Foto: Alan Santos/PR

Justiça dá 72 horas para Bolsonaro explicar troca no comando da Petrobras

22.02.21 18:20

O juiz André Prado de Vasconcelos, da 7ª Vara Federal Cível de Minas Gerais, estabeleceu prazo de 72 horas para que o presidente Jair Bolsonaro (foto) e a Petrobras expliquem a iminente troca no comando da petrolífera.

A decisão ocorre três dias após Bolsonaro anunciar nas redes sociais a indicação do general Joaquim Silva e Luna à presidência da Petrobras, em substituição a Roberto Castello Branco, cujo mandato termina em 20 de março. O nome do militar terá que ser avalizado pelo Conselho de Administração, que tem reunião agendada para esta terça-feira, 23.

O despacho do magistrado ocorreu no âmbito de uma ação popular, com pedido de liminar, que tenta impedir a saída de Roberto Castello Branco. A ação foi impetrada pelos advogados Gabriel Senra da Cunha Pereira e Daniel Perrelli.

Por oportuno, destaco que, conforme amplamente divulgado pelos veículos de comunicação, a aprovação do indicado para a presidência da Petrobras depende de deliberação do respectivo Conselho de Administração, ainda não ocorrida. Assim, intimem-se os réus tão somente para manifestação, no prazo de 72 horas, sobre o pedido de liminar, articulando, de forma concisa e objetiva, as razões e argumentos que entender pertinentes e relevantes à discussão da causa”, anotou o juiz.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Felipe Moura Brasil, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A esquerda está ensinando que qdo se perde nas urnas pode-se governar na justiça. Qdo voltarem ao poder, espero que não tão cedo, o vento que venta lá venta cá, a direita tá aprendendo. Bem ou mal comparando, vai ser igual ao PCC que aprendeu com os guerrilheiros na prisão.

  2. Triste do poder que não pode, já dizia meu falecido pai. Afinal de contas, quem manda no executivo, o presidente da república ou o STF e os juízes? Se eu tenho poder de nomear quem eu quero para presidir uma empresa estatal. porque vou dar satisfação da minha escolha para um juiz? Mandaria ele procurar resposta na Constituição Federal.

    1. Tudo bem mas tem que seguir os ritos da Lei das SA. Não pode sair falando o que dá na cabeça.

    1. Não tem nada de irônico. Têm muita falta de mortadela.

    2. Pode até ser, mas ele está certo, não está? Irônico, né?

  3. Ricardo Kertzman -19/02/2021 - E.M.----- O BOLSONARISMO É COMO O LULOPETISMO: PESTILENTO. AMBOS SÃO VIOLENTOS E ANTIDEMOCRÁTICOS, E TÊM O DESEJO DE GOVERNAR SEM LEIS E OPOSIÇÃO. Ambos são violentos e antidemocráticos, e têm o desejo de governar sem leis e oposição. Eleição após eleição, mandato após mandato, legislatura após legislatura, o Brasil troca de pólo fascistóide como quem troca sua roupa íntima, e segue aprisionado em uma espécie de “looping” autoritário, que insiste em não terminar.

    1. A justiça está certa, um presidente débil mental precisa ser tutelado para não fazer besteira.

  4. É o """madurinho brasileiro""" exercendo o seu """complexo de ortoridade""", a mando dos 3 crápulas patetóides seus donos, que ele próprio reproduziu (dá pra ter certeza pelos crânios de bola de futebol inconfundíveis, grandes, redondos e cheios de vento). O Stanislaw Ponte Preta diria que é o """samba dos brancos doidos""".

  5. Eis o resultado do mau exemplo do STF, todo dia rasgando a Constituição ao interferir dasavergonhadamente nos outros poderes. Agora, um juiz de primeira instância quer tomar satisfações do PR sobre ato de sua estrita competência. Era o que faltava para completar a mixórdia institucional em que nos meteram.

    1. O presidente Bolsonaro está certo. Ele como chefe do executivo pode fazer a troca que ele quiser e achar viável para o Brasil, os que dizem o contrários e até xingam o presidente, não passam de despeitados, viúvas do PT e Moro.

    2. Alguém precisa segurar o imbecil, para que ele não destrua o país!

  6. A forma mais eficiente para acabar com qualquer interferência política numa estatal como da Petrobras é a privatização da estatal! Inclusive a privatização dificulta a corrupção e traz inúmeros outros benefícios para a sociedade!

    1. Bolsonaro não é liberal ! É Estadista PG que caiu numa fria

  7. Nosso Presidente está trabalhando com os oés no formigueiro. Só Deus para o ajudar. O pior que o Pazzuelo também está...

    1. Deixe Deus de fira desta. Bozo é discípulo do Satanás!

  8. Trocou o Presidente por um Comandante de Forte Apache do Carluxo. Agora só falta os 11 Soldadinhos de Chumbo no Conselho de Administração.

    1. Jua, perdeu uma grande oportunidade de ficar calado. Sete integrantes são indicados pelo acionista controlador, que é a União; três nomes vêm dos outros acionistas, e o último é escolhido pelos empregados da Petrobras.

  9. Q porra e essa! Simplesmente trocou um senhor por outro senhor! Qual problema ! PQP. Vão trabalhar seus bostas! Parem de ficar metendo o pau!

  10. Era uma vez um rato, que comia um grande percentual do pedaço de queijo dos seus ratinhos assessores. Passado o tempo, esse rato foi colocado para tomar conta de uma queijaria. Ñ demorou muito tempo para ele perceber, que poderia comer um percentual menor de queijos muito maiores, ganhando muito mais do que antes. Para isso, ele teria que colocar ratinhos de sua confiança em postos nunca antes ocupados por ratos. Essa história é uma fábula, mais até que ela pode ser plausível num lugar, Brasil.

    1. Julieta está nervosa porque o robô dela está fazendo a mesma coisa que a Dilmanta. Julieta, Julieta, vá passar o seu batom na boca e na bochecha..

    2. Deixe o homem governar. Porque vc não fez esse teatrinho quanfo sua presidente Dilma quase acabou com a Petrobrás com medidas desorientadas e e tambem com roubo?

  11. Canalhas! O cargo é de livre escolha! Esses ditadores, mancomunados com o que é de pior na política e no jornalismo, INTERPELOU A DILMA SOBREVPASADENA, o Lula sobre o Petrolão? Pena não estarmos nem na França de 1789/1793, nem na Rússia de 1917/1924!

    1. Cara ; o Capitao dilapidou 100 bi em 2 pregoes ! Só na Petro ... pelo menos o Nine fingers demorou alguns anos !! Uauahhhhh

    2. Huuuumm.. bozistinha revoltada. Você não apoiou o teu dono porque ele faria diferente? Então, ele está fazendo igual a Dilma. Bozistas neuróticas são bestiais.

  12. Adivinhem quanto os bozofascistas estão ganhando nesta confusão. Mercado? Kkkkkkkk. Mercado? Kkkkkk. Governo liberal? Kkkkkkkkkkk. Bozistas são estupidos!

    1. Isso mesmo, para apoiar o desagregador, medíocre e psicopata Bolsonero, a pessoa deve ser muito estúpida mesmo!

    2. Jose, sua chiadeira é típica da esquerdalha.

  13. Isso é intervenção em outro poder, os esquerdopatas aparelhou a máquina governamental, não quer deixar Bolsonaro governar.

    1. Claudio, então aprenda a votar seu esquerdopata, senão vai ficar mais 04 anos nas redes sociais, só enchendo o saco de quem quer trabalhar.

    2. Esquerdopatas uma Ova ! Sou de direita !! Votei nesse irresponsavel ! Ele precisa ser impichado urgentemente !! É um louco despreparado ! Esquerdopato o caraioooo

  14. O inepto desprovido de inteligência, deveria ser intimado a ressarcir o valor do prejuízo causado a Petrobrás e ao mercado financeiro. Não é plausível o país arcar com o prejuízo causado por sua interferência irresponsável.

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO