão.

Além do comando do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, o PP de Arthur Lira acalenta o sonho de controlar o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas, vinculado ao Ministério de Desenvolvimento Regional. O DNOCS é um contumaz escoadouro de dinheiro público. Em 2018, o TCU o classificou como um dos órgãos com maior risco de corrupção no país: o departamento foi mal avaliado em todos os critérios de transparência definidos pelo tribunal. No mesmo ano, o Ministério Público Eleitoral conseguiu suspender na Justiça a perfuração de poços no Ceará, diante de indícios da ingerência do então candidato ao Senado Eunício Oliveira sobre o órgão. A autarquia federal tem orçamento estimado em 998 milhões de reais para este ano e potencial para investimentos em centenas de municípios do semiárido. Para os políticos nordestinos, é um prato cheio. Logicamente, despertou a fome do PP.

Outro órgão alvo da cobiça do Centrão é o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, o famoso DNIT, onde personagens de alto calibre da política nacional já se refestelaram. O orçamento do órgão que pode cair nas mãos do PSD de Gilberto Kassab é de 5,8 bilhões de reais, dos quais só 18% estão carimbados como despesas correntes. O grosso do montante pode ser remanejado ao sabor das decisões políticas, já que 4,7 bilhões de reais, o equivalente a 82% do orçamento, são para investimentos – uma cifra capaz de comprazer até os mais ferrenhos defensores da nova política.

O DNIT já nasceu com a vocação para escândalos. A autarquia foi criada com a extinção do Departamento Nacional de Estradas de Rodagem, DNER, que implodiu no governo de Fernando Henrique Cardoso, após a descoberta, em 1999, da “Máfia dos Precatórios”. A mudança de nome não fez cessar as denúncias. Em 2003, primeiro ano do governo Lula, o ex-diretor-financeiro do DNIT, Sérgio Pimentel, foi exonerado do cargo e acusou o ministro dos Transportes, Anderson Adauto, de favorecer a empreiteira Queiroz Galvão em pagamentos do governo. Em 2011, já no governo Dilma, um novo escândalo de corrupção apeou do cargo o diretor-geral do DNIT, Luiz Antonio Pagot. O órgão havia virado um feudo para toda sorte de tramoias do PR – aquele mesmo, de Valdemar Costa Neto, que agora se chama PL de novo. Mas não só. Depois de deixar a autarquia, Pagot confessou ter arrecadado dinheiro para diversas campanhas políticas.

André Bueno/CMSPAndré Bueno/CMSPO PSD, de Kassab, trabalha para controlar o DNIT, usual palco de escândalos
O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, é um dos que tentam brecar o toma-lá-da-cá no DNIT, onde diretores pediram exoneração para assumir cargos na Valec. Tarcísio correu ao Twitter para afirmar que as substituições seguirão o mesmo perfil técnico. Foi uma forma de pressionar publicamente o Planalto pela manutenção de quadros de carreira no comando do órgão, que é chefiado pelo general Antônio Leite dos Santos Filho. Mas não há, por ora, compromisso público de Bolsonaro com a vontade de Tarcísio.

Vinculada ao Ministério da Infraestrutura, a empresa responsável pela gestão do Porto de Santos foi outra estatal que despertou a avidez do Centrão. O maior complexo portuário da América Latina quase acabou no colo de Paulinho da Força, o deputado-sindicalista que comanda o Solidariedade. Mas o próprio abriu mão do acordo, pelo menos à luz do sol. O Porto de Santos se notabilizou por ser um reduto histórico do MDB e do ex-presidente Michel Temer. No início dos anos 2000, o então deputado federal foi enredado num esquema de cobranças de propina das empresas que atuavam no porto. Uma investigação chegou a ser aberta, mas foi arquivada pelo STF.

Para evitar que o Porto de Santos entre na feira de cargos (Valdemar também está de olho grande), mais uma vez Tarcísio entrou em cena. Nesse caso, por ora, ele parece levar a melhor. Sem confronto público e com discrição, o ministro indicou o nome de Fernando Biral, até então número dois da estatal portuária, para comandar a empresa. A antiga Companhia Docas do Estado de São Paulo tem investimentos previstos de 227 milhões de reais para os próximos meses, com obras como a instalação de um sistema de monitoramento de cargas e de cadeia logística, a construção de avenidas perimetrais no complexo portuário e a reurbanização da bacia do canal.

Outro órgão importante para o desenvolvimento de políticas públicas que está sendo negociado com o Centrão é a Fundação Nacional da Saúde, a Funasa. Seu orçamento para 2020 é de 2,3 bilhões, concentrado sobretudo em obras de saneamento. O órgão também já ganhou as páginas policiais. Há dois meses, o então presidente da fundação pública, Ronaldo Nogueira, deixou o cargo, depois de ser alvo de uma operação da Polícia Federal que investigou desvios de 50 milhões. Filiado ao PTB de Roberto Jefferson, ele chegou ao cargo com apoio da bancada evangélica. Agora, o comando da Funasa está prometido para o PSD de Gilberto Kassab, que anda se mostrando todo solidário a Bolsonaro.

Bancos públicos não ficaram de fora das tratativas do governo com o Centrão. O Banco do Nordeste está no pacote negociado pelo PP. A instituição traz visibilidade política para quem o comanda porque gere o bilionário Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste, com mais de 40 bilhões em operações de crédito por ano. Em 2016, o Ministério Público Federal no Ceará revelou um esquema fraudulento de empréstimos que gerou prejuízos de 683 milhões à instituição financeira. Entre as empresas agraciadas pelas negociatas, estavam firmas do doleiro Alberto Youssef, condenado a mais de 100 anos na Operação Lava Jato.

Na última quarta-feira, 27, durante participação numa live organizada por uma consultoria política, o vice-presidente Hamilton Mourão falou sobre as negociações entre Bolsonaro e líderes partidários. Argumentou que a crise gerada pela pandemia de coronavírus “obrigou o presidente a buscar nova forma de diálogo com Congresso”. Como é possível notar, porém, de novas as tratativas com o Centrão não têm nada.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Se acho que Bolsonaro é corrupto? Acho! Corrupto, corrupto, corrupto é que penso que Bolsonaro é! Se acho que seus filhos são criminosos? Acho! Criminosos, covardes, corruptos é o que eu acho que são os Bolsonaros. Eu os acho corruptos, criminosos e covardes!

    1. Entendi perfeitamente o que você acha Francisco! Penso igual!

  2. A máscara do ditador corrupto acaba de cair: no desespero para salvar-se e salvar os seus filhos, BOÇALnero aliou-se ao nefasto bando de larápios do "centrão" para, mais uma vez, assaltar e roubar o BRASIL ! De quebra, quer fazer da Polícia Federal a sua gestapo particular ! Chegou a hora de lutarmos, de propormos Projetos de Lei de Iniciativa Popular, como prevê o artigo 61 da nossa Constituição Federal e, assim, resgatar a dignidade, a seriedade e a esperança dos brasileiros de bem !!!

  3. Não tive estômago para ler a matéria toda. Triste muito triste, é a mesma coisa que sempre rolou, e Bolsonaro é político profissional, votava antigamente junto com o PT e até elogiava o Lula. Você pode enganar um grupo de fanáticos por muito tempo, enganar algumas pessoas por algum tempo, mas não consegue enganar todas por todo o tempo, acho que foi o A. Lincoln quem disse isso, e muitos que foram enganados, e que não são fanáticos devem, como eu decepcionado.

  4. Quem é o traidor, o Judas afinal? Bolsonaro. Dessa vez está ultrapassando todos os limites, com essas tramóias com o Centrão. Traiu os que o elegeram com falsas promessas. Isso não é uma fraude?

  5. Traidor e Judas são títulos que caem bem em JB ao dar as mãos ao capeta, quero dizer CENTRÃO. Além dos cargos do segundo escalão, vai blindar a PF contra os integrantes do Centrão. Essa é a velha política que combateu na campanha. Traiu os eleitores.

  6. Maldições brasileiras: esta constituição lixo, que não dá chances para o eleitor, por pior que seja, escolher melhor: voto proporcional, 35 partidos, foro privilegiado, canalhas indicando e aprovando canalhas para o stf, reeleições infinitas, ^judiciário disfuncional ... etc., etc., etc. Sobra o que para quem trabalha, produz e gera emprego ? Sustentar esta indecência e reclamar pro bispo. Vcs queriam oque ?

  7. Ao ler essa matéria só tenho a dar um lembrete ao Excelentíssimo PR: Bolsonaro, traição atrai traição! Esse seu compadrio com o Centrão, além de redundar em uma traição contra os seus eleitores, pode advir uma traição dessa corja política contra si próprio. Você pode estar se utilizando do álcool para a cura de uma cirrose. Pense bem!

    1. 🐄🐄🐄🐄🐴🐴🐴🐴💩💩💩💩

  8. Não precisa nem de auditor para saber que a nomeação vem seguida de roubo e corrupção. Nomeou, espera 2 meses e vai checar. Vai pegar com tranquilidade o esquema.

  9. Eu gostaria de fazer comentários era nas publicações diárias, onde o tendencioso Jornalista IGOR GADELHA , o Maior MANDETTISTA da Crusoe, faz a festa. Mas, infelizmente é censurado.

  10. Bolsonaro está fazendo o que pode para governar num presidencialismo de coalisão. Vocês não estão preocupadosendo com corrupção coisa nenhuma. Estão, sim, doidos para a bandidada toda tomar o Brasil.

    1. Roberto 🐄 manso, isso tudo aconteceu por q o teu MITO de merda tem rabo preso, filho corrupto para salvar. Rachou com a base aliada e os aliados mais guerreiros em sua defesa hoje são seus desafetos e inimigos, não por trairem Bolsonaro mas sim por se manterem fiel as defesas das bandeiras de quando em campanha. Bolsonaro traiu seus eleitores quando abraçou a velha política e os conselhos idiotizantes do Olavo. Agora já era, virou um defunto político e agora só falta enterrá-lo (impeachment).

    2. Querem o que? o congresso esvaziando os poderes do presidente, o STF aparelhado sistematicamente revogando decisões do executivo, imprensa em peso martelando contra ele, qualquer vagabund0 ingressa com pedido de impeachment (o que o fragiliza, pois sempre podem ser aproveitados pelos Maias da vida)... é obrigado a comprar apoio, por esta constituição psdbista furada. Mas sempre é melhor do que Haddad e a roubalheir4 do PT, né?

    3. Ta aí! Belo nome! Se eu mora-se na roça e tivesse um gadinho manso, colocaria o nome nele de Jenisvaldo!

    4. Na politicalha brasileira, desde sempre, somos induzidos a escolher o menos ruim. Todavia, o 'menos ruim' revelou-se, ainda assim, muito ruim. Hora de desistir de JB. Hora de começar de novo, seguindo a constituição.

    5. Fale por si. Eu só vejo um presidente preocupado em proteger sua família (desde a posse) e pensando em reeleição. Apoiei por falta de opção. Mas é muito, muito, muito pior do que eu poderia imaginar. Instável, despreparado, faz o país ficar à mercê das necessidades da própria família. Desastre total. Que venha Mourão.

  11. Bolsonaro traiu seus eleitores. Preferiu se aliar com o que há de mais podre na política. Condena desta forma o Brasil ao subdesenvolvimento econômico e institucional. Tudo para salvar seus pares.

  12. Vai continuar a pouca vergonha. E o cretino Bolsonaro, para garantir ficar no poder começa a fazer tudo ao inverso do que pregou durante a campanha para presidência. É tudo farinha do mesmo saco.

  13. Com a corda no pescoço e já prestes a apertar, o presidente Bolsonaro estende as mãos para a maior quadrilha de bandidos corruptos, todos agrupados no Centrão, na tentativa de se escapar de um impeachment.

  14. A Crusoé poderia prestar um belo serviço público de fizesse uma pesquisa com seus assinantes sobre o seguinte tema: " Em sua opinião, dos 513 deputados e 81 senadores do nosso parlamento, quantos podem ser considerados partes da Nova Política", da qual ouvimos falar?

  15. Após analisar o resultado da pesquisa sobre a opinião dos brasileiros a respeito do atual governo, acho que muitos editoriais da nossa impressa Isentona, vão passar a bater um pouco menos no governo JB.

  16. Brasil e seus eternos “socios”. Não há salvação. Ou morrem todos esses políticos de uma só vez ou viveremos como a eterna República de Bananas.

  17. Ainda bem que não há denúncias de que Bolsonaro roubou. Até agora, apenas que saiu sem máscara, comeu pastel no botequim, coçou o nariz e colocou a mão no ombro de um simpatizante, nomeou amigo para diretoria da PF, etc..., etc...

  18. Tornou-se refém da maior quadrilha do Pais. Não negociou Bancos, mais negociou o Brasil e sua consciência, negando promessas de campanha.

  19. Quantos Carluxo$ Boy$ & Girls$ sujando, descaradamente, esta praia de jornalismo investigativo. A avacalhação venenosa dos Miguel$ vai dar prisões e internações psiquiátricas, a começar pelo maluco mentiroso-mor que já está com a bunda de fora por ser tão falastrão. E por ironizar e ajudar a GRIPEZINHA assassina!!! O estopim será a debandada dos militares ja tão constrangidos que não conseguirão mais equilibrar o Titanic errático suicida. Nos livramos dum ladrão e elegemos um aloucado trapalhão.

    1. É como o Mourão disse, "aproximações sucessivas". 1) muitos votaram no JB por causa do apoio militar nele, se eles abandonam o barco agora os brasileiros vão sofrer mais, pois com a saída do Moro eles são a réstia de luz naquele manicomio presidencial. 2) Estamos sofrendo com uma pandemia mortal q o Napoleão de Hospício faz questão de negar a existência, já pensou o q o palhaço gripinha seria capaz dw fazer sem o poder moderador dos militares? Melhor q continuem lá!

    2. Os militares debandar? E vão deixar as mordomias? Torço pra isso!

  20. O modelo representativo, na verdade é uma forma de nos fazer acreditar que temos algum poder. Ao fechar as opções aos mesmos de sempre, os grupos de poder mantêm em curso a fraude das eleições e o jogo político de sempre concentra cada vez mais poder. A pandemia exige solidariedade e empatia da nossa classe política, mas desde que seja com os nossos recursos. Ninguém abre mão das benesses. Bolsonaro está no jogo há quase 30 anos,seria ingênuo achar que não sabia desse desfecho.

  21. Voltamos ao tomá-la-dá-cá. Vejo que mais uma vez perdi meu voto para Presidente. Votei no Bolsonaro porque acreditei que ele era a única alternativa contra à esquerda e a velha política. Me animei muito quando escolheu Sérgio Moro para Min. Da JSP. Agora estou vendo que para conseguir se manter no poder traiu seus eleitores. Podem escrever que os próximos a deixarem o governo serão o Tarcísio e o Paulo Guedes. Este não vai aguentar muito tempo, por mais que mostrem o contrário.

    1. Faltou você dizer o ministro da educação que ele está da do de bandeja pro DEM

  22. não me arrependo do meu voto porque era necessário vencer o câncer do petismo e ele teve seu papel. Mas agora revelou sua verdadeira face ou é um caso psiquiátrico que precisa de tratamento urgente. Os que o apoiam incondicionalmente não o ajudam negando a realidade e o estão levando ao abismo

    1. Lídia vc está coberta de razão, mas no brasil nunca veremos isto acontecer.

    2. Oi. Não penso ser caso de psiquiatra. Simplesmente não pode governar como no discurso. Teve que ceder. Simples assim. Até hoje ele não conseguiu governar sem o tomá-la da cá. E nem Moro, vai conseguir. Ninguém. Só depois que votarmos direito.

  23. Eu tenho certeza que ele tenta de todas formas manter um governo sem corrupção mas cadê o apoio!!!! Essa revista do qual vou cancelar minha assinatura, jamais esteve ao lado dele, outras tb nunca estiveram e agora vem com papo furado. Também lamento quem apoiou e agora reclama, no fundo são PTs, esquerdistas que mostram a cara agora. Ele ainda é o melhor de todos, até quem sabe um dia surgir outro messias.

    1. Patrícia vc está certa, o povo não passa de um bando de Hipócritas.

    2. Falou tudo que penso. E o pior: quando não cedia a cargos, a oposição reclamava dizendo q ele não era político. Povinho hipócrita.

    1. A mesma quebra de palavra com Sérgio Moro. Perdeu meu apoio. Presidente JMB não é cumpridor de sua palavra.

  24. A CRUSOÉ se vendeu! Virou a casaca! Quem comprou? Dória? Globo? Cadê a imparcialidade e independência da revista que eu assinei?

  25. A Crusoe sempre disse que era independente, mas os textos das notícias estão sendo praticamente os mesmos e na mesma hora que as notícias do site da Globolixo, será pq? Vcs tbm venderam suas almas ao diabo?

  26. Se houver essas negociatas, será a comprovação de que é quase impossível ter que trabalhar com um Congresso de hienas e um STF de abutres. Bem que Bolsonaro tem tentado.

    1. Exatamente isso. Que se mude então o modelo brasileiro de República!!

    1. Aplicou o maior estelionato eleitoral no povo brasileiro. Sem palavras. Igualzinho o Collor com a falácia de caçador de marajá. Mais uma vez enganado.

    2. Pelo menos não deu Ministério, se não ceder algo, não vai conseguir nenhum projeto de interesse do país e que os Órgãos de Controle cumpram seu papel para evitar desvios nestes Órgãos.

  27. Foi difícil ler o artigo até o final, fiquei enjoada com esse mais do mesmo. PARA Bolsonaro, estamos aguentando tuas maluquices mas suportar esse bando do Centrão já é demais!

  28. Meu Presidente! Eu te elegi... Mas não te passei um cheque em branco... Nem comprei um passaporte pra bater palma pra maluco! Cara, se toca! Vc rachou a direita! Melhor canário hj é Mourão! Usando sem palavriado... vc é um merda! Seu medíocre incompetente!!!

  29. Bolsonaro é decepção total, sou antipetista até a alma, mas me arrependo de ter feito campanha e de ter votado nesse energúmeno. Os concursos para as academias militares são tão difíceis, como esse cara passou?

    1. O verdadeiro problema, meu caro Antonio, é lidarmos com a negação da razão. Tenho +60 na lata, e fico extremamente triste vendo a razão ser negada. Lembra os anos 30 de um tal de Adolph. Brasil acima de tudo? Tá na hora do "Acorda Brasil"! Como esse energúmeno diria... PORRA!

  30. "E agora, José? A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, a noite esfriou, e agora José? E agora você? você que é sem nome, que zomba dos outros, você que faz versos, que ama, protesta? e agora José?....." Carlos Drumond de Andrade 1942

  31. Na verdade ; vamos falar o portugues claro ??;; Este país é uma Bosta!! Feliz de quem foi embora com dol a 4 e EU a 4,50 Agora // too late

  32. Nojo. Asco. Desprezo. Velha política podre! Sinal / fumaça de culpa no cartório. Aguardar pra ver um governo refém de quadrilhas já conhecidas. Lamentável. Só prova que os transferidos de Direita ou de Esquerda se merecem. Iguais na prática, na cegueira e no fanatismo doentio.

    1. Será dito sempre como justificativa que é em nome da governabilidade.

  33. Acabou de vez com o discurso que o elegeu!! Quero ver se a população vai deixar barato. Tem que congestiona as redes sociais! Mostrando o balcão de negócios!!

    1. O povo que idolatra o Bolsonaro...possui a mesma doença que vimos nos petistas cegos que idolatravam (ou ainda idolatram) o Lula! GADO!

  34. É de revoltar! JB tinha muito para dar certo, escolheu 4 bons ministros, economia, justiça, agricultura e infraestrutura. Foi eleito com muitos votos. Mas aí ele aceitou os filhos no governo e o psicopata da Virgínia com seus loucos seguidores. JB destrambelhou com a epidemia, debochando do mal que mata e por fim do povo que morre. JB se destruiu, implodiu, enlouqueceu.

    1. "professor" Olavo de Carvalho...kkkkkkkkkkkkkkkkkk Patético!

    2. Quais são suas credenciais para chamar o Genial Professor Olavo de Carvalho de Louco? Parece um papagaio repetindo o que ouve de Marco Antônio Villa. Quando tiveres lido as obras de todos os grandes filósofos do mundo, vendido mais de 3 milhões de livros e formado mais de 10.000 pensadores, poderá falar alguma coisa. Deixe de ser um papagaio de pirata.

    1. Afrânio cordeirinho de Deus, cria vergonha nessa cara seu bovino que ao tinir do cincerro segue a tropa bovinamente, isso é pra ti e para os demais da tropa cega

  35. A governabilidade de um país com as dimensões do Brasil presume a necessidade de composição do executivo com o legislativo. Independe de quem seja o presidente. O que se espera da imprensa livre e dos órgãos de fiscalização é que tenham os olhos bem abertos para identificar e denunciar com rigidez os desvios éticos e morais dos agentes públicos. E que o Poder judiciário seja mais ágil e firme na punição dos malfeitores, chupins da nação.

    1. A discussão é: a esmagadora maioria dos que votaram nesse bosta comprou o discurso de que ele não faria concessões, que ele detonaria a "velha política". Não sou esquerdista ou petista, mas nunca acreditei nessa balela. E, agora, ele está aí: emparedado pela "velha política". Emparedado por força de atos pessoais seus e de seus familiares, que geraram reações intempestivas, as quais, agora, precisam da proteção da velha política para manutenção da governabilidade. Minha pica pra você, Ubiratan!

  36. Eu me sinto mal em ler uma reportagem dessa, não pela reportagem em si, mas por ver um Presidente que eu votei para lutar contra a corrupção e hoje está se alinhando a ela. Lamentável!

    1. Não gadinho Rogério, parar de apoiar o louco genocida no poder é pedir seu afastamento para o coerente e sensato General Mourão assuma o barco em meio a essa tempestade criada e alimentada pelo Napoleão de Hospício sentado na cadeira presidencial.

    2. Ok, sua solução é parar de apoiar quem você elegeu. Ok, você sabe onde vai desaguar esse rio? Vai mudar para Addad, Ciro, Boulos? Vai começar fazer campanha para Moro? Moro não tem jogo. Simplesmente trava nas mãos da justiça esquerdalha. Moro nunca alteraria esse congresso.

    3. A única maneira de evitar isso é eleger um CONGRESSO honesto. Sem isso, ninguém consegue governar. Mas não fazemos isso. Continuamos votando em deputados e senadores corruptos.

    1. A verdade é que não temos educação; se quer sabemos pontuar as nossas reivindicações. Somos o todo poderoso da nação só que não sabemos utilizar nosso poder, pois não fomos bem educado pra exercer esse vultuoso poder. A última lei de nossa iniciativa própria (LEI DA FICHA LIMPA) foi há 10 anos atrás. Porque nós não fazemos mais leis de nossa iniciativa própria? Por que? Desperdiçamos muita força por nada!

