Plinio Xavier/Câmara dos Deputados

Moraes autoriza novo inquérito sobre Daniel Silveira e fixa fiança de R$ 100 mil

10.06.21 16:39

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, determinou a instauração de inquérito para investigar o deputado Daniel Silveira (foto) pela prática do crime de desobediência a decisão judicial em decorrência de supostas violações à tornozeleira eletrônica. A decisão atende pedido da Procuradoria-Geral da República.

O parlamentar bolsonarista foi preso em flagrante em fevereiro, por ordem do próprio Alexandre de Moraes, após a publicação de um vídeo em que defendeu a destituição de ministros do STF e fez apologia ao AI-5. Quase um mês depois, o magistrado autorizou a transferência do deputado para a prisão domiciliar.

Moraes ainda impôs a Silveira uma “fiança coadjutora” de 100 mil reais. O deputado terá de depositar o valor no prazo de 48 horas após a abertura de uma conta vinculada ao processo pela Caixa Econômica Federal.

O reforço da tornozeleira com a fixação da fiança foi a opção apresentada pela PGR para “evitar a resistência injustificada à determinação judicial e a repetição de qualquer um dos incidentes” por Daniel Silveira, caso Alexandre de Moraes não ordenasse a volta do parlamentar para a cadeia.

Moraes sublinhou que, se o pagamento da fiança não for cumprido, poderá impor novas medidas cautelares, como a decretação da prisão preventiva. “Ressalto, ainda, que, nos termos do art. 343 do CPP, o quebramento injustificado da fiança importará na perda de metade do seu valor, cabendo ao juiz decidir sobre a imposição de outras medidas cautelares ou, se for o caso, a decretação da prisão preventiva“.

Já é assinante?
Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Assine a Crusoé

*válido até 30/06/2021

Assine a Crusoé ou nosso combo e ganhe o novo eBook de Mario sabino

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Cadeia nele! Triste o tanto de bandidos que compõem o Congresso, o Senado e o governo federal, inclusive, o chefe!Brasil ñ tem jeito!

  2. PGR , STF , tá difícil , o deputado já foi preso , por terem rasgado a constituição , e ainda continua tudo do mesmo jeito , inquéritos do fim do mundo , inquéritos das fake news, tudo para proibir o povo de falar mal de instituições que não tem um integrante que está lá por meritocracia.

    1. Não serviu para a PM, no rio. Na política, virou um extremista doente. Caiu na cana e não aprende.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO