Reprodução/redes sociais

Parte da bancada bolsonarista não seguirá o presidente rumo ao PL

25.11.21 09:57

Muitos deputados que são aliados de primeira hora de Jair Bolsonaro não pretendem acompanhá-lo na filiação ao PL – o presidente da República vai oficializar o acordo com o partido de Valdemar Costa Neto na próxima terça-feira, 30. A resistência ao passado do condenado pelo mensalão incomoda, mas é o menor dos problemas, para boa parte da bancada bolsonarista. Os cálculos eleitorais são a grande preocupação dos aliados do Planalto. Mais do que estar ao lado de Bolsonaro, os parlamentares que apoiam o Planalto querem aumentar as chances de reeleição em 2022.

A deputada Alê Silva, do PSL de Minas Gerais, confirmou em reunião da bancada esta semana que não vai se filiar ao PL ao lado de Jair Bolsonaro. A parlamentar mineira negocia com outros partidos da base, como o PSC, e até com siglas mais independentes, como o Republicanos – a agremiação tem cargos no governo, mas ainda não definiu se apoiará a reeleição do presidente no ano que vem.

Aliado fiel do capitão da reserva, o deputado paranaense Filipe Barros analisa convites do PL, mas também do Progressistas. A permanência no futuro União Brasil, fruto da fusão entre o DEM e o PSL, não está descartada. Nos próximos dias, Barros vai conversar com o deputado Luciano Bivar e com o advogado Antônio Rueda, caciques do PSL. “Cerca de 25 deputados devem acompanhar o presidente na filiação ao PL. Eu já tinha convite do partido antes mesmo da decisão do Bolsonaro. Estou conversando com partidos que estarão na base do governo”, afirma Filipe Barros.

O deputado Luiz Philippe de Orleans e Bragança, do PSL de São Paulo, é considerado fora da lista dos parlamentares que irão ao PL. O representante do PSL paulista estuda convites do PSC e do PTB, do ex-deputado Roberto Jefferson. Loester Trutis, do Mato Grosso do Sul, deve mudar de sigla, mas ainda não definiu seu destino.

“Pretendo deixar o União Brasil, mas não me encaixo no PL por causa de disputas locais. Como o estado é pequeno, é preciso analisar o cenário para montar uma chapa competitiva”, afirma Trutis. “Mas seguirei o presidente na formação de uma coalizão”, acrescenta.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • A Coluna Exclusiva de Sergio Moro
  • Podcasts e Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Claudio Dantas, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A manada começar a dispersar cheia de graça. Os ratos são os primeiros a abandonar o navio que naufraga. No final querem manter as tetas pertinho de suas bocas famintas

  2. Espero que custe a reeleição a muitos deles. Será difícil extirpar de uma vez o bolsonarismo do congresso, mas esse imbróglio da filiação do Bolsonaro (com a bela banana que ele mandou pros seus eleitores e correligionários) deve ajudar a tirar muitos deles da próxima formação do congresso.

  3. O CARA VAI PARA O PARTIDO CUJO PRESIDENTE O MANDOU TOMAR NO C.....É....TUDO MUDA. O QUE NÃO SE FAZ PELO PODER. VENDE AS COISAS DOS OUTROS, ARREGA E MUITO MAIS.

  4. Eles correndo ou não atrás do partido do bronconéscio, temos que ficar de olho pra ver por onde essa malta transmissora da peste bubônica se espalhará, cercar os nomes, não votar neles e já fazer campanha contra!!! 👁👁👁👁 🐀🐀🐀🐀🐀 👀👀👀👀👀👀👀

  5. Essa raça não pensa nenhum pouco na população, em trabalhar em prol do povo, mas aonde tem maiores chances de se elegerem e continuarem a mamata, não valem nada!

  6. natural já que a esmagadora bancada do tal PSL teve Bolsonaro como escada .. prevejo que Moro solidifica a candidatura e pode ser a terceira via com adesão dos finados MDB . DEM. PSDB e outras múmias em extinção que tentarão sobreviver . Moro o novo já chegará velho MAS se for para livrar o país da quadrilha não há o que fazer como foi em 2018 e a história se repete na tragédia .. que Zeus tenha piedade do Brasil.

    1. Prezado Amaury, penso que o Moro, por estar comprometido até a tampa com a honestidade, vai poder mesmo captar boa parte do imaginário popular que vê nele esse ideal maximizado. Ele vai mesmo ter que abraçar alguns velhos capetas do DEM, do PSDB,... afinal, política tem sido a sucursal do inferno. Eleitores brigam entre si, iludidos pelos disfarçados lobos em pele de cordeiro. Esperança é que Moro não seja lobo nem cordeiro, e, sim, um bom gestor, correto e competente.

  7. Eu diria que sao bandidos de uma mesma quadrilha, na verdade sao estrategistas do da roubalheira, e todos que aderirem a este canalha, bandido da luz vermelha, roxa. preta e tudo quanto for trevas certamente pagarao o preco pois nao somos mais idiotas, ja levamos na cara tapas, cusparadas, catarradas e todo tipo de escarnio que so este tipo de politico sabe nos oferecer. Moro presidente, lavajato e prisao de politico ladrao descarado e ladrao em segunda instancia viu seu sinistro Beicola!

Mais notícias
Assine 50% off
TOPO