Reprodução/Redes sociais

Mãe de Ciro Nogueira estreia no Senado com falta

05.08.21 08:50

A retomada das sessões no Plenário do Senado nesta quarta-feira, 4, não contou com a presença do novo rosto do Progressistas na casa. Mãe e suplente do ministro Ciro Nogueira, empossado na Casa Civil de Bolsonaro, a senadora Eliane Nogueira estreou com falta.

A ausência foi notada por outros parlamentares, uma vez que o quórum na casa foi alto: 76 dos 81 senadores estavam presentes na sessão, que aprovou – com modificações – a MP do Ambiente de Negócios e um projeto que regulamenta a cobrança do ICMS em operações interestaduais.

Nas duas votações, o sistema do Senado assinala que a mãe de Ciro Nogueira estava ausente em razão de “atividade parlamentar”, justificativa prevista no regimento interno da casa. O ex-presidente do Senado Davi Alcolumbre se notabilizou por usar essa mesma desculpa para faltar e não presidir sessões.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Síndico de prédio tem mais representatividade que suplente de senador. Capitão de time de várzea tem mais representatividade que suplente de senador. Até chefe de quadrilha tem mais representatividade que suplente de senador. E, em todos os casos, por uma única e singela razão: foram todos escolhidos. Numa República que se diz representativa, o suplente de senador é só mais um jabuti em cima do poste.

    1. Até agora era nada agora aí ser se agora size que vamos ver no que se transforma

  2. É um absurdo que deveria ser extinta, a figura de suplente de senador. Para ocupar a vaga deixada pelo eleito, o segundo colocado. Simples assim.

  3. Pode ter certeza que algum gasto o contribuinte está arcando com estas figurinhas carimbadas!!!! Eles podem faltar , viajar, passear, esquiar etc.!!!! Os trouxas dos contribuintes pagam a conta destes vagabundos!!!!

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO