Presidência Alemã da União Europeia

Em recado a Bolsonaro, União Europeia propõe parceria com Biden para combater desmatamento

03.12.20 09:21

A União Europeia entregou na quarta-feira, 2, uma proposta de parceria com o governo do presidente eleito dos EUA, Joe Biden. Em meio às negociações para um acordo de livre comércio com o Mercosul, a UE quer uma “agenda verde transatlântica” e espera contar com a ajuda do presidente democrata na política ambiental, inclusive no que diz respeito ao combate ao desmatamento.

O tema é um dos principais entraves para a ratificação do acordo com o bloco sul-americano.

“A UE está propondo estabelecer uma agenda verde transatlântica abrangente, para coordenar posições e liderar esforços conjuntos para acordos globais ambiciosos, começando com um compromisso conjunto de zerar as emissões líquidas [de carbono] até 2050”, diz o texto.

“Uma iniciativa conjunta de comércio e clima, medidas para evitar o vazamento de carbono [situação em que as emissões em um país são elevadas pela ação de outro país], uma aliança de tecnologia verde, uma estrutura regulatória global para finanças sustentáveis, liderança conjunta na luta contra o desmatamento e intensificação da proteção dos oceanos fazem parte das propostas da UE”, enumera o bloco europeu.

A mensagem foi entregue por Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, e Josep Borrell (foto), alto representante da UE.

Nos Estados Unidos, o tema será de responsabilidade do ex-secretário de estado, John Kerry, que terá um gabinete dedicado às questões climáticas. Como mostrou Crusoé, o governo de Jair Bolsonaro buscou diálogo com ex-integrantes do Departamento de Estado do governo Obama, chefiado por Kerry, para se aproximar de Biden.

Além da área ambiental, a União Europeia propôs a Biden uma parceria nas áreas de saúde, tecnologia, comércio, defesa e promoção da democracia.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Jogam na nossa cara a nossa total incompetência para gerir a Amazônia! Se fôssemos competentes e reduzíssemos o desmatamento ninguém ousaria nos dar lição de moral! Lamentável esse nosso descaso com nossa biodiversidade!

  2. Que tal a união européia propor o reflorestamento da Europa e a punição dos países que compram nossa madeira por eles contrabandeada (França principalmente)?

  3. Spigariol, vc dá a notícia mas não dá a resposta que deveria ser dada a esses cretinos que, por iniciativa do canalha Macron, nada mais querem do que controlar o gigantesco avanço da nossa produção agrícola. Não precisamos da Amazonia para produzir comida, basta olhar no mapa. Mas você, a mando dos donos da CrusoLIXO, dá destaque ao que não tem fundamento. O que eles querem é fazer puro protecionismo. E você não escrevem uma linha sobre isso. Mais vale ser contra o governo, né? Canalhas!

    1. Ney você é mais um monte de bosta igual ao Ze (sem acento), ao Giuseppe, à Maria, Nádia, Odete6 e tantos outros. Acho mesmo, Ney, que a tua mulherzinha tá como a do Jose. Queimando arosca pro viznho enquanto vc fica repetindo o teu mantra. Vai cuidar da tua mulherzinha, CORNO.

    2. O teu líder miliciano boçal dá motivo pra isso. Acorda bozomerda.

  4. Os proprietários rurais no Brasil têm de 20 a 80% de suas áreas como áreas de conservação. Já se perguntaram uma fazenda na Europa ou Estados Unidos quanto tem de reserva legal?????? Zero. Seria justo que, para cada árvore que conservamos, europeus e americanos plantem outra em seus países desmatados.

    1. ANDRE PESQUISA UM POUCO PARA VER QUE OS EUROPEUS FAZEM SIM REFLOREDTAMENTO. A ALEMANHA REFLORESTA MUITO. O DESMATAMENTO NO BRASIL NÃO TEM CONTROLE. VOCE ACHA BACANA O QUE ACONTECEU NO MATO GROSSO? VOCE VIVE AQUI. PENSE NOS SEUS FILHOS E NOS FILHOS DOS SEUS FILHOS.

    2. Versar PAULO. Não há mais volta. Ou o Brasil produz comida sem desmatar ou não haverá comprador. Simples assim! E. Algumas regiões, tal como o centro-sul do país, além de parar de desmatar é preciso começar a reflorestar, porque senão daqui a pouco não terá água e nem solo, dada a imensidão dos problemas causados pela erosão. Naturalmente, o Bozo não quer nada disso, pois ele é contra qualquer coisa que seja decente e baseada na ciência!

    3. Andre, sem entrar na questão do percentual, que inclusive foi contestado, vamos ao que interessa. A agenda ambiental vai ser cada vez mais importante na relação entre os países. E o Brasil, na postura do seu PR e do ministro da pasta, que usou o termo "passar a boiada", estão indo já direção contrária. E isso vai ter um preço.

    4. Bem, isso é um mito. Grande parte das fazendas brasileiras não cumpre a lei. Pior ainda, pagam um lobby caríssimo para que o governo continue flexibilizando a lei ambiental e perdoando as multas ambientais. Todos os estudos recentes mostram que são muito poucos os agricultores brasileiros que cumprem a lei do país. Por fim, nossa constituição diz que a biodiversidade é bem público e não privado e que a propriedade rural tem uma função social, incluindo a proteção do ambiente.

    5. Estes dados foram todos contestados ! Aliás este e outros argumentos constantes de vídeo do ex presidente da EMBRAPA .. Evaristo Miranda ! Leia no relatório do “Observatório do Clima !

    6. Muito bom seu comentário Sr. André. Concordo plenamente com sua idéia de que os europeus e americanos plantem árvores em seus países também para o devido reflorestamento do Planeta.

  5. O recado deveria ser ao congresso e ao auto intitulado primeiro ministro Maia A legislação atual permite desatar 20% da Amazônia. Se não querem que se desmate tem que se alterar a lei não o presidente. Proibir o desmate é antagônico ao Incra que cobra produtividade das áreas rurais, sob pena de pesado imposto, itr de área improdutiva. Proibir o proprietário de desmatar e de fazer a terra produzir é uma desapropriação indireta. Que paguem por isso, dinheiro

  6. O tsunami verde é irresistível. Arrasar a natureza por 30 moedas de prata implica suicídio; é muito pouco dinheiro para tamanha calamidade. Ademais, no caso do Brasil há dois fatores a considerar: 1. Como declarou a Min. da Agricultura, o País não precisa torrar florestas para expandir a produção agrícola, bastando agir racionalmente; 2. A perspectiva demográfica é de crescimento cada vez menor, com encolhimento populacional nas próximas décadas. Atenção! Janeiro/21 está aí! E 2022 bate à porta!

    1. A taxa de fecundidade total do Brasil é menor que a de reposição demográfica, 2,1 filhos por mulher, o mesmo ocorrendo com diversos países americanos. Desviam-se dessa taxa políticos que se penduram nas TETAS do governo com uma penca de filhos e uma fieira de ex-cônjuges e parentes, pelicanos à espera das sardinhas e outros peixes custeados pelo contribuinte, do qual se extraem tributos de porte europeu em troca de bens e serviços públicos de qualidade moçambicana. Coragem! E Quarta Via neles!

    1. Esta interessante alguns comentários. Eleva um pouco o nível.

  7. O desmatamento está prejudicando o regime de chuvas no próprio país. Talvez seja a oportunidade para conversas de alto nível e transparentes que beneficiem acordos que sejam razoáveis para todos. Difícil, não impossível.

  8. Por detrás disso estão os poderosos que não querem ver uma nação como a nossa prosperar. A Europa devastou tudo, agora querem impor sobre um peso frente a nossa Amazonas?

    1. Acho que para ser eleito precisa de votos. Vc foi enigmático. Não vejo como um provável isolamento do Brasil nas questões ambientais, que terão reflexos econômicos, possam ajudar alguém a ser eleito. Mas deve ser a tal psicologia das massas, e isso nem Freud explica.

    2. Você não entendeu Suzane?Espere chegar Novembro de 2022 e aí você entenderá, porém será tarde de mais pra vocês.

    3. Não entendi seu argumento. Como Bolsonaro se beneficiaria de um acordo entre os EUA e a EU em favor da preservação do Meio Ambiente, com grandes chances de implementação de sanções contra o Brasil? Afinal, o grande responsável por essa situação é o próprio Bolsonaro, com suas falas irresponsáveis e seu Ministro do MA tratorando a natureza. Só os bolsominions esquizofrênicos comprariam um discurso à la Chavéz de que o mundo está contra o Brasil porque querem roubar nossas riquezas e o apoiariam.

  9. Voltando ao assunto do artigo, parece muito interessante essa pressão externa para que o Brasil tenha mais cuidado com suas florestas. Entretanto, seria mais justo que esses países também promovessem um reflorestamento nas área que eles devastaram em seus próprios territórios. Aí daria para acreditar na "boa intenção" deles.

    1. Durante a Revolução Industrial alguém defendia a pauta ambiental? Apesar de obviamente não ter vivido na época, acredito que não. Mas as coisas evoluem, o homem vai a lua, vacinas são desenvolvidas em poucos meses e 99,99% dos cientistas que estudam o Meio Ambiente, afirmam que devemos parar de degradá-lo, sob o risco de termos situações catastróficas. Esse é o cenário. Vamos culpar fulano, desacreditar ciclano, sem qualquer argumento sólido, ou vamos ser pragmáticos e usarmos nosso ativo verde

    2. Concordo em gênero e número. O Brasil poderia fornecer muda e sementes para que fizessem seu reflorestamento, ressuscitar seus índios não tem jeito, porém, as florestas pode ser recriadas. E que tal diminuírem a poluição que produzem?

    3. "Neutralidade climática até 2050 é uma ilusão" Segundo Eric Heymann, do Deutsche Bank. "A prosperidade material de um país ainda está intimamente relacionada a seu consumo de energia. E, como cerca de 80% do fornecimento global de energia ainda se baseia em combustíveis fósseis, um alto nível de prosperidade, medido pelo Produto Interno Bruto (PIB), tende a ser associado ao alto consumo de energia per capita". Ou seja, para atingirem a meta vão ter que cortar na própria carne.

    1. Marcelo, Marcelo... Sabe quando vc percebe que alguém não têm conteúdo? Quando fica rotulando os outros de cima da sua montanha de estupidez... e inveja, de não conseguir argumentos pertinentes para defender alguma coisa, devido a sua ignorância.

    2. Estou contigo Marcelo. Olha a petezada e esquerdalha te criticando. kkkkkkk. As revistas o Antagonista e a Crusoé está infestada de "vermelhos".

    3. O Bozo deu uma guinada de 180 graus. A revista continua a mesma. Quem não que ler não leia!

    4. Te esqueceu que a Revista mais O Antagonista, ajudaram a derrubar a petezada corrupta ? Quem mudou de lado foi o Bozo, a revista continua a mesma no combate à corrupção e ladroagem.

    5. Se pensas assim, então NÃO leia a revista, que nunca muda de lado, no combate à corrupção.

  10. Infelizmente o nosso país está prisioneiro de questões menores que assumiram a total atenção do nosso chefe de governo, aliás, um governinho de nada, como a grilagem de terras por despachantes de cidades insignificantes, e a rotineira prática de apropriação e desvio de verbas de gabinete por quase todos os vereadores de cidades de todo o porte, inclusive do Rio de Janeiro, entre outras..., sobrando pouco tempo para pensar na boa gestão deste grande país. Tá na hora #Moropresidente2022

  11. Bozo está cada vez mais isolado. Minha projeção é a seguinte: o Brasil somente começará a descer de novo depois da saída do Bozo. Até lá, os brasileiros terão vários anos perdidos. Tem gente que não se importa, pois vivem mesmo na miséria social e intelectual. É por isso que a nossa juventude está fugindo do país!

    1. Amigos, o Zuriel está fazendo a única coisa que ele pode e sabe fazer: zurrar! Ele não CI segue reconhecer que o dono dele traiu a pátria amada e está nos jogando de volta ao fosso.

    2. Sim, serão duas décadas perdidas no total. É nisso que deu toda essa brincadeira do FHC acreditar que poderia alternar o poder com o pt. FHC foi um dos bons governadores desse país, tendo realizado reformas cruciais. Mas dado o gigantismo do erro político que cometeu, agora ele fala é sozinho. Que o povo não cometa mais um erro grotesco nas eleições de 2022. Analfabetos intelectuais que somos (no sentido coletivo), há que se preocupar com isso. E muito.

    3. Parabéns por suas colocações, penso igualmente, o Brasil perdeu 16 anos e agora perderá mais 4 anos, mas tudo era previsível em se tratando de um lunático e psicopata que colocaram na presidência do País.

    4. Este Jose não se emenda... este é o legítimo Judas Escariotes!!!

Mais notícias
Assine
TOPO