  37. A grande mídia inclusive a Crusoé vem criticando o governo e defendendo o governo de coalizão . Agora tá aí . Fudeu com o Brasil, Fudeu com o povo.

    1. Acho que você se enganou, a mídia vem batendo no governo exatamente porque Bolsonaro se curvou a velha política do toma lá da cá!

  38. O homem do dinheiro (empreiteiras) compra o homem do poder(Lula), o homem do poder compra os homens do congresso (mensalão, petrolão, estádios etc). Será que vai repetir?

    1. Tô resando todo santo dia pra covid19 levar deste mundo as principais pragas políticas deste país, de todos os partidos, STF e todo o congresso, ô se tô

  39. As FFAA têm que se posicionar: ou bem apoiam a fisiologia psicopática do Presidente ou, delicadamente “sugerem” a sua renúncia. Não podem continuar a ser chamuscadas por esse desgoverno!

    1. Verdade. Ele em 28 anos na Câmara de Deputados fez fisiologismo, onde pôde na campanha em 2018 levar quase toda a família para o Congresso Nacional, mais uma vez com o objetivo fisiológicos.

    1. Mas devia!!! Podia ajudar a curar a cegueira permanente provocada pelo bolsonarismo

  40. Os supremos soltaram o Lula!! O ícone de todos os ladrões do planeta! Então cabe uma filosofia mestiça: " E daí? Relaxa e goza...Quer que eu faça oquê"?

  41. Bolsonaro esta correto, precisa se juntar ao centrão para evitar o impeachman sob a pressão da globolixo, o antagonista, band china e outros meios de comunicação que querem a volta do governo de esquerda para roubarem e dividirem os lucros.

    1. Kkkkkkk..... a cegueira é impressionante ...ao invés de querer q o presidente faça as coisas certas, justificam se unir com quem mais criticavam para evitar um impeachment, que se ele não fizesse tanta bobagem nem estaria sendo levantado.....isso que é visão distorcida da realidade...é o petismo de direita!!!!

    2. O presidente devia renunciar faria um grande favor a nação, e não teríamos um novo PT, etc.

    3. Marcos, respeitosamente não me venha com esse conto da carochinha. O sr presidente traiu uma nação muito antes do dado Moro. Vejamos: Apoiou o Juiz de garantias; Lavou as mãos sobre o pacote anti crime; Não vetou o fim do foto de qualidade no CARF; Borrou sobre o caso COAF; O que mais precisava ? Queria uma PF para chamar de sua !!! BolsoLouco não correspondeu ao espírito mínimo necessário para ocupar o cargo ! Eh o que penso !!

    4. Bolsonaro e esquerda;Onde está a diferença,,? Nos poupe Sr.Marcos.

  42. Lamentável e vergonhoso!! Estamos sendo apunhalados pelas costas! Não era o que desejávamos quando elegemos Bolsonaro. O dia da posse parece agora um evento tão distante!!

  43. O poço cada vez mais fundo, Bolsonaro está cavando, como esses sanguessugas se elegem é um vergonha e estamos de mãos atadas. Puro fisiologismo nos bastidore do poder, daremos o troco nas eleições de 2022.

  44. Exatamente igual aos presidentes anteriores, viram a banana entrando e se filiaram ao que mais de podre existiam no congresso. Um dos motivos da saída do Moro, foram exatamente a entrada desses marginais no governo.

    1. Na verdade, Bolsonaro e seus aliados só usaram a bandeira da ética, da moralidade e ncontra o corrupção para se eleger. Até Moro, se um dia chegar ao poder, mesmo achando que ele seja a pessoa mais honesta que já vi atuar no trato com com a coisa público, saibam que, a burocracia, em seu possível governo, vai ficar muio mais cara. O supremo custa quase meio bilhão por ano ao contribuinte. Não há estado que aguente os altos salário, penduricalhos, privilégio e desperdícios praticados no Brasil.

  45. Infelizmente o Brasil é isso. Atolado em escândalos desde a chegada das caravelas. Continou e vai continuar por muito tempo ainda. Seria risível se não fosse trágico pensar que um ex-parlamentar que passou a maior parte de sua vida vinculado ao baixo clero da politica, num dado momento de lucidez fosse trair seus coleguinhas de classe corrupta e abjeta chamada CENTRÃO. A REPORTAGEM MOSTROU QUE NÃO SAIREMOS TANTO CEDO DAS GARRAS DA CORRUPÇAO ENDÊMICA.

    1. Depois de receber o voto anti PT traiu o Moro, seus eleitores, o Brasil e optou por ceder e governar com os patifes do Congresso, em sua grande maioria ex-presidiários. Tudo para encobrir os crimes do clã.

  46. Parabéns, Helena Mader, pela excelente reportagem tão bem fundamentada e explicativa. Não há mais dúvidas para ninguém que o MINTO é um grande picareta. Ele boicota, incessantemente, o seu governo, põe a culpa na imprensa ou em outros políticos e vai para o abraço com o Centrão abjeto. E ainda tem gente que acredita na corretude do presidente. Me engana que eu gostchoooo.

  47. A Análise da menina Helena Mader é precária. Digo com certeza Helena que você não tem cacife para expor suas idéias para o povo ler. Ainda não sofreu o suficiente para colocar no papel seus pensamentos. Nos governos anteriores todo o ministério era vendido para os partidos, de cabo a rabo. Agora não. Cada ministério tem seu líder escolhido pelo presidente. Só isso não basta, mas os indicados pelos partidos serão vigiados sistematicamente, pois tudo cai nas costas de cada um dos ministros.

    1. Parabenizo o esforço do Miguel, tanto no imaginar pseudônimos quanto no inventar novos tipos de puxa-saquismo para babar nos ovos do PR Pai e do seu líder máximo oculto PR Carluxo.

    2. Não seja tão professoral com os outros e respeite a opinião da moça, seu megalomaníaco. Não está em discussão o Ministério e sim o tal Mito Fajuto. Não desvie o foco e vá cagar regra noutro lugar seu ridículo Carluxinho de merda. Vocês baba-ovos do Mito portador do vírus, são do mesmo time e nível dos ingênuos lambe-sacos do presidiário Lula.

  48. Queriam o que jumentos antagonicos? Que fossem para o Doria? Ah, minha assinatura vence agora em maio. Cancelem por favor.

    1. Seria muitonpior se ele tivesse mais força para impor suas vontades. A verdade é que chegamos a ponto de ter de escolher entre o cocô e a bosta. O resultado é essa caganeira ininterrupta.

  49. Há pouco tempo atrás, cheguei a pensar que o Lula fora a pior coisa que tinha acontecido no Brasil. Já perdeu o posto, disparado...

  50. Para obter aprovação de seus projetos para melhorar a vida do povo, abre mão de suas promessas de campanha. Vejo isso como um mal necessário. Posso imaginar a dor que está sentindo ao renunciar a parte de seus princípios, felizmente uma parte ínfima.

    1. Crusoé se diz “uma ilha no jornalismo”. Engana os trouxas. Não existe imparcialidade no jornalismo. As matérias veiculadas comprovam o que afirmo.

    2. Ruth, quem "renuncia a parte de seus princípios" é por que não os tem.

    3. Ele esta desesperado para se manter no trono e continuar usando seus poderes presidenciais para proteger os filhos corruptos. Em nenhum momento estamos vendo ele se preocupando comno povo.

    4. Se o presidente não conversa com o congresso é ditador; se conversa está se entregando...

    5. Vejo isso como o abrir porteiras para a corrupção, traiu seus eleitores, não merece crédito, não tenho político de estimação, não sou gado!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO