Edilson Rodrigues/Agência Senado

Documento enviado à CPI revela que setor privado quis comprar vacina da Sinopharm

23.06.21 07:36

Um telegrama encaminhado pelo Itamaraty à CPI da Covid revela que, em meio às discussões no Congresso sobre a compra de imunizantes por empresas privadas, o laboratório brasileiro Eurofarma tentou adquirir doses da vacina chinesa da Sinopharm contra a Covid-19.

A informação consta de um relato do embaixador Paulo Estivallet Mesquita (foto), representante brasileiro em Pequim, encaminhado ao Ministério das Relações Exteriores no dia 26 de março. “Em contato com este posto, representante da empresa farmacêutica brasileira Eurofarma informou estar em tratativas com empresa chinesa de “trading” para importação de vacinas contra a COVID-19 produzidas pela Sinopharm, escreveu o diplomata. Para concluir a operação, segundo o embaixador, a empresa brasileira “necessitava de carta da embaixada ao governo local referendando a compra”.

Segundo Estivallet, contatada, no entanto, a Sinopharma “alegou desconhecer a operação” e afirmou que, ao contrário dos demais produtos de sua linha de produção, “as vacinas contra a COVID-19 não estão sendo vendidas a entidades privadas no exterior devido à escassez mundial de oferta”.

Duas semanas após o telegrama do embaixador, a Câmara aprovou projeto de lei que liberou a compra de vacinas pelo setor privado, desde que metade das doses adquiridas fossem doadas ao SUS.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO