Casa Rosada

Os movimentos que explicam a conversa entre Bolsonaro e Alberto Fernández

30.11.20 17:09

O presidente Jair Bolsonaro conversou por videoconferência na manhã desta segunda, 30, com o presidente da Argentina, Alberto Fernández (foto).

O convite partiu da Casa Rosada e teve como objetivo o de reduzir os ataques e provocações entre os dois chefes de governo. Durante sua campanha eleitoral em 2019, Fernández visitou Lula na carceragem da Polícia Federal em Curitiba. Bolsonaro deu o troco dizendo que a Argentina poderia se transformar em uma Venezuela.

A conversa remota desta segunda, que girou em torno de temas protocolares, pode ter justificativas mais profundas. “Uma possibilidade é a de que Jair Bolsonaro esteja olhando mais agora para a região após a derrota de Donald Trump nos Estados Unidos”, diz o cientista político argentino Julio Burdman, de Buenos Aires. “Como a aposta na relação bilateral com Washington perderá relevância com a posse de Joe Biden, talvez o Brasil agora queira fortalecer sua relação com os parceiros da região.”

Bolsonaro também pode ter decidido usar o vizinho para mostrar-se menos agressivo aos olhos dos estrangeiros. “Alberto Fernández tem um discurso muito mais ao gosto dos europeus. Bolsonaro então pode estar usando o argentino para convencer alguns parlamentos a aprovar o acordo entre a União Europeia e o Mercosul”, diz Alexandre Pires, professor de economia e relações internacionais no Ibmec São Paulo. “Essa videoconferência me pareceu uma ação voltada principalmente para o público externo.”

Do lado da Argentina, a conversa ajuda a fazer as pazes com seu maior parceiro comercial, de quem o país dependerá para se recuperar de uma queda no PIB de 12% este ano. Fernández também pode estar preparando o terreno com o Brasil, no momento em que gostaria de fazer mais negócios com a China.

Este ano, o ministro de Relações Exteriores da Argentina, Felipe Solá, tem se aproximado dos chineses. “Solá já sugeriu que a Argentina poderia ter um acordo bilateral com a China à margem do Mercosul, o que certamente resultaria em um aprofundamento da relação com a Ásia”, diz Burdman. Um movimento nessa direção ficaria bem mais fácil com apoio do Brasil.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Deixar para mais tarde

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Gisuseppe, antes de mais nada... o parmera não tem mundial! Agora vamos tratar da sua defecação digital. Não tomo remédios TARJA preta. Caixa preta é o teu cérebro do tamanho de uma ervilha. Isolados do mundo com 255 milhões de toneladas de produção agrícola? O Brasil alimenta 1 bilhão de pessoas e espera que o Partido Comunista Chinês alimente a sua população com morcêgos, cobras e as hienas africanas. Vá à merda, Giuseppe. Chuuupa, Porco!!!!!

    1. Jose (sem acento, que toma no assento) já sei porque você está assim. Essa raiva toda é pelo fato de saber que de todas as pregas da rosca da tua mulherzinha, nenhuma foi rompida por você e sim pelo teu vizinho. E que após isso a porteira se abriu para os demais. E o que é pior pra você, ela faz de graça. Se cobrasse, com o belo rabo que tem, talvez você não precisasse defecar digitalmente por aqui. Assim sendo, não há outra saída a não ser se contentar com a mortadela e a tubaína do Mainardi.

  2. Imagine se o broncossauro seria capaz de raciocinar e, em acréscimo, com precisão!!! Ele apenas age estabanadamente, deformando qualquer conselho edificante de alguém, para agir apenas segundo a demência das suas 4 crias crápulas patetóides.

  3. Os chineses não querem sabem nem do Brasil e nem da Argentina. Para ser auto-suficiente de comida, eles estão investindo maciçamente na África. Daqui a pouco eles darão um traço no Brasil. País que vivem de commodities agrícolas e minerais não tem futuro.

    1. chinês é raca porca e sem educação,sem escrúpulos, sem noção. Comunistas E querem dominar o mundo mas não conseguirão

    2. Verdade Glauco. Pior: retrocedemos com a nossa industrialização e já perdemos a batalha da indústria do conhecimento. Em resumo: voltamos ao que éramos no século dezenove.

    3. E nós seguimos perdendo anos e anos de oportunidade de agregar valor em nossas commodities.

    1. Giuseppe, você aposta los cojones de quem? Os seus certamente não porque isso é coisa que vc não tem. Nem cérebro. E milico é termo usado pela esquerdalha maldita que até hoje insiste em querer dizer que houve "ditadura" no Brasil. A que eliminou 454 envolvidos com terrorismo. DITADURAS foram as de Stalin e Mao, que mataram MILHÕES. Ditadura é a dos irmãos Castro que até hoje ainda mata. É a de Maduro que já matou centenas. Diga, Giuseppe, e o Parmera?

  4. Bolsonaro e seus assessores internacionais são limitados demais para adotar uma posição pragmática e pró-Brasil nas relações exteriores. Comprometem o espaço duramente conquistado no mercado externo ao longo das últimas décadas por ações governamentais e empresariais, desconstruindo a imagem do nosso país de fornecedor responsável e confiável de mercadorias, só para agradar ideologicamente meia dúzia de fanáticos imbecilizados pelo astrólogo influenciador digital desse desgoverno.

    1. 👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏿👏🏿👏🏿👏🏿👏🏿

  5. Com comunistas, socialistas, populistas, ou seja lá a definição que queiram dar a esses montes de estrume, não há acordo. Essa palavra para eles só tem significado quando atende só o lado que lhes interessa. Malditos!

    1. Gisuseppe, antes de mais nada... o parmera não tem mundial! Agora vamos tratar da sua defecação digital. Não tomo remédios TARJA preta. Caixa preta é o teu cérebro do tamanho de uma ervilha. Isolados do mundo com 255 milhões de toneladas de produção agrícola? O Brasil alimenta 1 bilhão de pessoas e espera que o Partido Comunista Chinês alimente a sua população com morcêgos, cobras e as hienas africanas. Vá à merda, Giuseppe. Chuuupa, Porco!!!!!

    2. Albertinho de sempre... Vc. é ícone da área ideológica olavistica, confusa e cada vez mais insignificante. Vomitando sua gritalhada estúpida.... Ainda não caiu a ficha? Ou tem problemas psiquiátricos e toma remédios caixa preta. Vai ver seu mito e seu chanceler de joelho hoje, na conversa com os argentinos, procurando desesperadamente alguém pra não ficar só e isolados no mundo. Triste comentario o seu.

  6. Caraca !!!!Como se merecem !!!Um usa o outro como trampolim para possível vitória pessoal, face ao fracasso de suas gestões internas !Ao tempo que julgam a diplomacia internacional vilã a ponto de não entender nas entrelinhas o que está em jogo .0 comércio internacional que se cuide com estas sumidades !!!kkkkkkkkk

    1. quer ser do contra a tudo e a todos que seja, nao ponha jb neste balaio.

Mais notícias
Assine
TOPO