Agência Brasil

Partidos do Centrão disputam área de mobilidade do governo

16.10.21 16:15

A área de mobilidade urbana do governo é considerada uma “joia” por políticos em busca de visibilidade. A secretaria e o departamento responsáveis pelo setor, vinculados ao Ministério do Desenvolvimento Regional, tocam obras bilionárias de infraestrutura viária, como complexos de viadutos, estações de trens e metrôs (foto). Mas ambas estão sem titular e sob o comando de interinos. A vacância desencadeou uma disputa entre partidos do Centrão pelas vagas.

O Republicanos está de olho na Secretaria Nacional de Mobilidade desde que o advogado Tiago Pontes Queiroz, próximo aos caciques do Progressistas, foi exonerado do comando do órgão na semana passada. Ele é alvo de uma ação de improbidade ao lado do líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, por fraudes na compra de medicamentos – Tiago foi diretor de Logística do Ministério da Saúde quando Barros esteve à frente da pasta.

As lideranças do Republicanos já dão a nomeação de um nome indicado pelo partido como favas contadas. “O alinhamento costurado com o Planalto é de que a secretaria é do Republicanos”, afirma um deputado da legenda.

O Progressistas até admite perder a secretaria, mas sob a condição de manter o controle sobre o Departamento de Projetos de Mobilidade e Serviços Urbanos. O problema é que, também nesse caso, o Republicanos briga pela vaga. O advogado piauiense Maxwell Vieira, muito ligado ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, deixou a diretoria do órgão no mês passado, depois de ter sido indicado para um cargo na Telebras, com salário de mais de 40 mil reais.

Desde que passou ao domínio do Centrão, em maio do ano passado, a área de mobilidade do governo federal lidera o ranking de setores do Ministério do Desenvolvimento Regional com maior número de obras inauguradas.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Este é o retrato do Brasil. Mesmo assolado por uma pandemia, q ceifou a vida de ➕ de 600 mil brasileiros, os corruptos disputam a carcaça de um país, q tbém sofre uma crise social, com milhões passando fome, e uma crise econômica, incapaz se ser debelada por esse GOVERNO DE INCOMPETENTES. Moro 🇧🇷 terá uma missão: atender aos miseráveis gerados por esse governo e desenvolver nossas potencialidades. Nossa visão será um ciclo virtuoso q contemple a todos. Nosso valor principal será à VIDA.

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO