Agência Brasil

Em áudio, Silas Malafaia diz estar ‘decepcionado’ com Bolsonaro e que Temer indicou Osmar Terra

14.11.19 07:01

Em áudio enviado ao deputado Alexandre Frota em fevereiro, o pastor Silas Malafaia (foto) se disse “profundamente decepcionado” com o presidente Jair Bolsonaro. Na gravação, obtida por Crusoé, o líder evangélico critica o presidente por não ter nomeado o ex-senador Magno Malta para ministro e diz que quem indicou o ministro da Cidadania, Osmar Terra, teria sido o ex-presidente Michel Temer e o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

“Sinceramente, Frota, eu como jamais vou usar nem minha mídia, nem nada para falar mal de Bolsonaro, nem nada, porque eu não vou dar mole para esses esquerdopatas… Mas estou profundamente decepcionado, irmão”, diz Malafaia no áudio. O líder evangélico afirma que, se fosse “maquiavélico” ou “maldoso”, poderia incomodar o presidente, ao expor, por exemplo, a contradição de Bolsonaro em relação a Magno Malto.

“Te digo onde eu dava a mão de obra para ele: quando ele disse aí que nunca chamou Magno Malta para ministro. Eu tenho aqui no meu WhatsApp a gravação dele para mim, dizendo que Magno ia ser ministro”, afirma o pastor, líder do ministério Vitória em Cristo, igreja ligada à Assembleia de Deus. “E pior, se você não sabe: quem nomeou o Osmar Terra foi Onyx junto de Temer. Ainda tem essa, irmão. O negócio é mais feio do que a gente pensa”, emendou.

No áudio, Malafaia conta a Frota que Onyx teria procurado Malta para oferecer ao ex-senador, em nome de Bolsonaro, a presidência do conselho do Sesi, com salário de 60 mil reais por mês. “Magno disse para ele, essa foi linda: Onyx, não estou atrás de emprego. Fala para o presidente que não estou atrás de emprego, fala para o presidente que o Deus que me sustentou até aqui vai me sustentar toda a minha vida”, relatou o pastor.

Procurado por Crusoé, Malafaia confirmou o áudio e argumentou que a decepção que comentou com Frota era em relação à não nomeação de Magno Malta para o Ministério da Cidadania e que deixou isso claro ao presidente da República por pelo menos duas vezes. Sobre a indicação de Osmar Terra, afirmou que, sob a indignação do caso do ex-senador, teria comentado com o deputado uma “falácia” que se comentava na época.

O pastor também acusou Frota de vazar uma conversa privada. “Se ele é que vazou isso, porque ele é mau caráter. O Frota é mau caráter. Aí está a prova como ele é mau caráter”, disparou. “Isso é coisa mau caráter, de safado, de bandido”, emendou, lembrando que os comentários foram feitos no início do governo e que ele continua aliado do presidente.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
Mais notícias
Assine 50% off
TOPO