Fernando Frazão/Agência BrasilBolsonaro recebe homenagem de lutadores de jiu-jitsu, no Rio: faixa-preta na corrida pela verde-amarela

Bolsonaro mais perto da faixa

A última pesquisa Crusoé-Empiricus sobre a sucessão presidencial mostra que o candidato do PSL tem 60,6% dos votos válidos, contra 39,4% do petista Fernando Haddad. Indagados sobre a razão do voto, a maioria dos entrevistados confirma o que já estava, de certa forma, desenhado: o antipetismo e a rejeição a Lula devem definir o resultado da eleição
26.10.18

A campanha presidencial de 2018 chega ao fim marcada como a mais atípica desde a redemocratização. Foi curta, intensa, conflagrada e pontuada por interrogações que até recentemente pairavam no ar. Ao longo das sete semanas e meia desde seu início oficial, contou com uma sucessão de episódios surpreendentes, como a tentativa de assassinato do líder das pesquisas, Jair Bolsonaro, do PSL, e a insistência, até o último instante, do PT em viabilizar a candidatura de Lula, condenado e preso pela Lava Jato e, portanto, impossibilitado de participar pela lei da Ficha Limpa.

Prestes a ser definida, a disputa caminha para um desfecho que, desde o resultado do primeiro turno, já se mostrava o mais provável. A dois dias da etapa final da eleição, a quinta pesquisa Crusoé-Empiricus mostra que Bolsonaro segue como franco favorito, com uma vantagem considerável. O militar da reserva está, por assim dizer, com a mão na faixa. A diferença entre ele e o candidato do PT, Fernando Haddad, diminuiu muito pouco em relação à última pesquisa, divulgada no dia 17 de outubro: Bolsonaro aparece com 60,6% e o petista com 39,4%. No último levantamento o candidato do PSL tinha 60,9% dos votos válidos ante 39,1% de seu oponente petista.

O levantamento foi feito pelo Instituto Paraná Pesquisas entre os dias 23 e 25 de outubro. Foram entrevistados 2.120 eleitores em 160 municípios de todos os estados do país. A margem de erro é de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. Considerando os votos totais, o percentual fica em 53% para Bolsonaro e 34,4% para Haddad. Na primeira pesquisa, eram 52,9% para o militar e 33,9% para o petista. O número de eleitores que declararam que não votarão em nenhum dos dois diminuiu dentro da margem de erro. Era de 9,4% no dia 17 e agora é de 8,6%. Os dados mostram ainda que a rejeição do candidato do PSL também ficou estável. Era de 38 % e agora é de 39,4%. Continua menor que a de Haddad, que ficou em 54,5%, ante 55,2% no dia 17.

Rovena Rosa/Agência BrasilRovena Rosa/Agência BrasilHaddad, em encontro em São Paulo, na quinta: o PT vive o seu inferno eleitoral
Em relação à última sondagem, não houve alterações significativas quanto às regiões do país e às faixas de escolaridade. Entre os eleitores com ensino superior, Bolsonaro vence por 61,7% a 29,3%. Ele repete a dianteira nas demais faixas. Entre os que têm até o ensino médio, o placar fica em 55% a 31,1%. No ensino fundamental, outrora uma fortaleza petista, Bolsonaro se distanciou de Haddad em relação à última pesquisa. Tem 45,4% contra 41,6% do petista. Antes, era de 43,5% contra 43,3%. O Nordeste continua sendo a única região em que Fernando Haddad vence. Lá, tem 51,9% e o adversário, 35,6%.

A nova pesquisa também procurou entender os motivos pelos quais os eleitores escolhem um candidato ou outro. O resultado geral mostra que o desejo de mudança e o antipetismo são os principais definidores desta eleição. Para 32,2% dos que dizem que votarão em Jair Bolsonaro, a opção se deve ao fato de ele “representar a mudança”. É o caso do advogado Rômulo Sulz, de 54 anos, nascido e criado em Brasília e residente na Asa Norte, região de classe média da capital federal. Ele votou em Bolsonaro no primeiro turno e repetirá o voto neste domingo. “Meu voto é pela mudança de rumo. É como quando o time de futebol está ruim. O dono do clube troca o técnico. Além da mudança em si, gera um efeito psicológico muito grande. A gente precisa de mudança.”

Resultados da pesquisa

Na segunda posição entre as razões do voto em Bolsonaro, aparece o fato de o candidato “ser contra Lula e o PT”. Essa foi a resposta de 19% dos entrevistados. “Vejo no meu voto em Bolsonaro uma forma de protestar contra todos os desmandos que os governos do PT impuseram ao país”, emenda o advogado Rômulo, cujas opiniões sintetizam as dos entrevistados. O advogado diz que antes da era petista, principalmente do governo Dilma Rousseff, sua renda era 70% maior. Agora, é obrigado, por exemplo, a atrasar o pagamento da pensão alimentícia das filhas. O antipetismo também norteia o voto de Cristiano Veloso da Silva, de 33 anos, que em 2005 trocou o Recife por Santa Maria, cidade satélite de Brasília. Ele se considera um antipetista “convicto”, diz que Haddad é um “fantoche” de Lula e se incomoda com as visitas frequentes do candidato ao ex-presidente na prisão em Curitiba. “É um absurdo um candidato a presidente visitar um presidiário.”

Além da vontade de mudança e da rejeição a Lula e ao PT, na pesquisa os eleitores de Jair Bolsonaro disseram que o escolheram “pelos projetos anticorrupção” (6,9%), “pela defesa dos valores da família” (6%), “por ser honesto/confiável” (4,4%), “pelos projetos para a área de segurança pública” (4,3%) e porque “se identifica com o discurso do candidato” (4,3%).

Já as declarações de voto em Haddad são fundamentadas na rejeição à figura de Bolsonaro e na simpatia por Lula. Dos entrevistados que disseram que irão votar no candidato petista, 20,3% dos eleitores afirmam que o escolheram “por não gostar do candidato Jair Bolsonaro”. É a mesma linha de raciocínio da advogada Rosana Fay, 50 anos, moradora de Águas Claras, cidade de classe média vizinha a Brasília. “Jamais votaria nele. Em hipótese nenhuma. Nem sob tortura. Ele está na política há 30 anos e nunca fez nada relevante”, diz, mesmo após a ressalva de que se decepcionou com o PT no poder. “Não voto nele por convicção. Na Dilma (Rousseff), em 2014, já não votei por convicção. Estou decepcionada com o PT. Não pesquisei nada sobre o Haddad. Mas Bolsonaro é pior”, explica.

Os outros motivos apontados pelos eleitores de Haddad como a razão do voto no petista são os seguintes: “defesa da democracia” (12,5%), “por ser candidato do ex-presidente Lula” (12,3%), “se identifica com o discurso do candidato” (7%) e “pela defesa dos direitos humanos” (4,9%). Parte desses argumentos está presente na opinião da bacharel em serviço social Vanessa Moreira Diniz, 29 anos, moradora da periferia da capital federal. “Bolsonaro não respeita os direitos humanos. Não tem perfil para liderar o país. Não vai governar para todos. Representa as pessoas que não se importam com os diretos dos outros. Não respeita a democracia”, diz ela, que no primeiro turno votou em Ciro Gomes, do PDT, por também se considerar crítica à era petista.

Crusoé pediu ao Instituto Paraná que perguntasse aos entrevistados qual deve ser, para eles, a prioridade do próximo presidente da República. Para 35,2%, a saúde pública tem de ser objeto primordial de atenção do novo mandatário. A segurança pública aparece em seguida, apontada por 20,5% dos entrevistados. Depois, vêm educação pública (19,2%) e geração de empregos (8%). Em tempos de Lava Jato, o combate à corrupção foi citado, curiosamente, por apenas 4,5% dos eleitores ouvidos. Para 3,6%, a prioridade deve ser a recuperação da economia e para 1,1%, o próximo presidente deve se dedicar em maior medida à área social.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A credibilidade desses institutos será mais uma vez colocada em cheque. A desculpa esfarrapada está pronta: "detectamos uma onda nas últimas 48 hs......"

    1. kkkkk....o pior é que essa será provavelmente a desculpa que será dada!!

  2. A Globo e os institutos de pesquisa IBOPE e Data Folha querem a todo custo eleger Haddad , de ontem para hoje deu-se um milagre, os votos no PT foram fermentados , talvez com o apoio de Maduro. As manifestações da virada hoje em BH contaram com uns gatos pingados, não se envergonham de divulgarem essas pesquisas mentirosas. Dilma era a candidata mais votada em Minas, segundo esse mesmos institutos de pesquisa, amargou uma vergonhosa derrota. Se toquem, estão se tornando patéticos.

    1. Ficarão poucos, mas serão raivosos! Nos preparemos pra muita turbulência!

  3. Na reforma politica os votos regionais ou distritais puros deveriam eleger os legislativos do grande municipio em uma regiao de 100.000 eleitores (os pequenos municipios se fundiriam). Se a ideia der o resultado esperado, que se pense em se criar macro regioes alterando-se o atual pacto federativo e as desigualdades demograficas que impedem as divisoes justas das verbas federais.

  4. Bolsonaro representa para o povo brasileiro o grito de insatisfação consagrado no samba enredo da Beija-flor no carnaval desse ano: "oh pátria amada, por onde andarás? Seus filhos já não aguentam mais..." Mas ele não pode esquecer da outra parte do samba que diz: "ganância veste terno e gravata, onde a esperança sucumbiu, vejo a liberdade aprisionada, teu livro eu não sei ler, Brasil..." Avante para mudança, sem perder o cuidado e a vigilância. Brasil!

  5. As pesquisas vão do ridículo, com Vox Populi dando 53% pro Bolsonaro a mais recente da Paraná Pesquisas mostrando Bolsonaro com arrendondados 61%. Que vença a verdade!!!!!!

  6. Bom dia! Em primeiro lugar gostaria de parabenizar a linha independente da revista ea qualidade das matérias e excelente time de jornalistas. Enfim uma revista decente e confiável!!! Em relação as eleições o meu voto foi e será de Jair Bolsonaro.Um voto absolutamente anti petista, contra o aparelhamento do Estado, contra a corrupção sistêmica e institucionalizada , contra a mentira e falta de transparencia!! Acho Bolsonaro limitado, autoritário, porem a unica alternativa possivel neste momento!

    1. Bolsonaro para o Brasil representa o grito de liberdade do povo ,que tem dignidade,que sabe que precisa de trabalho,pois isso não temos vida ,se o PT continuar no poder o Brasil,e o povo,vai sucumbir, não temos mais tempo ,ou é agora ou deixaremos de sonhar.

  7. Engraçado os que comentaram dentro dos eleitores de Hadade são bem incoerentes. Uma diz estar decepcionada com o PT, não ter pesquisado nada sobre Hadade, mas Bolsonaro é pior, outra diz que Bolsonaro não respeita o direitos humanos,o PT respeita, saqueando o país para enriquecimento e instalação de poder comunista no país. Pior burro é o que não quer ver. Dia 28 é 17.

    1. Perfeito. Cheguei a mesma conclusão. Com todo o respeito pela opinião de todos, acredito que a diferença está aí. A maioria pode não concordar com o Bolsonaro 100%, mas pesquisa, lê, sabe enxergar que ele é uma esperança, enquanto o outro é uma certeza. De fato o Haddad e o PT defendem a democracia, roubam de toda a população de forma igual. =

  8. Parabéns Antagonista, reportagem séria, que siga de exemplo a outras grandes empresa jornalísticas como a Folha de São Paulo e a Globo. Que sirva de exemplo as pesquisa eleitorais do Data folha e Ibope. Todos contra é sinal que #B17 está no caminho certo.

  9. Jamais votei no PT, odeio comunistas, gente vagabunda, que quer o que os outros tem, sem precisar trabalhar para isso. Voto no Bolsonaro por ser um militar e falar o que eu sempre quis ouvir. Quero os bandidos que nos roubaram por anos, todos na cadeia. Pena que não pode ser fuzilados, mais bem que mereciam. Bandidos que mandaram bilhões do nosso dinheiro, do povo brasileiro pra outros países, só pra roubar uma parte. Teria, que ser fuzilados. Mais se forem presos já está d e bom tamanho.

  10. O voto do Bolsonaro é simples e honesto, fazem críticas a ele, prometem lutar contra abusos da parte dele e não vejo nele interesses pessoais de quem nele vota, vejo consciência e desejo de um Brasil sem corrupção e sem PT, o maior de todos os corruptores. No voto petista, vejo alienação de alguns poucos e interesse próprio de muitos, as pessoas tentando manter suas vantagens pessoais, visto que corrupção não lhes parece ser um problema mais sério que as opiniões exacerbadas do Bolsonaro.

  11. O povo ainda demostra querer assistencialismo do governo, ao invés de cobrar geração de emprego e renda. Lamentavelmente teremos que esperar a formação educacional de uma maioria para vivermos o liberalismo econômico.

  12. O projeto daqueles sindicalistas dos anos 80 em que Lula já começava a despontar, foi levado a cabo de um modo que eles mesmos não poderiam ter previsto: a organização criminosa (PT) ganhou o poder e os corações de milhões de brasileiros. Estava armado o grande esquema para o assalto aos cofres da nação. Uns doleiros caíram nas mãos de Sérgio Moro e tudo veio à tona. Essa é a história do PT e do país dos últimos 13 anos.

  13. O Voto em Bolsonaro já significa um NÃO a corrupção, está implícito. A saúde é onde “dói” na população que depende de hospitais e atendimento público, uma tragedia!

  14. Tenho colegas que, por vergonha de defenderem seu poste de esquerda, se resumem em atacar o Bolsonaro. São funcionários públicos onde um leciona Jornalismo e o outro trabalha em banco público e já foi sindicalista. Obviamente, neste caso percebo q não é por ignorância q atacam a direita, mas por interesse próprio mesmo. Adjetivam Bolsonaro várias coisas alegando que ele defende algumas classes mas, esses paladinos da esquerda nunca estiveram preocupados com a classe pobre q tanto alegam defender

  15. Não mais de 35% dos eleitores aptos, sofrem de cegueira cívica. Adoram a política de extração da dignidade do cidadão e não tem visão para o poder petralha que rouba o Brasil e ama a Venezuela esfomeada .Não passarão por dificuldades porque Bolsonaro estará assumindo a Presidência e restaurada a legitimidade da nação brasileira.

  16. O provável futuro presidente Jair Bolsonaro e sua equipe precisarão ter muita paciência e sangue frio para aguentar a oposição ruidosa e raivosa de que encontrarão. Confio numa condução sem excessos, inclusive de tolerância. Direitos somente depois de cumpridos os deveres. Punição justa e princípios inflexíveis.

    1. Diferente da folga que a oposição teve a FHC, agora, a torcida vai fazer pressão.

  17. Não voto no PT por um combo q engloba mudança contra a corrupção,democracia,valores. O PT não é mais uma ameaça a democracia, é o bando que já atacou a democracia com mensalão e petrolão,e fará muito pior se deixarmos.

  18. Tem um detalhe que está passando batido. Aqui em casa ninguém quer o PT de modo algum. Mas no Bolsonaro ninguém quer votar. Eu voto no Bolsonaro, quero fazer parte do fim do PT. Minha mulher pensa que vou anular, portanto se o telefone toca com algum pesquisador e minha mulher está por perto, vou dizer que voto nulo. Sou covarde? Não, sou prudente. Acredito que esta situação acontece em muitas casas, é triste mas é real. O "voto escondido" vai turbinar a vitória do Bolsonaro.

    1. Entendo você. Cada vez tenho mais raiva do PT por me obrigar votar no Bolsonaro.

    2. Saia do armário, meu amigo. Dezenas de milhões de brasileiros estão contigo! Não tenha vergonha ou receio de defender o que é correto. Abraço.

  19. Quando a pessoa diz que Hadad defende a democracia me parece que ela se informa mais pela televisão ou pelo que é repercutido pela propaganda helitoral petista. Acho que se essa pessoa se informasse melhor veria que o projeto do PT é de poder, total e dominante sobre o STF , imprensa e educação nas escolas de acordo com suas ideologias. Além de tirar o poder do MP e enfraquecer a polícia .

  20. A Lava Jato náo prendeu ninguem, quem prendeu foi a Justica fundamentada em provas, e o militar da reserva é um Deputado tem é tempo, como eu sou soldado da reserva ou um velho aposentado se virando pra comprar medicamento?

  21. Parabéns Crusoé pela lisura! única pesquisa confiável! Agora, engraçado é ouvir Sadenberg e Marçal Pereira explicando as diferenças de metodologia dos Institutos de pesquisas! Hilário! E a Leitão pururuca da vida a essa altura! 😂

    1. mais engraçado é o Sardenberg mantendo as esperanças do Haddad.. aí quando entra o Merval ele fala que já está tudo decidido a favor do Bolsonaro...os chefes devem xinga lo por demais kkkkk

  22. Parabenizo toda equipe do Antagonista. Nunca pensei que veria um dia, um jornalismo sério; imparcial e independente. Nos dias atuais, só leio vocês.

  23. Uma pergunta que não quer calar:-se o Brasil inteiro sabe que a datafalha e o ibop não são confiáveis, porque a mídia inteira faz estardalhaço com os números da pesquisa deles??? O único instituto que eu confio é o Paraná Pesquisa.

    1. Seria pq foram eles que fizeram a encomenda enganosa?!!🤔

    2. Porque fazem parte do Mecanismo. São cúmplices também. Também querem manter o brasileiro escravo de quadrilhas. Desde que eles continuem a receber rios de dinheiro de publicidade estatal, o Brasil que se foda.

  24. O “cheiro de virada” não vai te agradar... Sabe aquele velocímetro que gira para trás? Pois é! Quanto mais você mente e bate nele, mais o “matungo” dispara na cancha reta... E você vai ficando para trás... para trás... para trás.... E a distância só aumenta. Aguarde o dia 28, para confirmar a minha “profecia”.

    1. Petista conhece velocímetro andando para trás. Portanto vamos continuar trabalhando de graça pro relógio andar pra frente. Nada de cegueira doravante. Andrade é Lula e portanto só andará pra trás e continuarão só roubando

  25. Vamos simplificar. Entre os votos nulos, como o do Pedro Simon (pena tadinho, ético e brilhante, parece ignorar o singelo, porém às vezes expressivo, meu voto de protesto) e outros vagos, além do desastroso ‘regresso‘ do ‘Ciro’ falastrão (que “soma”, ‘regressivamente’’, rs, mais “Rejeição”...), ninguém gosta de torcer para perdedor. O placar final será perto de 70 X 30, com recorde mundial acima de 65 milhões para o boquirroto, mas, todavia, contudo e porem, destemido e HONESTO Capitão.

  26. Com muita alegria me tornei assinante neste momento! Acompanho o Sabino e o Diogo a vários anos e confio no seu trabalho e dos demais componentes que estarei conhecendo a partir de agora. Força Pessoal!

  27. Alguns poucos amigos, metidos a intelectuais e eleitores do Ciro no primeiro turno, simplesmente sumiram, na iminência da declaração do apoio do cangaceiro ao poste de Lula!

  28. Incrível que as TVs, sites , não façam nenhuma menção a outras pesquisas , como essa , por exemplo. Definitivamente não é papel de uma imprensa idônea, livre e imparcial. lamentável. Graças a Deus temos os Antagonistas.

  29. Apesar dessa campanha ter sido mais curta, tive a impressão contrária, nunca vi tanta mentira, principalmente por parte do PT, inclusive na pessoa do Haddad que mente sem vergonha nenhuma. Chega de tanta porcaria. Precisamos virar essa página. BOLSONARO 17.

    1. Acho que o Bolsonaro poderia ter explorado melhor a mente psicopata, doentia do Ruinddad, como por exemplo,um vídeo que Olavo de Carvalho postou, falando sobre o guru do Ruinddad, que entre outras cositas mais,defende livremente o sexo entre pais e filhos,no caso o incesto. Esse Ruinddad é um monstro travestido de gente e não duvido que a sua vice, que também é depravada, também comungue com essas idéias.

    1. Onde está o erro???????????????????????????????????????

  30. A pesquisa Crusoé desmente a falácia de esquerda que circula, de que o Brasil está votando majoritariamente anti-PT e que isso é muito “perigoso”. O Brasil vota Bolsonaro pq quer mudanças amplas, já os votos do Haddad são em 20% anti-Bolsonaro.

  31. Haddad vem dizendo que "sente cheiro de virada no ar, que existe uma onda a favor dele". Ninguém mais quer saber do pt, e isso sim vem crescendo! O que precisamos é nao admitir fraudes nas urnas!

  32. Gente! Acompanhando a pesquisa aqui em vídeo com vcs! Mas essa capa com a "mão " e sua colinha bic na faixa está genial!! Vcs nos dão u conteúdo e ainda nos divertem!! D+!!

Mais notícias