Marcos Corrêa/PR

Rede pede ao STF afastamento imediato de Pazuello por ‘equívocos na condução das atividades’

20.01.21 11:35

A Rede Sustentabilidade pediu ao Supremo Tribunal Federal que determine o imediato afastamento do ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello. A petição foi juntada à ação ajuizada pelo partido em outubro, para cobrar do governo a compra de vacinas produzidas pelo Instituto Butantan.

No documento entregue ao Supremo nesta quarta-feira, 20, a Rede pediu ainda que a corte determine ao governo a entrega de dados detalhados sobre o estoque de oxigênio disponível no sistema de saúde no Brasil, especialmente nos estados da região Norte, e que apresente em 24 horas um planjamento para a oferta de oxigênio às cidades afetadas pela falta de insumo ou em que houver perspectiva de desabastecimento nos próximos 30 dias.

Segundo a Rede, o imediato afastamento do ministro Eduardo Pazuello do Ministério da Saúde é necessário “pelos diversos equívocos, incluídos os de logística, na condução das atividades ministeriais durante a pandemia do coronavírus, que, infelizmente, causaram a morte de mais de 210 mil cidadãos brasileiros, sendo que alguns não tiveram sequer a chance de lutar pela vida, por não terem oxigênio”.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Equívocos estão sendo cometidos aos montes, mundialmente. Vírus notificado por um país, que puniu cientista que tentou divulgar. A OMS, entidade responsável por criar estratégias opta por esperar e ver o que acontece. Onde estava o Mandetta, entre novembro e fevereiro? SUS não informatizado, no século XXI. Dória e Covas promovem o maior carnaval de todos os tempos em SP. Todos em nome de uma ciência, que afirmou: conhecimento CIENTIFICO só depois de 2 anos de pesquisas. Eleições e vacinas. kkkk

    1. Concluindo. Hoje não temos vacinas. Somente agora vemos passos na direção de abandonar tratamentos embasados em crenças. E se Bolsonaro continuar, o país continuará pagando caro por sua loucura.

    2. MARIA. vocês não cansam? Eu PAULO sempre vou me sobrepor a vocês, pois sou mais inteligente. Eu entendo de tudo. Em cerca de trinta minutos de pesquisa consigo formar uma opinião sobre qualquer assunto. Mas vamos lá. Já fiz muita propaganda minha. Maria, erros passados entram como aprendizado. Nós não vivemos no passado. O problema é que o Bolsonaro não conseguiu uma curva de aprendizado com as mudanças que fez. Colocou o general Pazzuelo e com isso, em vez de avançar, regredimos.

    1. Não existem provas concretas sobre isso, já com relação ao Bozo sim.

    1. Temos que ser passionais com time de futebol, fé com religião, mas racionais em relação aos partidos políticos e representantes. Impossível não enxergar as burrices e atrocidades que esse presidente e sua laia comete.

    2. Se tivessem seguido as medidas defendidas pelo Bozo isso não teria acontecido né Heloisa? Pois o Bozo queria que ninguém usasse máscara, que não fizessem distanciamento e não tomasse vacina. Ah! sim, ele dizia para todos se entupirem com a cloroquina milagrosa. Realmente Heloisa, não dá para entender esse posicionamento dos bozistas em relação ao negacionismo obtuso do presidente. Culpam municípios e estados por terem feito algo que se fosse o Bozo seria pior ainda e usam isso como desculpa?..rs

  2. E quem vai querer substituir Pazuello nesse governo tenebroso? Seria de Osmar Terra pra baixo... É melhor substituir o chefe primeiro...

    1. Olha, por incrível que pareça, ele tem tido uma postura muito mais condizente com a responsabilidade de se administrar essa pasta do que o ministro Pesadello.

  3. No dia seguinte à aprovação das vacinas pela Anvisa, o Presidente Bolsonaro iniciou uma fala dizendo: "Apesar da vacina"... Mas o "apesar" é outro: 🎵"Apesar de você(s), amanhã há de ser outro dia!"...🎵

  4. Por favor, não tirem o Pazuello agora! Ele é o melhor sucessor da Dilma, no momento. Tico e Teco vivem! Precisamos de umas boas risadas.

  5. Quase que completamente correta a ação. Só faltou incluir os prefeitos e Governadores dos estados onde faltou oxigênio. Ao que consta, tem oxigênio em outras regiões do país. O cantor Gustavo Lima , junto com outros artistas, enviou 150 cilindros para Manaus. Entre os culpados, os principais são os Governos estaduais e municipais. Recursos eles tem. Na iminência da falta do insumo, deveriam providenciar a aquisição em outras regiões. Avião para buscar não falta. Incompetentes e/ou genocidas.

    1. O Judiciário é sempre obrigado a se manifestar quando é provocado para tal. Numa democracia existem o que chamamos de sistemas de contra-pesos e é isso que está acontecendo agora. O executivo brasileiro não é um reinado ou monarquia, não pode tudo, mas principalmente tem obrigações e deveres. Quando essas obrigações ou deveres são postas de lado por interesses escusos e de lesa pátria, o sistema de contra-peso é acionado. O mesmo vale para o Legislativo e Judiciário.

  6. a pergunta que não quer calar é: COMO...COMO ESSE CARA VIROU GENERAL.??? te que se perguntar, o exercito brasileiros tem mais como ele???????????

  7. Bem que Lewandowski poderia pegar este processo. E afastar o ministro. Aí, já: viu interferência do STF no Poder Executivo. Nas palavras do PGR, "...o Estado de Calamidade é a antessala do Estado de Defesa". E vamos retomar a caçada aos comunistas e ais falsos democratas.

    1. Jaime, Hitler começou o seu holocausto pelos comunistas. Depois perseguiu ciganos. Depois deficientes físicos. Depois os judeus. O seu comentário contempla todos que seriam perseguidos e mortos pelo Bolsonaro. Primeiros os comunistas. Depois todos os falsos democratas na visão bolsonarista. Ou seja, todos os demais brasileiros, fora os bolsonaristas e os que se curvarem ao bolsonarismo, serão perseguidos e mortos. Isso só vai acontecer se nossas instituições permitirem.

    2. Esse é o sonho dos bozolavistas, mas faltou negociar isso com os militares...rs... Somos uma democracia e nenhum lunático bozista conseguirá mudar isso.

  8. No Brasil tudo tende a ser judicializado. Aí vem os retardados de todos os matizes ideológicos vomitar que o judiciário está constantemente invadindo a competência dos outros poderes. Ok, mas qual o motivo de isso estar acontecendo? Simples, temos atualmente um legislativo e executivo que se recusam a fazer o trabalho que lhes competem, levando o judiciário a ser provocado a atuar onde existe a vagabundagem, má fé e incompetência dos outros poderes. O Brasil está completamente a deriva.

  9. A gestão do general Pazzuelo no ministério da Saúde, será tratada pela Academia como um "case" de incompetência, que pode ser considerada criminosa. Ele foi escolhido para incluir medicamentos sem eficácia no tratamento da Covid. Não planejou a compra das vacinas. Por ser preguiçoso, mesmo indo a Manaus, não teve capacidade de analisar a real situação e foi lento na tomada de decisão para equacionar o problema. Sua estratégia para o início da vacinação foi risível, tanto que foi abandonada.

    1. Concluindo. Ele não tem capacidade de liderança para conseguir um fluxo de entrega de insumos para a vacina. Sua justificativa quanto às tratativas com a Índia, estar sendo prejudicada pelo fuso horário, é digna de um estagiário incompetente. Sinceramente, não sei qual a função do general Pazzuelo à frente do Ministério da Saúde. A não ser, ficar nervoso diante das perguntas que não consegue responder aos jornalistas.

  10. tem que prender esse paspalho junto com o encéfalo do patrão dele , ser ministro do genocida qualquer pode ser agora como esse cara chegou a general ?

  11. Temos de pedir é o afastamento imediato de Bolsonaro. Chega! Basta! Fora! Já errou demais e continua a insistir nos erros. Impeachment JÁ!

  12. Resta recorrer à ação da justiça, ou pereceremos todos. Não adianta o gado reclamar, pois maior crime genocida é deixar um governante tão desprovido de conhecimentos e de respeito à vida, com um ministério de igual teor, conduzindo os destinos da nação segundo sua radical e nefasta ideologia.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO