Adriano Machado/Crusoé

Pacheco se filia ao PSD e, em tom de candidato, critica os ‘extremos’

27.10.21 14:31

Em cerimônia no Memorial JK, em Brasília, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, assinou nesta quarta-feira, 27, a ficha de filiação ao PSD. O partido, controlado por Gilberto Kassab, pretende lançá-lo ao Planalto em 2022. “Rodrigo Pacheco vai ser o nosso candidato”, afirmou Kassab, antes de passar a palavra à estrela do evento.

Em seu discurso, citando Juscelino Kubitschek e Tancredo Neves, Pacheco falou que o país chegou “ao limite dos extremos” e que a sociedade está cansada “de viver em meio a incertezas, incompreensão e intolerância”.

“Uma sociedade dividida nunca chegará a lugar algum. Já passou da hora de voltarmos ao diálogo, de retomarmos o diálogo, o desenvolvimento e a paz”, afirmou.

O presidente do Senado disse também que “os brasileiros estão penando com uma economia que não deslancha”, mas que não se pode “deixar de acreditar no futuro”. “Esse não é o Brasil que nós desejamos”, acrescentou.

Pacheco ainda se solidarizou com os familiares das vítimas da Covid e falou sobre os desafios para o país. “Temos desafios enormes pela frente: o desafio da pandemia, o desafio social e do mercado de trabalho, os desafios na área ambiental, os desafios da saúde e de uma educação de qualidade, o desafio na produção de energia e agora também o desafio da fome, um flagelo inaceitável que tem castigado tantos e tantos brasileiros.”

Antes do pronunciamento do pré-candidato, um grupo musical da cidade mineira de Diamantina tocou “Peixe vivo”, música associada a JK.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. O sr. Pacheco está se achando muito … só o povo que vê notícias diariamente é que o conhece e a grade maioria dos brasileiros não sabe nem sobre coisas mais importantes que estão acontecendo , portanto só uma minoria o conhece . Desta minoria , não vejo quase ninguém votando nele . E ele comparar-se ao Jk ou ao Tancredo … o cara se acha …

  2. Não tenho nada de grave contra o meu conterrâneo Pacheco. A questão é que não tenho nada de especial à favor. Se Alckmin foi apelidado de chuchu, Pacheco me parece um jiló. Eu até como jiló, mas a maioria torce o nariz para a planta. Acho que fica parecendo uma iniciativa do Kassab p/ fragmentar a 3a via, e depois negociar com o sociopata ou o mais provável, com o ex-presidiário, um lugar para que continue na vida de parasita. Se for isso, Pacheco vai no final, tomar no jiló. Mor🇧🇷 Presidente.

  3. Estava até avaliando Pacheco como um bom candidato. Agora com essa citação de Juscelino Kubitschek, Tancredo e Kasab, vejo que é igual a essa sujeira política que vigora em nosso país. Estamos no fundo do lamaçal político.

  4. Não parece grande coisa, mas, com certeza, muito melhor do que qualquer um da dupla nefasta! Provavelmente, seria um novo Temer que, por sinal, foi o melhor governo, recentemente!

  5. imaginei que Pacheco poderia ser a 3a.via ledo engano . omisso e submisso no caso do pedido de impedimento de ministro do STF a tutelar um Estado fraco e podre deixou que Temer fizesse o que lhe competia . o poder não é para covardes.

    1. Ficar no centro não é ficar em cima do muro , horas fingindo apoiar extremistas de esquerda , da direita ou do centrão......

    2. pode ser Evilasio e até vencer como "mal menor" como foi este mas fiquei decepcionado com ele . e repito .. o poder não tolera frouxos.

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO