Ricardo Botelho/Brazil Photo Press/Folhapress

Delegados aprovam escolha de novo superintendente da PF no Rio

06.05.20 10:59

Delegados da Polícia Federal elogiaram a indicação de Tácio Muzzi para ser o novo superintendente da corporação no Rio de Janeiro. Muzzi, que não era um dos nomes defendidos pelo presidente Jair Bolsonaro para o cargo, foi escolhido pelo novo diretor-geral da PF, Rolando Alexandre de Souza.

“A indicação do dr. Tácio Muzzi é positiva, diante de todo seu histórico, inclusive no Rio”, afirmou a Crusoé a delegada Tania Prado, presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Federal do Estado de São Paulo e diretora regional da ADPF, a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal.

Nos bastidores, outros delegados da PF descrevem Tácio, que é mineiro, como “competente e honesto”. E lembram que ele trabalhou no Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional, o DRCI, e foi diretor do Departamento Penitenciário Nacional, o Depen.

Muzzi já ocupou o cargo de superintendente no Rio por um período e, antes, como delegado da área de combate à corrupção e lavagem de dinheiro, atuou em algumas fases da Lava Jato que miravam o grupo criminoso do ex-governador Sérgio Cabral.

A troca do comando na superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro foi um dos motivos que provocaram o pedido de demissão do ex-juiz Sergio Moro do Ministério da Justiça e das posteriores acusações de interferência do presidente da República na corporação.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

Só R$ 1,90* no primeiro mês

Edição nova toda Sexta-Feira. Leia com Exclusividade!

Assine a Crusoé

*depois, 11 x R$ 14,90

Mais notícias
Assine 7 dias grátis
TOPO